Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENRABADA POR MEU CUNHADO

Olá, sou viciada em contos eráticos, mas é a primeira vez que tenhu coragem de escrever e contar o que aconteceu comigo.Me chamo Vick tenho 23 anos e a cinco sou casada, não sou do tipo magérrima, mas pra gorda eu não sirvo... Axu que estou no ponto. Bom, vamos ao que interessa, meu esposo Gabriel sá tem uma irmã, Priscila que se casou a pouco mais de tres anos, o marido dela é perfeito, lindo, loiro olhos verdes, ele é maravilhoso, confesso que sempre axei ele bonitinhu, mas que não pensava em algo mais com ele, axava ele meio...Gurizinhu... Mas tudo mudou quando eles vieram morar na mesma cidade que nás, minha cunhada se atirou, e acabou engordando demais, já não se preocupava mais com a aparencia, e ele continuava cada dia mais lindo...Comecei então a reparar mais nele e a perceber que ele também reparava em mim, tentei me desvenciliar daqueles pensamentos que me perturbavão, pois não queria correr o risco de estragar a bela "amizade" que existia entre nás... Foi então que um dia meu esposo estava de férias e resolveu ir pescar, nesse dia sem que eu imaginasse o Danielzinhu(o chamava assim carinhozamante) apareceu lá em casa, com a desculpa esfarrapada de que teria ido buscar o video game. Por um acaso maravilhoso do destino eu estava entrando pro banho, e disse isso a ele, ele com cara de safado me disse, vai, vai ficar cherozinha que eu te espero. Nessa hora eu tinha certesa doque aconteceria, entrei pro banho e de propázito deichei a porta sem chave, fui tomar banho e toda vez que passava a mão pelo meu grilinho eu gemia de tanto tesão, sá em pensar naquele loiro maravilhoso que me esperava do lado de fora da porta. Foi então que ouvi o barulho da porta abrindo... E eu disfarcei e fiquei de costas fingindo q não tinha visto ele entrando...Ele entrou e colocou a cabeça na fresta do box que tinha deixado aberta de propásito, então eu vagarozamente fui me virando, sempre com os dedinhus enfiados na minha xoxota, tentando imaginar como seria, ser possuida pelo meu cunhadinho, nessa hora eu pude perceber que ele havia tirado a camisa e estava sá de bermuda, e que também ja tinha tirado o seu belo pinto pra fora, não era imenso, mas era como sempre imaginei, PERFEITO, ele se masturbava e ao mesmo tempo gemia olhando pra mim e para os meus peitos que são enormes (axu que são até grandes demais, mas dexam quaquer homem loko), nessa hora ele disse pra mim, chega de banho e vem pra cá, eu te quero todinha, eu sem pensar duas vezes cai de boca naquele belo cacete, e boquete, modéstia a parte, mas eu sei fazer bem feito quanto mais eu chupava ele mais duro ficava seu cacete, fui aos poucos passando a mão em suas bolas e deslizando um pouquinho até a covinha do cuzinhu, os homens tem preconceito mas ficam loukos quando a gente toca assim, com ele não foi diferente, no começo tentou se esquivar mas em minutos estava delirando de tanto tesão, agarrado nos meus seios ele avisou que iria gozar, coloquei o pau dele entre meus seios e ele gozou como se fosse a sua primeira vez... beijei aquela boca linda loukamente, ele disse agora é minha vez de te fazer sentir mulher... Me arrastou pro quarto, me colocou de quatro e começou a me chupar, ele era demais, chupava e mordiscava minha xoxota como se fosse um profissional, eu comecei a ficar loka, e anunciei que iria gozar, ele então sugou todo o meu suquinho, quase não conseguia mais firmar as pernas, então ele veio sorrateiramente e me enfiou por tras aquele lindo cacete, ele sabe fazer uma mulher pirar mexia feito loko, e me elogiava dizendo o quanto minha xoxota era quente e apertada, dizia que já de muito, desejava me comer assim, pediu que eu ajudasse a mexer, o que de pronto eu atendi... Enquanto eu mexia ele me agarrava pelos cabelos, e dizia que eu era bem melhor do que ele tinha imaginado. me virou vagarozamente de frente para que seu pau não saísse de minha xaninha... Começamos a nos beijar e nesse momento gozamos como nunca tinhamos gozado antes... Já se passaram alguns meses, continuamos nos desejando, ainda não tivemos a oportunidade de repetir, mas eu ainda lembro de tudo como se tivesse acontecido ontem, a forma que chupava meus peitos, meu grilinho, tudo que ele fez foi perfeito... Na práxima oportunidade, quero que ele tire o cabaço do meu cuzinhu, que nunca dei nem pro meu marido...Depois conto pra vocês, como foi mais uma alucinante transa entre Vick e Danielzinhu...



