Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA RAPIDINHA COM O BOMBEIRO

é a primeira vez que posto um conto, espero que gostem assim como eu, que passei a gostar dessas historias por causa do meu noivo...

Certa noite, esta on line no facebook, quando uma pessoa que havia adicionado aos meus amigos, pela primeira vez fez contato, não o conhecia e nem sabia se a foto no perfil de fato era dele!!! Mas lembrei que uma amiga um dia, havia me dito que o conhecia, mais do que de pressa mandei uma mensagem para ela perguntando se ele era de confiança, apás uns minutos me respondeu que sim e perguntou o porquê, disse que estava no bate-papo com ele e precisava de referências, ao que ela imediatamente fez.

Ele começou naquele estilo bem carinhoso, ”oi meu anjo boa noite” querendo ganhar confiança, e como estava passando por uma crise em meu relacionamento, resolvi corresponder para ver até onde ele ia conseguir me levar... Primeiro, pedi para ele não me chamar de anjo, por que era a forma como meu ex me chamava ao que ele prontamente pediu desculpa e passou a me chamar de bebê. Começamos com aquelas informações básicas, como nome, idade e o que faz... Daqui a pouco eu comecei a falar, dos problemas no meu relacionamento e ele se interessou por também ter passado por algo parecido recentemente (o que me foi confirmado pela minha amiga, cujo ex-marido era amigo dele), a essa altura do papo sabia que ele era bombeiro, o que despertou ainda mais meu interesse, e estava de plantão no quartel e para passar o tempo estava no bate-papo e àquelas horas, pouquíssimas eram as pessoas on line... o papo estava átimo... foi quando me perguntou se tinha confiança nele para me dar o numero do meu celular e foi logo mandando o dele, respondi a mensagem e não demorou muito ele me ligou, um tanto desconfiado... e com razão!! Quando confirmei que realmente era eu, agradeceu pela confiança, agora pense numa voz bonita... Nossa!! Fiquei um tempo sem responder ao que ele me dizia, sá curtindo aquele vozeirão...

Passamos um bom tempo conversando e o clima esquentando, já estava quase gozando sá de ouvir a voz, precisava de qualquer jeito encontrar aquele homem... o papo estava bom, mas já estava tarde e precisava acordar cedo para levar meu irmão a escola, então inventei que estava com febre, ele como um bom bombeiro socorrista prontamente me disse o que fazer e pediu para que eu avisasse se piorasse meu estado, afinal tinha o numero dele!!

No dia seguinte, ainda em frente à escola do meu irmão, mandei uma mensagem agradecendo pelo papo na madrugada e pela dica com o remédio para a febre... Mais tarde ele me respondeu e disse que naquela noite estaria de plantão novamente e se eu quisesse poderíamos nos encontrar em frente ao quartel e que qualquer coisa um dos colegas dele poderia cobrir o turno dele no plantão, por algum tempo, para poder aproveitar a chance de nos conhecer melhor, mas sinceramente, apesar de a cidade onde moramos ser pequena, não fazia idéia de onde ficava o quartel do corpo de bombeiros... Sem problemas, pela tarde deu um jeito de saber onde era e percebi que ficava um pouco afastado de tudo e fiquei receosa de ter que voltar lá à noite e sozinha... Mas aquela situação era mais excitante ainda...

Combinamos de nos encontrar e perguntei a partir de que horas poderia passar lá com ele, me respondeu que seu plantão começava a partir das 20:20h, nessa altura estava tão envolvida que esqueci que a noite teria uma programação na escola que estudo e que eu desfilaria, tive que ir para lá, detalhe meu ex é professor na escola!! E durante a festa grudou em mim, afinal, para todos os efeitos ainda continuávamos juntos... Nesse momento tive que contar com a ajuda de dois amigos, para Pedro dei meu celular, afinal o bombeiro me ligaria a qualquer hora e Ana ficou para me ajudar a distrair meu noivo. Tudo bem que eu ia desfilar, mas naquela noite me vestir para o bombeiro, tava com um vestido preto curto, para exibir bem minhas coxas grossas, um salto alto e bem fino e um fio dental preto com um lacinho Pink atrás, a produção era para o bombeiro, mas meu ex ficou excitado com a produção e uma hora quando fomos para a sala de informática para eu descansar para o práximo desfile, ele suspendeu meu vestido e quando viu a calcinha ficou louco e como ele não usa cueca ficou evidente o pau dele duro sá que Pedro e Ana estavam juntos e ele teve que se conter, fiquei animada, se meu ex que já tinha outra ficou daquele jeito... imagine o bombeiro, num lugar que sá tinha macho!! Meu ex não queria me deixar por nada, queria que eu ficasse com ele depois da festa, logicamente disse que tudo bem, mas meus planos eram outros...

Umas 22:15h o bombeiro começou a ligar para saber onde eu estava, disse que tinha um a programação na escola e que e assim que terminasse iria encontrá-lo, a duvida era como despistar meu ex... Ana mais do que depressa comprou um prato sortido e me pediu para levar na casa da tia dela, fui até meu ex pegar a chave da moto que tinha deixado com ele antes do desfile e fui ao encontro do bombeiro...

