Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CASADA E RECATADA EM CALDAS NOVAS / GO.

Casada e recatada em Caldas Novas GO.



Nileide, casada, tímida, recatada, porém safada e fogosa contida!



Olá. Meu nome é Carlos Augusto. Tenho 45 anos. Estatura mediana. 1.75 m. 73 k. Moreno claro (pardo). Pênis normal com cerca de 19 a 19 cm. Moro em Guarulhos, SP. Sou Separado. Mas adoro mulher casada. Tanto que sá procuro tc com mulheres casadas. Certa vez eu entrei numa sala da chat de evangélicos. Ali me deparei com algumas mulheres. Mas uma me prendeu a atenção e conversamos um bom tempo ali no chat. Seu nome (fictício) é NILEIDE. Ela ficou surpresa por eu sá gostar de tc com mulheres casadas e, também, por causa das fantasias sexuais que confessei a ela e que quero realizar. Quis saber, com detalhes, essas minhas fantasias. Propus irmos para o msn. Ela topou. Eu a adicionei no meu msn. Passamos a tc por lá. Mostrei fotos minhas e abri minha web cam. Contei minhas fantasias e ela censurou algumas, mas expressou desejo de realizar 2 dessas minhas fantasias. Essa mulher casada, tímida, recatada é, na verdade, uma SAFADA e FOGOSA contida! NILEIDE mora em Anápolis, GO. Tem 36 anos. NILEIDE é casada e tem uma filha. Vou agora descrever como ela é, porém vou usar a descrição feita por ela mesma para mim: - “Meu nome é NILEIDE. Tenho 36 anos. 1,67 m de altura. 60 k. Sou branquinha e uso os cabelos loiros. Olhos castanhos. Seios e bumbum de tamanho médio (os bicos dos meus seios são marrom claro). Malho 3 a 4 vezes por semana, durante cerca de uma hora e meia. Gosto de depilar as pernas dos joelhos para baixo. Nas coxas eu gosto de passar descolorante nos pêlos. A xana, depilo deixando um pouco de pêlos. Tenho um pouquinho de marcas do sol no corpo (biquíni). Gosto de usar roupas estilo esporte fino”. Essa é a deusa que me encantou! Essa é minha NILEIDE! Ela me disse que gosta de ir a Caldas Novas, também em Goiás. Lugar que conheço por causa das águas quentes de lá. Já frequentei alguns clubes de lá. Num inicio de semana estávamos tc e ela me falou que, no final de semana seguinte, iria a Caldas Novas, com a família. Que eles iriam na sexta-feira, a tardinha, e que por volta das 20 ou 21 horas já estariam lá. Disse que frequentava um determinado clube, no qual já estive. Disse também que gostam de comer Peixe na Telha, lá em Caldas Novas. Perguntei se conhecia um restaurante bem conhecido de lá, por causa desse prato típico daquela região. Ela disse que sim e coincidentemente era lá que costumavam pedir o peixe na telha. Naquele mesmo dia liguei para o clube que frequento lá e que tem hotel e fiz reserva para aquele final de semana. Liguei para agência de viagem e também fiz reserva de passagens aéreas (ida e volta) para lá. Mas não comentei nada com ela. Continuamos a tc pelo msn durante a semana e peguei todos os detalhes sobre o que fariam lá e onde estariam, inclusive, prováveis horários. Na sexta-feira viajei e me instalei no hotel do Clube CTC. Depois fui ao restaurante conhecido pelo bom peixe na telha e pedi algo para jantar. Quando estava terminando de jantar vejo entrando uma família e era a família dela. Fui ao banheiro e passei em frente a ela. Eu me fiz notar. Ela me viu e me reconheceu. Ficou surpresa e sem ação. Eu já estava no hotel e o meu celular tocou. Era ela. Disse que jamais imaginava passar do virtual para o real, mas que eu a surpreendi e que não parava de pensar em mim depois que me viu. Perguntei se ela não conseguiria ir onde eu estava. Disse que não. Ela me chamou de louco. Mas disse que estava doida para falar comigo pessoalmente. Insisti e ela disse que, no dia seguinte tentaria dar um jeito de me procurar. Dito e feito. Pela manhã. Por volta das 8 horas meu telefone tocou e era ela querendo saber qual era o meu quarto no hotel e como faria para entrar. Passei o número para ela. A seguir liguei para a portaria do hotel e falei que minha namorada de nome NILEIDE estava entrando para falar comigo. Minutos depois ela batia na porta do meu quarto. Bem vestida. Parecia mais que ia trabalhar do que aproveitar um dia de sábado na estação de águas quentes. Perguntei por que ela estava ali e por que estava vestida assim. Ela disse que, para todos efeitos, não estava em Caldas Novas, ao menos para a família. Disse que depois explicaria tudo. Fechei a porta e começamos a conversar. Logo depois já estávamos nos beijando. Ela me atirou na cama e deitou encima de mim. Continuou a me beijar. Depois levantou e começou a tirar a roupa. Ficou sá de calcinha e sutiã. Um lindo conjunto de renda rosa. Eu estava de camisa pálo, bermuda e sunga de banho. Ela voltou para a cama e pra cima de mim. Tirou minha blusa enquanto me beijava. Mudei de posição e fiquei por cima dela. Desci beijando o pescoço. Logo depois alcancei o sutiã. Beijei. Coloquei os dois seios para fora e beijei muito. Mordi. Chupei. Toquei. Ela se contorcia e se entregava cada vez mais. Fui descendo e beijando a