Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MATINAL - ACORDANDO DEVAGAR...

É bem cedo.



Acordo devagar, sinto a perna dela, quente, encostada na minha. Ela de lado, eu me encaixo, conchinha, 22.



É aquele acordar de olhos fechados, sentindo pelo tato.



Eu nu, ela sá de camiseta.



Abraço, a mão sobe aos seios, e vou acordando excitado. O pau encostando na bundinha dela, vai se encaixando, esse contato de pele excita mais, vai deixando ele mais duro.



Pego ele e coloco direitinho atrás, ao longo da xaninha, a cabecinha lá no ponto. Acaricio os seios, ela vai acordando. Ouço um “hummm” baixinho.



Mexo sá o pau, dando aquele “pulso” nele. Ele cutuca, de leve a xaninha. Vou fazendo isso, ficando mais e mais excitado. A minha mão acariciando o seio dela.



Ainda estou de olhos fechados, e ela acordando, mexendo a bundinha. Empina pra trás, mexe gostosinho. Vai ficando molhadinha, a cabecinha escorregando nela, pincelando ela, querendo entrar.



Pego ele e ajeito, a cabecinha encaixa, entra um pouco. Ela gosta, empina mais, mexe, rebola devagar.



Entra a cabecinha, delícia.



Os olhos ainda fechados, o corpo todo sentindo. Mexendo, gostoso, ele entrando, ela sentindo, molhada.



Escorrega pra dentro, quente, sai um pouco, reboladinha. Ouço aquele gemido baixinho, gostoso, a respiração começa a aumentar o ritmo. Minha esposa acordada, mas de olhos fechados. Os dois ainda no escuro, mas o corpo todo aceso, acordado, tesão.



Ficamos assim, encaixados, de ladinho metendo gostoso por trás, mas não atrás. Ela mexe mais rápido, empina mais, entra mais. Fica bem dentro, agora sá rebolando, sentindo. Ficamos assim nesse ritmo, sentindo tudo de bom que uma penetração tem. Uma entrega, o corpo mexe ao sabor da metida, ao sabor do contato, ele duro-duro, sentindo ela molhada-molhada, quente, deliciosa.



Eu já quase segurando para não gozar, delirando, sensação doutromundo.



Ela diz baixinho: “não pode, segura”. A pílula dela foi trocada, é perigoso gozar dentro da xaninha. Ela mexe mais rápido, “segura”, eu seguro, ela respira alto, “ai! ai!...”, ela para, fica sentindo ele, eu sentindo ela me apertando, xaninha pulsando. Ela vai com a mão por trás, pega meu pau e sobe um pouco ele, coloca a cabecinha no buraquinho de trás. Delícia, indescritível – adoro isso. Ela encosta a cabecinha no cuzinho, tudo molhado, escorregando. Força um pouquinho, apertado, entra de leve. Eu forço um pouquinho mais, sinto a pressão, delícia demais.



Pergunto: “tá doendo?”. “Não, tá gostoso”, ela sussurra. Entra mais um pouco, gostoso, quente, apertado. Ela rebola um pouquinho, ele dentro. Minha mão do seio desce na xaninha, sente ela molhadíssima.



Rebola, mete, entra, delírio. De ladinho, por trás e agora atrás. Cuzinho gostoso, eu digo: “delícia, bundinha gostosa”. Ele geme gostoso, baixinho, “ai... ai..., vai...”.



Eu meto mais, já não aguento, expludo num gozo intenso, gostoso, longo.



“Ahhh, ahh...” – gemo, ela geme, gememos.



Encaixados, ele lá, espamos.



Abraço mais apertado, todo o corpo sente. O ritmo vai diminuindo, a respiração voltando ao normal. Corpo relaxando, se recuperando. Ainda encaixados, meu pau ainda dentro, vai diminuindo.



Paz, silêncio, soneca vem.



Ouve-se barulhos no outro quarto, deve ser o filho acordando.



Soneca, gostosa, agarrada, grudada. É por isso que tanto se fala que é gostoso dormir de conchinha?



