Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI MINHA IRMA CACULA

COMI MINHA ÍRMãCAÇULA



Era um dia quente de verão. Estava na janela olhando a paisagem ao redor. O calor era insuportável. Não havia nada para se fazer naquela tarde ensolarada. Resolvi ir para o quarto e ditar um pouco.

Quanto entro no quarto, vejo minha irmãzinha deitada na minha cama de bruços. Ela estava dormindo. Estava usando mini-blusa e uma saia curtíssima. Aproximei-me e comecei a tentar acordá-la. Mas ela dormia profundamente. Dava para ver o volume da buceta na calcinha. Afastei-me um pouco e comecei o observá-la com atenção. Aproximei-me novamente e virei ela de frente para mim. Suas pernas ficaram abertas em minha direção. Era uma visão maravilhosa. Não resisti à tentação e resolvi passar as mãos nos seus seios. Eles eram de tamanho médio, firmes e, para minha surpresa, começaram a ficar durinhos com as minhas carícias.

Desci as mãos até chegar à sua buceta. Volumosa e macia, acariciava com cuidado com receio de acordá-la. Passava o dedinho na entrada. Não resisti e afastei sua calcinha de lado. Foi a visão mais maravilhosa que tive em toda a minha vida. Sua buceta era linda. Depilada e lisinha: Perfeita. Percebi que sua buceta começava a ficar molhada. Minha irmã mesmo dormindo já estava ficando excitada. Me abaixei na sua frente, abri suas pernas e comecei a chupar aquela buceta maravilhosa. Com o passar do tempo, chupava com mais força. Estava bebendo todo o leitinho que saia daquela xoxotinha deliciosa.

Estava com tanto tesão que resolvi tirar sua calcinha: talvez fosse a única chance de fuder minha írmã, não podia desperdiçá-la. De repente, ela começa a se movimentar: estava acordando. Quando se encontra de pernas abertas e eu agachado na sua frente ela sem calcinha, solta um grito ensurdecedor (deve ter sido ouvido em toda a vizinhança).

Fiquei apavorado. Tentei acalmá-la. Ela estava muito nervosa. Perguntou se eu havia visto ela pelada. Disse que sim. Ela perguntou por que eu tinha feito aquilo com ela. Porque era louco por ele, respondi. Disse a ela que não diria nada a ninguém se ela fizesse isso sá essa fez comigo. Ela pensou um pouco e disse que sim.

Comecei a chupar novamente sua buceta. Ela gemia de prazer. Pedi para ela sentar na cama e coloquei meu cacete para forra. Pedi que chupasse. Ela abocanhou todo de uma vez. Chupava deliciosamente. Mas não estava interessado nisso. Fui direto ao ponto principal: sua buceta.

Com as pernas bem abertas, coloquei meu cacete bem na entrada de sua xoxotinha. Ela disse que estava com medo de doer. Prometi que se doesse, eu pararia. Comecei a empurrar meu cacete naquela buceta maravilhosa bem devagar. A cada centímetro que entrava, mais alto ela Gemia. Começamos a nos beijar. Meu cacete já estava todo dentro dela e ela pedia para que eu mexesse mais rápido. Estávamos fudendo intensamente. Metia nele com todo força. Ela dizia que me amava. O que fazia eu meter mais forte ainda.

Ela começou a tremer, percebi que estava gozando. Iniciei uma sequência de estocadas com mais intensidade. Queria gozar junto com ela. Enfiar tudo, pediu. Ela gemia e se contorcia de prazer: estava gozando. Pouco tempo depois era minha vez. O gozo veio de forma tão intensa. Esporrei tudo dentro dela. Aquilo foi maravilhoso.

Estávamos exaustos. Prometemos um ao outro que essa seria a primeira de muitas transas gostosas.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Filmei minha chupando estranhos na porta do carroporn dpois de ir a padaria com o visinhocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html contos minha irma me chupou dormindoContos dando cu primeira vez no assaltomeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contomenina sapeca danada enganou todos contos eroticosdei o cu na fazenda contoscontos de incetos e orgias entre irmas nudismopia se acha ser pausudoContos com picas bonitascontos eroticos primeira vez de coroa rabuda de cornocontos eroticos vovô e netinhosno onibus de excursao sem calcinhaninfetas lésbicas beijando o peitoral dos travestisEu e meu macho padrastocontos eróticos tatuadogozarnopeitomulhercontos eroticos dentro do cine lidominha mulher adora ser brechadavideos de cornos que chuupammeu pai comeu meu cuzinho dedo do carrocontos eróticos sobre siriricade:todos tipos com lugares loucos etccontos eróticos eposa e amigocontos eroticos desvirginadacpntos erotocps nupciascontos eroticos porno medinga deu cuconto de encesto sou filho unico meus pais viajarom e eu fui com elesProfessora ruiva com um bunda tapa na bunda do aluno vode o aluno gostosoConto erotico muito forte comendo e sendo comido por hipermegadotadomamando a rola quente do meu padrastoconto erotico tentei comer o cu delaconto erótico as duasme tarandocache:6FK7RI0T9TcJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_476_eu-e-2-travestis.html calcinhas sujas contos eroticos da tia safadacontos eroticos minha irmã e minha primacontos eroticos esfregando devagarinho o pau por traschupei a bucetinha da carolaine de seis aninhos contosxvidio travestibuceta Detinhacontos cu doceMulheres solteira salvdorfotos esposas lindas no ménageContos filho deixa mae so de calcinhaele falou que ia me deixar se nao me entregasse virgindadeconto erotico mulher gostosa trai marido com um delegadofui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticominha tia é demais ela chupa eu gozo e ela continua chupandocontos gay comendo o amigo rabudo em casacontos pornos mamae carinhosacontos eróticos, cuzinhocontos eroticos promessaeu confesso incestocontos eróticos só no cu das Coroas crentesconvenci meu primo a me fuder bem novinha contosvideo porno de sogra chama o genro para sua casa par dar par elecontos eroticos a namorada arrependidaconto eróticos putinha da famíliaamamentar o pedreiro contospornodoodo padrasto fobe enteada novinhacontos erotico maes cavalas d bikini n piscina .dandoprocaipiracontos gay cu arrombadoHistorias porno engravidei minha enteadaContos erotico cdzinha onibusvideo porno gay de garoto com o calção com o fundo rasgado de parnas areganhada na casa do amigo tarado do pau gande e grosoMeu cunhado me fodeu forsado contoconto eróticos comendo a mulher do meu caseiro"cabelo na perereca"meus amigos me comeram sem do gay contos eroticoscontos gays comessado pelo primomulher sendo forçada a gozar com pirocada de macho amarradacontos erótico comadre desmaiou