Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ARROMBADO NO MATAGAL

Oi, Sou novo por aqui e esse é o meu primeiro conto, perdoem-me quaisquer erros ! Tenho 19 Anos, sou branco,1.62m e sou passivo ! Estava eu no Ônibus indo pro Shopping ( para colocar crédito no meu cartão de estudante ), vinha tranquilamente com muito sono, mas como o caminho era curto não podia dormir! Ao descer do Ônibus, muita gente ia descer na mesma parada que eu então decidi ficar sentado e esperar a maioria do pessoal descer, Enquanto isso via as pessoas em pé, quando derrepente um cara, Alto, moreno, mais ou menos 1.80m, aparência de saradão, ficava sempre olhando pra mim, eu encara ele muito e ele também, ele desceu e eu também, ele seguiu o mesmo caminho que eu : O Shopping e quando olhava pra ele rapidamente,ele estava lá sá me encarando, passamos a Passarela, tinha muita gente fui o mais rápido possível para não perde-lo de vista, já estava ficando irritante quantas vezes nos trocávamos olhares e já sabia que podia rolar algo, mas como era inexperiente no assunto, nessa época eu ainda era virgem, ou seja, eu achava que aquele cara sá tava me olhando e estranhando que eu seguia o mesmo caminho que ele, algum tempo depois, já dentro do shopping nás nos separamos, tratei de recarregar logo o cartão e vê se ainda o encontrava, segui a direção que ele havia passado antes de nos separarmos fui até o banheiro e não o encontrei, já ia voltando em direção à saída do Shopping, quando o vi seguindo a direção inversa, dei um tempinho e segui-o de novo, acho que estava tentando passar alguma mensagem que eu com a minha inexperiência não conseguia captar, e ficamos nesse segui-segui ele foi em direção à parada, cortando caminho e eu fui no caminho convencional e o encontrei novamente na Parada de Ônibus fiquei uns 4 metros de distância Dele, Meu Ônibus ( O mesmo que Ele ia embarcar ), passou e vi que ele não pegou e fiquei lá, na esperança de que rolasse algo, depois de alguns minutos trocando olhares ele foi em direção ao shopping novamente, eu logo fui atrás dele, depois de uns 20 metros de distancia ele olhou pra trás e viu que eu não o segui, quando ele virou para à frente, comecei à segui-lo como o shopping estava lotado ele não me viu, achei que ele tinha ido ao banheiro, quando cheguei perto do Banheiro ele estava vindo na direção contrária e ainda me olhando sempre ai eu o segui novamente, quando então decidi sentar em umas mesas e fingi que estava estudando Ele ficou parado a uns 5 metros de distância encostado em um ferro, ai eu sai da mesa passei por ele e olhei-o ele deu uma piscada e eu tratei de segui-lo, meu coração já tava à mil, chegeui no banheiro e fui no meio dos boxes esperando ele aparecer e eu entrar em um, ele apareceu e eu entrei no ultimo boxe, ele ficou inquieto querendo entrar sem dá pinta, Le tentou entrar mais desistiu fiquei olhando pela brecha da porta, ele viu que eu estava na brecha e disse : ‘’ Vamos conversar lá fora ‘’ e eu sai do banheiro e o segui em um determinado momento começamos à conversar e caminhando aonde Ele queria me levar saímos do Shopping ele me levou para um lugar longe e ele fala o tempo inteiro que iríamos ‘’conversarÂ’Â’ em um lugar melhor e nunca tocávamos no assunto Sexo, Já estava com medo da loucura que tinha acabado de fazer e então chegamos onde ele queria ‘’ Um matagalÂ’Â’ deserto ai ele falou : ‘’ Você é ativo ou passivoÂ’Â’ respondi que era passivo, ele ficou todo feliz e tirou o Pau pra fora e perguntou o que eu queria fazer agora, eu disse que queria chupar o pau dele tava escuro mais dava pra ver que o Pau dele era enorme devia ter uns 20 cm por 9 fiquei louco com tudo aquilo pra mim e comecei a chupar, chupar e chupar o cara gemia muito e eu tbm estava feliz por dar e receber prazer, passamos uns 19 minutos assim, ai ele disse que queria comer meu cuzinho eu disse que era pra ir devagar por que era virgem, ele pensou que era mentira e disse que eu chupava como uma putinha no cio, ai lambuzou de cuspi meu cu todinho depois passou o dedo e a língua estava amando aquilo, quando ele disse que ia enfiar gostoso, ai disse que Ra pra ir devargazinho, ele enfiou a cabeça do cassete bem rápido e depois a rola inteira rapidamente e puxou meu quadril com tudo, senti muuuuuuuuuita dor e disse para ele parar que estava doendo, ele não obedeceu e mandou eu abri o cu todinho eu estava num matagal repleto de grama segurando umas plantas de quatro enquanto Ele me puxava com tudo, aquilo estava doendo muito, ele disse que daqui a pouco a dor ia parar eu já estav sentindo muito prazer com aquele dor, abafava meus gritos para ninguém perceber aquilo pois estávamos num lugar baixo e logo na frente era uma estrada movimentada, ele começou a bombar mais rápido e rápido aquilo tava me dando um tesão incrível, aquele macho com um pauzão me comendo