Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ERA PARA SER APENAS NO MESMO AMBIENTE

Oi pessoal, somos o Marcel e a Bibi. Segue aqui um relato de nossa única experiência até o momento. Como foi algo maravilhoso, resolvemos compartilhar com vocês.

Os nomes foram trocados para não ter problemas.



Marcamos com um casal para uma conversa em um barzinho numa sexta a noite. Chegando lá já os encontramos sentados e começamos a conversar bastante. Julio e Marta eram muito simpático e alegre.

Como todos estavam bebendo, depois de um certo tempo já não havia mais receios nas conversas e elas naturalmente passaram a ser direcionadas a sexo. Conversamos sobre todas as vontades que temos, quais eram as fantasias, limites e gostos. Vimos que todos tinham a fantasia de transar com outro casal no mesmo ambiente.

Já que estávamos todos bem alegres, começamos a combinamos de ir para algum motel realizar esta fantasia e no final todos toparam. Saímos cada casal no seu carro. Chegando no motel as mulheres que estavam bem mais desinibidas, começaram a mexer em tudo dentro do quarto, passaram a dar muitas risadas e tiraram suas roupas, ficando apenas de calcinha e soutien.

Logo estávamos eu e Bibi deitados em uma cama, completamente sem roupa e Julio e Marta do mesmo jeito na outra cama. Ficamos muito tempo transando desta forma, até que Bibi se levantou e pediu para Julio e Marta começar a tirar fotos da gente. Eles toparam mas disseram que teríamos que fazer o mesmo para eles depois. Pegaram nossa câmera e passaram a nos fotografar de todas as formas.

Conforme iam tirando fotos, eles ficavam mais perto da gente. Dava para ver que eles estavam muito excitados com aquela situação. E Bibi também, pois várias vezes a ví olhando para o pau do Julio. Teve uma hora que ele foi tirar uma foto bem de perto, onde Bibi estava de quarto e eu enfiando meu pau inteiro nela, que Julio acabou ficando de pé na sua frente. O pau dele ficou tão perto da boca da Bibi que ela nem conseguia disfarsar o olhar e o tesão. E a Marta também ficou muito excitada com aquela cena.

Em outro momento Julio veio também bem perto, pois eu pedí para ele tirar uma foto do meu pau inteiro da buceta da Bibi. Nessa hora ele chegou a encostar o pau dele no seu braço dela. Deu pra ver que Bibi ficou toda arrepiada.

Nesse momento Marta disse que também queria que a gente tirasse fotos deles. A gente se levantou, pegou a câmera do julio e passamos a tirar as fotos.

Tiramos muitas fotos, praticamente do mesmo jeito que eles tiraram da gente. Julio colocou Marta de quatro e enfiou o pau inteiro nela. Aproveitei para fazer o mesmo que Julio: ficar com meu pau cada vez mais perto do corpo de Marta. Ela ficava olhando meu pau do mesmo jeito que Bibi ficava olhando o Julio. Encostei uma hora meu pau nos seios de Marta, ela deu um gemido a acabou gozando no pau do cara.

Disse então para a gente dar uma abusada nas fotos. Ninguém entendeu e eu passei a explicar: “Vamos tirar umas fotos mais ousadas”. Como Marta ainda estava de quatro, pedí para Bibi ir pra perto dela. Chamei Julio e disse para ele deixar o pau dele bem perto da buceta da Marta, mas que não era pra enfiar. Pedi para Bibi pegar o pau dele encostar na buceta da Marta. Bibi ficou me olhando, mas logo em seguida pegou. Assim que Bibi segurou o pau do Julio, passou a esfregar com vontade na buceta da Marta. Ela ficou maluca com aquilo e eu seguí tirando as fotos. Depois pedí para Marta levantar que a Bibi iria ficar passando o pau do Julio na boca dela. Enquanto ela levantava, Bibi ficou batendo uma punheta pra ele, bem devagar. Marta ficou de frente pra Julio enquanto Bibi passava o pau dele na boca dela e eu tirando fotos.

Pedí depois para que Marta e Bibi ficassem de quarto com as bundas encostadas e que Julio colocasse o pau no meio das duas. Enquanto eu ia tirando fotos, Julio ia alisando as duas bundas. Depois pedí para que ele deitasse na cama e que as duas fossem com o rosto bem perto do pau dele e que cada uma colocasse a mão. As duas estavam com tanto tesão que começaram a bater uma punheta nele ao mesmo tempo. Fiquei tirando fotos e de repende Marta pegou e enfiou o pau dele na boca e Bibi continuou com a mão, batendo punheta para Julio.

Fui por tras das duas e pedí que vocês enconstassem novamente as bundas para eu tirar mais fotos. Coloquei meu pau encontado nas duas bundas e fiquei tirando fotos, mas meu tesão era tão grande que joguei a câmera na cama e fiquei com meu pau encostado nelas e passando minhas mãos em ambas. Passava minha mão nas bundas e as vezes descia elas para as bucetas, que estavam muito molhadas. Colocava um dedo dentro delas e sentia elas se contraindo de tesão.

