Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PASSEI UMA NOITE EM UM PUTEIRO

Ola meu nome é Sandra atualmente moro em Campinas (interior de São Paulo), tenho 33 anos e casada com um homem maravilhoso de 42 anos, eu tenho, 1,72 de altura, magra (falsa) e tenho seios fartos com uma boca carnuda, meu marido tem a minha altura, gostoso e tem uma barriginha (sexy) que faz parte da idade. O que vou relatar aconteceu em novembro de 2009 quando minha irmã me convidou para uma visita na sua casa em São Bernardo do Campo, fui com meu marido logo pela manhã e à noite saímos para o restaurante Florestal na rota dos restaurantes...o restaurante é enorme e tem musica ao vivo que vai até as duas da manhã, como novembro fazia calor eu coloquei um vestido vermelho de alcinha, salto alto, calcinha pequena..fio dental e meu marido foi de calça social e camisa branca como ele é moreno destacou...dancei muito, meu marido as vezes ficava na mesa tomando cerveja e eu ia dançar com a minha irmã a pista de dança estava cheia e notei que o rapaz que tocava bateria não tirava os olhos de mim, então passei a provocá-lo na dança, sempre sorrindo e rebolando...quando ele me chamou de canto no palco e perguntou se eu não queria tomar uma cerveja com ele...até que ele era ajeitado mas tive que cortar o papo mostrando minha aliança dizendo que era casada, mas aquela situação me deixou mais excitada e misturada a várias cervejas e algumas caipirinhas meu fogo já estava ao extremo...quando voltei para mesa com meu marido...comecei a dançar com ele ali mesmo perto da mesa...eu rebolava, abaixava..e como já estava alta eu cochichei na orelha do meu marido que também já estava alegre contando que o baterista da banda queria me dar “uns pegas”..e ele sorriu para mim...percebi que a noite prometia..prendi o cabelo e deixei o pescoço a mostra..meu marido as vezes me mordia o que aumentava ainda mais meu tesão, já era quase uma da manhã quando pagamos a conta, pensamos em ir para um motel do que fazer sacanagem na casa da irmã, deixamos ela em casa e falamos que íamos dormir fora para ter mais privacidade, o que ela já entendeu na hora, depois de deixar minha irmã em casa rumamos sentido ao motel, começamos a bolinar dentro do carro e excitada que estava abaixei a alcinha do vestido e deixei meu par de seios para fora..e a cada farol parado o meu marido começava a chupá-los que sá parava com a buzina do carro de trás..certo momento paramos ao lado de uma caminhão que tenho certeza que o motorista ficou me olhando..meu marido me chamava de safada, de putinha...ele estava com muito tesão...então falei que se eu era uma putinha ele devia me levar para um puteiro e não para um motel..depois dessa provocação ele não pensou duas vezes e mudou o sentido do veículo achando que eu fosse mudar de idéia..paramos o carro na frente do puteiro (chama Dreams em Santo André) cidade vizinha, perguntou novamente se queria entrar, nisso tirei minha aliança de casada e já abri a porta do carro e chamei ele ..não demora... e pela primeira vez na vida conheci a parte de dentro de um puteiro, sempre tive essa curiosidade e como já era uma e meia da manhã a casa já não estava mais cheia, mas ainda tinha um movimento, percebi que as putas me olhavam de lado não gostando da minha presença, mas isso não importava...paramos em um canto escuro do bar principal e fiquei reconhecendo o ambiente que era de pura sacanagem...enquanto uma menina fazia um strip no palco um monte de homem ficava olhando, algumas com os seios de fora e com fio dental, como quase somente eu estava de vestido e comportada era nítido que eu não era dali, meu marido pediu cerveja e ficamos tomando...meu marido estava encostado no balcão e eu fiquei esfregando minha bunda no cacete dele que naquela calça social aparecia mais do que o normal...nesse momento por causa da cerveja me deu uma vontade de fazer xixi..tive que atravessar a casa inteira porque o banheiro feminino ficava do outro lado..dei um beijo no meu marido e pedi para ele me esperar..nesse momento eu fui rebolando até o banheiro de vestido e salto alto, os homens ficavam mexendo, provocando, falando besteira..a minha ida e volta fui sensacional, me excitou muito..quando voltei para o balcão meu marido me aguardava quando foi a vez dele de ir ao banheiro..fiquei sozinha no balcão que tinha aquelas