Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUI CORNO DEPOIS DE ME SEPARAR

Bom, antes de mais nada quero me apresentar. Tenho 49 anos, sou grande: tenho 1,88m e 95 kg. Sou bem forte, com pouca gordura. Sou de pernambuco mas moro em SP desde que tinha 19 anos. Sou comerciante: tenho 3 lojas de celular em shhoppings, uma fazenda e duas lojas de roupa. Tenho 1 filho de 25 anos e acabei de me separar. Sempre gostei de putaria. E isso causou minha separação. o que eu não sabia é que um dia ia levar chifre. E numa histária tão esquisita. Minha ex-mulher é bem bonita. Ela tem 43 anos, nunca trabalhou. Sempre foi a academia, mas eu deixava ela com rédea curta. Acontece que na separação ela se deu mal. Os meus bens não estavam em meu nome. Ela ficou com nosso apartamento de cobertura em Moema e com os carros. Mas nada de jojas nem a fazenda. Por isso ela entrou na justiça. E estávamos num briga enorme. A juíza já tinha determinado que eu tinha que pagar todas as despesas do apartamento, da educação do meu filho e dar mais 20 mil por m~es pra ela. Tudo por conta do nosso padrão de vida. E mandou investigar as lojas. Fiuqei preocupado com o que iam descobrir, já que imposto não pago direito mesmo. Na semana passada ela me procurou, dizendo que poderíamos fazer um acordo. Encontrei com ela no shopping Ibirapuera. Tava num vestidinho preto bem curto. Fiquei de pau duro. Implorei pra ela pra voltarmos a ficar casados e ela disse que tava cansada de tudo aquilo. e que ela ia aproveitar a vida. Disse que tinha contratado um detetive pra procurar as coisas das lojas e da fazenda e mostrou pra mim um monte de documentos. Disse que tinha como provar que tudo aquilo era dela tb e que eu era um sonegador. Que ela ia ficar com tudo e ia me denunciar pra policia federal. Falei pra ela se acalmar, que assim nás dois íamos nos prejudicar. Ela falou que tinha um acordo. Mas que eu tinha apenas um minutom pra pensar. Que se não aceitasse ia sair dali pro forum com um segurança e me mostrou um sujeito sentado na mesa ao lado que nos encarava. Falei pra ela se acalmar, mas que acordo tinha que pensar e mostrar pro meu advogado. Ela então falou que nem ia fazer proposta, porque a proposta não tinha nada com advogado. Mandei ela falar tudo.

Ela contou que logo que nos separamos mudou de academia. Queria ir num lugar que ninguém soubesse o que eu aprontava. E que nessa academia tinha um professor lindo e gostoso. Eu não tava gostando, mas querendo parecer moderno, falei pra ela que ela era livre. Ela disse que sabia disso. Mas o problema é que o tal professor sá comia mulher casda. E ela disse pro cara que era casada e que eu era um cara liberal. Quase bati nela na hora. Liberal porra nenhuma. Com minha ulher ninguém boli e fica vivo. Ela continuou dizendo que hoje era o dia em que o tal professor ia no nosso apartamento pra comê-la e eu tinha que estar lá pra recebê-lo. Falei pra ela que nem fudendo. Que ela que arrumasse outro homem pra se passar por seu marido. Ela falou que não dava, que já tinha mostrado foto do 'corno' dela. Levantei da cadeira e ia ncher ela de porrada, qdo o segurança dela mostrou que estava armado. Ela mandou eu me sentar e perguntou se queria ir pra cadeia ou ajudá-la a ser feliz. Que raiva. Que ádio. Acontece é que eu devo. Não pago impostos. Até mercadoria roubada eu tenho comprado. Não podia correr o risco de injvestigarem minhas lojas. Falei pra ela irmos e pronto. No caminho fomos calados e eu tentava me convencer que eu não ia ser corneado. Já não eramos mais casados. Subi no apartamento e logo depois a carinha apareceu. Ficou me alugando. Pediu cerveja, disse que tinha deixado minha mulher mais gostosa e tudo. Não via a hora de ir embora. De repente a minha mulher cehgou na sala. Tava maravilhosa. Tava de lingerie e com uma pegnoiar por cima. Fiquei de pau duro. Ela sentou no colo do cara e deu uns beijos nele. Depois chamou o cara pro quarto. E falou pra mim que era pra eu esperar eles terminarem. Que raiva. dava vontade de encher os dois de porrada. O carinha virou pra mim e falou: espera uns 19 minutos pra ir lá ssistir. Eu falei que não queria ir ver, não. Eles foram pro quarto e eu não conseguia me acalmar. E tava de pau duro. Fui pro corredor e comecei a ouvir os dois gemerem. A portava tava aberta. Não aguentei e fui olhar. Aquela cena me deixou louco. Minha mulher tava em cima do cara, com o pau dele dentro da buceta dela. E ela subia nele e gritava que era sua puta. Meu pau quase explodiu de tanto tesão. Que delícia. Eles me viram e o cara falou: sá olha. Eu comecei a mexer no meu pau. De repente o cara gosou. Encheu ela de pora. Tava sem camisinha. Ela gosou junto. Gritava como uma louca. Eu quase gosei. Ela saiu de cima dele e deitou do lado. Eu vi sua buceta bem arrombada, melada cheia de porra.Eu tava louco de vontade de cair de boca. Os dois juntos falaram: vem chupar. Eu não aguentei e cai de boca. Que buceta maravilhosa. Enfie a lingua chupei como um doido. Levantei tirando o pau pra fora pra meter, qdo os dois me afastaram. Corno não mete agora. A putaria entre os dois continou, com ela chupando o pau do cara e o cara comendo o rabo da minha esposa. rabo que ela deu pra mim sá duas vezes. E eu ali vendo. Não aguentei e gosei. Nisso o cara gosou de novo na boca dela. E ela veio me beijar. Eu deixei. Eu queria.Ele meteu mais um bom tempo, gosou no rabo na buceta. na boca, no corpo, em tudo. Qdo ele acabou, falou pra ela ir tomar um banho, que eu ia dar banho nela. Fomos pro banheiro, ele se punhetando e eu ajoelhado chupando minha ex-mulher. Eu me punhetava enquano chupava aquela buceta arrombada. Dei banho nela e ele ainda mandou eu bater pra ele. Fui lá e peguei naquela tora imensa. Quase pedi pro cara me comer, de tão doido que e tava. Ele se banho se arrumou e foi embora. Aí ela me chamou pra cama: agora vc pode meter. Nossa, que foda que foi. Como eu metia. A buceta dela tava toda larga. E ela me chamava de corno. E falava que me chifrava faz tempo. E eu ficava mais excitado. Qdo tudo acabou eu tava destruído, Cansado. Ela falou que ia assinar o acordo e tudo ia ficar bem. Eu agradeci. Na porta do ap ela perguntou: quer repetir isso aqui. Não caredito até agora o que respondi. Eu fiquei de novo de pau duro e falei que queria repetir sim. Hoje é o dia do bis. Mas ela já arrumou outro cara. E me falou que tá afim de dar pra dois ao mesmo etmpo, enquanto eu olho.

