Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O SARGENTO E A PUTINHA DE CADEIA

Oi, o que vou contar pra vcs agora aconteceu comigo ontem a noite quando voltava de uma balada.

Era por volta de 3:30h da manhã de sexta pra sábado.

Vinha caninhando na rua ouvindo musica no meu celular. percebi que do meu lado caminhava um homem (moreno claro, 1,75 de altura mais ou menos.cavanhaque,era forte malhado.parecia ter entre 20 a 25 anos).

estava passando em uma rua com pouco movimento e eu ja estaca cansado por conta da noite na farra.embora tinha dançado bastante não fiquei co ninguém, mas isso não me importa muito.

estava distraindo ouvindo minhas músicas e quando ilhei para o lado o rapaz nao estava mais lá. dei uma olhada para os lados o procurando e percebi que ele tinha parado em um poste para fazer xixi.

diminui meus passos para que ao terminar ele pudesse me alcançar. Eu nao me atreveria a me insinuar pra ele naquele lugar e naquela hora pois ele poderia não gostar e me bater. ele tinha uma cara fechada, de bad boy,mas era um cara bonitão do tipo que as minas devem pagar o maior pau.

Pouco depois ele já caminhava do meu lado de novo, percebi que ele olhava pra mim do outro lado da rua e pegava no pau,então resolvi me insinuar.Levantei a camisa e fiquei de 4 fingindo que iria amarrar o tenis, minha calça estava na metade da bunda e deixei á mostra de proposito. Ele atravessou a rua e me perguntou:

Ele- Por favor,vc tem hora pra dar?

Respondi-agora 3:42(da manhã).

ele me pegou pelo braço me me levou até o ponto de onobus e disse entao a hora é essa.

Não quiz nem saber queria ver o que aquele macho gostoso ia fazer comigo ali, praticamente na rua.

ele mandou eu subi no banco, abaixou minha calça até o joelho e chupou meu cuzinho bem gostoso. eu rebolei como uma putinha na sua cara.

Então ele sentou no banco e falou: Chupa, mais chupa bem gostoso. sem titubear desabotoei sua calça abri seu ziper e vcs nem imagina o que eu vi.

minha mão é pequena mas ao pegar seu pau na mão sobrou espaço para mais duas mão como a minha. levei um susto e ele sá deu uma risadinha com o canto da boca com a cara mais safada que eu já tinha visto. e falou: vai é todo seu me mostra o que vc sabe fazer.

assustado fiz o que pude para agradar aquele macho lindo e de uma vara que parecia de salto em altura.como não conseguia engolir tudo, passava minha lingua por todo seu pau sugava a cabeça beijava seu pau e ele gemia gostoso ;

vai sua putinha mama, mama gostoso que eu quero gozar

seu pau parecia que ficava cada vez mais na medida que eu chupava ele crescia. derrepente ele me pegou pelos cabelos e falou senta nele agora. com voz firme e autoritária.

ELE- senta nele agora sua putinha.

EU- nao moço é muito grande e eu nao sou acostumado.

ELE- não está acostumado? para de me enrolar eu vi que vc queria dar pra mim.

EU- sim mas seu pau é muito grande vai me arrombar.

ELE- não vai não senta aí nele vai´.

eu me levantei subindo minha calça e dizendo que nao queria mais que eu ia embora. então ele reagiu.

ELE- voce tá me tirando de otário ? acha que eu vou ficar desse jeito?

ele abriu a mochila dele e me falou vem ver uma coisa.

dentro da mochila tinha um uniforme de policial e uma arma fiquei assustado mas me excitei ainda mais.

