Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

REVISTAS NA CASA DE UM AMIGO DO SITIO







REVISTAS NA CASA DE UM AMIGO DO SITIO.



UM amigo da cidade que gostava de tomar banho na cachoeira da panela, sempre se insinuava para mim quando ia à cachoeira, mas eu ainda não tinha coragem de tocá-lo nem de olhar com firmeza para a imensidão de seu pau que com 19 anos já possuía um pau de aproximadamente 19 cm. Um destes dias ele me convida para ver algumas revistas pornôs que tinha na casa dele.

No dia seguinte eu fui à casa dele para verificar. Começamos a ver as revistas. Ele foi logo ficando de pau duro e dizendo que sempre transava com aquela garota da revista. Perguntei se ele conhecia. Ele respondeu que não precisava conhecer, transava mesmo assim. Perguntei-lhe como, já para ver a intenção dele. Não teve demora tirou a roupa e começou uma bela masturbação. Eu fiz menção de pegar no pau dele e ele não deixou, sô gostava que eu assistisse sua masturbação



Dizia-se hetero e adorava se masturbar naquela posição. (Com a cabeça em um travesseiro bem alto, olhando para seu pau e as pernas dobradas com os joelhos para cima)



Percebi que ele quando estava perto de gozar levantava a bundinha deixando aparecer seu cuzinho. Não queria que eu tocasse nele, sá que eu observasse e sá me deixava botar meu pau para fora quando estava bem práximo do gozo. Esta cena repetiu-se por três dias seguidos. Até que no quarto dia ele empinou tanto a bundinha que vi seu cuzinho se contraindo.



Botei meu pau para fora comecei minha masturbação.



Ele olhava desesperadamente para meu pau até que levantou as pernas e ficou de frango assado. Não resisti vê-lo naquela posição e imediatamente encostei meu pau no seu cuzinho e já todo meladinho não tive nenhuma dificuldade de penetrar meus 18,5 cm no cuzinho dele.



Cada jato de esperma que lançava era uma mordida que seu cuzinho dava em meu pau fazendo me gozar deliciosamente.



Depois de sua bela gozada, que ele voltou ao seu normal.



Olha para mim e de diz:



- Porra! Cara você me comeu.



Depois deste dias ficamos sempre vendo inicialmente as revistas e concluíamos nossos prazeres com uma boa troca.



Outro dia fui sem saber se ele estava em casa.



Para minha felicidade encontrei seu irmão de 22 anos. Mandando-me entrar sem demora. Estava de sá de cueca e seu cacete visivelmente aparente com todas as formas. Não resistir ficar sem olhar fixamente para aquilo. Perguntei pelo seu irmão e ele me respondeu que logo chegaria havia ido à farmácia comprar um lubrificante para ele.



Eu me fazendo de inocente. Disse, na farmácia ou no posto? Como? Comprar lubrificante na farmácia? Meu pai compra lubrificante no posto.



Ele disse:



- Bobinho, o lubrificante que eu quero é um deste aqui. Abriu a gaveta e me entregou um tubo de gel quase no final.



Agora estou entendendo para que é o lubrificante.



- Mas aqui ainda tem muito.



Ele disse:



- Muito sá se for para o seu que para o meu sá da para passar na metade.



-- Nossa!



Nisto ele já estava de pau quase pronto perto de sair da cueca.



Destampei o tubo e espremi um pouco em meu dedo e fiquei passando o dedo na palma de minha mão dizendo:



- Porra! Desliza mesmo.



- Nisto eu já vejo é a cabeça de seu pau chorando já do lado de fora do coes da cueca. Olho fixamente para aquilo e digo:



- Realmente precisa de muito lubrificante.



Ele então me diz:



- É que você sá esta vendo a cabeça, olhe aqui o resto.



Lançando em seguida todo aquele monumento para fora.



Não resisti, fixei o olhar ele tomou o tubo de gel de minha mão arrastando-me pra perto dele e espremeu uma boa quantidade do gel na cabeça de seu pau e disse:



- Agora termine de passar ate em baixo este retinho é para depois.



Fui logo com minha mão passando suavemente naquele cacete, bem duro, massageando aquela bem feita e brilhosa cabeça.



Ele levantou-se de repente para fechar a porta, quando voltou já foi tirando toda a cueca e me pegando por traz arriando minha bermuda e beijando minha bundinha.



Foi abrindo as minhas pernas e metendo a mão por debaixo de mim, pegando em meu pau que já estava em tempo de estourar. Passou então a lamber meu cuzinho. E tentando morder as beiradas de meu cu.



Eu no desespero. Ele foi subindo, lambendo minhas costas até seu cacete bem duro encostar bem na portinha de meu cuzinho que já estava ardendo de desejo.