cadeiras altas..sentei cruzei as pernas que certamente mostrou ainda mais minhas coxas..quando veio um moreno, bonito, aparentava ser novo e cheio de energia dizendo e ai putinha, estou afim de uma foda hoje...vamos subir!!! não entendi o que era subir..ele pegou minha mão e colocou no seu pau...como aquilo me colocasse na tomada 220W, enchi minha mão no cacete de um estranho, tive a sensação de ser bem grande..mas tive dizer que já estava acompanhada e que eu não seria dele naquela noite, terminando essa frase meu marido apareceu e me pegou com a mão no pau daquele estranho...nisso o garotão saiu de fina e de cabeça baixa...meu marido me perguntou o que estava acontecendo e disse tudo o que aconteceu..aliás eu falei que estava a procura de um cliente...ele ficou doido com a situação, meu marido foi pedir um quarto para transar mas o gerente falou que tinha que levar uma puta da casa junto e mas teriamos que pagar!...achei injusto afinal a puta da noite era eu...para não ficarmos chupando o dedo tivemos a idéia de pagar para uma puta subir com agente, mas como eu fiquei com dá do garotão e curiosa com o tamanho da ferramenta dele...falei para o meu marido se não podíamos subir os quatro juntos...e foi o que fizemos...o garotão estava sentado tomando caipirinha em um canto escuri...quando ele me viu chegar ficou espantado...me disse o que foi? mudou de idéia, eu disse mudei..peguei a caipirinha dele e tomei tudo em um gole sá..peguei na mão dele e sai andando pelo salão...encontrei com meu marido na recepção que já estava com uma putinha da casa, aliás muito bonita por sinal..ele foi com a putinha e eu com o garotão, subimos um lance de escada e o garotão foi segurando meu quadril, passando a mão na minha bunda delineando a marca da calcinha..quando entramos no quarto meu marido disse que não haveria troca de casais, somente carícias...sentamos em uma poltrona que tinha em um canto do quarto, a puta que já estava semi nua entrou no banheiro para tomar banho, tinha um seios lindo, uma xaninha bem aparada, loura...resumindo linda...quando ela chamou o garoto para tomar banho...eu disse para o marido que eu queria despir ele...e foi o que fiz..dançando e rebolando de salto alto e vestidinho...eu fui abrindo a camisa dele aos poucos...até tirar aquele peitoral moreno para fora..não resisti e deu uma mordidinha no bico do peito dele..estava duro...nesse momento abri a calça jeans e comecei a baixar..quando cheguei ao clímax...peguei com as duas mãos a lateral da cueca dele..fui abaixando com calma para não estragar aquele momento..quando saltou na frente dos meu olhos um cacete grande, cheio de veias estufadas com uma glande rosada, percebi que estava com a ponta molhada que devia ser de tanto tesão, nessa hora eu olhei para o lado e vi meu marido na poltrona com uma latinha de cerveja em uma das mãos e o cacete na outra..ele sorriu para mim e disse vem cá sua puta o que atendo prontamente...sentei com as pernas abertas no colo do meu marido e fIcamos esperando dos dois terminarem o banho...E quando entraram no quarto completamente nú..fiquei com inveja da menina e com dá dela porque não sabia como ela ia aguentar sentar naquele mastro. os dois começaram a se beijar e ela sentou na cama..o garotão chegou perto ainda de pé e colocou aquilo tudo na boca..quase ficou metade de fora...chupava com tanta vontade e maestria que fiquei impressionada, neste momento meu marido tirou minha calcinha e enfiou dois dedos na minha buceta, ensopada como estava entrou fácil, fácil, meu marido abocanhou meu seios e chupava como uma manga doce, olhei para o garotão neste momento subiram na cama..ela começou a ficar de quatro na cama ele subiu na cama olhou para nás e pediu ajuda...neste momento chegamos perto dos dois e ele falou para o meu marido, será que você pode segurar abrindo a bunda dela para mim...e foi o que meu marido fez, pegou cada lado da bunda e abriu ainda mais a bunda dela...ai ele olhou para mim e disse...sua putinha segure meu cacete e coloque na buceta dessa puta...olhei para o marido que fez sinal de positivo, peguei aquele mastro na mão, nem fechava minha mão, eu queria aquela pica para mim..mirei na buceta da putinha coloquei na porta da bucetinha e empurrei para dentro...que sensação maravilhosa..ela gemeu na hora de prazer...neste momento meu marido deitou na cama ao lado