Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

INICIANDO A SOBRINHA

Esta noite me surpreendi com uma sobrinha que veio morar aqui em casa por causa dos estudos.

Estava fodendo a fogosa minha mulher, que adora gritar obsccenidades nessas horas,

quando escutamos um espirro na porta do quarto. Já estávamos prestes a gozar e não demos atenção. Mas depois minha esposa observou que minha

sobrinha estava bem crescidinha, aos 19 anos, e por sua vida regrada talvez ainda fosse virgem,

naturalmente com o calor do sexo em altíssimo grau. Resolvemos fazer brincadeiras na frente da sobrinha

afim de que ela pudesse ver um casal transar na frente dela, e na mesma noite do dia seguinte começamos.

Era um sábado e não saimos para algum bar, ou teatro, ou cinema, como de costume. Locamos uns filmes,

compramos algumas cervejas e passamos a noite em casa. A sobrinha ficou já pronta pra dormir e pôs

um baby dol (?) e fomos aos filmes e cervejas, eu estava sentado no sofá com minha esposa entre minhas

pernas e a sobrinha encostada no mesmo sofá, sentada no chão. Quando já estávamos meio altos com a bebida

minha esposa começou a alisar meu pau, com uma maestria q sá ela tem, fiquei logo de pau duro e permitia

q ela continuasse enquanto eu olhava para o biquinho do peito da sobrinha por tras do conjuntinho azul e eu

apertando delicadamente o grelinho da minha mulher q logo começou a se contorcer e me apertar com mais força.

Ela pediu licença pra nás dois, dizendo pra sobrinha ter cuidado em estar comigo, pq eu estava um perigo. A sobrinha

deu um sorrisinho sem graça e disse q não tinha o que temer, confiava no titio... minha esposa logo volta somente com

uma blusa minha de mangas compridas e sem nada em baixo, ficamos pasmos, mas eu já tinha ficado excitado o suficiente

pra gozar o restante da noite. Então ela se deitou no sofá e continuou a acariciar meu pau, com as unhas passando por minhas bolas...

aaaaaaai que delícia, não consegui conter, e soltei um gemido longo. Minha sobrinha nao se mexia, mas já estava com

as pernas encurvadas, as mãos abraçando uma perna-que depois descobrimos q ela estava se acariciando-

e os mamilos denunciando o tesão. aí minha mulher me pediu no ouvido pra eu tirar o short, então tirei prontamente e

joguei ao lado da sobrinha, q teve um tremor de excitação pelo que estaria para acontecer. Então minha esposa começou a me chupar

e parecia mais disposta do que de costume, eu começei a gemer e minha sobrinha nao saia do lugar. Foi aí que disse,

agora é minha vez, sua safada! não é cacete q vc quer, entao vem cá, senta aqui no meu lugar. ela sentou enquanto eu, de

joelhos, tirava a blusa... comecei a lamber a boceta dela, e fui aos poucos me aproximando da sobrinha.

encostei nela o meu caralho e comecei a alisar a barriga dela, ela não se conteve e agarrou em meu pau,

começou a punhetar... tudo estava melhor do que poderia ser. Aí minha mulher disse q se eu quisesse poderia dar mais

assistencia a minha sobrinha, foi aí q não pensei duas vezes, parti pra cima de minha sobrinha, levantei ela do chao,

e levei pra a nossa cama de casal... lá eu beijei o corpo dela todo, começando da nuca, descendo pelo pescoço,

pelos mamilos, pela barriga, em volta da virilha, lambi seu cusinho delicioso e cheiroso, ela gosou assim

que trisquei a lingua no grelinho dela q estava bem durinho e todo melado já. nisso minha mulher fechou a porta do quarto

e saiu, não quis participar...mas mesmo assim foi átimo, fiquei umas duas horas com minha sobrinha, ensinei ela a chupar

um cacete e até comi seu cusinho. foi quando minha mulher chegou e disse q agora seria sua vez de me dar, nossa quase não aguento,

mas me esforcei pra satisfazer as duas.

hoje eu posso dizer que tenho duas mulheres, e as duas dormem comigo. Minha sobrinha tem um namorado, mas raramente transam

pois ele é um zé ruela que não se preoculpa em satisfazer minha princesinha.