- Vou comer seu cuzinho agora, vou enfiar meu pau todinho neste cuzinho gostoso. Você vai gozar bem gostoso como meu pau todo enfiado neste cuzinho



Fui abrindo as pernas e empinando minha bundinha deixando aquele monumento entrar deslizando suavemente dentro de mim. Ele metia e tirava lentamente, eu sentia a entrada desde a cabeça até quando seus ovos encostavam na minha bundinha. Eu ia rebolando empinando cada vez mais o deixando louco de prazer, pedindo que ele metesse toda.



- Mete toda vai mete todinha, me come com este pau gostoso. Fode, tudo vai, com este cacete bem lisinho deslizado dentro de meu cuzinho.



De repente ele troca de posição me fazendo cavalgar em seu pau. Colocando-me de frente para ele, deixando meu pau roçando em seu peito liso.



Eu cavalgava feito um louco cheio de prazer. Ele me pedia para gozarmos juntos.



Chegando à hora do gozo, juntamos nossas línguas uma lambendo à outra. Quando sinto o pulsar de seu cacete dentro de mim.



Ele me apertar de encontro a ele, momento que dei aquela gozada. Melando todo seu peito.



Ficamos agarradinhos nos deliciando com nossas línguas ate nossos paus ficarem adormecidos.



Caso goste deste conto, faça seu comentário e enie parameu e-mail -

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos de oncesto de sogra com derrocontos eroticos enganadacontos eroticos casei com um velhoconto menage com minha namoradacontos eroticos-melhores amigoscontos/ morena com rabo fogosorebentando o cu da irma pequena contoscontos exitantes de aline bebada com variosConto erotico mamae deixou papai come meu cu em quanto chupava elaesposinha submissa apanhando na bundacontos tia gostosa com sobrinho no beijo e amasso no carropegei minha sobrinha mastubano e acabei comeno elaContos erotico uma cadela para toda matilhacontos eroticos comendo minha ex e primaMeninas virgem estuprads pela zeladorconto minha mae chupando meu pau com meu pai ao ladocontos eroticos "sou casada" "me respeite"contos gay me depilando e pego no flagracontos estava louco pra dar o cu acabei dandobundinha arrebitada da minha irmãconto gay vendedoresposa torcendo de biquini em casa conto eroticoAquela seria uma luta inédita e muito estava em jogo para Marilia. Há 3 meses ela havia descoberto que eu tinha uma ...o que acontece se ficar com penis infiando 30hora parado dentro da bucetaContos eróticos boca maciacontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofaConto erotico incesto crenteEscravizando a casada contoscontos como dopar maridoFui cuidar do meu sobrinho doente e transei com ele contosvideo para baixa de porno home com olho vexadocontos eroticos de mulheres que fuderao com negrosContos eroticos negra entiada comi mae filhaConto começou.nascer cabelo na.buceta da.minha.cunhadinhafalei pro meu amigo que queria ver ele fodendo a minha esposaConto de machos arregacando os buracos da putamae ficadoida comdo ve pau do filho e bate pueta nelecontos reais de exibicionismo com roupas sensuais para entregadorinocensia perdida contos suruba no piasinhovi meu genro mijando e dei pra eleContos duas safadas com um machoconto:enrabadoContos casada levou dois rapazes para sua casaConto o vizinho enfiou o pintão na minha pepequinha.Contos eroticos iniciando as meninasamigas pegao mendigo na rua da banho e depois/punheta/eleContos me exibindoFodi a enteada a cunhada e sobrinha na praia de nudismo contoerooticosobrinho da um susto na tia gostosa e ela desmaia e ele mete oh pau bem fundo ne e gozar dentro dela e quando ela acorda ta toda gozadaContos o caminhoneiro me chupou inteirapapai me ensinou chupar buceta conto eroticocontos eroticos um negro me arrombandoconto incesto troquei minha filhaconto erotico pai comendo a filha mais novaFui vendida como escrava sexual para um negaogostaria dever filha cupano apica do pi dorminocontos a cunhada da primaconto eróticos professor de biologiacontos eróticos mãe no colhinhotocando punheta no maracanaEncoxador contoscontos minha primeira vez a treswww.ver contos eroticos de professoras gostosas ruivas de 20 ate 30 anos tranzando com seu alunos de 16 a 19 anos de idadequero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhoContos eu transo com meu sogro pauzudoemplorando pra ganha leite eroticos contosconto.erotico.chamando.mulher.crenti.pra.fudermeu bundao ta seduzindo meu filho contosContos eróticos de noracontos eróticos comendo abuceta da patroaconto minha morada me fodedoce nanda trepando e dando gostosinho contos eroticoscontos eróticos trair namorado atrãoconto fui pego na punhetacontos eróticos italiano dominador come viadocontos Minha esposa rabuda provocando de shortinho contos swing