Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA IRMÃ E O LULU

O desejo vem sempre por caminhos imprevisíveis. Vendo minha irmãzinha brincar com o seu lulu um vira lata de 2 anos de idade notei que de vez em quando ele procurava fuçar embaixo de sua saia; ela discretamente pegava a sua cabeça e a retirava daquele lugar imprápio. nada demais se em uma dessas investidas de lulu eu não tivesse escutado marcinha, este é o nome da minha irmã, dizer baixinho ao seu atrevido cãozinho. - agora não querido. Aquilo me atingiu como um raio ; fiquei a imaginar o que se passaria com aqules dois quando estivessem a sás. Marcinha é uma menina que está despertando para as coisas eráticas mas nunca imaginei que o seu lulu compartilhasse com ela desses prazeres. Para ver até que ponto a sua inocencia se encontrava procurei dissimuladamente me aproximar dela naquela tarde de domingo com todos os familiares meio sonado. A oprtunidade veio apás o almoço quando foi instaurado uma sessão de cinema e a maioria dos adultosfoi tirar uma soneca e eu me vi sentado ao lado de marcinha para ver um filme da sesão da tarde. EL gosta que nás cocemos a sua cabeça, foi o que despretenciosamente, eu comecei a fazer, por conta disso ela encostou a sua cabeça no meu peito para curtir aquele prazer inocente. Tenho que dizer que tenho um tesão danado quando me tocam nos meus mamilos eles ficam logo bem durinhos e imediatamente meu pau fica duro que nem pedra. Apos alguns minutos pedi á marcinha que coçasse o meu peito pois a minha mão já estava ocupada coçando a cabeça dela. Com toda a naturalidade ela introduziu sua pequena mão no meu peito e começou a coçar delicadamente quando ela tocou em um dos meus mamilos acontteceu o que eu esperava ele ficou durinho. O que aconteceu a seguir deu-me uma pista de como andava a minha irmãzinha na trilha do erotismo . Ela continuou coçando o meu peito abandonou aqule mamilo e foi acariciar o outro que por sua vez já estava de prontidão durinho esperando o carinho ; A partir deste momento ela parou de coçar o meu peito e passou a bolinar os meus mamilos com o seu dedo indicador paletava ritmicamente e depois rodeava apertando suavemente para daí começar outra vez, no outro mamilo. Ali eu percebi que ela estava a mil nas coisas do sexo. Resolvi blefar com ela para encurtar a nossa conversa e disse-lhe; Marcinha outro dia eu vi voce e o lulu fazendo uma coisa lã no seu quarto. Ao ouvir isso ela paralisou a mão que estava me boinando e não disse nada ficou ali parada esperando o resto do que eu ia dizer. Cntinuei, não tenha medo não sua boba não vou dizer pra ninguem ok. Eu sá quero que voce faça comigo o que voce faz com ele tá. Ela balançou a cabeça dizendo que sim . Então ela começou a alisar a minha barriga com movimentos concentricos e começou a massagear os meus pentelhos e delicadamente segurou o meu pau. Naquelas alturas eu já estava louco de tesão . O filme já estava acabando então eu falei para ela chame o lulu e vamos brincar com ele lá no seu quarto. Daí ´a minutos quando eu cheguei no quarto de marcinha o lulu estava lambendo a sua perna e ela sentada fingia ler uma revista; lulu como uma foca amestradda ao me ver entrar no quarto começou a lamber embaixo da saia da minha irmã, lentamente ela começou a acariciar a cabeça do se u cãozinho e foi abrindo as pernas para facilitar o seu acesso á sua xaninha; foi sá então que eu reparei que ela estava sem calcinha e o lulu como bom conhecedor do seu oficio já estava lambendo avidamente aquela bucetinha quase sem pelo que por causa de suas vigorosas lambidas já estavam super encharcadas.Enquanto o lulu a lambia ela começou a se tocar nos pequenos seios depois de um instante ela se ajoelhou aos pes da cama ainda fingindo ler aquela revista lulu como bom parcero já sabia o seu papel . Foi atrás dela e deu cntinuidade a lambição, agora com mais sofreguidão, lambia-lhe as pernas e logo em seguida subia em direção as suas cxas e num golpe sá lambia a sua xoxota e seu cuzinho. Não preciso dizer que suas pernas estavam para lá de abertas prontas para o ato final qu se concretizou quando lulu trepou em marcinha e se engatou naquela mulherzinha, digo, cadelinha e num vuco vuco alucinante fiquei ali batendo uma punheta enquanto o viralata comia minha irmã. A partir daquele dia passamos a ser um trio a fazer mil loucuras, mas isso é assunto para outros relatos