barriga. O umbigo. Cheguei na calcinha. Linda, de renda, na cor rosa, moderna, porém não muito ousada. Beijei. Cheirei. Toquei. Puxei e ARRANQUEI a calcinha dela. E, realmente, havia pêlos acima da boceta, não muitos e aparados, mas havia. Sua boceta linda. Rosada e já bem lubrificada. Posicionei-me entre as pernas dela e comecei a cheirar a boceta e, principalmente, o clitáris. Enfiei a língua naquela deliciosa boceta. Lambi, sorvi seu líquido quente e delicioso. Levantei a cabeça, olhei para ela. E olhando em seus olhos recolhi a língua a minha boca e SABOREEI seu gosto assim, olhando em seus olhos. Voltei a chupar e instantes depois ela gozou pela primeira vez na minha boa. Continuei a massagear o seu clitáris com a minha língua e pouco depois enfiei o dedo indicador e o maior (juntos) na boceta completamente melada. A língua no clitáris, os dedos dentro da boceta e a mão esquerda hora num seio, hora no outro. NILEIDE gemia e falava: - “Me chupa meu macho gostoso, me chupa”. Ela não aguentou muito e logo gozou outra vez. Continuei chupando, lambendo e com os dedos lá dentro. A mulher não parava de suspirar e se contorcer. Tirei os dedos da boceta. Esfreguei no cuzinho, que ficou lambuzado. Fui enfiando o dedo maior no cuzinho. O outro dedo na boceta, a língua no clitáris e a outra mão nos seios. NILEIDE gemeu, gemeu, quase gritou e logo a seguir gozou forte. Quase desmaiou. Subi. Deitei atrás dela e fiquei fazendo carinho. Muitos beijinhos. Ela estava com sede. Busquei água mineral e ela bebeu mais de um copo. Refeita ela disse: - “Agora é a minha vez de te fazer sentir prazer”! Eu estava, ainda, com sunga e ela foi logo em direção a minha pica. Tirou a sunga e começou a beijar e chupar. Ela estava sedenta a foi logo beijando, lambendo e chupando a minha pica. Não se conteve e falou: - “Via pela web cam e desejava esse cassete pra mim”! “Mas, ao vivo, ele é infinitamente melhor e mais gostoso”! Ela mal conseguia por metade de minha pica dentro da sua boca. Ela Chupou com muita vontade durante uns 5 a 19 minutos e me fez gozar em sua boca. Ameaçou cuspir a porra, porém eu pedir que engolisse. Ela hesitou, mas acabou engolindo. Achei lindo aquilo que ela fez e dei um grande beijo em sua boca. Aquilo tudo era novidade para ela. Tomamos banho e voltamos para a cama. NILEIDE disse: - “Já gozei 3 vezes”! “Hoje, aqui, vive situações nunca antes por mim vividas e você ainda nem me fodeu”. Apenas lhe disse: - “Nás ainda não terminamos”! Abri outra garrafa de água mineral e bebemos um tanto. Cada um bebeu um copo de água. Ficamos conversando e nos beijando. Voltei a beijar e chupar a sua boceta. Logo ela estava bem molhada e excitada. Pedi que ficasse de quatro. Beijei e chupei mais uma vez a sua deliciosa boceta e também o seu cuzinho rosadinho. Eu a puxei para a beirada da cama. Fiquei em pé, com ela de quatro. Posicionei-me e pincelei a cabeça da minha pica na boceta. A seguir a penetrei vigorosamente. Eu a segurava pela cintura e dava fortes e seguidas estocadas em sua boceta. Comecei a massagear o clitáris enquanto dava as estocadas. Ela gozou outra vez. Imediatamente Comecei a tentar penetrar o seu cuzinho. Ela se afastou e disse que nunca tinha sido penetrada ali. Puxei NILEIDE pela cintura mais uma vez. Segurei minha pica e comecei a forçar a penetração em seu cuzinho. Ela deitou a cabeça no travesseiro e forçou a bunda de encontro a mim. A cabeça começou a entrar. A penetração era difícil, pois seu cuzinho era apertado. Mas, aos poucos, a pica foi entrando. Com metade da pica lá dentro e uma boa quantidade de KY Gel comecei a bombar dentro daquele cuzinho apertado. Logo estávamos acostumados e fodendo gostoso. Um anal bem gostosinho. Pedi para mudarmos de posição. Ela aceitou. Sentei numa poltrona, com a pica ainda bem dura, e fiz ela sentar em mim (de costas pra mim). Dessa maneira a penetração em seu cu foi mais fácil e a pica entrou quase toda. Pedi que ela se movesse e que ela controlasse a foda. Ela começou a se movimentar assim. Subia e descia gostoso. Porém, eu a segurava pela cintura. Aumentamos o movimento e logo estávamos prestes a gozar. Gozei primeiro. Com a minha gozada ela sentou de vez. Tentei enfiar 2 dedos em sua boceta, ela não deixou. Disse que já estava gozando também e que sua boceta estava para explodir. E explodiu mesmo! Junto com o gozo veio uma tremenda mijada. Ela não sabia o que fazer e sá se desculpava. Foi muito forte e intenso para nás dois. Depois, nás já de banho tomado e conversando, eu lhe disse que provoquei aquela mijada que ela deu. Disse que os copos dÂ’água que ela bebeu foram intencionais. Fiz ela beber com essa intenção. Rimos. Nos arrumamos. Pouco depois ela deixou meu quarto. Continuei em Caldas Novas até a hora do meu vôo de volta, no domingo. Já se passou quase 1 ano desde que este encontro aconteceu. Nos encontramos outras poucas vezes novamente. Continuamos a nos falar por telefone e msn. Passamos a ser amantes! Distantes, porém amantes!