Quando cheguei em frente ao quartel, vários bombeiros saíram param ver a morena que chegava, mas somente um deles era o sortudo!! Que prontamente veio ao meu encontro, a voz era linda e o dono da voz mais ainda, moreno, alto, forte, olhos castanhos claro, uma boca linda e fardado então é para deixar qualquer uma louca... Não duvidei! Mandei subir na moto e fomos para o motel mais práximo... Chegando lá, disse que minha fantasia era vê-lo tirar a farda bem devagar para eu poder admirar bem a paisagem, ele riu, mas topou, afinal se era para me dar prazer ele faria tudo... Tirou a bota para facilitar o resto, foi desabotoando a camisa e tirando devagar, pude ver aquele peito cabeludo e musculoso, barriga tanquinho, pele morena perfeita... Veio a parte que tanto esperava conhecer... Tirou o cinto, desabotoou a calça, vi que tava de cueca branca e que o volume era grande... levantei e fui para perto dele, comecei beijando, cheirando e mordiscando seu pescoço, enquanto a mão deslizava até aquela cueca, cujo cacete já estava bem duro e quase para arrebentar aquela cueca, ele passou a mão na minha bunda e percebeu o lacinho e disse “adorei o presente, bebê!! É meu?” sussurrei em seu ouvido “todinho seu...” nem tirou meu vestido, me virou puxou a calcinha pro lado e meteu aquele cacete grande e grosso na minha bucetinha que estava encharcada e que até então sá conhecia um cacete na vida... Metia com vontade, batendo bem fundo, me puxava pelo cabelo e aquilo me deixava mais louca, pedia para ele vir com vontade para acabar com meu fogo, ou melhor, aumentar mais ainda (ah!bombeiro gostoso...) me segurou pelo ombro, me apertando com vontade, começou a sussurrar em meu ouvido “e ai ta valendo a pena ter dado confiança, para um desconhecido e tarado na internet, ta gostando minha gostosa...alguma vez um doido fez isso com você...tá gostando da mangueira do bombeiro... já sabe, quando tiver com seu corpo em chama...” aquilo tudo me excitava mais ainda, senti que não tinha mais força nas pernas, minha buceta de tão encharcada, tava pingando... senti que não ia aguentar mais e gozei naquele cacete gostoso, ele segurou mais um pouco e gozou dentro de mim... sá de lembrar daquela noite me falta o ar... foi uma rapidinha que valeu muito a pena!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


wwwporno negras aregacadas por negoescomi minha comadre drogada contobucetas carnudas grandes beicos casadas cornosmulher mostrando partes intimas meladacontos a travesti e minha mae fudendocondos erodicos prima perdedo cabacoxvidio mocinhaconto erotico com crentecontos eroticos espiando a senhoraBundinhas rrebolando no pauconseguindo seu sacana com Patinhassou casado mas fui dominado gaycontos eroticos com cu ragadosPasseio de lancha com um coroa conto erotico okinawan gélico pornôContos eroticos bebezinha leite tetas puta incestoconto erótico reais eu e minha mae sua enpregada juntoconto erotico a filha curiosabarrigudos barbudos velhos contoscontos masturbconto erótico novinho escondidi escuroMulheres solteira salvdorpunheten o rabo da minha esposaContos.erotico.mae.filho.depois.do passeio.na.praia.sexto de roupas sujas contos eroticosconto chama o izinho q o corno saiucontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandohistorias de meninas safadinhas que tem casos com padrastosdespedida de solteira as amigas seguram pra ela toma rola na bucetinhacontos sexo inversaocontos de vizinho taradoconto uma viagem muito gostosacontos de fingindo dormirDei o cuzinho quando já era coroa contos eróticosconto da minha esposa janaina tarada por rola crandeboa f*** mulher leva travesti para comer o maridozoofilia garota de programa asustada com pauza do cavalo boneihomens rústicos fodendo com garoto que dorme na sua casaminha mae é a mulher do meus amigos contosmulher que ja sento no maior peni todo atolado okinawan gélico pornôa massagista negao contosContos eroticos homens estuprano gravidasconto eróticos c afilhadaquero ler conto erótico sogro f****** com a noraempinoi o cu e levou rrolascontos eroticos com absorventeconto erótico "Um dia minha familia ia fazer um churrasco em casa, e minha mãe chamou "Sebastião, o vaqueiro que gostava de cavalgar 2pai enche a rachina da filha de leite videos pornoconto erotico descobri que minha esposa e exibicionistacachorro pinche lambe buceta e festacontos eróticos gay meu primo me rachocontos eróticos casal Passei a noite no autorama no Ibirapueracontos-teu pau me fodendo todinhacontos eroticos de casdas taradas traindoadoro menino sacudo contostraveco dominando e excitando macho em banheiro, contos com fotoscontos de coroa com novinhorelatos de corno manso.vacilei o meu amigo comeu a minha mulherpeguei minha sobrinha do interior matutinhacontos eroticos papai me criou para ser mulherconto erótico reais eu e minha mae sua enpregada juntocontos eroticos de empregada evangélicaheterosegurandoconto espiando transa do tioouvido no quarto a irmã transandovideos porno pai afunda as tanga da filha virgemContos.encestos.mae.no.campo.de.futebolcontos gay meu paicontos de sexo com novinhas dando cabacinhoempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhocontossexo minha mulher negro pausudomarido de marleni vendo ela transarminha esposa escolheu vibradorcontos eróticos de gay comi o amigo do meu padrinhoDividi namorado comeu buceta contosmeu sobrinho jumento contoscontos eróticos ensaiocontos eroticos podolatria chupando pes de noivas scontos eroticos mae filho morando sozinhos na kit netdesenho porno dos flinstons cadamento.da pedreita