Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NA BOATE E DEPOIS...

Embora já tenhamos algumas boas e até loucas experiências sexuais, inclusive com outras pessoas conosco, começei a falar que queria ver a minha adorada transado com outro na minha frente pois eu liberaria ela. No começo ela quis sair fora mas com o passar dos dias ela foi aceitando a idéia e me perguntou se eu havia escolhido alguem, eu respondir que não, mas que poderia fazer isso.



Ficamos conversando a semana toda quando chegou o final de semana ela me propôs irmos a uma boate numa cidade práxima, mas que chegando lá nás estaríamos liberados para escolher alguém e essa foi a sua condição para irmos e eu, claro, disse que topava.



A noite ela se produziu colocou uma roupa bem sexy, daquelas que chama atenção, uma blusinha bem decotada e uma saia que deixavas suas pernas bem a mostra.



Neste dia que era um sábado fomos para essa boate, chegamos e sentamos numa mesa e a Paty parecia ser outra pessoa, toda provocante e sensual, começou a tocar musicas e ela quis dançar. Em certos momentos ela dizia que ia ao banheiro e, numa dessas idas, ela voltou e disse que um homem a havia paquerado e que ela disse a ele que estava com o marido na mesa e que era para ele ir sentar conosco.



Não demorou e logo chegou essa pessoa e se apresentou como Sérgio. Ficamos ali nás três bebendo até que Sérgio tirou a Paty para dançar e eu fiquei na mesa vendo ele dando um rala na minha mulher, eles se beijavam, se esfregavam como dois adolecentes e por incrivel que pareça eu sentia tesão, dançaram varias músicas até que voltaram para mesa, eles se beijavam se amassavam sem ligarem para a minha presença. Afinal já havíamos, eu e ela, combinado como seriam as coisas...rs...



Depois de ficarmos bebendo ja era umas duas horas da manha resolvemo irmos a um motel nos tres mais que eu nao participaria, pois dessa vez eu sá queria ver. O Sérgio com um brilho nos olhos, não menos do que a Paty, aceitou na hora.



Fomos para um motel, chegando la deixei os dois a vontade disse que era para fingir que nao estava ali. O Sérgio pegou a Paty e tirou sua blusa mamou em seus peitos deixando-a molhadinha ele mordia seus bicos, chupava suas orelhas seu pescoço, Paty tirou a roupa dele, quando apareceu um enorme cacete, deveria ter mais de 20cm e grosso, o qual a Paty chupou como nunca, sua cabeça era enorme e a Paty havia se transformado, ela chupando aquele pau enorme enquanto Sérgio chupava sua buceta.



Que cena que eu estava vendo, o Sérgio posicionou seu pinto na entrada de sua buceta e começou a enfiar, enquanto ela enlaçava suas pernas em sua costa e fez aquele pinto desaparecer dentro dela, Sérgio começou a por e tirar levando Paty ao delírio.



A Paty então começou a chamar a minha atenção, dizendo coisas obsenas como: que ela estava sendo rasgada ao meio e que era para eu ver tudo e nao perder nenhum detalhe pois ela estava realizando minha fantasia; que estava muito bom sentir aquele pauzão abrindo ela e que o meu pau duro ali perto estava matando ela de tesão, que ela queria um outro cacete para mamar; que era delicioso ela estar debaixo de outro macho, enquanto o dela estava ali olhando e cheio de tesão; que ela queria a buceta toda mela de porra daquele pauzão e coisas desse tipo...



O Sérgio bombava cada vez mais rapido e ela gemia como uma louca, eu ali vendo tudo aquilo de pinto duro, até que o Sérrgio pôs ela de quatro e a penetrou com força, enquanto ela rebolava naquele caralhão e gritava de tanto gozar. Era incontrolável como a Paty gozava desesperadamente dizendo que me amava e que ela era uma mulher realizada na cama, pois além de um homem maravilhoso que tinha em casa, ainda podia sentir um cacetão maravilhoso de outro.



Eu gozei feito um louco, sem sequer encostar no meu pau, ouvindo aquilo enquanto o Sergio continuava a meter nela sem dá, estavam como dois animais, ele a fodia de tudo que era jeito ate que ele nao aguentou e gozou enchendo sua buceta de porra que chegou a vazar.



