Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA MULHER E O PASTELEIRO

Este fato aconteceu quando minha mulher ainda trabalhava em uma lanchonete no centro de BH, ela nunca me contou tal fato, mas como atualmente estamos mais separados que juntos e talvez pra mi fazer ciúmes ou raiva num momento de briga nosso ela me joga o ocorrido na cara. Ela tem 1,55m de altura 33 anos é branquinha de bunda arrebitada, loira e 55 quilos bem distribuídos, já falei como ela é em outro conto, vamos ao fato.

Ela me disse que nunca tinha ficado com outro cara enquanto estávamos juntos (Acredito!) bom! Nessa lanchonete tinha um pasteleiro por nome João, um cara negro de uns 38 anos mais ou menos de 1,80m de altura, ele começou com aquelas cantadas que a maioria dos homens taca na mulherada quando quer puxar conversa, (qual seu nome, que o cabelo é lindo que o marido ou namorado tem sorte de ter uma mulher assim etc. etc. etc.) ela não dava bola no começo e mal falava com ele sá mesmo para pedir os pasteis quando acabava, toda vez que ela ia à cozinha ele dava uma cantadinha de quebra nela, ela às vezes sorria meio sem jeito, com o passar do tempo ela foi se acostumando com essas cantadas e passou a provocá lo usando calças leg. Ou calça Jens mais justa passava perto dele e esbarrava a bunda nele, nessa lanchonete não tinha vestiário ou banheiros separados para homem e mulher tinha um monte de armários enfileirados que os funcionários usavam para trocar de roupas, mas era dividido para homens e mulheres, ela trocava de roupa no fim do expediente quando o pasteleiro passou na hora que ela tava vestindo a calça jeans dando pra ver sua calcinha na frente ele ficou meio escondido tentando ver algo a mais, mas ela sá abotoou a calça e saiu sem nem olhar pra ele, ate que um dia ela viu ele olhando e deixou a calça abaixada ate no meio das cochas sá pra ele olhar fingindo que não o via, isso durou algum tempo ate que ele um dia entrou a onde ela estava, ela disse pra ele que ia deixar ele ver sá a calcinha que ela usava e nada mais e assim foi, mas ele não se contentava sá com isso e por varias vezes passava a mão na bunda dela quando ela ia na cozinha ou se ele passava perto dela mas tudo por cima da calça teve uma vez que ele entrou novamente quando ela trocava de roupas e antes que ela vestisse a calça atolou a mão na buceta dela por cima da calcinha ela empurrou ele antes que ele fizesse algo mais, ele disse que não aguentava e mostrava pra ela o pau duro e que quando chegava em casa comia a mulher dele pensando nela, que teve uma vez que ele comeu ela com tanta força que ela perguntou para Ele com quem ele achava que tava transando.

