Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O SARGENTO E A PUTINHA DE CADEIA

Oi, o que vou contar pra vcs agora aconteceu comigo ontem a noite quando voltava de uma balada.

Era por volta de 3:30h da manhã de sexta pra sábado.

Vinha caninhando na rua ouvindo musica no meu celular. percebi que do meu lado caminhava um homem (moreno claro, 1,75 de altura mais ou menos.cavanhaque,era forte malhado.parecia ter entre 20 a 25 anos).

estava passando em uma rua com pouco movimento e eu ja estaca cansado por conta da noite na farra.embora tinha dançado bastante não fiquei co ninguém, mas isso não me importa muito.

estava distraindo ouvindo minhas músicas e quando ilhei para o lado o rapaz nao estava mais lá. dei uma olhada para os lados o procurando e percebi que ele tinha parado em um poste para fazer xixi.

diminui meus passos para que ao terminar ele pudesse me alcançar. Eu nao me atreveria a me insinuar pra ele naquele lugar e naquela hora pois ele poderia não gostar e me bater. ele tinha uma cara fechada, de bad boy,mas era um cara bonitão do tipo que as minas devem pagar o maior pau.

Pouco depois ele já caminhava do meu lado de novo, percebi que ele olhava pra mim do outro lado da rua e pegava no pau,então resolvi me insinuar.Levantei a camisa e fiquei de 4 fingindo que iria amarrar o tenis, minha calça estava na metade da bunda e deixei á mostra de proposito. Ele atravessou a rua e me perguntou:

Ele- Por favor,vc tem hora pra dar?

Respondi-agora 3:42(da manhã).

ele me pegou pelo braço me me levou até o ponto de onobus e disse entao a hora é essa.

Não quiz nem saber queria ver o que aquele macho gostoso ia fazer comigo ali, praticamente na rua.

ele mandou eu subi no banco, abaixou minha calça até o joelho e chupou meu cuzinho bem gostoso. eu rebolei como uma putinha na sua cara.

Então ele sentou no banco e falou: Chupa, mais chupa bem gostoso. sem titubear desabotoei sua calça abri seu ziper e vcs nem imagina o que eu vi.

minha mão é pequena mas ao pegar seu pau na mão sobrou espaço para mais duas mão como a minha. levei um susto e ele sá deu uma risadinha com o canto da boca com a cara mais safada que eu já tinha visto. e falou: vai é todo seu me mostra o que vc sabe fazer.

assustado fiz o que pude para agradar aquele macho lindo e de uma vara que parecia de salto em altura.como não conseguia engolir tudo, passava minha lingua por todo seu pau sugava a cabeça beijava seu pau e ele gemia gostoso ;

vai sua putinha mama, mama gostoso que eu quero gozar

seu pau parecia que ficava cada vez mais na medida que eu chupava ele crescia. derrepente ele me pegou pelos cabelos e falou senta nele agora. com voz firme e autoritária.

ELE- senta nele agora sua putinha.

EU- nao moço é muito grande e eu nao sou acostumado.

ELE- não está acostumado? para de me enrolar eu vi que vc queria dar pra mim.

EU- sim mas seu pau é muito grande vai me arrombar.

ELE- não vai não senta aí nele vai´.

eu me levantei subindo minha calça e dizendo que nao queria mais que eu ia embora. então ele reagiu.

ELE- voce tá me tirando de otário ? acha que eu vou ficar desse jeito?

ele abriu a mochila dele e me falou vem ver uma coisa.

dentro da mochila tinha um uniforme de policial e uma arma fiquei assustado mas me excitei ainda mais.