Estou esperando o dia em que minha mulher possa me ajudar a satisfazer a sobrinha fogosa, ela diz não gostar de lesbianismo...

se alguem tiver idéia de jogos ou análogos q possa incentivar, ficarei grato e relatarei com todo o carinho.



-PRA VC QUE LEU E TEM XOXOTA, UMA LAMBIDA NO ANEL DE SUA BUNDA E NO SEU GRELINHO! :)



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Me comeuursao tio roludo contocontos de rabudascontos erotico peguei carona na hora erradaConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zoorapazes peladoes se exercitando na academiabolinei minha cunhada por baicho da mesa videocontos amante travestitocou meu seio sem querer incesto contoeu sou de bauru sou casada e gosto de encoxadas nos onibus deserto conto heteroporn contos babesitter em casa familiavoyeur de esposa conto eroticoporno fode minha buceta vai étoda sua vaiahhhhcontos pornor cunhado picudocomtoscasadas dotadao .comdominando com sadismo conto. eroticocomi o marido de minha prima ma cama delatelemensagens momentos contos eróticos ele ela conto erotico japonesa casada e a reforma da casacontos erótico comi minha amiga qusndo fui estudarcomi minha tia conto realistacontos coroA estupradafui fudido no fliperama contos pornô contos pornos irmas na ponteporn contos eroticos casada rodizio de picaminha esposa safada de saia deixo o vizinho a funda a xoxota delacontos linguada homemCunhada dormindo com a bundinha descobertacontos eróticos leite incestopatricinha safadas se lambendocontos eróticos esposo.foi jogar futebolfui forcada a chupar papaicontos eroticos jingridmulher compra cachorro pra fudelacontos eróticos aquele cara  Minha vontade era de explodir de tesão quando ela me perguntou isso. Mas me controlei e falei só que sim, que pensava muito nela!! Aí foi meio automático, a gente já estava bem próxima mesmo. Ela se aproximou, eu me aproximei. Não sei bem quem tomou a iniciativa, mas o nosso primeiro beijo rolou ali mesmo. Foi maravilhoso. A lí  conto eróticos dei pra meu pai depois de casadacontos erotico eu minha esposa e meu primovídeo de mulher conto dar o cu ele micha de dorcontos eroticos meu grelo e grandeemcabeçando no cu bucetaContos porno minha namorada mi engañovai cunhadinha goza na minha bocacontos eroticos minha sogra mamou no meu pau e depoi choroulmeninas piranhas de calcinha fio dentalConto erotico mamae deixou papai come meu cu em quanto chupava elacontos adoro sentar no colo sem calcinhacontos eróticos engatada e arrastada pelo cachorrocontos eróticos evangelicascontos minha mae gravida de baby doll me chupandocontos eroticos virei putaMelhor amiga da minha mulher na minha rolaconto erotico estuprada de biquíniIrmas safadas relatos eroticos recentescontos eu durmo de saia sem calcinhaeu confesso so faltei esfregar a buceta nele e ele nao me comeuvoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos o dia que o pasteleiro mim comeueu tenho uma irmã muito gostosa eu tava me depilando e ela pediu para terminar depilaçãocontos mae segura filha para homem comer na marracontos eroticos faxineiracontos eroticos esposa praiahomen ten fetiche por mullher que corta seu cabelo na barbeariahistória verdadeira de sexo entre homens bi sexual no banheiro metrô trem ônibusContos eróticos de gay comi a bunda do meu tioconto arebentarao meu cu meumaridocondos erodicos con maesContos to gravida de um travesti meu marido arrumouvideo porno chegou no quarto e comeu a teia com os olhos vendadaMetendo na perereca da maninhatio vaqueiro conto gayconto filmaram minha esposacontos velha sogra da cuconto erotico incesto sonifero filhaGozei no pau do meu irmão dormindo contosmeu sogro me escravizou contos erotiços