Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MENINA SEDUTORA

Minha mãe faleceu quando eu ainda era criança. Eu e meu pai passamos a morar sozinhos.

Quando eu estava com 19 anos mais ou menos, recebemos em casa um grupo de pessoas para comemorar o noivado do meu pai.

Eu, 19 anos, hormônios a milhão, percebo que um amigo do meu pai me olhava com interesse. Fiquei excitada com aquele olhar. Me excitava mais ainda o fato dele estar ao lado da esposa dele, me olhando com cobiça. Não pude deixar de aproveitar aquele momento. Comecei a provocá-lo. Sentei-me na frente dele e não poupei cruzadas de pernas, puxadas na blusa para mostrar os seios e tudo mais que eu pudesse fazer, sem chamar atenção de ninguém, principalmente de meu pai. Em determinado momento, ele foi até a cozinha pegar bebidas e eu fui atrás, escorei-me na pia e passei as mãos no meu corpo, num convite mudo para um amasso. Ele encostou em mim, senti seu pau duro nas minhas coxas, mas não passou disso.

No dia seguinte, era um tal de entrega cadeiras aqui, vasilhames ali e som? Adivinhem de quem era? Dele. O amigo gostoso do meu pai.

Eu estava saindo pro colégio e pedi pro meu pai me levar pq eu estava atrasada. Meu pai não pensou duas vezes e falou pro amigo dele que já que ele passaria no colégio, se não se importava em me dar uma carona.

Entrei no carro dele, joguei minha mochila no banco de trás e sentei a vontade ao seu lado.

Ele me falou que eu estava muito bonita na noite anterior e que era uma pena eu ser filha do amigo dele. Eu respondi: amigos, amigos, filhas a parte. Ele colocou a mão na minha coxa e eu me movimentei, empinando os seios, fazendo ele entender que eu estava gostando.

Ele parou o carro e me beijou, eu retribui com muito desejo. Em seguida ele ligou o carro e saiu, era perigoso. Se meu pai percebesse alguma coisa, a encrenca seria grande.

Tomei a iniciativa e continuei pegando ele. Soltei o cinto de segurança pra poder chegar mais perto. Ele disse que eu estava enlouquecendo-o e me convidou pra passar a tarde com ele num lugar onde ninguém nos visse. Eu disse a ele que era virgem e que queria continuar sendo. E desviamos o caminho do colégio e fomos para um motel.

Entramos no quarto e ele foi me pegando, me abraçava forte e parecia que queria engolir minha boca. Eu estava louca por ver um homem nu, por saber como é fazer sexo, mas já conhecia o prazer das minhas masturbações e até já tinha gozado uma vez que deixei um menino por a mão dentro da minha calcinha e me masturbar.

Ele tirou minha blusa e começou a chupar meus seios, primeiro um, depois o outro. Eu estava completamente molhada, doida de tesão. Ajoelhado aos meus pés, abriu minha calça, abaixou, admirou minha calcinha e a tirou juntamente com minha calça jeans que estava no meio das coxas. Me carregou no colo até a cama, me deitou suavemente, se posicionou ao meu lado e começou a chupar meus seios de novo. Eu pedi que parasse, ele me olhou surpreso e eu disse que queria vê-lo nu. Pedi que tirasse a roupa pra mim. Levantou-se e tirou toda a roupa rapidamente. Fiquei encantada em ver aquele pau duro e grosso, ao vivo e a cores, inteirinho pra mim. Antes que ele deitasse, deitei atravessada na cama, de barriga pra cima, com meu corpo completamente exposto, me sentindo uma vadia, adorando me exibir e deixei a cabeça cair pra fora da cama. Ele entendeu o que eu queria e não me deixou esperar. Encostou o pau na minha boca. Eu lambi a cabeça, exatamente como eu via nos milhares de filmes pornôs que eu assistia. Enfiei a cabeça entre as pernas dele e lambi as bolas, ele gemia. Voltei para a cabecinha do pau, lambi e comecei a sugar. Ele parou de ter cuidado e enfiou o pau inteiro na minha boca. Eu pedi pra ele: fode minha boca. Fode que eu to adorando. Ele se posicionou de maneira que pudesse me fuder com vontade na boca e apertar meus seios. Não demorou muito, ele jorrou leite quente nos meios seios. Eu passei as mãos e esfreguei a porra dele pela minha barriga e seios. Ele sentou na cama e eu continuei deitada de barriga pra cima e comecei a me masturbar, eu não tinha gozado. Ele deitou ao meu lado, tirou meu dedinho da minha xota, lambeu e me disse que hoje eu não gozaria no dedo, sá fosse no dele. Abriu minhas pernas e passou a língua na minha xota inundada. O que eu senti foi tão forte que sem querer saiu um grito da minha garganta. Quando ele pegou meu grelinho entre os dentes e chupou com vontade, não gritei pq não saiu a voz. Eu sabia essas coisas, já tinha visto em filme, mas sentir, meu Deus, não há nada melhor.

