Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI A SOGRA E A CUNHADA

tenho uma sogra de 45 anos loira, linda e safada sempre conta suas experiências sexuais abertamente, sempre tive muito tesão por ela, e nos últimos 2 anos ela diz ue está subindo pelas paredes pois o sogrão que é mais velho e tem diabetes não levanta nem com viagra, e diz que não vai usar sá a lingua, minha sogra e super liberal senta no colo dos genros mesmo sentindo que deixa o pau deles duro no fundo ela gosta de seduzir, um dia minha esposa pediu para eu ir para casa da minha sogra para a levarmos para fazer compra pois ela não tem carro, cheguei bem mais cedo do que minha esposa pois saiu as 14:00 e minha esposa as 17:00 minha intenção era descansar um pouco enquanto esperava, quando cheguei lá minha sogra estava linda, cabelão comprido souto, um vestidinho tubinho que é tudo de bom, passei e ainda brinquei com ela dizendo e sogrinha ainda deixa muito novinha no chinelo, ela me xingou e fui pro quarto dormir, depois de uma meia hora acordo com minha sogra engolindo o meu pau com toda a vontade do mundo, quando acordei pus a mão na cabeça dela e enfiei até a garganta, quando eu soltei ela disse pensei que não fosse acordar, ela me disse eu não aguento mais ficar sem rola, e minha filha diz que você é foda na cama, eu tenho ue dar pra você hoje, fui pra cima dela beijei apertei seis peitinhos pequenininhos e málinhos ela gemeu que nem doida e falou me enfia o cacete logo antes que eu desista dessa loucura, tirei o vestidinho dela e chupei seus peitos ela novamente disse me enfia o cacete logo que faz dois anos ue eu não sei o que é um pinto duro na minha xana, mais invés de enfiar a rola enfiei a lingua a véia gemeu ue nem louca e falava ai não chupa não eu já to subindo pelas paredes, eu mandei ela calar a boca e gemer, depois de uns cinco minutos chupando acertei o pinto para enfiar, e montei em cima dela, enfiei sem dá e ela gemia com vontade pedindo mais, ela falava no meu ouvido _ai genrinho eu to apaxonada por você meu amor, e eu falei pra ela a apartir de hoje eu vou ser seu macho, vc nunca mais ficar sem rola nessa bucetona gostosa, ela perguntou se era verdade e me mandou beija-la enquanto metia, ela veio com a boca bem no meu ouvido e disse se é verdade eu vou dar o que você mais quer e minha filha não dá, me poe de quatro e come e meu cú, sem pensar duas vezes obedeci, sem percebemos minha cunhada havia entrado na casa e ouvindo os gemidos foi ver o que estava acontecendo, quando ela abriu a porta que estava semi aberta pegou eu emrabando minha sogra, minha sogra disse filha, pegou o lençol e se cobriu não sabiamos o que falar mais minha cunhada falou eu não vou contar nada desde que ele me coma tambem olhamos um pro outro sem entender nada, e minha cunhada disse mãe você sabe que o Marcão sá quer ficar bebendo com os amigos no bar e não comparece mais, até quando eu tento ele brocha, que quero ver se o que a mana fala é verdade, minha sogra vestiu a roupa e disse se deu bem heim duas gostosas no mesmo dia, fechou a porta e ai minha cunhadinha veio pra cima me beijando dizendo que eu era lindo, gostoso, tirei a brusa da minha cunhada e finalmente chupei uqueles peitões negros gigantes, ela pediu para por o pinto nos peitos dela, ela aproveitou para abocanhar minha rola sem dá, chupava como se fosse a coisa que ela mais gostava de comer, levantei ela, tirei o shortinho e enfiei a lingua naquela chavasca preta deliciosa, a bicha gemeu bem alto e a sogra gritou ta bom a coisa ai heim, montei na cunhada e comecei a fincar sem dá e a danada pedia mais, mais meu amor, mais depois de comer ela em todas as posições, falei deixa eu comer seu cú, ela falou não, insisti e disse até sua mãe deu o cuzinho você vai fazer doce, e depois deixou enfiar com gosto, gozei no cú da cunhada e não aguentava mais, a cunhada saiu do quarto e dormi já sem forças, foi a primeira vez que comi as duas, mais em outras vezes até as duas juntas eu comi, o dificil foi chegar em casa a noite e minha mulher vim de vestidinho dizendo_ vai me comer ou vou ter que dar para outro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tranzando com o cavalo enquamto meu pai se masturbaconto marido do ladoMinha bucetinha não aguentaria aquela grossura todaminha cunhada uma p*** contos eróticosvidio porno gey aronbei meu primo no quarto enquanto ele estudavacontodeputacontos eriticos de pai e amigos fodendo a força seu filho gaycontos dei minha buceta para o novinho pauzudo na pescariacorno chupa caralho contosmamandoxvidiocontos hericos de a buceta para filhocontos eróticos eu como minha sobrinha na frente da minha esposacontos zoo velha carentecontos eroticos mamaram meus seios em quanto eu domiatravesti putinha passiva de minisaia pornoconto incesto minha linda maezihacontos eroticos camisolaconto zoofilia fazenda a forca sexocontos gay travesti apostacont erot padrinho meteu tudocomtus erroticu de zoofelia mulhe casada dano banho no seu cachorrocomtos de fodas com travetis e mai e pai e filhosx vidio comtos eroticos mães inocenteconto padrasto da pica enormecontos coroas as quetasMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contosvirei puto do vovo conto gayconto me vingando do namoradoA casada gorda e o sonifero contoconto eles gozaram na minha mulherchupando o clitoris da minha cunhadaconto erotico cachorro lambe pauleitinho no copo. contosmulheres peladas encostada no pe de cocoContoseroticoscomsogrocontos eróticos peguei minha mulher com outro na camacontos eróticos ruraismeu marido comeuminhaprima contoseroticoscomendo a carlinha casa dos contosporn contos babesitter em casa familiacontos eróticos homem maduro gostoso da pica grande f******tirou foto da prima e chantagiu ela xvideoscontos eróticos minha calcinha bi matoconto erotico machucando o esfíncterno parquinho contoscontos recentes incestos encoxados segredos flagradosalgemou traindo contos eroticoscomendo a cunhadinha lindinha contos eróticoscomi egua nova contorelato esposa safada na fazendaconto minha visinha mando eu descabaça sua filhacontos menage inesperadotravesti onibus contos eroticosfrutaporno adoro bater punheta na calcinha da mamaeporteiro fode esposa corno contomuie pega a manguera do amigo do cornaocontos encoxando minha avocontos gay o vizinho cadeirante marido de pau pequenocontos eróticos de casadas rabudas traindo seuSogro gay conto eroticocontos eroticos lesbica chineladashttps://idlestates.ru/conto_23966_fazendo-amor-com-o-filho-adotivo.htmlcontos coroas minha chefecontos eróticos de vibradoreu e minha sobrinha no cine pirno contohomen preto com olhos castanhos peladinhosContos gay carnaval em Veneza padrinho cuida da afilhada contos eróticospediu esmola e comi o cuzinho delaMulher que fica çarando o priquito uma na outra ate sair gala