Eu não sabia que um dia ia gostar de levar chifre

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto eróticos duas lésbicas me estruparaoconto eroticogay flagrado comendo cavalocontos eroticos de vendedor velho gordo seduzindo a meninaconto eroticos cheguei em casa com o cu cheio de porrae arrombadomeu pai meteu conto gayContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos teem dei o cuquero ver um vídeo de graça de graça rouba pica bem grossa dentro da b***** entrando bem devagarzinho b************bofe escandalo na punhetaContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cucontos eroticos com cachoroscontos erotico escondi debaicho da cama fraguei minha esposatereza okinawa pornoconto erótico gay taxista manausminha tia perguntou se eu tava de pau duro - contos eroticosCunhada olhando o volume do cunhadotravestiszoofiliafotoscontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi elámorena de seios gigantes e cintura fina fundendo com um homemcantos eroticos muitapica no meu cuhomes esfregando nas mulhres no honibusesposa deu o cu no camping contossou casada loba contosenfiaram uma bucha no cu do estupradorconto erotico meu primo me comeu na maldadepai me comeconto erotico amigo babaca e cornoContos eroticos sou uma coroa anal fortecutuquei a buceta da mamae contosgay surra chinelo putinhaconto erótico esposa foi parar no hospital com a buceta sangrandodando o cu contoscontos eróticos de comi a chata da clasecontos minha sogra safada chupando meu pau escondido do meu sogro e dando o cuconto irma dormindoConto podolatria gay o chulé do loiroconto trocando as filhascontos erotico fui fudida por 2 rola imensacontos eroticos minha sogra mamou no meu pau e depoi choroulfamily sex 2 - contos eroticosa medica que gostava de zoofilia_contoscontos de engates gays maduroscasado chupa travesti contoCasa dos Contos Eróticos humilhando a sograhome dar cu usano calcianhaRenato shortinho coladinho fazendo na rolacontos de estupro nao resiste minha enteadacontos eroticos troquei marido pela vizinhacontos de penis que custou para entrar na buceta da loiracontos de travecos comedoresWww.garotinhasafada.comcontos de maefiz meu marido de meu corno e meu cumpliceestava carente contos eróticosLoira de itanhaem mostrando os peitosdando pro namorado da mae contos eroticosgaydona Florinda abrindo pernas mostrando calcinha porncontos eroticos a novinha jogando sinuca no bar de sainha com os paisporrnodoido interacialcontos eroticos primos relatado por mulheresComtos eroticos dei pro tio jorge com pau minusculocontos eroticos depois da briga é mais gostosocontos eroticos meu amigo veio fazer trabalho e acabo me comemdoParaíba putinhovou rasgar sua boceta vagabundaContos eróticos metendo debaixo da cobertaminha enteada tem doze anos mas tem um bumbum muito impinadinha gostosinhaContos eróticos minha tia me chupouchantagiei minha filha casada conto eroticocontos eroticos dei pro irmao da igrejacontos eróticos de mulher encarando um pau gigante e não aguentaflogdosexo.compauloelizabethas meninas brincaram com meu pau contosFui enrabada bem gostoso na festaconto erótico gay pai e filhinho sonolentoContos erotico zooo japonezacontos eroticoso titia chupa sobrinhairmã irmão estudando lá no exterior não tinha feito ela com tesão ele com tesão meteu a rola nela bem gostosomulher massagista escorregar o dedo na xota da clienteconto erótico esposa foi parar no hospital com a buceta sangrandoEDNA safada de são paulo mae e filha de fio dental na praia e do padrasto contoemplorando pra ganha leite eroticos contosconto os peitos bicudos de maecontos amiga xoxotudacontos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadoscontos gay comendo o amigo rabudo em casa