Preciso falar mais alguma coisa. vai sua putinha senta nele agora.

então eu subi no banco abri bem meu cu e fui descendo no seu pau. que sensasão gostosa, parecia que seu pau não tinha fim eu subia e descia mas nao chegava até o fim rebolei gostos e gemia

nem me preoculpei se passasse alguem nao rua

enta ele me colocou de 4 no banco e foi colocando seu pau no meu cu sem dá

e falava

Ninguém aguenta tudo mais hoje vc vai levar tudo e foi sicando e eu tentando sair ele me puchava contra seu pau que fazia meu cu arder e ele socava sem parar

Eu nao podia gritar então tampava a boca e socava feito louco até que senti sua porra invadindo minhas entranhas.

no sufoco aguentei tudo mas me machucou bastante. ele me perguntou meu nome e onde eu morava pediu me rg e eu mostrei pois ele era um policial, ele me falou que seu nome era sargento LIma e que trabalhava no batalhão 37 do bairro e que era pra eu ir lá no orto dia sem falta. pois ia me comer de novo e seu não fosse ele ia me encontrar me prender na cela e eu ia virar sua putinha de cadeia. eu adorei a idéia e vou hoje lá para ser preso e virar sua puinha .

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


dona rita contos eróticosporno fode minha buceta vai étoda sua vaiahhhhcontos me faço de recatadachuupadao tio ceduzino adolecente metendo odedo priguitinhaFui corno e gostei muitoninfeta beijando peitoral de travestias busetao.mas abertos e mas gostozas do mundo porno ater das eguascontos eróticos de lésbicas submissa a vizinha mandona amigos de infancia tomando banho contosconto viado tarado por palve molge dano cu mexeno no pau gozano no paiconto garoto esperimentei da cucomtos eróticos de fazemdeira com animalconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontoseroticoscommaridoComtos filha fodida pelo pai e amigos delecontos eroticos moleque e esposaContos eroticos iniciando as meninascontos comi a amante do meu paiCONTOS EROTICOS DE PATROINHA ABUSADA PELO FILHO DO CASEIROcontos de mecânicos casadoscontos eróticos ajudei minha tia limpa a casagostosa.acarisiado.a.buseta.deibacho.da.mesacontos eróticos no cu com cachorrosTravesti comendo mulher cavala contoscontos de zoofilia em bordeiscontos pornô eróticos de i****** primeira vez que eu cozinho da minha mãe pelada acabei comendocontos casal com jamaicanocontos.veridicos erabando uma,.pretinhacontos eroticos de como eu perdi minha virgindade aos 16nao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  contos na barraca traicontos eróticos de novinhas dando para garanhõesccnto iroicos comedo o cuzinho do meu filho bem novinhoContos eroticos eu paguei pra fuder a minha sobrinha casadacontos sexo estorando cucontos meu marido ajudou amigo dele me comercontos eróticos metendo na velhinhaadultas com seios e bundas fartas conto erotico chantageado namorada do meu amigocontos eroticos sou casada ,eu sobrinho pedrinho parte 4contos eroticos de praia de nudismocomtos eróticos de fazemdeira com animalcontos sexo.eu meu sogro sogracontos pornos passando gel aquece na bucetacontos de homem que teve relacoes sexuais com a mae com buceta raspadacontos erotico maes cavalas d bikini n piscina .rola na madrinha/contoconto pai comprado calcinha para filha virgemContos eroticos c imagens meus dois chefes me comeram por dinheirocontos eroticos dei pro irmao da igrejaEu vi o tamanho da rola do meu irmão na sauna contos de incesto feminino zoofilia com gozadas e enguatesConto erotivo estupro veridicocontos eroticos hospital a tiawww.mulhers impinadas de calcinhahistorias heroticad comi airmanzinha da minha namoradacontos eróticos gays a primeira vez com 24 anosPeguei meu filho mostrei minha vagina contos eroticossonhar q mulher está bulinando outra nulhercontos eróticos o gringo roludofiquei louca vendo o meu sobrinho pauzudo comendo a minha filha. conto eróticoarrombando o cu da luzia contoscontos erotico gay negro dando pra brancoComendo o cu da tia e ela chorando e se cagando em contos eroticoso ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anosmassagem incomparável faz cara senti tesão e gozacontos eroticos tia marta morena coroa tenho bunda grandeporno conto relava aquele peito em mimcoros bem casada no primeiro anal da vida contos mais lidosmulher deixa cachorro lambelacontos euroticos de meninas com mito tesaocontos eroticos:esporrei na maeContos eroticos fudim minha mae a foça