Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O MELHOR CONTO DE INCESTO E ORGIA 13

O melhor conto de incesto e orgia 13



Pela manhã, minha sogra já tinha ido embora e estávamos eu, minha esposa, minha irmã, minha mãe, meu irmão e meu pai indo para o Guarujá. Ao meio dia estávamos em um churrasco promovido pelo pai do noivo para conhecer a nossa família, fui conversar com minha prima. Ela era deslumbrante: ruiva dos olhos castanhos e narizinho empinado. Quando éramos pequenos brincávamos de médico, casinha e tudo mais, eu aprendi a beijar com ela e ela comigo. Ela me chamou ao canto e disse: “Nossa priminha do interior contou o que houve entre vocês no banheiro”. “Eu não acredito, ninguém nesta família sabe guardar segredo?” e chegando a boca práximo ao meu ouvido sussurrou: “Eu quero também, para comemorar minha despedida de solteira.” E me largou lá no canto perdido em meus pensamentos: espera um pouco, o que o meu mundo se tornou, realmente as mulheres estão sentindo muita atração por mim, o que seria? Fui para perto da tia Ana, irmã do meu pai, e minha mãe que combinavam o que poderiam fazer no chá de panela, então me perguntaram se eu ainda conhecia os caras do Clube das Mulheres. Eu morei a minha infância ali no Guarujá e muitos dos meus colegas quando cresceram montaram um Clube das mulheres. Estes colegas, como eu havia comentado, iam fazer trabalho de escola na minha casa para ficar olhando a bunda da minha mãe. Depois de alguns telefonemas e negociações, estavam contratados para uma apresentação na casa da minha tia. Enquanto isso, o pai do noivo queria fazer uma festa de solteiro, porém não teria Striptease, apenas encheriam a cara e jogariam bilhar. Além de não conhecer o noivo, eu não estava a fim de fingir ser simpático em uma festa sem graça. Eu teria que dar um jeito de ir ao Chá de panela. Liguei novamente para os meus amigos e pedi que levassem mais uma fantasia para mim, entretanto teria que ser mascarado. A noite fiz um pequeno teatro alegando que estava com mau estar e escapei do bilhar, os homens da família foram. Então corri para a casa da minha tia onde meus amigos Marcos e Milton já me esperavam para entregar a fantasia, era a do Mascara, o personagem do filme do Jim Carrey, ela era boa que tampava tudo até os meus cabelos. Entramos na casa onde as mulheres estavam bêbadas, ligamos o som e todas gritavam e tentavam pegar nas nossas bundas. Começamos o striptease e logo estávamos de cueca. Tiramos as cuecas e ficamos nus, esta parte eu não sabia que existia, mas continuava de mascara, então o meu amigo pega um Spray de chantilly e passa no pau. O que ele iria fazer? E dá pra noiva lamber. Ela totalmente bêbada, lambe e da risada com a boca suja de chantilly. E assim continua adiante, Marcos coloca o pau com chantilly na frente da minha mãe que o engole sem cerimônia, o cara tinha realizado seu sonho de infância. Rapidamente coloquei no meu pau também e ofereci para tia Ana, que o chupou umas duas vezes, fui para a futura sogra da minha prima e a velha chupou como se fosse mamadeira. Meu amigo Milton já estava com a pica toda limpa por causa da minha esposa enquanto Marcos estava sendo lambido pela minha irmã. Um minuto depois, Milton, desta vez, estava esfregando o pau nos seios da mãe do noivo, Marcos deu um beijo na boca da minha irmã e eu estava com o pau todo enfiado na boca da minha mãe que brincava com a língua no meu membro ereto. Este troca-troca durou algum tempo e fomos embora. E Marcos me fala: “Cara, você deu o pau pra sua mãe chupar, que loucura, e que linguinha maravilhosa”. Que canalha. Então eu falei: “Você já tentou seduzir a sua mãe? Ela era uma puta, dava pro nosso professor de histária, pode ter certeza que ela esta louca para foder e você também Milton, sua mãe dava para aquele moleque que fazia entregas pro açougue, lembra? Todos da rua sabiam. Agora tente come-la. Vocês não vão se arrepender”. Os dois saíram com uma pulga atrás da orelha.