da puta e eu subi em cima do meu marido onde comecei a cavalgar bem gostoso...ficou um cheiro de sexo e prazer no ar..quando o garotão olhou para mim e começou a passar um dedo no meu cuzinho...como eu queria os dois para mim...ficamos nesta posição durante alguns minutos até gozamos quase que todos juntos...ficamos os quatro na cama uma passando a mão no outro, quase de desmaiados...quando recuperamos a energia fomos tomar um banho...eu dei banho no garotão e meu marido banho a putinha...coloquei meu vestido mas dei a calcinha de presente para o garotão...meu marido pagou toda a conta e fomos para um motel dormir...nunca tive tanto prazer na vida..que sensação átima..dormi como um bebe ..mas cheirando a sexo...recomendo a vocês...na saída fiquei com o celular do garotão, mas não tive coragem de ligar ainda...beijos [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


defrentezoofiliaf****** irmã mora nos peitos das gostosasboquetes e bucetasconto.erotico com fotosjEscravo de minhas cruéis donas (conto )Contos eroticos casal vendo pintudo urinarComto pego em fragantetomates conto heteroincesto contos filho se separa e volta a morar com mae coroacomtos eróticos de fazemdeira com animalcontos porno papai e a fama de pirocudosentei na rola do padrinho contos eróticoscontos orgia com maetravesti putinha passiva de minisaia pornoconto erotico esposa hotelcontos eroticos exibi minha mulherpastor gozando contos gayporno traicao roludo conto pornotrepei bem gostoso com a maninhaContos gay sou sua eroticoscontos quis dar pra um travestirelatos eroticos reais cornos impotentesmarido realizando sonhos eroticos da esposafilhos vendo a mae transar com outos homenscontos eroticostetas da sogra contosconto erotico de despedida de solteiro com orgiacontos soldados estruparam minha esposacontos heroticod gay dei pro meucontos eroticos sou brocha e minha esposa arumo amantescontos euroticos de meninas com mito tesaoConto gay vide o gamecontos de sexo com vovofotos.e.contos.de.homem.cazado.que.ama.chetar.pau.pintoconto gay pm com pmcontos de mulher insatisfeita com maridomarido come a loira em silencio na cosinha e mulher espia boa foda sexovoyeur de esposa conto eroticoporno com.negp mulher sobe eu sima delecontos erotico encesto femino eu cgupo minha filha desde os 2 aninhisContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulherconto erotico: va para o vestiario e me esperecontos fode mesmosera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videovoyeur de esposa conto eroticocontos de coroa com novinhoconto erotico de lesbica xupa a força o cu da garota boasuda heterosexualcontos eroticos, minha tia e meu cavalo de santinha a putinha e um pulo contos eroticoscontos tia vai foder gostoso isso delicia vai issoconto aos dez anos minha sobrinha sentava no meu colo sem calcinhacontos papai encoxou sem querer na minha bundame vinguei da minha esposa e do meu inimigo contos eroticosconto ertico adivogada traindo com mendigoconto eu e meu sobrinho metendo vai fode o rabo da titiaagora soquei o pau no cu da garotinha do condominio ela so tem onze anos contoscontos eróticos parenteshome dar cu usano calcianhacontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofadentistassafadaContos eroticos uma novinha para um casal taradocontos eróticos / desde menininhocrescendo o pau aqui na frente da filha contos eroticoscontos eroticos com lesbicas bofinhoscomi minha sogra rabuda q meu sogro nao comeeu conto Meu marido saiu meu cunhado me comeucontos erótico comadre desmaiou Contoseroticoscomsogroconto incesto mestruavaContos eroticos minha primeira vez foi quase um estupro e eu gosteiconto minha estagiáriaGozaram na calcinha na cerca contoContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorconto eróticos priminha de menorperdendo o sele o selo do cumulher delirando na foda do cavalo com eguaestou ficando louco pela filha de minha mulher incestocontos eróticos troca de casalConto eroticos das coroas 42 lindas e gostosas de 41 anos com teu afilhadomeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contobundinha arrebitada da minha irmãfilho gosa bunda mae ela percebeEu e meu ex primo viuvo conto eroticocontos eroticos coroa tem primeira vez com travestiesculachado por vários machos na frente do marido conto eróticoContos eroticos das periferiasconto erotico cunhadinha safadinha