Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MATINAL - ACORDANDO DEVAGAR...

É bem cedo.



Acordo devagar, sinto a perna dela, quente, encostada na minha. Ela de lado, eu me encaixo, conchinha, 22.



É aquele acordar de olhos fechados, sentindo pelo tato.



Eu nu, ela sá de camiseta.



Abraço, a mão sobe aos seios, e vou acordando excitado. O pau encostando na bundinha dela, vai se encaixando, esse contato de pele excita mais, vai deixando ele mais duro.



Pego ele e coloco direitinho atrás, ao longo da xaninha, a cabecinha lá no ponto. Acaricio os seios, ela vai acordando. Ouço um “hummm” baixinho.



Mexo sá o pau, dando aquele “pulso” nele. Ele cutuca, de leve a xaninha. Vou fazendo isso, ficando mais e mais excitado. A minha mão acariciando o seio dela.



Ainda estou de olhos fechados, e ela acordando, mexendo a bundinha. Empina pra trás, mexe gostosinho. Vai ficando molhadinha, a cabecinha escorregando nela, pincelando ela, querendo entrar.



Pego ele e ajeito, a cabecinha encaixa, entra um pouco. Ela gosta, empina mais, mexe, rebola devagar.



Entra a cabecinha, delícia.



Os olhos ainda fechados, o corpo todo sentindo. Mexendo, gostoso, ele entrando, ela sentindo, molhada.



Escorrega pra dentro, quente, sai um pouco, reboladinha. Ouço aquele gemido baixinho, gostoso, a respiração começa a aumentar o ritmo. Minha esposa acordada, mas de olhos fechados. Os dois ainda no escuro, mas o corpo todo aceso, acordado, tesão.



Ficamos assim, encaixados, de ladinho metendo gostoso por trás, mas não atrás. Ela mexe mais rápido, empina mais, entra mais. Fica bem dentro, agora sá rebolando, sentindo. Ficamos assim nesse ritmo, sentindo tudo de bom que uma penetração tem. Uma entrega, o corpo mexe ao sabor da metida, ao sabor do contato, ele duro-duro, sentindo ela molhada-molhada, quente, deliciosa.



Eu já quase segurando para não gozar, delirando, sensação doutromundo.



Ela diz baixinho: “não pode, segura”. A pílula dela foi trocada, é perigoso gozar dentro da xaninha. Ela mexe mais rápido, “segura”, eu seguro, ela respira alto, “ai! ai!...”, ela para, fica sentindo ele, eu sentindo ela me apertando, xaninha pulsando. Ela vai com a mão por trás, pega meu pau e sobe um pouco ele, coloca a cabecinha no buraquinho de trás. Delícia, indescritível – adoro isso. Ela encosta a cabecinha no cuzinho, tudo molhado, escorregando. Força um pouquinho, apertado, entra de leve. Eu forço um pouquinho mais, sinto a pressão, delícia demais.



Pergunto: “tá doendo?”. “Não, tá gostoso”, ela sussurra. Entra mais um pouco, gostoso, quente, apertado. Ela rebola um pouquinho, ele dentro. Minha mão do seio desce na xaninha, sente ela molhadíssima.



Rebola, mete, entra, delírio. De ladinho, por trás e agora atrás. Cuzinho gostoso, eu digo: “delícia, bundinha gostosa”. Ele geme gostoso, baixinho, “ai... ai..., vai...”.



Eu meto mais, já não aguento, expludo num gozo intenso, gostoso, longo.



“Ahhh, ahh...” – gemo, ela geme, gememos.



Encaixados, ele lá, espamos.



Abraço mais apertado, todo o corpo sente. O ritmo vai diminuindo, a respiração voltando ao normal. Corpo relaxando, se recuperando. Ainda encaixados, meu pau ainda dentro, vai diminuindo.



Paz, silêncio, soneca vem.



Ouve-se barulhos no outro quarto, deve ser o filho acordando.



Soneca, gostosa, agarrada, grudada. É por isso que tanto se fala que é gostoso dormir de conchinha?



Mais barulho – “mãeeeee!”. O filho acorda. O corpo vai acordando.



Levantamos, ela vai ao banheiro.



Mais um dia vai começar.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos a enfermeira velhacontos eroticos - minha mãe e o transcomtos eroticos..carona i sexooque falar quando um menino fala pra voce "quero lhe fuder"??porno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneirominha tiade fio dental exibidaContos eroticos meninas x gorilasvirando escrava submissa do traficante contodando.para irmaos contostetudaCaidacomi o gordo conto eróticocontos tia vai foder gostoso isso delicia vai issogritando e pedindo pra nao botar pois doi pra nao perde o cabacocontos eroticos corno vou te fudercontos eróticos esposa amanheci toda meladacontos eroticos estrupocontos de sexo picantes filhas se acabando nas pirocas. groças. e grandes do papai taradaocontos acordei louca para fuder com meu irmaoRelato minha mulher no shopping sem calcinhaContos eróticos com anal jovem inocente gostei gostoso ela chorouVovô me chupou os seios enormes de leite contos eróticoscontos eróticos mulher vai ate afazenda trepar com capatazvirei puto do vovo conto gaycontos eroticos dei pro irmao da igrejahistoria porno de meninas com seu irmao tarado nocampcontos eroticoslingua no cuperdi minha mulher no jogo contos eroticoscontos incesto minha filha fazendo fisting em mimcontos erroticos meu sogro bem dotado arronbo meucontos erodicos de cabrito macho fazendo sexo com gostosa zoolofiaContos erotico suruba com meninas pequenas e vigemsmaravilha conto heteroCasadas com tio contoscontos eroticos aluno da auto escolaconto erotico travesti namorando vizinhoConto enteada nao aguentou tudocontos o sindicoEngolindo a piroca do irmozinho contoseroticoscontos tirei sua ropa bem de vagar pra ela nao se acordacontos eroticos incestos meu homem ciumentoquando eu estava com o meu namorado e ele estava chupando o mwu peito ele me chamou de safada o que sera que ele quis dizer com issocontos erotico de freira com padre velhogostosa.acarisiado.a.buseta.deibacho.da.mesavizinha trai marido com cunhadinho contoscontos chantageando minha mae peituda no matoconto erotico a filha curiosaSou casada fui pra um acampamento com os colegas a amigas putassurubar    contos porno chupetinho para um adultocontos eroticos fui fodida feito puta e chingada de vadia putaconto a velha bundudacontos Eroticos zangadinha safainha contos porno maior q meu antebraçocontos incesto filhonas conto como tornar cornoContos eroticos de esposa na estradavidio de mulheres sendo emcochada ela fica de calcinha toda molladachantagiei minha irma casada contosvou contarcomo transei com minha primacontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos sou crente mas tenho um fogo no cutio vaqueiro conto gaymarido de marleni vendo ela transarloira resebi anal depois de treinamentocontos de minha sogra cheirou minha cuecaContos sou casada mas colei o velcro com a vizingaNayara chupando contoContos eróticos de gay comi a bunda do meu tioContos.erotico.mae.filho.depois.do passeio.na.praia.conto erotico batendo sozinha minha siririca gozandosexo arrombaram minha maecontos eroticos de incesto mae ver o pau duro do filho fica excitada e grande filhocontosincestofilhaTravesti que dá de graça em bhsexo com a irmãzinha contos eróticosgay aperta,amassa e masturba o pau do parceiro e ele goza gostosoconto comi cliente da minha mulhervai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonanovinhanoonibuscontossocontos eroticos de traicao com vizinha gostosa