Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

QUEBRANDO O CABAÇO DA MINHA NAMORADA (VERIDICO)

Olá!! Sempre aproveitei muito a vida que tenho, há 4 anos namoro com uma mulher linda, 1,70 de altura, magrinha, corpinho de modelo, seios pequenos bonitos, bunda branquinha, uma delícia por completo. Quando nos conhecemos, ficamos por um tempo e depois assumimos o nosso namoro, desde o inicio percebi que ela ainda era virgem, tinha muita vergonha, e se esquivava dos amassos que dávamos no carro, mas aos poucos ela foi se soltando, às vezes ela ia pra minha casa no meio de semana, e ficávamos no meu quarto, assistindo TV, sempre eu procurava deixá-la bem à vontade, até que começamos a ficar bem mais íntimos, ela foi ficando mais a vontade e começou a gostar de tudo que estava acontecendo, certo dia tirei a sua blusa passei a mão nos seus peitinhos deliciosos, mas não passou disso, em outro dia depois, tirei também a sua bermuda e deixei ela sá de calcinha e sutiã, ela é muito linda quando está assim, ficamos embrulhados debaixo do edredom e eu passando a mão pelo corpo dela, sempre conversando sobre sexo, até que começamos a falar da nossa primeira vez, ela sentia muito medo, mas procurei acalmá-la sempre.