Minha mulher disse para ele que se contentasse que não passaria daquilo, ele falou para ela que ia agarrar ela a força, ela falou se ele fizesse isso que ela gritaria e por vários dias trocava de roupa mais cedo sá para ele não ter como fazer nada, mas teve um dia que ele estava de folga e arrumou uma desculpa qualquer com o seu patrão para poder ir à lanchonete e justamente no fim do expediente da turma da manhã, quando ele passou perto dos armários e viu ela trocando de roupa sem ela perceber chegou por traz e a abraçou forte sem ao menos ela ter como sair do seus braços e antes que ela ao menos vestisse a calça ele já de pau duro tentava enfiar o pau na buceta dela por trás ela resistia ao Maximo ele foi atolando a mão na bucetinha rosada dela e cutucava a bunda dela com o pau preto, ela não gritou ficou se fazendo de difícil como ele não dava trégua ela foi relaxando e ele forçando cada vez mais ate que ela viu sua calcinha sendo arredada pro lado e o caralho dele entrando ate as bolas baterem na sua bunda com uma das mão ele segurava sua cintura e com a outra tapava sua boca pra ela não gemer alto e estocava sua buceta com força parecendo querer enfia ate as bolas dentro dela ela ficou sá sentindo as fortes estocadas e gozou encharcando o pau dele todo com o seu liquido ate que ele também não aguentou e gozou feito um jegue inundando de porra sua bucetinha rosada quando ele tirou o pau ficou esfregando ele na bunda dela pra limpar o resto de porra que saia. Ele disse que nunca tinha gozado daquele jeito e que repetiria a dose qualquer dia, ela disse que nunca mais ele teria outra oportunidade e realmente não teve, pois uma semana depois ela saiu da lanchonete agora se foi por causa dele não sei. Espero que tenham gostado e se ela me contar mais alguma coisa eu conto.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Policial famenina dando a buceta pra seu cachorro em contoscontos er senta devagarcontos eroticos de lolitos com tios de amigoscontos eróticos do game com medo a namoradaNinfetas mamando rola no cinema contoseroticospornodoido video mulher realizando fetiche de ser chuppada por dois marmanjo bem dotadimarido todo produzido eróticoscarro empuramdo estaca no cu da branqui.ha quostosaPorrnodoido dois traveti comendo a outra e ficando de pau duro contos sexo meu marido rebolou na pistolacontos sexo dividindo o casamento e a camacontos eroticos fui putinhatravesti vizinha surpresa contos eróticosSe mastubar com uma banana conto eroticoandreia baixinha tranzando e tamirismulher com contracionar peladacontos eroticos transando com a cuhada branquinha da boceta peludaporno novinha pijama acorda com pinto na bocacontos eroticos so era pra ela chuparcontos de coroa com novinhoconto meu marido choro quando o negao me estrupomeu marido morreu e eu to com tesaopastor gozando contos gayconto veridico gozada dentro xoxota recifenovinha teen transando na cam de bruços com namoradocontos erotico meu chefe arromboucontos eróticos brincadeira de meninasContos pornos novinhas em gang bang c negros dotados de penis grande e grossocontos eroticos de avôflagrei minha enteada de babydollTravesti comendo mulher cavala contoscontos de comi o viadinho do irmão caçulacontos eroticos comi o cu da minha medicajapinha escorrendo na fodaconto erotico minha mulher nua na frente do paicontos erótico festa com a filhaconto erotico meu professor me encoxou para senti seu paucorno obrigado a chupar pica contocontos de padrinhos com afilhadasEu tirei o cabaço da buceta da minha filha eu fiz um plano com ela era pra ela arranjar um namorado no colegio dela pra ela levar ele em casa pra ela fazer ele fuder a buceta dela pra ele achar que a buceta dela era cabaço conto eroticocontos eróticos de amigos com mts mamadaswww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofiliaMeninas virgem estuprads pela zeladorcontos eroticos de rabo inocentecontos na mesa com marido de frenteContos eroticos eu e minha familiaContos gay sou sua eroticosConto erotico minha sogra so anda de roupas curtamadame tarada das coxudasporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneiroconto eurotico eu fui viajar e minha esposa saiuele me comeu a xana sem medo contos eroticoscontos eroticos marido liberado a esposa e filha p patraocontos novinha dando pra doisconto erotico Minha aluna taradaConto erotico minha esposa e o pau enorme do nosso cachorrocontos com sobrinhaconto erotico gozei e depois limpei com a linguapadrinho comer afilhada cem pentelhoconto erotico ajudando minha tia no encanamentocoxas grossas e b***** bem rosadinhacontos eróticos adicionei o menino e deicontos eroticos minha mulher virou amante dosesposa torcendo de biquini em casa conto eroticoempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhotia peruca gosta de chupar pau e a buceta sai muita gozahome acordo de manha com uma bela chupada do paugruda nos pelinhos da bucetacheirei o fundinho da calcinha usada da minha tia safada contosconvidando o amigo para arromba o cu da namoradacomendo cusinho da baba da minha.sobrinhaComtos perdendo cabaco meninasRenato shortinho coladinho fazendo na rolacontos eroticoPROIBIDO de incestotoda raspada na praia de nudismo contosconto erotico real meu marido me liberou dar o meu rabodei cu de fio dentaum romance com minha maninha-contos:eroticoscontos eroticos me encostou na paredecontos eroticos de mulheres a adora surubaconto marido do ladotravesti gritando pidido porra no seu cumeu amigo me pediu para fazer sexo anal com ele gay contocontos erótico me rasgaram mo acampamento amigos sexo troca troca contosconto erotico tio julioContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontoerotico sou postituta adoro safadeza na familiacontos de no dedinho do padrinho