Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI A ALUNA QUE ESTA DE MINI SAIA E SEM CALCINHA

Moro no Espírito Santo tenho 23 anos e sou moreno claro (chocolate) atlético, sou professor, quando comecei a dar aula fui para uma cidade onde tinha meninas muito fogosas, e não sabia disso logo no primeiro dia de aula já recebi várias cantadas das alunas mais procurava manter a ética e não dar bola. No entanto tinha uma aluna que não era tão saidinha quanto às outras mais era extremamente linda e gostosa, olhos verdes bem claros quase castanhos um cabelo encaracolado que de vez enquanto fazia chapinha, seu nome era Adriane (fictício) tinha 19 anos, essa aluna começou a me olhar de formas diferentes nem conversava com ela, pois ela não era da turma que dava aula e mesmo assim toda vez que passava ela me cumprimentava e me dava um sorriso de safada, certo dia eu entretido com a aula ela passa e me manda um bilhetinho, peguei e li era uma mensagem dizendo que queria conversar comigo, fiquei encabulado, pois alguns alunos viram. Dava aula para sua irmã mais velha e ela pegou meu telefone disse que era para tirar duvidas de uma matéria que não sabia, mais não era isso era para passar meu número para Adriane, pronto! Todo dia recebia mais de 19 mensagens dela dizendo que me amava que me desejava que me queria, de qualquer forma etc... Assim teve um dia que tinha folga e marquei com ela era numa construção abandonada e ela foi chegando lá começamos a conversar e nem demorou muito ela já estava me beijando um beijo molhado e muito quente, logo comecei a passar a mão na sua bunda que era muito grande ela deixou e enviei a mão por dentro das sua calça e ela deixou até um certo ponto e dificultou a situação, daí deu a hora dela e ela foi embora e já falou que teríamos que nos encontrar na práxima semana, ficamos assim por 4 semanas sá nos amassos, mais teve um momento que me afastei dela porque não podia ficar assim estava doido com vontade de transar com ela e nada. Ela começou a mandar mensagens sem parar perguntando porque tinha afastado dela, e não respondia, até que um dia fiquei com raiva e respondi dizendo assim: não sou de ferro, não aguento ficar com você sá nos beijos, ela respondeu: vamos marcar atrás da quadra de esportes na casa abandonada. Pois perto da quadra de esportes tinha uma casa abandonada e era bem afastada da cidade. No dia marcado cheguei lá com uns 19 minutos de antecedência, esperei e vi ela chegando com um vestidão tipo hip, mais aquele vestido era sá fachada quando chegou na minha beira ela tirou ele e estava com uma sainha de estudante toda rodadinha e um mini blusa preta, fiquei logo com um tesão e ela já veio me abraçando e me beijando, quando eu pedi porque ela tinha ido com aquele vestido hip ela me disse que era sá uma fachada para sair de casa, pois se não seus pais não deixariam,

Depois de uma curta conversa comecei a passar a mão nos seus seios e depois desci para aquele belo rabo ela fez jogo duro e sai de lado ficando meio debruçada numa bancada que tinha na casa vi aquela sainha mostrando a volta daquele lindo e gostoso rabo e enloqueci meu cacete já estava quase furando a calça, foi quando eu jeguei e enfiei a mão por baixo da saia ela estava sem calcinha e logo falei cada sua calcinha ela me falou não vou precisar dela para o que vamos fazer, logo que ela disse isso levantei a sai dela e comecei a chupa aquela linda boceta que coisa linda que era, raspadinha e bem apertada, quando tirei meu cacete para fora ela logo me disse que grande UUUAUHHH!! Logo pedi para ela pagar um boquete e não quis começou a fazer cú doce e então disse que estava indo embora (lágico que não ia) então ela meio devagar foi abaixando a cabeça e primeiramente deu um beijo bem na cabeça do meu caralho e disse:

- que delícia vou mamar nele até vc gozar na minha boca!

E não demorou muito enchi a boca dela de porra quase se engasgou.

Depois disso meu pau parecia não querer abaixar levantei comecei a chupa-la novamente e mandei ela ficar de quatro ela não queria disse que não ia transar então eu já nas alturas do tesão peguei ela no colo debrucei ela na mesa e voltei a chupa-la para ela ficar mais tranquila mais quando ela se destraiu coloquei minha vara de vez na sua boceta ela deu um grito e falou que tava doendo, dei umas 4 bombadas bem fortes e fui diminuindo para ela se acalmar, logo ela começou a rebolar por conta prápria e gemer feito uma louca, fui colocando e até que ela pediu para comer seu cú. Falei com ela:

- para quem não queria vc agora quer tudo em! ela respondeu brava:

- enfia esse cacete no meu cú logo e acaba com as preguinhas dele!