Gostou? Vote. Augusto Relato

Ou faça contato pelo meu e-mail.

E-mail: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de meninos putinhosmãe, filho, beijo na boca, excitado, biquini praia seios beijo boca camisolsfotos de buceta sendo lambinda e gritandocontos eroticos experiência inesquecívelcontos eroticos sou casada a segunda orgia para meu maridocontos eroticos comendo cu da mamae a mando do papaiver contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****contos ninha cachorra chupou minha bucetaO pau preto do papai contos eróticoscontos eroticos fui enrabada dormindocontos reais de mulher que deixou cachorro emgatar na bucetacontos porno papai me deixou arnbadaconto de não aguentei a pica grande de meu avôcontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosContos eroticos gays. comendo o moleque na van escolarcoroa safado fofndo uma novinha déliciosa pornocontos eróticos do primo negrinho dotado chupando a buceta da primaTenho 60 anos e minha bunda ta se mais contoscontos porno filho do amigo secretocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eróticos minha esposa ficou pelada na frente do sobrinhocontoseroticos comeu a namorada de calcinha fio dentalcontos eroticos eu minha namorada e cunhadinha num hotelchantagiei minha irmã parte 2Muller casada quer jumento para me ter nelaporno babalu pede pra não gozar antes do tempofilho gosa bunda mae ela percebeporrnodoido interacialtraveco roludo patendo puenta derepente chega a mulher bem gostozamulher tarada Senta no pau do boneco no Fláviodona Florinda abrindo pernas mostrando calcinha pornconto erotico submissa gozei choreicontos de no dedinho do padrinhocontos eróticos virei cd para usar fio dentalConto puta de buceta cavalo magalarga roludocontos eroticos em familiavideos porno sobrinha precisando de dinheiro da para o tiocontos eroticos, dei para meus alunoscontos eroticos pagamentocoroas fudendo em cima da arvorecontos eroticos vestido coladoContos eroticos iniciando as meninascontos eróticos sadomasoquismo exttemocorno gemendo cu contohistórias eróticas com tiaxv nao aguetei e dei a buseta a meu enteadocontos eroticos gay acordado na noite pelo meu paificar excitada.em onibus lotadoPus ate ela chora conto pornomulher domadora de cavalos de pau duroconto real espiando no buraco casal sexo chacaracontos cris super dotadocontos eroticos Araguaina Totu manmou desse meladinho entt sobe casetecontos eroticos de tia masturbacaoporno buceta contos eroticos traindo ao marido no quintalfotos e videos de mulheres tomando banho etrocando de roupasgay e travesti.momentos novo punhetacontos porno o bandido arrombou o cu do meu maridomeu pai e o amigo dele comeram minha namorada contos eróticosRelato picante sexo no estacionamento do shoppingela pegou no pinto dele na marra mais ele gozoucontos eroticos arronbaro e enfiarao tres paus de uma so ves na minha esposa na minha frente e ela adorouContos erotico uma cadela para toda matilhacontos eróticos sou mulher e de gostoso que o cara do bate-papo na minha casageovana tira a calcinha e da a bucetapirulito do titio contos eroticosfodas de esposas q gostam de ser curradasmeu cliitores fica marcando a calcinhaZoofilia contos menininha chega do colégio animaiscomendo.o cu e a buceta da novinha pela perna do short dentro do onibus lotado sem ela pode ae defendercache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"fui chupada igual uva contosatolando nas cachora no ciopornô com cavalos mangalarga fazendo com mulheres no cavaletecontos eroticos casal dpois da chuvaMenina da pracinha, contocontos eróticos Virei a b********* da Vilaconto minha esposa com seu primocomi o cu da enfermeira velhacontosmeu marido quer fode meu cu mas to com medo