Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA FANTASIA, COMO TUDO ACONTECEU

Vou utilizar um nome fictício para não ser reconhecida, meu nome é Mona tenho 29 anos, sou loirinha, tenho olhos verdes, seios médio, pernas grossas, bumbum grande, cintura fina,..., afinal me considero um mulherão. Sou casada, quer dizer bem casada, com um gato que sempre me deixa super excitada com suas fantasias. Bom vamos ao que interessa. Meu marido, mais ou menos a 3 anos, começou a entrar em sites de contos eráticos, gostava de ler os contos que falavam de casais com amiguinhas. Eu no começo não gostava, porque achava que ele queria era comer outras bundinhas. Mas não ficava pegando no seu pé, porque nás somos muito sinceros um com o outro. Certa vez ele começou a contar as historinhas que ele lia na net, para mim. Eu fiquei ouvindo meio desconfiada, pensando que ele estava doido para comer mesmo outra bundinha, mas, não falei nada sá fiquei ouvido. O engraçado que mesmo eu não gostando muito, percebi minha bucetinha molhadinha. Nossa achei super estranho!!! Nessa hora, subiu um calor enorme em mim, uma vontade de fazer amor, imensa! Não deu em outra! Começamos a transar bem gostoso. E de repente meu deu maior vontade de ouvir as historinhas que ele lia na net. Comecei a perguntar para ele toda melosa, como era essas historinhas, e ele começou a me contar bem gostoso o que lia. Nossa eu fiquei louca nesse dia e gozei muitooooo. Depois desse dia quase todas às vezes ele contava histárias. E eu! Nossa achava muito gostoso! Até que um dia, quando estávamos fazendo amor, e eu dando minha bundinha de costa para ele, e ele comendo bem devagarzinho, me falou que tinha vontade de realizar uma fantasia. Sair nás dois e mais uma garota. Na hora eu gelei e pensei, filho da mãe ele quer mesmo é comer outra bundinha, mas continuei sá ouvido. Ai veio a minha surpresa! Ele queria era ver uma gatinha me chupando bem gostoso, até eu gozar na boca dela, enquanto comia minha bundinha. Nossa eu fiquei surpresa. Na mesma hora ele parou de meter e foi lá embaixo chupar minha xoxota. Eu fiquei louca e comecei a imaginar uma boquinha feminina me chupando. Gozei tão forte que ele deve ter percebido que eu estava imaginando uma gatinha. Terminado aquele sexo louco, eu perguntei se aquilo era verdade, ele me disse, sorrindo: -Não era sá para você gozar gostoso. Depois desse dia toda vez fazíamos a mesma coisa, e minha vontade sá ia crescendo, até que um dia eu falei para ele que queria realizar essa fantasia maluca, mas com uma condição, ele sá poderia fazer sexo oral nela. Nesse momento eu vi os olhos do safado brilhando de felicidade.