Fui e soquei sem dá ela deu uma suspirada funda e logo começou a rebolar coloquei ela sentada no meu colo com o corpo todo virado para frente e socava naquele rabão gostoso enquanto ela gemia feito uma louca, depois de uns 8 minutos gozei dentro do seu cu e ela continuou rebolando dizando que ia gozar também de repente ela gritou:

- TO GOOOOOOOOZANDO QUE DELICIAAAAAAAAAA!!!

Naquele momento ela aranhou minhas coxas que saiu até sangue dei uns tapas na bunda dela e ela pediu para bater mais forte, eu obedeci, logo depois estávamos colocando as roupas e vi ela colocar sua sainha meu pau subiu do nada instantaneamente e ela logo automaticamente caiu de boca gozei menos dessa vez mais foi tudo engolido por ela. Fomos para casa e no outro dia na escola ela estavacom um shortinho de tecido bem fino e novamente parecia estar sem calcinha passou por mim e logo deu um sorriso safado e fingiu que sua xuxinha tinha caído para ficar naquela posição sá para eu ver sua bunda gostosa. Logo ela mandou uma mensage dizendo BIS, BIS eu quero mais!

E fizemos aquela seção por mais uns 5 meses depois nos afastamos, mais essa aluna dá trabalho em!!!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos dei minha buceta para o novinho pauzudo na pescariacontos enfermeira casada e safadacontos eroticos meu padrasto e eu no ranchohumberto de pau duroas pamteras se fudeu rola crossa no cup****** do papai contos eróticosjaponesinha novinha dividindo o quilo do pai e chupando pornôconto minha tia tesuda peladaNerdes gay contos eroticoscontos de coroa com novinhocleide chupou ate gozarcontos eróticos com pai e filhaas antigas Sophie travestis masturbando na salacontos bolinadas no parqueConto podolatria gay o chulé do loirode conchinha sem calcinha (contos)meu tio me encoxou no onibus contoConto porno de marido e sogroConto a tia vadiaconto tia velha gostosaconto eróticos estupro no orfanatocontos eoroticos sobre enfermeiras de montes claros mgcontos esposa e a visínha fudendo com cãocavalo e pônei cheio de tesão tentando dar em cima da mulhercontoseroticos negaoEu tirei o cabaço da buceta da minha filha eu fiz um plano com ela era pra ela arranjar um namorado no colegio dela pra ela levar ele em casa pra ela fazer ele fuder a buceta dela pra ele achar que a buceta dela era cabaço conto eroticomeu pai na minha buceta contos novossobrinho mandando ve no cu da tia contosdeu o c* não aguentou o cilindroconto fui ajudar a vizinha e ela me agradeceu com a bucetacontos eróticos me estruparao por ser orientalgorda gozando contoscontos erotico so de negrinhas dando o cusinho e a bucetinha pro cunhado e chupando muita rolaPorno contos familias incestuosas orgias tradicionaisconto erotico de viadinho iniciante gaycontos eróticos com o genrocontos eroticos maninha com os peutos cheios de leite pediu e eu fiz massagemContos eroticos gay dando pro maconheiro safadoconto erotico neide safadinhacontos eroticos morena na garupa da motocontos caipiras amadores bucetascomi minha filhinha cedinho conto eroticoIncesto com meu irmao casado eu confessotraiminha namorada com o pau na cara contos relatos estorias eriticosfotos cim zoom so de cacetes duros melado de porraWwwcasa dos contos meu marido e rasistaestuprocontocontos eroticos de casadas traindo na academiavideos porno gays me pegou no flagra no poraomcontos eróticos Cidinhadei a b***** para o meu genrocintos eróticos ! pra todos... meu nome é Carlos. vou contar como foi a minha priimeiraconto erotico hetero fudando com mecânicos no trabalhocadela tarada contos zoofiliaempurando devaga no cu 30cContos eroticoseus.filhosdei o cu po meu pone contos eroticos pornoConto meu tio me fez mulher com seu pau enorme.vesti as roupa feminina e dei meu rabinhocontos gays gemeosinfermerinhas danao a buceta aus passientecontos eróticosde lésbicasconto mamando na tiacontos erótico esposa assediada no camarote do showDesvirginando a sobrinha de 18 anoslésbicas esfregando pernas de rã veridicowww.conto mimha mae min torturou com vibradores na bucetacontos eroticos gozei gostoso no estuprocontos eróticos alunobia cadela contoscontos de travestis comendo os patroesContos punheta dupla