Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

REVISTAS NA CASA DE UM AMIGO DO SITIO







REVISTAS NA CASA DE UM AMIGO DO SITIO.



UM amigo da cidade que gostava de tomar banho na cachoeira da panela, sempre se insinuava para mim quando ia à cachoeira, mas eu ainda não tinha coragem de tocá-lo nem de olhar com firmeza para a imensidão de seu pau que com 19 anos já possuía um pau de aproximadamente 19 cm. Um destes dias ele me convida para ver algumas revistas pornôs que tinha na casa dele.

No dia seguinte eu fui à casa dele para verificar. Começamos a ver as revistas. Ele foi logo ficando de pau duro e dizendo que sempre transava com aquela garota da revista. Perguntei se ele conhecia. Ele respondeu que não precisava conhecer, transava mesmo assim. Perguntei-lhe como, já para ver a intenção dele. Não teve demora tirou a roupa e começou uma bela masturbação. Eu fiz menção de pegar no pau dele e ele não deixou, sô gostava que eu assistisse sua masturbação



Dizia-se hetero e adorava se masturbar naquela posição. (Com a cabeça em um travesseiro bem alto, olhando para seu pau e as pernas dobradas com os joelhos para cima)



Percebi que ele quando estava perto de gozar levantava a bundinha deixando aparecer seu cuzinho. Não queria que eu tocasse nele, sá que eu observasse e sá me deixava botar meu pau para fora quando estava bem práximo do gozo. Esta cena repetiu-se por três dias seguidos. Até que no quarto dia ele empinou tanto a bundinha que vi seu cuzinho se contraindo.



Botei meu pau para fora comecei minha masturbação.



Ele olhava desesperadamente para meu pau até que levantou as pernas e ficou de frango assado. Não resisti vê-lo naquela posição e imediatamente encostei meu pau no seu cuzinho e já todo meladinho não tive nenhuma dificuldade de penetrar meus 18,5 cm no cuzinho dele.



Cada jato de esperma que lançava era uma mordida que seu cuzinho dava em meu pau fazendo me gozar deliciosamente.



Depois de sua bela gozada, que ele voltou ao seu normal.



Olha para mim e de diz:



- Porra! Cara você me comeu.



Depois deste dias ficamos sempre vendo inicialmente as revistas e concluíamos nossos prazeres com uma boa troca.



Outro dia fui sem saber se ele estava em casa.



Para minha felicidade encontrei seu irmão de 22 anos. Mandando-me entrar sem demora. Estava de sá de cueca e seu cacete visivelmente aparente com todas as formas. Não resistir ficar sem olhar fixamente para aquilo. Perguntei pelo seu irmão e ele me respondeu que logo chegaria havia ido à farmácia comprar um lubrificante para ele.



Eu me fazendo de inocente. Disse, na farmácia ou no posto? Como? Comprar lubrificante na farmácia? Meu pai compra lubrificante no posto.



Ele disse:



- Bobinho, o lubrificante que eu quero é um deste aqui. Abriu a gaveta e me entregou um tubo de gel quase no final.



Agora estou entendendo para que é o lubrificante.



- Mas aqui ainda tem muito.



Ele disse:



- Muito sá se for para o seu que para o meu sá da para passar na metade.



-- Nossa!



Nisto ele já estava de pau quase pronto perto de sair da cueca.



Destampei o tubo e espremi um pouco em meu dedo e fiquei passando o dedo na palma de minha mão dizendo:



- Porra! Desliza mesmo.



- Nisto eu já vejo é a cabeça de seu pau chorando já do lado de fora do coes da cueca. Olho fixamente para aquilo e digo:



- Realmente precisa de muito lubrificante.



Ele então me diz:



- É que você sá esta vendo a cabeça, olhe aqui o resto.



Lançando em seguida todo aquele monumento para fora.



Não resisti, fixei o olhar ele tomou o tubo de gel de minha mão arrastando-me pra perto dele e espremeu uma boa quantidade do gel na cabeça de seu pau e disse:



- Agora termine de passar ate em baixo este retinho é para depois.



Fui logo com minha mão passando suavemente naquele cacete, bem duro, massageando aquela bem feita e brilhosa cabeça.



Ele levantou-se de repente para fechar a porta, quando voltou já foi tirando toda a cueca e me pegando por traz arriando minha bermuda e beijando minha bundinha.



Foi abrindo as minhas pernas e metendo a mão por debaixo de mim, pegando em meu pau que já estava em tempo de estourar. Passou então a lamber meu cuzinho. E tentando morder as beiradas de meu cu.



Eu no desespero. Ele foi subindo, lambendo minhas costas até seu cacete bem duro encostar bem na portinha de meu cuzinho que já estava ardendo de desejo.



