Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIABINHA NA PELE DE CORDEIRO (ESCORPIAO)

Bom dia caros amigos! meu nome é maresia ha 6 anos atraz tive um caso com uma mulher olhe como tudo começo.



Era um dia de segunda feira terminava de cregar no trabalho e vi o pessoal conversando sobre uma carta que estava presa na porta da empresa esculhambando um dos funcionarios, nome dele ( DAN ) dizendo, dan é um boiola ele nao satisfaz nem uma mulher ele é um broxa iai por diante o pessoal fez muita gozação eu chegui para ele e disse que queria saber quem era para mostrar a ele com é que faz, ele me passo o msn dela cadastrei o msn dela dois dias depois estava viajando a trabalho e fui no horario de 13:00 horas numa lan house 19 minutos depois ela entrou no msn comecei a falar com ela, ela perguntou quem eu era disse que era um amigo e disse que estava viajando mais no outro dia estava devolta para a cidade ai marcamos para sair ela disse que iria para a igreja mais poderia pegala 19:30 proximo a igreja chegando no local marcado parei o carro e ela foi logo entrando no carro ela pergundou meu nome e rastei o carro ela percebeu que eu estava indo direto para um motel ali perto sem muita conversa ela foi dando uma de santinha mais eu ja sabia quem era ela uma putinha com camuflagem de santinha perguntei a ela onde ela queria ir ela me respondeu qual quer lugar para batermos um papo veio logo um logar que tem pouco movimento ali proximo parei o carro e comercamos a conversa olha como ela estava vistida uma blusa com um ziper todo fechado ate o pescoço uma saia ate os pés quem não conhecese via que era uma menina recatada mais ja sabia da fama dela somecei perguntando se ela tinha namorado ela me respondeu que não nesse papo vai papo vem passei a mão nas pernas dela ela tirou minha mão e ficou segurando alisava apertada meu pau ja estava duro mostrei a ela que sá na pegada dela nas minhas mão eu ja estava daqueli jeito ela solto minha mais e puxou a saia ate o juelho perninha lindas mais fui logo passando a mão nas pernas dela ela deixou comecamos a namorar no carro sá rolava putaria tirei a calcinha dela passei o dedo na xaninha dela com a outra mão apertava os peitos durinhos dela ela segurava meu pau com um força que parecia que iria amassar ela começou a bater um punheta em mim mais ela ja estava louca eu ja estava com dois dedos na buceta dela chupando os peitinhos dela ai ela caiu de boca no meu pau que delicia ai o cordeirinha de mostrou uma loba mais nesse dia nao passou disso ela disse que ja estava muito tarde e tinha que ir pq a igreja ja estava terminando marcamos para sair no outro dia quando chego no lugar marcado ela ja estava lá eu estava com uma moto dei o capacete a ela isso era um dia de sabado pegui ela e não contei conversa isso era 13:30 da tarde pevei ela direto para o motel chegando la tirei logo a minha roupa ela fingia que estava envergonhada uma diabinha deitei ela na cama e fui tirando a roupa dela uma a uma tirei a blusa depois tireo o shorts isso na maior putaria chupando a barriguinha pasando a linguinha no umbiginho tirei o sutiã dei uma chupadinha nos peitinhos depois fui dessendo chupando a barriguinha e tirando a calcinha dei logo uma chupada na bucetinha dela toda raspadinha uma delicia ela foi a loucura começou a gemer parei perguntei se ela estava sentindo alguma coisa ela me resposndei estou morrendo de tesão não para fiz bastante tortura na bucetinha dela passando a linguinha no pinguelinho ela ja estava quase chorando dei meu pau para ela chupar ela chupara com uma vantade louca quase soltava o couro mais estava uma delicia puchei ela e fizemos um 69 delicioso ela gozou em minha cara tremia rebolava e gemia que delicia logo depois sem demorar muito sai debaixo dela e fui para traz ela ainda estava estaziada com a gozada que ela deu mais nem deizei ela respira fui logo merendo nela ela deu um pulo calma assim vc me mata eu disse é isso que quero fazer lhe matar vira a bucetinha para ca ela bem devasa virou eu não contei conversa enfiei a te o talo ela rebolava gemia gritava ela gozou d novo eu tb gozei deitamos uns minutinhos e fomos tomar um banho eu tomei o banho primeiro e valtei para a cama liguei a tv e ja estava passando um filme porno quando ela volto ja estava de pau duro dnovo ela sá tirou a tualha e caui de bora no meu cacete chupou e sentou no cacete rebolando sentava em meu pau de estivese sentando num riguedo enfiava bem forte pulava gritava um tesão sá ela virou e começou a enfiar de costa nisso eu estava deitado e ela pulando rebolava ai gozamos dnovo levantamos e fomos tomar um banho tomei meu banho e voltei para a cama estava passando outro filme o cara estava comendo a bunda da mulher veio logo a ideia de ver se ela era tão devassa assim ela volto e deito jo meu peito começoa pegar no meu pau ele foi endurecendo dnovo ela caiu de boca dnovo ai ue disse agora é minha vez coloquei ela de 4 enfiei o pau na buceta dela deu uma meladinha no pau e disse a ela agora quero deu cuzinho ela deu um pulo ei ai não eu perguntei pq ela disse que não iria duer eu disse a ela se duesse muito eu parava ela bem safaca topou peguei o gel pasei no pau e no cuzinho dela que ja estava piscando fui colocando o dedo aos poucos quando o dedo ja estava entrando direitinho eu coloquei ela de 4 mandei ela empinar a bundinha e fui colocando ela dizia que estava duendo mais fui com bastante paciencia colocando bem devagarinho ela gemia mais eu não parava ia sempredizendo que ja iria parar de doer quando ela deu por conta ja estava todo dentro ai foi putaria pura metia o dedo na buceta dela e enfia va no cu ela disse que foi uma experiencia muito gostosa gozei e fomos tomar outro banho saimos juntos do banho vistimos a roupa pedi a conta quando olhei no relogio ja era 19:00 horas da noite ela disse que a mãe dela iria matar ela paguei a conta e fomos embora quando chegava perto da casa dela falei a ela que trabalhava uma empresa de imformatica ela tomou um susto e perguntou onde eu disse que era na xxx xxxxxxxxxxx ela aregalou o olho e disse eu conheço um pessoal de la eu perguntei que ela me disse dan eu disse foi ela que me deu seu msn ela arregalou o olho dnovo e eu falei a ela que sabia que foi ela que colocou uma carta na porta da empresa esculhambando ele e perguntei a ela se iria fazer a mesma coisa comigo ela disse esculhambei ela pq ele nem um beijo me deu parecia que era virgem mais vc não pessoal isso foi o segundo dia que sai com ela tem mais 5 dia esse é capitulo 1ª