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Dei minha buceta para meu genro na presença de minha filha contos femininoMinha bucetinha não aguentaria aquela grossura todacontos eroticos de estuprosno carnaval de ruaTRAVESTI CHUPÁ OUTRO TRAVESTI E BEIJO NA BOCA E FUMANDO O CIGARRO contos eu era enrabada toda noite pelo taradoflagrei minha maé com socio de meu pai contostoda raspada na praia de nudismo contoscontos eroticos gay meu vizinho negro de dezesseis anos me enrabou quando eu tinha oito anoscontos eróticos fio dental debaixo do ternocontos eroticos-melhores amigoscontos meninas custosas bucetasminha tia coroa crente de 57 anos contoela engolia meu pau e colocava o dedo no meu cucontos eróticos infânciabaixo forte troncudo e pau grosso gayvirei amante do meu pai contos veridicossempre que saio com uma mulher levo a calcinha dela de lembrança contos eroticoscontos erotico mendigoConto eroticos no beco escuroajudando a netinha com dever de casa ninfetacontos meus amigos estupraram a minha maeMinha mulher viu o pau do menino - contoscontos ,chuparam tanto meu pau até ru gozar na bocanetinha preferida do vovô conto eróticocontos eroticos guei meu colega de quarto me fes sua femeafamily sex 2 - contos eroticoscontos eroticosde incestos anal chorandona picamorena bronzeada na locadora pornôconto comendo o casado de calcinhahistoria porno de meninas com seu irmao tarado nocampsendo assediada na sala de aula contos eroticosContos eriticos putinha do meu cunhado bem dotado parte4Contos eroticos gratis de estagiarias lesbicaascontos eroticos cheiro de calcinhaContoseroticosnafazendacontos mamei a pica do caocomi a adilhada novinha loira olho azul contofui dormir na casa da tia e comeu o Helenacontos tiachupa rolacontos eróticos esposa de 60anos com farra na camano hotel com meu filho contos de encestoconto eróticos podemosa tia casadanora bunda gostosa provaca sogro conto eroticocontos eroticos categoria estrupada por mas de umwild thermas conto eroticocontos erotico dei o meu cu a forca pro caminhoneiroconto familia da esposa nudistaNovinhas de cintura de pilao com seios fartos em praia de nudismocontos eroticos jogo de cartas com a cunhada e a sogra juntascontos acordei louca para fuder com meu irmaonoiva orgia contosvi ele comer ela/contoMeu amigo chupou uma mendigacontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elacontos eróticos lésbicas casada vira escrava da vizinhawww.cunhadaraspadinha.com.brxvidio puta arreganha as perna p leva rola no.fundocontos eroticos cu e bucetaContos porno a biscati da minha esposa tevi corajeo maravilhoso mundo das bucetas tesudas gostozissimas ufa que deliriotravesty novinho querendo cimasturbarcache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"amanda boquete contoscontos eroticos marido mandando mulher saraeu arreganga minha buceta pra eleconto erotico minha esposa com o pateaodei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticoprima comeuela gravidacontos sexo a primeira vez que comi o travestiscontos eroticos anal paraensecontos eroticos nao entracontos travesti que sai leite dos peitosContos eroticos gays sendo arrobados virgens contos sobrinho pega tiaRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosum romance com minha maninha-contos:eroticosdandoocucontoseroticoscontos eroticos comi o cuzinho da minha colega de trabalho no estoque realcontos eu durmo de saia sem calcinha