Preciso falar mais alguma coisa. vai sua putinha senta nele agora.

então eu subi no banco abri bem meu cu e fui descendo no seu pau. que sensasão gostosa, parecia que seu pau não tinha fim eu subia e descia mas nao chegava até o fim rebolei gostos e gemia

nem me preoculpei se passasse alguem nao rua

enta ele me colocou de 4 no banco e foi colocando seu pau no meu cu sem dá

e falava

Ninguém aguenta tudo mais hoje vc vai levar tudo e foi sicando e eu tentando sair ele me puchava contra seu pau que fazia meu cu arder e ele socava sem parar

Eu nao podia gritar então tampava a boca e socava feito louco até que senti sua porra invadindo minhas entranhas.

no sufoco aguentei tudo mas me machucou bastante. ele me perguntou meu nome e onde eu morava pediu me rg e eu mostrei pois ele era um policial, ele me falou que seu nome era sargento LIma e que trabalhava no batalhão 37 do bairro e que era pra eu ir lá no orto dia sem falta. pois ia me comer de novo e seu não fosse ele ia me encontrar me prender na cela e eu ia virar sua putinha de cadeia. eu adorei a idéia e vou hoje lá para ser preso e virar sua puinha .

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto incesto minhas irmãs gritaram no meu pauContos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delesgostosa se fataziando de mulher maravilhacontos eróticos, eu, minha esposa puta e nossos vizinhosengravidei conto eroticoconto erotico fudi mimha mulher a noite inteiracontos eroticos minha mulher me mandou pra farraminha mae contos eroticosconto peguei a coroa dona do cormeciome larga lençou bom diacorno viado esposa gostosa conto realContos me bateu e comeu minhaContos gay de professor de musculação dando o cu para dois alunos dotadosContos eróticos de gay Comi o filho do meu patrãomeu cachorro gostoso viril zoofilia históriascontos de coroa com novinhocontos eróticos novinha gostosa d********* para o primo gordinhocontos eroticos casada em casa sozinha com enteado fazendo massagemporno conto erotico depois de malhar fui fodida na academiaconto erotico traveco e casalcontos eroticos presidioContos eroticos minha mulher e o policiala massagista negao contoscontoseroticosmetrovidio porno gostossa de vestido curto poe casalina carro frentista verCasa dos contos eroticos gay amarrade e emrabado por quatro amigos taradosTenho 103 cm de bunda.conto eróticoconto ertico lambendo buceta ela gem mtocomi minha filhinha contos eroticosfinalmente o telefone tocou conto erotico cornocontos erotico gay punheta no cuzinho do netinho pequenocontos casal cinema pornoesposinhas beijando e pegando na pucalouco pela minha prima contominha esposa me convenceu dedos no cu conto hormonal femininoscontos eroticos gays atiçei meu tiocontos de negão advogado comendo loira clienteChantagem com mulher de salto conto eroticocontos porno traca troca amiguinhocontos eroticos peluda fedidaconto eroticos minha mae o pedreirocontos de incesto minha filha se tornou um mulheraoconto erótico mãe verídicoConto comendo a gorda casadasou branca e sempre quis da aum mulato mas sou casada contos Comtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu coloContos er meu que pitao peludocontos ,chuparam tanto meu pau até ru gozar na bocaContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestocontos convenci minha avo velha a fuderrealisando sonho eu emas duas mulher contosAcordei com o cuzinho cheio de porra contoscontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticos no onibusContos eroticosmenina de dez anos fazendo sexomenina sapeca danada enganou todos contos eroticoscontos eroticos 30 cmcontos eroticos..comi a mulher do pastorcontos eroticos de quata feira de cinzavovozinhas esfreca buceta com buceta uma na outrafazer sexo anal com cachorro pequeno e possivel ficar engatadoconto minha tia so anda de calcinhacrente velha chantageada contos eróticos Contos esposas se peidandocontoerotico.com/engravidando a tia sem quererconto erotico levei pro iate do meu paiContos erótico de Muller casadapapai voce me acha bonita contos eroticosconto erotico debaixo das cobertasempregada amamentando contos eroticosela pegou no pinto dele na marra mais ele gozouminha tia so de roupao contos eroticosfoto de travestis arreganhadas de frente