Resolví pegar a câmera novamente para tirar outras fotos. Fui me deitar na cama junto ao Julio para que eu conseguisse tirar fotos de Marta e Bibi segurando nossos paus.

Me deitei do lado de Marta e Bibi ficou ao lado de Julio. Pedi para que Marta segurasse meu pau e que Bibi continuasse segurando o Julio. Marta pegou meu pau e ficou batendo uma punheta. Nisso fiquei tirando várias fotos das duas. Pedí que Bibi segurasse meu pau também, mas para ela fazer isso teve que encostar seus seios no pau do Julio. Enquanto as duas seguravam meu pau, Bibi ficava esfregando seus seios no pau do Julio, fazia um movimento bem lento para tras e para frente. Depois pedí para as duas segurarem o pau do Julio e Marta também acabou tendo que ficar esfregando os seios dela no meu pau.

Como o tesão dos quarto estava nas alturas naquele momento, resolví apimentar mais ainda a situação. Disse que queria tirar uma foto das duas com a boca bem perto de nossos paus. Pedí que primeiro as duas segurassem o pau do Julio e ficassem com a boca bem perto dele, como se fossem chupar. Fui tirando as fotos e a cada momento as bocas ficavam mais perto ainda do pau dele. Uma hora a Marta não aguentou mais e começou a passar a lingua no pau do Julio. Nisso deu para perceber que Bibi também estava morrendo de tesão e não estava mais aguentando. Pedí que Bibi fizesse o mesmo que Marta. Nem terminei de falar e Bibi começou a passar a lingua. Julio ficou tão maluco que fechou os olhos e deu um suspiro de tesão.

De passadas de ligua a coisa foi esquentando e as duas começaram a chupar o pau do Julio, alternando uma de cada vez. Eu tirando as fotos e não aguentando mais de tesão. Pedí para que as duas fizessem o mesmo em mim, que também queria tirar fotos.

Marta e Bibi vieram e já começaram a me chupar, na verdade queriam engolir meu pau. Nisso Julio levantou e foi para tras das duas e as ficou encoxando, passando os dedos nas duas bucetas. Depois ele pegou e começou a passar a lingua na buceta da Bibi e ela estava com tanto tesão que nem chupar meu pau estava conseguindo.Bibi afundou a cabeça do meu lado e ficou sá sentindo ele chupar.

Me levantei também, peguei a Marta e deitei ela na cama. Passei a chupar a buceta dela bem ao lado da Bibi. Como ela estava de quarto, conseguia me ver exatamente chupando Marta. Julio não parava de chupar a Bibi também.

Nisso Julio pegou uma camisinha, colocou no pau dele e colocou de uma vez sá tudo dentro da buceta da Bibi. Ela deu um grito de tesão e começou a gemer. Aproveitei e coloquei uma camisinha também e passei a foder a buceta da Marta.

Ficamos um tempão os quarto transando na mesma cama, muitas vezes se tocando, se acariciando. Estava uma situação deliciosa.

Em determinado momento, onde Bibi estava sentada no pau do Julio, eu peguei e fiz o mesmo com a Marta. Deitei ao lado do dele e Marta sentou no meu pau. Ficamos alí exatamente do mesmo jeito.

Eu pegava minhas duas mãos e puxava a bunda da Marta contra mim, deixando ela bem aberta e as vezes passando meu dedo no cuzinho dela. Marta ficava maluca e gemia demais. Comecei a falar no ouvido dela que se continuasse a gemer assim, o Julio iria ter que comer a bunda dela, que ela iria sentir os dois paus dentro dela. Disse isso e ela começou a gemer mais ainda. Julio percebendo o tesão de Marta, pediu para Bibi se levantar um pouco. Bibi saiu de cima dele e ele tirou a camisinha. Ficou bem atras da bunda da Marta e começou a passar o pau, esfregava cada vez mais. Começou a falar no ouvido dela que iria enfiar tudo. Marta gemia e pedia para ele enfiar logo. Ele pegou e começou a enfiar, cada vez que entrava um pouco ela pedia mais. Quando entrou tudo Marta começou a rebolar muito, dizendo que estava sendo rasgada e que estava delicioso.

Estávamos os nás agarrados, gemendo e dizendo um monte de bobeiras e a Bibi se alisando de tesão com a cena. Não aguentando mais de tesão, Marta começou a gozar. Gozou tanto que quase apagou em cima de mim.