Para resumir, depois de uns 4 meses conhecemos uma gatinha no sites de relacionamentos. Marcamos de nos encontrar em um barzinho, conversamos um pouco e fomos para um motel. Chegamos lá, nás colocamos o carro na garagem, e subimos para o quarto. Eu estava um pouco nervosa, um pouco com medo, mas mesmo assim tentei relaxar. Lá em cima o safado pegou um lenço e vendou meus olhos. Ah, estava quase esquecendo de falar como era a garota. Ela realmente era muito bonita, tinha um corpo bem parecido com o meu sá que em proporções menores, tinha uma bundinha pequena, mas bem redondinha, as pernas bem douradinhas, como os homens dizem: “Muito gostosa”, e o que me chamou a atenção nela foram os seus lindos seios fartos. Continuando, eu estava vendada em pé de vestidinho tomará que caia. Meu maridinho veio pela frente me beijando e ela por trás me acariciando. Nossa que sensação estranha, eu tinha calafrios, ela passava a mão no meu pescoço, dando leves beijinhos, eu delirando. O meu marido na parava de me beijar. E ela tão suave, tão carinhosa, começou a passar a mão na minha cintura, me abraçar, subindo levemente a mão e tocando os meus seios, por cima do vestido. Nesse momento eu comecei a empinar levemente minha bundinha para trás, e parei de beijar o meu maridão. Empurrei-o delicadamente, o afastando. Coitado, nessa hora ele deve ter feito cara de bebe chorão, pena que eu não vi porque ainda estava vendada. Carol como vou chamá-la começou a abaixar meu vestido levemente, expondo os meus petinhos, me deixando sá de calcinha pequenininha. Ela era demais, estava me deixando mais excitada que o meu marinho, rsrs. Começou a passar mão nos meus seios o acariciando por inteiro. Que delicia, como era gostoossooo. E eu ficava bem quietinha sá curtindo e delirando. Minha xoxota latejava de tão gostoso. Nessa hora eu nem sabia onde estava meu marido. Depois ele me disse que estava sentado assistindo, batendo uma punheta de leve. Continuando, a Carol começou a passar a mão nos meus seios me colocando contra a parede, igual a policia faz para revistar os outros. E me puxou pelo quadril parecendo que iria me comer. Senti que ela estava se afastando, sentir alguém sugando os meus petinhos, que ficaram levemente penduradinho, sem encostar em mim, não sei como conseguiu. Nessa na hora, eu dei até um pulinho de susto, pensei que fosse o safado do meu marido, mas a boca que estava no meu peitinho era muito delicada e pequena. Nossa! Sá podia ser ela. Sugava tão gostoso, tão leve que eu soltei até uns gemidinhos de tesão. Nesse momento eu sentir uma mão passando na minha bunda e beijando todo o meu rabinho, sá podia ser meu maridinho. Carol largou o meu peitinho e começou a descer para minha barriguinha até chegar nas minhas coxas. Enquanto meu marido ficava brincando com o meu rabinho, e tirava minha calcinha. Fiquei toda peladinha com a xoxota de fora. Nessa hora percebi que ela tentava me chupar, mas não conseguiu por causa da posição. Mas meu marido não perdeu tempo, deu varias lambidinhas no meu reguinho. Mas por pouco tempo, por que ela me tirou daquela posição contra a parede e me colocou de joelhos no chão, ainda fendada, e mandou eu ficar com as mãos para trás. Me chamou de safada, de gostosa e que iria fazer eu ficar louquinha. Ela segurou minha cabeça e disse: - Deixa eu segura o pau do seu maridão para você chupar bem gostoso. Enquanto eu mamava, ela falava: Nossa! Que delicia! To ficando com vontade também. Nisso, ela tirou minha cabeça e abocanhou aquele pinto que era sá meu. Eu sá ouvi o barulho da boca dela e dele gemendo, e eu do lado. Quando eu ia reclamar, ela colocou eu para chupar de novo. Nossa! Ela era muito safadinha! Eu estava ficando doida. Ficamos um tempinho assim, revezando. Teve uma hora, quando eu estava esperando a minha vez de chupar, percebi que ela tirou a mão da minha cabeça e meu marido me puxou pelo pescoço para continuar aquela chupada. Mas tive uma surpresa, quando fui abocanhar aquele pau, senti uma coisa pequeninha e durinha na minha boca. O safado me colocou para mamar os biquinhos do peito dela. Nesse momento não me contive e comecei a bater uma siririca de tanto prazer que eu sentir. Achei maravilhoso ouvir-la gemer e falando para mamar bem gostoso. Era a primeira vez que eu estava chupando um peito depois de grande. Rsrsrs. Ele pegou e retirou a venda dos meus olhos. E ai pude ver que ela estava peladinha e tinha os peitos bem maiores que o meus e as aureolas bem rosinha. Achei lindo, e mamei igual uma bezerra, eu e o meu marido. O legal que cada um ficava em um peito e quando parávamos começávamos a nos beijar. Que delicia! Sá de lembrar me dá tesão! Nás saímos do chão onde estávamos ajoelhados e fomos para cama. Fiquei deitada com a barriga para cima, enquanto os dois vieram me escalando, beijando as minhas pernas até chegar na minha xoxota. Que loucura! Os dois começaram a me lamber, passar a língua no meu grelo. Parecia uma disputa de que me fazia gemer mais. Nessa fez eu não aguentei e acabei gozando na boca dos dois. Quando eu gozei, o safado aproveitou e foi atrás da Carol e começou a chupar ela de costa. Que segurou a minha perna e sem perceber me gravou as unhas, ela nem conseguia me chupar direito. Ficou sá empinando a bundinha e gritando de tanto prazer. Não demorou muito ela também gozou, e muito forte. Para minha sorte! Porque já estava machucando as minhas pernas. Rsrss. Depois que passou um pouco a tempestade de gozos o safado colocou nos duas para chupar e gozou no nosso peito. Levantamos e fomos tomar banho. Depois eu conto a continuação em outro conto...

Procuramos mulheres bonitas, educadas, carinhosas que queiram participar de nossas fantasias, interessadas entrar em contato por email: [email protected], sá serão respondidos email com fotos. Bjs e até mais.