Pediu que eu me joelhasse sobre sua cabeça e esfregasse a minha bucetinha peladinha na boca dele. Eu não sabia se teria forças pra ficar de joelhos, minhas pernas estavam bambas, mas não podia deixar de me esfregar naquela boca tão gostosa. Assim que sentei na cara dele, vi que o pau estava, novamente, duro como uma rocha. Não tive dúvidas, deitei em cima dele e caí de boca. Fizemos um 69, maravilhoso. O gozo foi chegando pra mim. Larguei o pau dele e voltei a ficar sentada na cara dele pra gozar me esfregando numa boca que estava ali pra mim. Pela primeira vez eu ia gozar com um homem. Outra vez eu gritei. Gozei na língua dele, gritando. Caí exausta para o lado e em seguida, recebi mais um jato de porra, desta vez nos meus cabelos e rosto. Essa foi minha primeira chupada. Minha primeira gozada acompanhada. Ainda naquela tarde, tive muitas outras. Não houve penetração naquele dia, mas tempos depois, foi ele que tirou meu cabacinho. Mas isso é outra histária.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


flagrei minha esposa dado para nosso filho cotos eroticoconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande deleconto cabaco xota cucontos eróticos vestido de langeriescontos porno chupetinho para um adultocontos de cornosmaisexo vidio de zoofilia com travestisum pivete me engravidou contospunhetando filho contos eróticosconto erotico minha mulher e uma gatinhacontos eroticos mulheres gozando no paucontos eróticos comi minha cunhada que tinha raiva de mecontos erotico irmao cafetao da irmacontos eróticos sexo com menininhas traduzidosminha sogra deu o cu para o cachorro contovídeo pornô intrigada e padrastoContoseroticosdesolteirascontos a mulher do meu amigo queria um pau grandegozo na bucetinha dá cunhadinha com jeitinhochupou pau de flanelinha dentro do carrocontos eroticos de coronel de rola grande e grossaContos lambendo cu cagadocontos eróticos dominado pela sograTatuagem na xoxota contosEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DI CALCINHA FETICHE OLHONDO ESELHO MINH BUNDAeu minha namorada e uma amiga carioca conto eróticovidio de mulier xupanocontos eroticos minha mulher virou amante doscantos eróticos d********* para o meu irmãocontos eroticos de quata feira de cinzacontos eroticos carnaval sai de cuzao e shortinhovou começar com Vanessa bucetaqueria que minha esposa me traísse contosjaponesinha novinha dividindo o quilo do pai e chupando pornôcontos eroticos vizinha de camizola curtinhaconos eróticos verdadeiro convenceu a mulher a a bundacontos tia gostosaa ai delicia ai vai vaiminha xana fica babando contoscoto erotico transex e novinho teencontos eroticos meu sogro me pegou a forçaemprestei minha esposa putariamulher sentando na embragem com o cu e buceta entregador de gas bem dotado e sexy dominadortreinando a cadela para zoofiliaConto erotico bunda a enteada mas velha.conto erotico paraense en salinas paracontos eroticos gay troca troca na infancia com primos mais novosContos gay pinto pequenocontos eróticos escrava sexuais incertocontos eroticos 16cmmorena mais paquerada transandocontos eroticos estourando a bucetinha minusculaContos erotico amei a fantasia de meu marido mim fode com a pica dele e um penes de borachaconto erótico ajudando a irmã na faltaComi minha esposa dormindo contodando banho cacula conto eroticos gayconto erotico traveco e casalcontos lu casadacontos meu genro me comendoporno mulhres usano chortes Cavadãocasa do conto rabao da mae e irma nao aguentei com baby dolpegando casada na.cadeia comtos eroticoscontos eróticos tenho 31 anos e tirei a virgindade da buceta da minha noiva de 19 anoscoroa deito e pediu pa enfia devagarsinho nu.seu.cucontos eróticos falando de orgia em faculdade de juazeiro do Norte ve porno com viadinho reganhado escorreno porraconto erotico esposa trilhasou corno choquei.conto eroticomeu namorado me fez de putapegado carona um casal com camionero contos eroticoFesta da buceta em lagoa da pratacontos eroticos aventura em resendecontos putinha do matagaltravesti bombom contos eróticosamigao raspando a os pelos da buceta da minha mulher conto e videocontos eróticos titio encheu minha bucetinha de porra pornoContos eroticos briguei com o marido dei pra outrovideo de sexo fetiche mastubaram a buceta dela com varios consodos grandescontos eroticos estuprada e gemendo gostoso issooo vaiiii nao paracontos eroticos meu amigo negao comeu minha mulhertravesti dotadu no rncontos eroticos homem casado dando ocucontos eroticos a sogra regina parte 2conto garoto esperimentei da cutava me masturbando e meu namorado chego e me chupoucheirei a calcinha da minha cunhada safada contosconto erótico fui chantageada pelo meu primo Fernando que comeu a minha mulherdando para o pintor contos eroticoscontos a devassa do analconto erótico gay usei calcinha e sai na ruaContos erotico travest vagabundaconto erotico submissa gozei choreiContos eroticos amorosa amigacontos eróticos sogra pega mulher metendo na camasou hetero mas ja paguei um boquete e gostei muitocunhada ariando a calçinha p mimcontos reais punheta gozadas