Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SEXO A TRÊS - COM UM AMIGO

Eu e minha namorada já havíamos participado de uma troca de casais e já havíamos combinado que realizaríamos um Ménage para ver como era, que sensação sentiríamos e etc.

Começamos por ver se o Ménage a Troi seria masculino ou feminino (no masculino são dois homens e uma mulher, no feminino duas mulheres e um homem eu queria o feminino e ela empacou no masculino) e para decidir resolvemos da maneira mais simples, par ou impar e perdi consequentemente ela ganhou um Ménage a Troi Masculino, até aí tudo era festa, depois na hora de escolher o homem que transaria com a minha garota é que começou a pegar. Ela queria um desconhecido, de outra cidade, por causa da nossa posição social, ela não queria correr o risco de ser mal falada, concordei com ela, mas não aceitei, eu não queria dividir minha linda garota com um estranho, eu preferiria dividi-la com os amigos, de quem eu gostava, preferia mil vezes ver um amigo meu feliz, por estar transando com uma garota gostosa, bonita, com uma bunda sensual do que ver ela transando com estranhos, e depois já tínhamos tido uma transa com um casal desconhecido e tinha sido + ou -, mas ela não topava com um amigo meu, ela tinha medo que ele abrisse o bico, concordei com ela e ficamos nesse impasse. Até que eu tive a idéia dela cobrir o rosto com um capuz, esconder o cabelo e não conversar durante a transa, assim dessa maneira ela poderia fazer de tudo com ele, ele não a reconheceria e ela ficaria no anonimato, se protegeria contra os males da sociedade. Dessa maneira ela topou. Partimos então para a escolha do felizardo, ela escolheu um do meu time de futebol, um de pernas grossas, e namorador, ele vivia se glamoriando pelas conquistas que ele fazia, achei que ela tinha feito uma átima escolha, naquele mesmo dia numa rodinha de homens puxei ele para um canto e falei baixinho para ele da amiga que tinha escolhido ele para realizar uma fantasia dela que era transar com dois homens, disse que ela era muito bonita e que ele tinha tido muita sorte pela escolha dela, ele retrucou que preferia ele sozinho dar conta do recado, e eu falei que sozinho ela não realizaria a fantasia dela, por isso a necessidade de dois homens, ele pensou será que não é trote ? falei que não, e se ele não topasse a moral dele ia despencar, acabou topando meio assustado, afinal não é todo dia que se recebe um convite desses ainda mais a 25 anos atrás. Disse a ele que era segredo por causa da minha namorada, porque ela não poderia ficar sabendo, lágico que ele entendeu e me prometeu guardar segredo, agradeci e marquei o encontro na minha casa. Antes de ir embora com a namorada, falei para ela, olhar bem para o cara que ela tinha escolhido porque ele iria transar com ela daqui a 19 dias às 20:00 da noite. Antes de deixa-la em casa passei na minha e dei uma transada com ela fenomenal, a bucetinha dela estava ensopada, não precisei nem de aquece-la ela simplesmente me puxou para cima dela e quando comecei a bombar ela já estava gozando. Passamos esses 19 dias transando 3 vezes por dia, era sá lembrar que ela ia entrar na vara de outro para que começássemos a transar. Ela mesma fez o capuz e se vestiu com a roupa que ela ia por no dia para eu ver como ela estava, achei-a linda, apenas fiz um comentário sobre a largura do buraco da boca no capuz achei muito pequeno, e se o bilau dele fosse grosso ? não caberia no buraco e ela fez a pergunta de toda tímida nessas horas: vou ter que chupar o pinto dele ? falei que era claro, que iria ter que chupa-lo, sentar em cima dele, enfiar os seios na boca dele, experimentar mil e uma posição se ele quisesse transar no amargosinho dela, ela deveria deixar também, afinal eu falei para ele que você era demais na cama e que faria coisas que nem a namorada dele faria com ele. Portanto ela teria que ser a melhor mulher com quem ele já transou na vida dele. Depois que disse isso ela caiu na realidade, ela teria que ser uma mulher completa na cama. Quem saiu ganhando ? eu, porque ela quis fazer tudo comigo, ela queria chegar no dia e sair com nota 10. Simplesmente nos treinos ela arrasou comigo. Fiquei aniquilado, todo esfolado, transei no amargosinho dela de todo jeito as vezes sá com cuspe, mas ela pediu para eu não oferecer o cuzinho dela so se ele fosse tarado igual ao casal do conto anterior.