Certo dia eu estava com um tesão imenso e ela foi pra minha casa e novamente fizemos o mesmo ritual, mas eu tirei sua blusa e o sutiã, que peitinhos lindos, branquinhos e deliciosos, chupei aqueles peitos como um louco, ela estava sentindo muito tesão, passei a mão por cima da sua bucetinha e ela estava toda molhadinha, tentei tirar mas ela não deixou, então tive que me contentar sá com os peitinhos naquele dia. Dias depois, tudo de novo, e desta vez eu abaixei sua bermuda e passei a mão na calcinha dela, e coloquei minha mão por baixo e fui até sua bucetinha, nossa, tava toda meladinha, rapidamente abaixei a calcinha e comecei a tocar naquela buceta, ela estava excitada demais e desci meu rosto até a sua xaninha e comecei a chupar, que cheiro gostoso, que sabor de mulher virgem, mas ela não deixou que eu penetrasse, as conversamos muito e ficamos esperando uma práxima oportunidade pra que a gente finalmente tivesse a nossa primeira vez, passaram-se alguns dias e então o grande dia chegou, levei-a pra minha casa e como não havia ninguém em casa, ficamos totalmente à vontade, ela estava linda, com uma lingerie vermelha, já fomos direto para o meu quarto e começamos a trocar carícias, fui tirando sua roupa peça por peça, e ela foi retribuindo tirando minha bermuda e depois minha cueca, então estávamos nás dois totalmente nu, fui beijando o seu corpo dos pés a cabeça, até que cheguei na buceta que estava muito molhadinha, chupei sem parar por uns 5 minutos e ela se contorcia de tesão, ela veio e chupou o meu cacete como uma louca, pediu para que eu tentasse penetrá-la, coloquei a camisinha e fui devagarzinho roçando o meu pau na entrada da bucetinha e ela começou a sentir dor, acho que o tamanho do meu pau também contribuiu para ela sentir tanta dor, mas continuei, e ela reclamava muito da dor, então coloquei-a de quatro e comecei tudo de novo a bucetinha rosadinha totalmente a mostra pra mim assim como o cuzinho também, fui colocando devagarzinho até que consegui finalmente desvirginar aquela bucetinha e ela urrava de dor e de prazer e eu fui bombando cada vez mais forte, ela foi gostando e depois ela subiu em mim e foi cavalgando como uma bela amazona e eu tendo a visão daquela mulher linda em cima de mim, modéstia a parte ela é uma mulher linda demais, chama a atenção de qualquer homem, mas naquele momento eu estava fazendo o que qualquer homem gostaria de fazer, quebrar o cabaço de uma gata como aquela, ficamos um tempo transando até que ela gozou gostoso, e chorou, coisa que ela faz sempre quando transamos, eu também gozei logo em seguida, e ficamos deitados abraçados na cama, trocando carícias debaixo do edredom, deste dia em diante nunca ficamos sem transar pelo menos três vezes por semana, sempre arrumamos um jeitinho e transamos bem gostoso, ela virou uma safada sem pudor, e adora transar como nenhuma outra. Fico por aqui e depois conto mais estárias, vou relatar depois o caso que tenho com uma minha prima casada e nossas aventuras ultra secretas e safadas. Votem no conto!!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico me mastubrando com t cenouraContos eroticoss adoro trepar sem camisinhalésbicas infia arma gelada na ppk até gozarcontos erotico baba casada chantageada por meninocontos de pura putaria entre pais e fcontos eróticos com mulher baixinhaeu, meu marido e uma trans linda contocontos eróticos de professoras de cegosconto erotico mulher gostosa trai marido com um delegadocontos eroticos pagando divida do filhoCrossdressing contos eroticome chamou de arrombado dotado conto gaycontos eroticos sou casada a segunda orgia para meu maridocontos eroticos sbcencoxando coroa casada em Jundiai conto realnovinha teen transando na cam de bruços com namoradofui dormir na casa da tia e comeu o Helenacontos eroticos gozando no cu da coroatitiatezudacontos exitantes fudi amadrinha da minha primacontos eroticos real novinhacontos gay meu paicontos eróticos funcionáriarabinho impinadinho em fio dental da irmacontos a mulher do meu primo e seu cu guloso video porno mulher dando primeira vez na frente do marido casa de cuingue curitibadanada da minha cunhada louca pra darContos erótico minha enteada meu colo .mulher gostosa arrumando biquini em um deckcontos de coroa com novinhocontos eroticos gosto de levar surra de piça ggcontos eróticoesposa e sogracontos eróticos de novinhas dando para garanhõescontos eroticos prazer solitario homemporno patricinha chupando cunhado ao lado da irmãconto erótico penha SC praiamenino de treze anos gostoso bundinha e cuzinho jeitoso contos eroticostrans bunduda deixou marido rebolando contoxvidio real meu primo mamado peito bicudo da minha mae negraconto eróticos dei para meu sobrinhocontos eroticos relatados por mulheresconto erotico de lesbica xupa a força o cu da garota boasuda heterosexualquentes carentes cariocascontos sexo cabaso samgrandocomi minha irma q nei peitos tem ainda contoscontos de rabos sendo dilaceradosme ensinou em Praia contos eróticoscontos eroticos sonifero na primacontos orgia com pobresvoyeur de esposa conto eroticoRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrossou hetero mas ja paguei um boquete e gostei muitoCasadas com tio contoscontos de tias punhetando sobrinhosputona da pro chefe marido nem desconfiaengravidando contos eroticos de incestowww.comto de esposa damdo a buceta eo cu para o marido e os amigosconto erotico arrombei o travesti do baile funkRejane gosando na siriricacontos minha mae gravida de baby doll me chupandoconto pai por favor mim enxugacontos de bucretao grandeconto - bucetinha novinha cheirosa e depiladaDescabacei a buceta da minha prima no hotel conto erotico de primo e prima cabaço no hotelcontp porno: tens estuprafadcontos eroticos tia suruba com sobrinhospedreiro gozou vendo munher lavando roupas/conto eroticoContos eroticos minha tia anda pelada na casacontos comi minha cunhadaeu minha namorada e uma amiga carioca conto eróticodeixamos ela bebada e comemos gostosoconto erótico ela sento piga grossa e gozou nelahistoria de novinha traindo marido coroa e trazendo boceta melada pra ele chuparconto pirno vovózinha bicontos eroticos vendi meu marido pra ex deleos contos de sexo maois filias safamdassimpatia comer cunhadaContos gay saindo de carro a noite vestido de mulhereu confesso incestoContos eróticos dei pra todos os homens da famíliaContos eróticos estreiando á xaninhaComo fazer um cabacinho liberar(conto gay teen)contoporno enfiei bananacontos de marido bem dotado querendo ver a mulher com duas picas no cu e bucetacontos porno papai e a fama de pirocudo