Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

GAROTINHO PERVERTIDO

Oi! Meu nome é Henrique, tenho hoje 19 anos, 1,70, cabelos negros e lisos. Não sou gay, apesar do ocorrido. Os fatos que narrarei aconteceram quando eu tinha 19 anos. Havia viajado com meu pai para o interior, numa fazenda de meus tios, irmãos dele. Uma fazenda até aconchegante, a casa era boa, havia cavalos, patos numa lagoa grande, o verde aflorando, uma piscina... tudo do bom e do melhor. Esses tios donos da propriedade, têm um filho, meu primo, o Lipe, na época de 19 anos. Fomos muito bem recebidos, eu até então nao tinha contato com essa parte da familia, eles nos visitavam em casa, mas nunca de forma prolongada. Alojei-me no quarto do Lipe, e fui como que "reapresentado" a todo mundo, devido ao longo tempo que havia se passado sem nos vermos. Nos dois primeiros dias dessas férias (foram 19 no total), tudo se deu normalmente, íamos passear por aí, brincava com o Lipe, que se mostrava como um garoto qualquer de sua idade, meus tios me agradavam com comidas, me fazendo andar de cavalo, dias excelentes. No 3ª dia, porém, meu pai anunciou que iria à cidade comprar coisas com meus tios e disse pra eu ficar com o Lipe, pq de lá iriam a um bar, nada atrativo pra crianças. Foram e eu fiquei com o Lipe e uma empregada, que estava arrumando a casa. Ele chamou para a piscina e eu aceitei. Ficamos brincando lá, normalmente, aí começou a garoar, seguindo uma chuva meio forte, daí ele disse para irmos ao quarto dele. Eu de novo o segui. Estranhei pq ele trancou a porta... afinal pra que aquilo? a empregada ja havia terminado o serviço e agora estava fora da casa, cuidando da area. Eu fui tomar banho pq o quarto dele era uma suíte. Tomei e depois ele foi. Enquanto ele tomava, eu liguei a TV e fiquei lá, assistindo deitado no chão, pensando ainda pq estavamos trancados. Ele saiu e deitou perto de mim, no chão tambem. Eu estava com uma camiseta, um short e deitado de barriga pra cima, com as mãos atrás da cabeça. Notei que ele estava se aproximando. Até que ele passou um dedo em minha axila à mostra e eu retraí o corpo, por causa das cácegas. "Puxa, já está nascendo pêlo", comentou rindo. "Deixa eu ver de novo!". Aí eu deixei, na brincadeira. Ele passou de novo o dedo, dizendo pra eu aguentar as cocegas. Aí ele me perguntou se eu ja tinha beijado. Antes da resposta, ele me beijou na boca. E subiu em mim, com a barriga encostando na minha, querendo mais, e eu tentando afastá-lo, mas nao consegui e ele me deu outro beijo, prendendo meus braços. Então ele começou a lamber meu pescoço, e eu sem entender nada daquilo... ele arrancou minha camiseta e começou a chupar meu peito esquerdo. Minha pele ja tava toda marcada, vermelha, e eu perguntava o porque daquilo e ele sem responder. Aí ele desceu e ficou chupando minha barriga toda, meu umbigo, e pegou no meu, ainda coberto pelo short. eu disse pra parar, mas nao sabia o que sentia naquela ocasião. Ele tirou meu short e começou a lamber minha cueca toda, até tirá-la. Ficou olhando meu pau de garoto de 19 anos, não ereto, pois eu estava confuso. Aí ele encostou o rosto e começou a lambê-lo. Depois enfiou a boca toda e começou a chupá-lo, enfiando-o todo na boca. E eu me contorcia todo, tentando me esquivar, mas ao mesmo tempo sentia que ele fazia direito a coisa. Foi minha primeira gozada. Ele chupava e ficava pegando no dele, acho que ainda nao esporrava. Mas ele me fez esporrar, minha primeira, na boca dele, e ele engoliu muito, e o resto na minha barriga, ele começou a engolir tambem, limpando a sujeira. Nesse momento a empregada chamou para o almoço, e ele saiu de perto. Foi ao banheiro e saiu, como se nada tivesse acontecido. E eu ali, sem entender, tudo assim, tão