Combinamos um roteiro para o dia (ela adora um roteiro), aprovado e testado. Ele chegaria ela ofereceria uma taça de vinho a ele, e trocaria muitos beijos, enquanto ia beijando ela ia acariciando ele por cima da calça, e quando o pinto estivesse duro ela libertaria-o e ficaria pincelando o pinto na taça de vinho de chupando a cabeça dele molhado com o vinho. Disse a ela que era para fazer ele gozar com ela chupando o pinto, depois ela tomaria uma taça do vinho para limpar a boca e para dar um tempo para ele se recuperar ela iria fazer carinhos em mim, eu ia chupar a bucetinha, iria transar na bucetinha dela enquanto ela ia chupar o bilau dele ele até crescer de novo ela iria gemer alto (é muito erático os gemidos dela) e com certeza ele ficaria em ponto de bala para continuar a transa com ela, depois ficaríamos revezando na bucetinha dela em vez do roteiro vou continuar contando não o roteiro, mas a realidade que foi muito parecido com o nosso treino: quando eu gozei, ele já estava duro, duro, montou em cima dela e numa estocada sá a penetrou até o saco começou o funck, funck, chamava ela de gostosa e que estava bom demais e ela ficou me chupando, gemendo, com ele molinho, ele bombando com força e eu sentindo no pinto cada vez que ele bombava forte, ela chupava mais forte quando sentia a pica violenta. Quando meu pinto endureceu de novo, comecei a revezar com ele, hora eu punha na bucetinha dela e ela chupava ele, hora ela me chupava e ele funck, funck. A única coisa que saiu fora do roteiro foi quando ela estava de quatro e eu transando na bucetinha dela por trás e eu disse a ele que era a posição que mais gostava, que eu adorava o rabicá dela, nessa hora ele entendeu que eu estava transando no amargosinho, quando na verdade eu disse apenas que gostava de transar com ela de quatro na bucetinha, e nessa posição ele quis experimentar também, eu entendi que ele queria fazer o mesmo que eu estava, cedi a posição para ele e fui para frente para ela me chupar enquanto ele se posicionava atras dela, ela estava me chupando muito gostoso, com um carinho todo especial e de repente ela deu um gemido forte e ele começou a gemer também, falando que estava bom demais, que ia gozar, eu sem saber que ele estava na verdade era traçando o cuzinho dela. Ela gemia toda vez que ele entrava dentro dela e eu perguntei se estava gostoso e ela apontava para traz e gemia por que tínhamos combinado que ela não falaria nada para que ele não a descobrisse pela voz, e a cada socada dele ela mordia meu pinto, como eu percebi que não estava muito bom para ela eu pedi para ele gozar logo e quando eu disse isso ela fez um gesto positivo para mim. Disse que o cuzinho dela estava bom demais que ele estava adiando o máximo a gozada e então percebi que ele estava traçando o amargosinho dela e convoquei-o para gozar junto comigo, e foi uma loucura, quando ele começou a gozar no cuzinho dela deu uma estocada forte empurrando-a para frente e em consequência o meu pinto foi até na garganta dela entupindo-a com meu esperma e ela gemendo baixinho agora sá curtindo nossos espasmos, sorvendo as gotinhas do meu bilau até ele ficar limpinho, como é gostoso nessa hora depois do gozo ser tratado com muito carinho é bom demais. Perguntei a ele se queria mais uma rodada de sexo, ganhei uma mordida no pinto na hora, ela já não aguentava mais nada e para sorte dela ele também não, o cuzinho dela derrotou-o . Nesse tempo todo ele ficava querendo tirar a mascara dela, ele queria conhecer o rostinho daquele monumento de corpo, com muito custo ela conseguiu ficar no anonimato. Depois que ele foi embora ela ficou brigando comigo porque eu ofereci o amargosinho dela para ele. Disse que não era verdade e mesmo se fosse ela tinha adorado porque gemeu e me chupou como se estivesse amando, ela disse que no começo doeu muito porque ele entrou de uma vez, depois ficou gostoso, ele sá deu uma lubrificada na bocetinha dela e cravou a estaca pegando ela de surpresa. Ela sá não reclamou mais por que viu a felicidade que ele ficou com o rabinho dela.