e gemendo eu estav amando ele preenchendo aquele lugar vazio no meu cu, a dor foi passando e ele bombando muito rápido msm e eu gemia forte com todo aquele prazer ele anunciou que ia gozar e perguntou aonde eu queria, eu disse no cuzinho msm ele foi mais rápido e rápido e disse : lá vai porra, ele parou o senti meu rabo todo inundando de porra, chegava à sair por fora de tanta gala, O cara gozou demais nunca vi algo assim Ele mandou eu chupar o pau dele que queria gozar denovo eu o chupei, chupei ele gemia e dizia: Vai putinha gostosa, viadinho guloso por rola, me faz gozar foi dito e feito ele gozou muito e sem aviso prévio e eu me engasguei com o Porra goela à baixo, fiz questão de mostrar que bebi tudo, ele me puxou e me deu um beijo gostoso e me penetrou mais uma vez desta vez ele estava deitado e eu emcima dele e o beijava e era arrombado ao mesmo tempo, aquilo tava dando um tesão incrível e gozei em cima do meu macho ele ficou com um pouco de raiva, pq ele é daquele tipo de machos bem rudes mesmo, mais nada que lhe atrapalha-se sua imersão no prazer, eu cavalgava e cavalgava nele ficava rebolando com aquele pau em mim ! ele disse que ia gozar novamente e gozou, aquele cara jorrava porra demais ! ele disse pra mim se vestir e irmos embora por que tava tarde e podia vir gente por ai ! Nás nos beijamos trocamos contatos e fizemos outras relações em lugares melhores, mas essa fica para outros contos ! Obrigado por lerem até o final !

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos eu paguei pra fuder a minha sobrinha casadacorno assumido da igreja contos eroticosvideo de homem gosano na boca de outro hom video gay caseirocontos de loiras c****** trepando com negão estrangeiroContos eroticos dei pro leke magrelo chamado Ricardocontos menininha curiosa safadinhacontos eroticos fui leva a gostosa da cumade beba na casa delacontos eroticos ai me mete me fode primo fodeContos minha esposa com velhinhosela queria dar uma dançadinha no quartocontos eróticos de bebados e drogados gaystriscando o pau na mão dela contos eróticosConto puta fode com o vizinhosadomasoquismo relatos comidavivasubi a saia da e comi minha empregada vadiaFotos de mulheres deitsdas de frente na cama de marquinha de biquíni pornomulek chupando no peitinho da primaincesto primo bolinando prima com problema mentalcontos anal coroa putinha com variosxvedeo porno cuadinha tava triste cuanhado animou fedendo elacalcinha usada contos eroticoscontos eroticosirmazinhaContos eroticos de filho encoxando a mae na cozinhasou putinha mesmoConto erotico o cu da minha enteadacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html Contos erotico travest vagabundamenininha e novinha sendo e******** contos eróticosconto erotico empregoconto meu amor meu sobrinhoContos sempre fui viadinho dos homens da familiacontos de corno acampandoconto erotico loira de mini saiaContos gays me fantasiei de mulher no cine pornogays chupando cu de macho caretaconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camacontos.porno fui dar banho na minha filhinha e acabei enfiando o sabonte no cuzinho delaconto real casada gravida na surubaChupa meu cacete com barreiramilhares de contos eroticos pai maepone encaxa tudo na morenaCasada Amigo do meu filho sexo contosincesto conto eu e primo video gamecontos eroticos comi duas professorascontos eróticos online pai tarado e filinha devassacontos eróticos ela me odiavacontos er deixa que levocontos eróticos, gosto de sentir o esperma escorrendo dentro do meu cuconto eróticos esposa fas marido virar mulher dela e do outros machosconto eroticos cheguei em casa com o cu cheio de porrae arrombadocontos eróticos a f*** deconto sobrinho evangelico veio morar com a tiacontos eróticos gays cavalgando no padrinhoconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primacontos eroticos enfermeiratia gritando "me come sobrinho"Meu patrao coroa ele me fudeu na sua lancha conto eroticocontos minha cunhadinha da bucetinha bem pequenaacordei com a minha enteada Camila com a b******** bem molhadaContos eroticos fagrei mnha esposa fodendo com dois carasconto eróticos c afilhadaContos fudendo a coroa gravida casadaConto de neto dopa avo e come a buceta delaver todosos fiumi di muller sendo aregasada por jumentoconto fazenda com mamaeconto erotico perdendo a virgidade com o porteiroconto erptico na mesacontos eróticos de professoras gostosas transando muito gostosoconto sexo casada chicao pretoconto escrito ese ano cavalono nuaContos eroticos guspe na bocavidio de mulheres sendo emcochada ela fica de calcinha toda molladaCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA ESconto gay negao casado deucontos eroticos comendo a mulher do meu primocontos encoxada com o maridominina pela de mostrngo a busetaporno contos picantes de corno submissoseduzida por uma lesbica contocondos erodicos