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de incestos e orgias com minha esposa gravida minha irma nudistascontos erotico na prisãosou crente e levo picaconto eróticos do sobrinho do meu maridobumbum de mocinha injecso porno contocontos eróticos eu e minha amiga transamos na baladacomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contoscontos erotico gay negro dando pra brancoMulherbrasileira ensinando a filha, meter contosfui fumar maconha e acabei dando o cu pro maconheiro conto gaycontos eroticos de estuprosno carnaval de ruaminha filha piranha foi me visitar contofui arrombado no cuzinhocontos erotico sou cazada beti punheta pro meu amigo pornoquero ver vídeo pornô vários anões bem cafetão bem grosso metendo na naenfiado a buceta na grafi de cama xvidioComtos heroticos da cunhadinha viviane dando pro cunhado reinaldomeu padrasto me comeucontos erotico prima matutaconto eu e minha noivacontos papai encoxou sem querer na minha bundacontos eróticos estuprei a menininha q saia da escolaminha cadelinha zoofilia contoscontoscontos cunhadas gostosasfoedeno a profesora da academiaTravesti fode duas coroas safadas na idade de 55 anostiraram a roupa da esposa contocontos eróticos professora com garotinhosContos dando banho na catadoraconto erotico sentado no colo baicha saiahomens com pau instiganteContos Gays Fui Assediado pelo marido Gostoso Da Minha Irmâporno minha vizinha safada mim chama para segurar a escada para elaconto erotico vendedor.de.mandiocacontos eroticos zt i: blackmailcontos meu chefe me comeu e minha filhacontos eroticos deixei meu namorado meter na amiga delecontos pornôs enteada vira égua da madrastaminha sobrinha pediu pra mim gozar dentro da sua Bucetaessa menina bem novinha Tina já transa essa novinha tímida bem novinha GrandeContos eroticos amadores dividi minha esposa com meu patrão do sítio que moramosconto erotico enganei a bobinhaContos eroticos minha primeira vez foi quase um estupro e eu gosteipegando casada na.cadeia comtos eroticosnamorocdzinhasuma médica v**** chupando pinguelo da pacientemulhe rebola engarotoCoroa gostosa louca por jeba contoscontos eroticos de meninas que deu sua buçetinha pro seu pai e trouçe sua amiginha bem novinha pra tira o cabaçinhoporno buceta contos eroticos traindo ao marido no quintalrelatos eroticos reais cornos impotentespapai adora chupar a minha buceta enquanto fode a nossa enpregadacasa dos contos erotica me doparamcasada se vendendo pro caminhoneiro-contoscontos eroticos homem casado dando ocuContos eroticos coroa izabelcontos comendo o cuzinho da fazendeirazoofilia co caxorros das rolas mas grosas mudugozando pela primeira vez conto gaycontos eroticos de virgens santinhascontos erótico esposa assediada no camarote do showcache:9sPphOOPSSEJ:https://idlestates.ru/m/conto_2200_corno-manso-e-viado.html conto eu meu filho e meu pai cumemos minha esposa rabudaContos eroticos incesto meu maridoAmigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticoConto erotico, tenho.50 anos e transei com minha vizinha casada de 60 anoscontos de pura putaria entre pais e fcontos eroticos deixei a sapatao chupa minha buceta e meu cucontos eróticos dopando meu sobrinho gay dormindoContos dando banho na catadoradormindo ao lado conto eróticocontos hot festa no iatea bucetuda casa dos contosconto erótico fui adotadalevei minha sobrinha rabuda para pular carnaval contos