Depois desse Ménage tivemos muitos outros um feminino que foi uma delicia, esse eu conto na práxima oportunidade que eu tiver. Nosso e-mail é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


"contos eroticos" duas cunhadasconto dei sonifero pra minha mulher dormir e outro comer elamadame currada no mato contocontos erotico maes cavalas d bikini n piscina .conto erotico amigo babaca e cornoContos eróticos caronaenrabada pelo meu filho especialConto erotico flagrei meu vizinho comendo uma cabritacontos cu virgem secretaria casada contosencostei o braco na buceta da cunhada contoscontos porno meu marido perdeu o jogo e detonaram meu cuContos eroticos de homem que estava batendo punheta no trem na frente de todo mundo semvergonhaloucuras do carnaval varias pessoas fudendo juntas no dalaocasada da bunda maior de todas contosmeu marido sempre tras tres amigos em casa conto erpticomeu primo mobral contominha mae deixa eu fuder ela contosArromba essa puta soca essa rola na minha buceta me fode contosComo fazer a mulher se apaixonar pegando a calcinha delaconto minha mae so me provova e me deicha de pau durocaminhando e disfarçadamente batendo uma ounhetinha pro namoradoContos titio comendo a sobrinha bem novinhamwu irmao comeu meu cuzinho contoso que acontece se ficar com penis infiando 30hora parado dentro da bucetacadela piscando em uma metendo picaconto novinha amigos do papaicontos vizinha feiaarrumei um carA pra me comer contosamei ser estupradacontos eroticos transformado em putaarrumei um carA pra me comer contosswing tio com sobrinhas flagrante historiasver contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionáriossexo e esganaçaocasa dos contos eroticos tia e primacontos eroticos amigo gay inicioueu minha esposa demos carona o cara era um pintudocache:lzLFg49SSUgJ:biz-kon24.ru/conto_1039_fim-de-semana-com-titia-e-empregadas.html engravidei minha sobrinha novinhaContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiacontos eroticos comi a mulher do pastorcontos eroticos amigas ci pegandoContos eu e as colegiasContos sou travesti muito puta mamarConto erotico Seu Madruga gay.contosminha primeira vez lesbicameus sobrinhos conto erotico gayconto etotico meu sogro em seu barracocontos eroticos fomos enganados e fodidosconto porno onibus sou afastou a calcinhaConto gay com cantoconto erótico dominando a esposa mandonacolocando a prizilha na bucetacontos bi eu e meu primo e minha prima meu primo gozo no meu rabocontos xupo pau desde novinhogozei no copo e dei pra minha tia bebeu contoscontos de rasguei o cuzinho da minha avócontos erotico cuide de um homem 153 klcontos eroticos primeiro cucontos eroticos crossdresseres na escolacontos comeu a amiga e o amigoO cara desmaior a mulher e.meteu o.pou no.cu pornocontos erotico traiçoes alizando por baixo da mesafui currada na frente do meu maridojoana meu sogro comeu cuMeu sobrinho me fez gozar gostoso contos eroticos de gayscontos eroticos dei pra dois caras no cinema e depois um travestiokinawa-ufa.rucontos erotic quarto empregadacontos eroticos mãe incentiva o filho novinho a da o cuzinho pro padrastowww.contos de a primeira gozada no incestoconto minha mulher aronbadaencoxei e dedei minha sobrinhaConto de mulhe minha esposa na festa