- Vou comer seu cuzinho agora, vou enfiar meu pau todinho neste cuzinho gostoso. Você vai gozar bem gostoso como meu pau todo enfiado neste cuzinho



Fui abrindo as pernas e empinando minha bundinha deixando aquele monumento entrar deslizando suavemente dentro de mim. Ele metia e tirava lentamente, eu sentia a entrada desde a cabeça até quando seus ovos encostavam na minha bundinha. Eu ia rebolando empinando cada vez mais o deixando louco de prazer, pedindo que ele metesse toda.



- Mete toda vai mete todinha, me come com este pau gostoso. Fode, tudo vai, com este cacete bem lisinho deslizado dentro de meu cuzinho.



De repente ele troca de posição me fazendo cavalgar em seu pau. Colocando-me de frente para ele, deixando meu pau roçando em seu peito liso.



Eu cavalgava feito um louco cheio de prazer. Ele me pedia para gozarmos juntos.



Chegando à hora do gozo, juntamos nossas línguas uma lambendo à outra. Quando sinto o pulsar de seu cacete dentro de mim.



Ele me apertar de encontro a ele, momento que dei aquela gozada. Melando todo seu peito.



Ficamos agarradinhos nos deliciando com nossas línguas ate nossos paus ficarem adormecidos.



Caso goste deste conto, faça seu comentário e enie parameu e-mail -

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto chantageei minha irma evangelicaconto herotico fiz ela grita de dor na buceta mas estorei o cabacinho delaMenina da pracinha, contoconto erótico novinho escondidi escuromenino de treze anos gostoso bundinha e cuzinho jeitoso contos eroticosnoiva tarada melando o pau do noivoCunhada olhando o volume do cunhadocontos sodomizada por dinheirocontos eroticos dei pro irmao da igrejaComi minha filhasou corno choquei.conto eroticocomendo.o cu e a buceta da novinha pela perna do short dentro do onibus lotado sem ela pode ae defendercontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandocontos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãocontos eróticos de bebados e drogados gayswww.porno cuahada virgem estupadavideospornosantaritaconto erotico viado velho humilhado por macho dominadoresposa e amante volarao a filha drama pornovarios me comero s calsinha contos gayeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoconto erotico irmaos ensinando amaninhapernas grossas dosexopegei minha sobrinha mastubano e acabei comeno elaMelhores E Gostei Contos De Celebridades QUE Praticam Zoofiliacontoseroticosviolentadacontos erótico ginecoligista e novinhafilme de sexo nacionais deixando gozar dentro da buceta dela Mambucabaconto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de contos sem querer me apaixoneicontos gay estrada calcinhaporno nas baladas de contagem novinhaswww.contos eroticos de tias soteironas com sobrinhos.comcontos mulher espreita homem a masturbar-serelatos eroticos madame coroanora bunda gostosa provacando sogro conto eroticocontos eróticos gay o cu do.garotinhoContos eroticos punheta com o pastorcontos eróticos com o genrocontos eróticos sou casada e trai o marido com negão africanoincesto Minha mãe e o meu pauOlá , meu nome é Tati sou morena , alta , magra , pois bem , vamos ao contocontos eroticos bissexual casado fui na chácara e transei com o caseiro do vizinhoconto erotico comendo a esposa do tio sem ele saberdei a buceta pro catador de lixohome pega amulher de com o melho amigo transano e fi loucoarrombei o cu da minha esposaconto menino. e.o.negaocontos eroticos travesti gordacontos eróticos babá garotinhoContos eroticos: Fui forcada por meu pai ohohhcomendo o rabo da pastora casada no contos eroticoscontos eroticos estou chifrando meu marido tomando porra do cunhadocontos eróticos gays cavalgando no tioConto erotico de xana beiçudazoofikia contis eriticos homem aosixonado pela eguanora dando pro sogrocontosfui forcada a chupar papaiContos Eróticos vi minha amiga sendo emrabada pelo maridão bem dotado fiquei com muito tesãocontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoesConto gay com cantodei para meu genroConto porno coroa e netiahomem comeno a espoza de pois asograentão abri as pernas dela e peguei naqueles peitinhos pequenos e gostosocontos eróticos chupei a bocetinha da menininha vendedora de docesContos um garota me ensinou oque era uma punhetanoiva orgia contoscontos eroticos gozando dentro da novinhacontos bdsm erposas escrava submissaconto gay fudeu e filmoucontos eroticos de transando com a cunhada casada com o consentimento do seu maridocontos erotico putas manosafudeu a presença Contos eroticos dei a buceta para inimigocontos eróticos as amiguinhascontos erótico festa com a filhaele me enraboa calcinha toda travada no rabocontos eróticos tomei chute no sacoComtos eroticos fudendo com meu marido e nosso amigovideo dei o rabo padrasto