Tiramos o pau de dentro dela e ela se deitou do nosso lado. Pedi para o Julio se deitar e Bibi foi sentar novamente no pau dele. Julio colocou a camisinha e Bibi enfiou o pau todo na sua buceta, de uma vez sá. Bibi rebolava demais. Fiquei de pé do seu lado e coloquei meu pau na sua boca. Bibi rebolava no pau do Julio e engolia o meu. As vezes tirava meu pau da sua boca e ficava batendo ele no seu rosto.

Ficamos um tempo assim e disse no seu ouvido que era a sua hora de sentir dois paus dentro de você. Fui para tras da Bibi e passei a esfregar meu pau na sua bunda deliciosa. Esfregava e comecei a enfiar. Bibi gemia e falava para enfiar mais, que queria ser fudida. Quando meu pau entrou inteiro na sua bunda ela gemeu muito alto. Passamos a ficar alí, enfiando e tirando pau de dentro da Bibi.

Ela gemia tanto de tesão que nem percebeu que Marta estava ajoelhada com a buceta na cara do Julio e olhando. Primeiro ela ficou passando as mãos nos seios da Bibi, ela estava adorando aquilo. De repente Marta pegou o rosto da Bibi e começou beijá-la. Bibi estava tão maluca que nem teve resistência aquilo. As duas se beijavam e nás dois fodíamos Bibi com mais força ainda.

Não aguentando mais Bibi acabou gozando e gritando de tesão. Logo na sequencia eu acabei gozando dentro da bunda dela. Bibi ficou um tempo ainda em cima do Julio e com nossos paus dentro dela. Depois se levantou e deitou na cama para descansar. Nisso eu virei para a Marta e disse que o Julio ainda não tinha gozado, que ela precisava terminar o serviço. Marta montou no pau dele na mesma hora e começou a rebolar. Eu aproveitei e fiquei de pé do lado dela e enfiei meu pau na boca dela. Ela gemia e rebolava gostoso.

Julio e Marta praticamente gozaram ao mesmo tempo. Eu tirei meu pau da boca dela e fui deitar do ao lado da Bibi

Ficamos os quatro deitados um bom tempo, descansando de toda aquela aventura.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos negao so comeu o cu da minha mulherquero ver contos de fada tia dando a bundinha para sobrinhochupando coroa contomeu padrasto me comeuBucetas virgemdas das adolecentes doidocontos eroticos vizinhas camaradasquero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia acabando a buceta e gozandocontos eroticos tava numa vontade danada de comer um cu e acabei dando o meucontos erotico com minha sobrinha mais novameu patrão me pegou mastubando e chantageia conto eróticocontos eroticos sexy romantico e gostosoconto cdzinhahomen preto com olhos castanhos peladinhoscontos eroticos de iniciação gay: mete devagarMarilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhanovos contos eroticos de pastoresPornodoido passistasrelatos verídicos de aventuras eróticas com mendigoesfregando na irma caçula contosfudeu a presença contos eroticos pagamentoxoxotao capusaoAmante de coxas grossa e bundao contosdei meu cuzinho pro meu primo bricando d lutinha contosgaycontos eroticos jovem transando com a negra escrava parte 1bundinha cobiçado conto erótico gaybem novinha virgem chorando najeba gigante contoso corpo da colegial tem que ser magro fetichetranso com meu cachorro todos os diascontoseroticos anal brital no acampamentocontos erotico vestido tubinhocontos foi a melhor foda que tiveafeminados de praia grande contatosmeu corninho deixou fuder com outro ainda me ajudou chupar a picona do meu machocontos eroticos so era pra ela chuparcontos bdsm erposas escrava submissaminha mulher com os garotos contoscasei com meu filho contis eroticoscontos eroticos safadinhaporn contos babesitter em casa familiaConto erotico bigodefiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos eroticos de sogra carentecontos eroticos de sobrinho roludocontos exitantes estava muito triste e carente meu cunhado chegou na minha casapeguei um menino pra comer minha buceta velha contosassistir agora porno alargador de buceta pica grossa e enormeContos eroticosBuceta grandecontos porno putas e amantes descobertoscontos eroticos cuidando do meu genro asidentadominha piroquinha dura no cu do molequequero ler contos eróticos lojista gostosaContos eroticos de filho encoxando a mae na cozinhavou gozar na frente não contocontos eroticos gay na boleia de caminhãocontos eroticos mae filhacontos eroticos bolas cheias de leiteContos eroticos casal vendo pintudo urinarquero ler conto erótico sogro f****** com a noracontos eróticos teen apostavidio antigos onde duas mulher chamos alguns homen pra transaren no sulper mercadinho xvidioperdendo o sele o selo do cume amarro nos peitos delaconto menage com minha namoradaminha iniciacao na zoofiliaenfiando a.pica..comdificuldadeo sobrinho do meu marido comeu meu.cucontos.putinhas do papai.d.oito.anosContos eroticos A reforma Viciada em sexocontos eroticos advogadacontos foi sem quere comi a cunhada coroaempregada me masturbando nu contoscontos eroticos con pau de 24 cm