Mais barulho – “mãeeeee!”. O filho acorda. O corpo vai acordando.



Levantamos, ela vai ao banheiro.



Mais um dia vai começar.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos na escola vi o viadonho emfiamdo um lapis no cuconto erotico esposa olhava por marido e gemia com cara safadaContos gays fui de fio dental no cine porno e fui arrombadominha mae contos eroticoscontos eroticos piscina peitos fartos seduziContos eroticos de mulheres sendo abolinadas no onibus lotadoscontos tias de 29 anos loiragarotinha contoscontos uma menina me seduziucontos chavecando o cuzinho da coroacontos eroticos lua de melegua deixa homer comer sua buceta virgconto erotico sentado no colo baicha saiacontosdesexopicantescontos eroticos abri uma cratera no cu da filha da minha primacontos eroticos professoracoroas defloração relatozoofilia mobile ticas pornoContos Eróticos vi minha amiga sendo emrabada pelo maridão bem dotado fiquei com muito tesãoContos eróticos gangbanglongos contos eroticos estupros dpdoce nanda contos eroticosconvidei o Celso para enrabar minha esposatravesti do pau vermelho cabeça g****** jato sexocontos erticos/garotinhascondos erodicos perdendo virgindadecontos de sexo com mulheres menstruadascontos eroticos perdi meu cabaçocontos eróticos mãe e filho de araraquradanada da minha cunhada louca pra darCONTO O SEQUESTRADOR SEGUNDA PARTEcontos eroticos.o tio da borracharia me mostrou o pauconto gay fudeu e filmouFodi minha sobrinhaComi minha sobrinha contos eroticosfui roubada e comeram meu cufilha pelada contosContos eróticos picantes-padrasto e sobrinhaminha esposa em puta vai mete vou gozar cotoscontos eu dancando funk para o titiocontos esquentando a relaçãocontos eroticos levando dedada do vovovou rasgar sua boceta vagabundaconto erotico madrinha pediucontos eróticos comi minha quando ficamos só em casacontos eroticos de senzalasconto sendo estrupsda pelo travesticonto mingau. de porracontos eróticos prima e irmãCONTOS ESPOSA CORNO ANDREARelatos sexuais me encoxando na cozinha e o corno na salacontos eroticos esposa velhocrescendo o pau aqui na frente da filha contos eroticosvideo de sexo encochando garotinhas e gozando nas coxas e pernas.fui pega no flagra contos eroticosvestida de caipira sem calcinhacontos meu marido adora me ver sendo chupada por outra mulhercontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofacontos tentei dar mas a buceta nao aguentoufizemos sexo bi com um estranho contocontos abusadocomi varios cu na casa de sungcasadas baxias di calsias na zoofiliacontos eroticos de praia de nudismocontos arrombado no banheiroconto erotico gay papai e titiocontos eroticos menina com pedreironamorado embreagou a namorada para foder o cuzinho delacontos eroticos comendo o cachorro da ruasentou no meu colo conto eroticorelato homem chorou com a tora no raboContos eroticos sem calcinha estuprada pelo sadomasoquistacontos eróticos gays cu de bebado nao tem donoconto de exibicionismo no barzinhorelatos eróticos de incesto sogra cheirando minhas calcinha usadascontos eroticos de tia masturbacaover entiado forçou a madrasta a tranza com elecontos porno dava pro meu padastroContos eroticos pai q criou a filha sozinha trepando cm a filinha virgemMinha filhinha conto eroticocrente fudendo o cu contos eroticossocontos eroticos de traicao com vizinha gostosaler relato de suruba na casa da comadrixvideoporno com er maoscontos eróticos - dando carona pra duascontos erótico me rasgaram mo acampamentocontos horoticos verdadeiras pelotassubstitui o papai contos eróticoseu confesso so faltei esfregar a buceta nele e ele nao me comeucontos eróticos de gay e titio e amigocontos eroticos dormindovidio muher trasa com homen com pido pequenonovinha p****** dando para o bodãoContos eroticos de pai estrupos de andiada gratismarido sortiado a esposa contos eroticos