rápido, cheio de chupões pela barriga e pelo pescoço, melado de saliva e resquícios de porra.. minha primeira gozada, proporcionada por um menino de 19 anos... Caso este texto seja publicado, contarei mais. Até logo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto porno me xuparam ate minha xana incharestiquei os peitos da gostosa contosSem a minha permissao contos eroticosvideo porno apostou e comeu a palmeirensecontos de coroa com novinhocontos eróticos meu primo minha mãe e tiaconto de chorei com a pica grande de um negao no meu cu virgemContos eróticos de cornocom negão dotadosConto erotico negao casada loiracontos eroticos carona com pai e filhinhametendoo con vpontadi pornocontosflagascontos de sexo picantes filhas se acabando nas pirocas. groças. e grandes do papai taradaoIncesto com meu irmao casado eu confessofui pra casa da minha tia ela cuidou de mim conto eroticocomendo cu tia 57anoscontos de mãe fudendo a filha ninfetawww.porndoido.com.be/tio esfregando cabeça do pau na buceta novinha dormindosexo com a irmãzinha contos eróticosquase matei amiga da minha mae contosContos eroticos forçada a dar para um.cavalo na fazendacontos enterra tudo devagarinho no meu cuzinhoananzinha contos erotcocontos eróticos dois mlks fetiches contos comi o cu da mamãepai tio me fodendo contoscontos eroticos mae e filhocontos eróticos eu como minha sobrinha na frente da minha esposaconto bebado fui fodidocontos eriticos pique esconde sofafudendo a empregada rabuda negra com fotos contoascontos fode mesmoContos eroticos minha mulher na festacontos eroticos de marido corno bebedor de porracontos gemi grita olha corninhocontos eróticos titio encheu minha bucetinha de porra pornoincesto Minha mãe e o meu paudetalhes como fui estupradocontos eroticos prazer solitario homemporn contos eroticos casada sendo enrrabada no barminha enteada um tesaozinhoconto eroticos sem maldade senti que os dedos tocavam minha xoxoragoza muitorapidamente na sograchantagem zofilia e insesto conto eroticoconto pono de mulhe deiixa seu ammate negao tira sangue da suuua fiilhaContos eróticos gay minha iniciação sexual precocecontos eroticos eu minha esposa rabuda e meu tio na praia de nudismoMenina sentada no meu colo conto eroticocontos o pau do enteadocontos de sexo com novinhas trepando com advogadosContos eróticos mães com a buceta peluda e cheiro forterelatos comi a velha na marraconto tia velha safadacontos eroticos cegaMinha mãe traiu meu pai e voltou com a buceta cheia de porra para casaminha professora me deu carona e pegou mo meu cacetefilme pornô em português bem gostoso com a p*** bem fogosa que nunca fodeu dirigirZofilia Homem fodendo forte acadela ela chora sentido dormeu tio nem eu ter pelo na buceta e arregaçou elaconto macho fica pelado conto erotico irmaos ensinando amaninhacontos eróticos mostra logo filhoPorno contos familias incestuosas orgias tradicionaissavana na africa contos eroticosvídeo de professora dando a pombinhacontos eroticos sem pudor com coroasminha tia e puta contocontos erotico mangueira na bucetaConto erótico namorada mestiçaconto erotico gay cuzinho rosinha tapas socacontos veridicos de mulher casadaArrombei a casada crente contos home pelado com nome ketlynfui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticoscontos eroticos na praiaconto erótico meu pai fude minha esposa rindo da minha carafotos de adoráveis travestis pirocudas nuasconto de filho fudendo cu da maeContos eróticos dando de mama pra minhas irmãzinhascontos pirralho roludoconvencimeu marido a ser cornocontos eroticos -FILHA tarada pelo PaiChat Amo sexoavivocu peidão conto gayconto eróticos extremoscontos eroticos mulhe conta.como deu a buceta eo cuPapai derramo leitinho na minha cara contos eróticos