agradecido desde ja por aqueles que leia e de sua nota para que possamos sempre melhorar com o encentivo dos leitores

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos corninho limpamdo xoxota da esposa cheia de gozo do amanteconto flagrei minha mãe dando para um bem dotadocontos sogra biquini cornocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html CONTOS EROTICOS DE.BUCETAS ARROMBADAScantos eroticos de casada dando o cu vergiContos Marido virou viado na lua de melpau grande enfiadi. todo nicucontos eroticos empregadinhas cagando no pau do prataofui penetradover contos erótico está na real primo com prima gordinha gostosaenrabada pelo meu filho especialmeu amigo me domina e me faz de escravo do sexo gayconto aposta amigotraveati fudendo na cpzinha do apartamento no fruta pornocontos eroticos filho da minha vizinha amante maravilhosomelequei a bucetaesposa cheia de porra na praia de nudismo casa dos contosvaselina conto héterobrincando com maninho acabou em sexoconto fui por cima do meu primocontos eroticos gay game apostaFui vendida como escrava sexual para um negaoninfeta cintura fina bunduda belo par de seioscontos eroticos gerro tomado umas cervejas com a sogra sozinhos e da em cima delagorda gozando contoscontos fui brincar amoite de esconde esconde e dei o cu pra todos mulequestenho traços femininos cu conto eroticocontos eróticos com esposa pedindo merda na bocachantageada e humilhada pela empregada negraporno encejo com sogro e sogra pra serular"minha filha" "ela gozou" "meus seios" "ela gozou" -papai incestominha amiga me comeuconto erotico sofreu no anal com outroporno amador em festinhasparticulareschorou na pica/contocontos eroticos real a primeira vez q gozeiComtos tia e sobrinha fodidas pelos amigos do tiofudode a sogra deliciacontos eroticos com japonesacontos virei femea na republica gayContos eroticos estupros coletivos veriticoslambida no onibusconto eroticoconto eroticocontos eróticos infânciafui arrombado no cuzinhocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos chupando buceta cabeludaconto erotico minha vovó chupona e netacontos eróticos comendo a genteconto erótico ajudando a irmã na faltacontos eróticos de bebados e drogados gaysPapai enfiou o dedo na minha buc*** e gostei!contos eroticos gay meu tio de dezessete anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscontos eróticos solitário buceta de cajaracontos eroticos sogramulher e homem dançando bem agarradinho e funk sensualcontos eroticos bolinada no onibuscontos novinha rabuda deu p paiconto erótico viadinho de calcinha é enrabado na construçãocontos eróticos incesto minha putinha dengosacontos bebe safadacontos eróticos com mulher alemoaputinha submissa do tionem peitinho teen grita na pau do vocontos erotico fui abusado pela vizinhacontos eroticos primeiro empregoconto de o tenente me chupou muito gaycomi esposa do meu amigo de trabalho contos eróticoscasa dos contos mae e filha xupação de bucetameu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavacontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosaconto mamae fode com filho aniversariantecontos escravizada por chantagenscontos com teen fodida aos onze anos por tres roludoscontos com sobrinhaconto erotico humilhei meu marido