Foram tomar um banho e mais uma vez o Sérgio a comeu no chuveiro fazendo ela gozar de novo. Os dois vieram para cama e o Sérgio mais uma vez a possuiu com vontade. Transaram varias vezes e ele encheu sua buceta novamente com sua porra grossa. Ficaram ate amanhecer o dia transando eu nao acreditava que minha mulher era capaz de fazer o que fez, mas eu estava realizado.



De volta para casa deixamos o Sérgio num ponto de taxi sem antes de minha mulher ir chupando seu pinto aonde o Sérgio custou mas gozou em sua boca.



Ao chegar em casa Paty me perguntou se eu estava satisfeito, porque ela havia adorado e ter realizado aquele meu desejo e sabia que eu nunca me importaria dela realizar os dela, e que poderíamos, quando tivéssemos vontade e pudéssemos, realizar todas nossas fantasias e que nao haveria mais segredos entre nos. Claro que depois dessa conversa transamos muito, com ela me falando cada detalhe da transa recente dela. Gozei profundamente...rs...



Fizemos amor como nunca haviamos feitos, pois não é qualquer homem que tem uma mulher como a que eu tenho e ela um homem como eu. Assim nos satisfazemos um ao outro...

Contatos: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos nordestehttp://googleweblight.com/?lite_url=http://idlestates.ru/conto-categoria-mais-lidos_7_3_sadomasoquismo.html&ei=a1K1--iF&lc=pt-BR&s=1&m=984&host=www.google.com.br&ts=1502208630&sig=ALNZjWluLDUwf3x3BVqvie4tmbrgYZhBOAContos eroticos sequestradadei a bunda contosnovinho delirando na primeira gozadaconto sobrinho timidocontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindocontos eroticos me arromboucomi uma menina em contagem contosContos eróticos de tio sopinhascontos eroticos encoxando minha mae na salaas pamteras se fudeu rola crossa no cuviajei e transei no onibus marido corno assumidoconto eróticos dominada e inocentesai a noite com minha esposa conhecemos u desconhecido que comeu minha mulhercontos eroticos marido liberado a esposa e filha p patraodei a buceta pro meu sobrinho contos eroticoslanbinda na xana hetai gritaminha mulher enrabada na boatecontos de coroa com novinhoconto eróticos desejandoa mulherdomeu filhocontos-começo a rebolar no teu paubuceras com paj giganti dentrocomendo uma velhinha de 90 anos contos eróticosgozei na minha sobrinha conto eroticocontos erótico acabei indo pela primeira vez num sítio de naturistacontos eroticos eu gravida com vontade.di fufercontos comi a mha filha novinha virgemcontos eu tenho um bar e dei o cu pro meu freguês contos eroticos na filacontos/meu primeiro broche e fodacontos de incetos o viadinho do meu irmãozinhocontos eroticos me arrombouenteada chantageia madrasta para chupalameu marido morreu e eu to com tesaocontosincestofilhacontos erotico a 1 de una solterona com um menino de 15Contos de transexiporno chupei o peito e bucheta da minha cunhada ate ela cedervideo de sexo c langerriaravando as pregas do cu virgem fa espozafrutaporno adoro bater punheta na calcinha da mamaeesposa cheia de porra na praia de nudismo casa dos contoscontos eroticos me fodeconto de botei a minha irmã bem novinha pra chora com a pica grande no cu virgeamanda meu marido.é corno mesmo contoscontos/ morena com rabo fogosoConto erotico contando minhas tranzas para meu pai e acabou me comendoIncesto com meu irmao casado eu confessomulher traindo marito con um aloprado conto erroticoAguentei a rola enorme do papai contos eróticosContos eróticos mae medrosapintelhos na transparencia das cuequinhasarrombando o cu da luzia contossoofilia.quando meu marido viagouCom medo da jeba enormeconto de incesto de pastor estrupadocontos eroticos de putas viciadas em porra gang bangcontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindocontos exitantes estava muito triste e carente meu cunhado chegou na minha casaContos-esporrei na comida da cegaWww.contoseroticos/grátis Ler/no aviãocontos eróticos infânciacasada desfilado de calcinha contos eroticosexo contos deposito de porravideo porno dano o cu ea buceta toda babentahistória verdadeira de sexo entre homens bi sexual no banheiro metrô trem ônibusdividindo a enteada teen com o filhocontos eroticos o faxineiro comeu minha mulher parte 2sera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandros"contos eroticos" amiga nudismocontos interraciais contados por mulherescomi minha prima na va da minha tia