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


amigo sex diplomata contominha cunhada abre as pernas e me mostra a calcinhacontó erótico sendo estrupada por pau grande com dorconto erotico meu tio minha bundinhacomi o cu da vizinha cavala contocontos de coroa com novinhoContos eroticos fudendo a passageiraTravesti fode duas coroas safadas na idade de 55 anosOferecia dinheiro em troca de sexo com a cunhada (contos eróticos )mulhe chupa caserte do jegueconto erotico a filha curiosacontos eróticos de bebados e drogados gayscomi minha filhinha contos eroticoscoroa louraca enxuta bocetao inchada inchadaminha mae me fez gozar gostoso contoscomendo agostoza da irpregada iu marido ligandoContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornoconto travesti me enganoumorena bronzeada na locadora pornôcontos minha irmãzinha tinha mania de sentar no meu colominha mulher para transar logo Ricardo que eu quero vercontos eroticos escritos incesto vovô e eu.mulher do meu amigo fudeno comigo na casa deleo na hora do horgazmo gozandonamorado domado contos eróticoscontos de corno como minha mulher aguentou cazero jumentaõ metedo na bucetinha delaflagrei todos fudendoelamenina de calcinha pornoe chiorts curtosultimo contos eróticos transando com tio acontos coroas amazonensesandreia baixinha tranzando e tamirisContoerotico descabaçando meninas de seis a doze anostezões hentaiminha sobrinha pediu pra mim gozar dentro da sua Bucetacontos erotico maes rabudas c a familia n festa.contossado de submissao realcaminhando e disfarçadamente batendo uma ounhetinha pro namoradocomi a v******** da crente contosconto gay estuprado pelo o ajudante de pedreirocontos eroticos casadas canalhasContos para deixar sua buceta encharcada meu namorado Guilhermecontos ertico o tarado ne pegouMinha filha se ensinuava pra mim gostosaa pra mim comtosvideos fotos d sexo loirinha dormindo de calcinha fio dental sendo encostadcontos eroticos mulher dopadacontos de rabos sendo dilaceradosmenina sapeca danada enganou todos contos eroticoscontos eroticos minha vizinha dos sonhosMuller casada quer jumento para me ter nelaconto erotico com freiracontos mi mastubava nas calcinhas da vizinhas gostosas contosconto nao guentei a pica de jumento choreitenns gemeno e gritanoesposinhas beijando e pegando na pucaconto espose e viajandocontos gay infanciaContos eroticos Tia veridicomarcio buceta fabiana em porto Alegrecomi um a menina de 14 contocomi a enfermeira contosconto madrasta fudida a forçavídeo do Seu Madruga metendo a pica no c* da Dona Florindasexo porno safada do sitiotudo no cuconto porno minha professora coroacontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumahistorias de meninas q foram estupradas e gostaramContos na lua de mel o corno lambeupediu esmola e comi o cuzinho delasou lesbica e trepo com minha mãevideos de garota sendo desvirginadas do cu e buceta elas chorando e gritandoConto erotico vizinha bobinhacontos eroticos e tome gozada na caraSobrinho da Academia tia gordinha conto eroticoContos de leitores reais swingContos me assustei com a quantidade de porra que meu padrasto despejou no cu da minha mãecontos eroticos metende devagar na buceta chupando os seios mordendo os bicis cavalgando gememdocontos Eroticos zangadinha safainha conto erotico meu filho me chapoucontos d mulheres q fodem cm pedreiros d piroca grandecontos eroticos aventura em resendecontos eróticos na roça com minha maecontos eroticos baba dano banhona meninaconto erotico de sera que meu marido não desconfia que chego com a buceta cheia de porra e ele lambe?contos eroticos adoro chupar bucetaduas puta no busao contospapai voce me acha bonita contos eroticoso tio ceduzino adolecente metendo odedo priguitinhacontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoescontos ela da a bundaler relatos de garotas que gosta de "loirinhas greludascontos erotico ela trai o maridocache:zwmyzgvJpMwJ:idlestates.ru/mobile/conto-categoria-mais-lidos_1_22_fetiches.html imagens de rabo gostoso inclinado de calcinha transparenteMinha filhinha com shortinho muito curtinho ve contosconto de arrebentando o meu cu com a pica grandecontos eroticos de manha dava pro meu sogro e a noite pro meu maridocutuquei a buceta da mamae contoscontos eróticos mamãe meteu uma cenoura em minha bucetinhacontos de sexo com novinhas trepando com advogadoscontos o pedreiro me fez mulher