No domingo pela manhã, estávamos prontos para ir a igreja, eu iria dirigir o carro e aguardava a minha prima que não terminava de se arrumar. Todos estavam na igreja, foi quando a minha tia Ana, mãe da noiva, me mandou subir até o quarto da Sara no segundo andar e ela ficou junto ao carro. Ao abrir a porta do quarto vi minha prima vestida de noiva, ela esta linda, seus olhos brilhavam, seu vestido desenhando aquela cinturinha fina era de se apaixonar. Então ela diz: “Esta é minha ultima chance”. E me deu um beijo na boca. Que retribui gentilmente, era um beijo apaixonado, não de tarada ou safada, mas de uma princesa. Ela se abaixa na minha frente, abre o meu zíper e segura o meu pau com aquelas luvinhas brancas, ela então começa a me chupar e seus olhos ficavam olhando para os meus. As vezes ela dava um sorrisinho, mas colocava meu pau de volta a sua boca. Então minha tia gritou: “Vamos logo, filha”. Ela foi até a janela, afastou o enorme véu que o vestido possuía, levantou a saia e pude ver uma cinta-liga branca sem calcinha, enfiei meu pau lentamente na sua bucetinha, ela se debruçou na janela, colocou a cabeça pra fora e disse para a mãe: “Calma mãe, sá falta uma coisinha, o noivo não vai fugir.” E eu continuava a penetra-la por trás. Ela se virou e disse para mim baixinho: “Cuidado para não amassar o vestido” Ela fechou os olhos e: “hmmm...que delícia” tinha gozado, porém eu ainda não. Ela se ajoelhou na minha frente, engoliu o meu pau novamente e bateu uma punheta que acabei gozando na sua boca.Então, Sara se levantou, arrumou o vestido, limpou um pouco de porra que escorria nos lados dos lábios e disse: “Vamos?”... Dei um ultimo beijo...continua...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


fotos e videos de mulheres tomando banho etrocando de roupascontos menage inesperadogeovana tira a calcinha e da a bucetacontos eroticos minha esposa e os amigos do condomíniocontos eroticos travesti me roubouContos eroticos humilhado seiosgrandona melada contosbuceta esticada aberta gozandomeu amigo me pediu para fazer sexo anal com ele gay contoconto porno meus filhos mi secava levei eles na praiamenino malcriado contos eroticocontos cunhada crentejovem mostrando os pelinhis fino ds bucetaxvidio amaciando a esposaporrnodoido com anadei minha bucetao mestruada e ingravidei contoscontos eróticos comi minha sobrinha de saia sem calcinhapai q come filha no sitiocontosninfeta beijando peitoral de travestipincelar no cusou uma mulher crente mas quero picauma médica v**** chupando pinguelo da pacienteContos porno de irma que traem com grandecontos eroticos tia brincandocontos vazando porramamando a rola quente do meu padrastoContos eroticosmenina de dez anos fazendo sexomeu avo aquele tarado comeu eu e amigas no riachoContos 4e porno na familia da casa maeConto de putinha para os tarados da cidadeconto erótico sequestro relampagomulher fica no ralarala com homen e fica com aa cacinha molhadaMinha namorada ela mandou minha cunhada abri bem suas pernas ela disse pra eu tirar o cabaço da buceta da minha cunhada conto eroticoconto erotico meu pai me fudeuContos eroticos iniciando as meninaspeguei a vizinha de surpresa de calcinha e sutiã contosfui arrombado contos gayscontos eroticos de advogadas coroaso garoto tava de pau duro contos eróticoscolo do velho. contofui dormir na casa da tia e comeu o Helenacontos eroticos peguei minha cunhada dormindocontos de sexo chupadasNegras malhadinhas com muinta vantade de dar a bucetacontos eroticos fodendo minha cunhada novinhacontos filha pequenacontos eróticos da secretária cadela de coleira do patrãocontos eroticos putas brancas pretos piçudoscontos eroticos de empresarias no hotelContos eróticos comendo uma travestir lindacontos papai encoxou sem querer na minha bundaBebada me bulinaram contos eroticoscontoseroticoscdzinhasmamilo gigante vazando contoafeminados de praia grande contatoscontos gay com estupro por guarda vidascontos eroticos com fetiches absurdosContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposamax prime realizando fantasia. casadascontos eroticos putas brancas pretos piçudoscomo tira pedra da teta sem para de tanto se matusbarpeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha exEscravizando a casada contosminha ex namorada tonta dando pra outro contosconto viúva fogosacontos erotico chantageada pelo meu padraofui comida feito puta e chingada de vadiameterola com menor idadecontos eroticos dando cu pro filhocontos eróticos é hoje que vou te fuder todaContos eróticos brincando de esconde esconde com o inocenteeu conto cunhada casada ver o cunhado de pau duro e fica loucagostosa de olho bendada e trançadafui chantagiada pelo meu amigo de trabalhoTava na sala com meu amigo ai minha mulher aparece só de calcinha e pede pra nos dois comer ela casa dos contos eroticoscontos eroticos estuprada