Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O FARMACEUTICO

O Farmaceutico



Estes fatos são verídicos.

Tenho 50 anos, e vou contar agora como comecei a vida sexual.

Quando eu tinha 19 anos, fiquei doente (não me lembro qual a doença), e tinha que tomar injeções de 2 em 2 dias.

Eu morava somente com minha mãe, que trabalhava fora, e portanto não podia me aplicar estas injeções. Por isto ela pediu ao farmacêutico do bairro que me aplicasse as injeções. Ele era um coroa de cerca de 50 anos, muito bonito, mas muito recatado. Tinha cerca de 1,70 m. Ele era pai de um colega meu de escola. Seu nome era Gustavo



No primeiro dia Sr. Gustavo apareceu lá em casa cedo, antes de minha mãe sair para o trabalho e conversou com ela, dizendo que a injeção era muito oleosa e dolorida, que seria melhor aplicar na bunda, ao invés do braço.

Minha mãe concordou e eu não fiz nenhuma objeção. Ele então aplicou a injeção, que realmente doeu muito.



Na segunda vez que ele foi aplicar a injeção, minha mãe já tinha saído para trabalhar e eu estava sozinho em casa. Ele foi para meu quarto, pediu-me para deitar na cama, de bruços e tirou meu short. Aplicou a injeção, que desta vez doeu mais. Como eu reclamei de dor, ele disse que poderia fazer uma massagem na minha bundinha para aliviar. Eu concordei e senti aquelas mãos passando na minha bunda. Depois de algum tempo, percebi que ele estava gostando e ficando de pau duro. Senti que sua mão se aproximava cada vez mais do meu cuzinho. Depois de algum tempo, ele perguntou se estava melhor e se podia parar, o que eu pedi para não fazer, pois estava gostando muito. Ele então perguntou se eu gostava que ele tocasse no meu cú. Eu disse que sim. Ele então pegou um pouco de vaselina e começou a enfiar o dedo no meu cuzinho. Eu adorei. Ele percebeu e perguntou se poderia ficar nu. Eu disse que sim. Pude ver então o maior pau de minha vida. Na verdade, como morava somente com mamãe, não tinha visto pau nenhum.



O pau do Sr. Gustavo estava duro feito uma pedra. Ele perguntou se eu já tinha segurado um pau. Eu disse que não e ele perguntou se eu queria segurar. Imediatamente botei minha mão nele. Ele me ensinou a punhetar. Depois de algum tempo, ele pediu para colocar na boca. Eu botei e senti aquele gosto maravilhoso. Chupei bastante. Ele então disse que iria me tornar seu viadinho. Eu concordei. Ele então passou mais vaselina no meu cú, passou no pau também e me botou sentado no seu colo. Senti seu pau entrando devagar e me arrombando todo. Depois de algum tempo senti um jato de porra no meu rabo. A sensação de ser comido foi simplesmente maravilhosa.



Seu Gustavo pediu para que eu nunca comentasse com ninguém o ocorrido e prometeu que também não comentaria nada com ninguém, pois queria continuar comendo seu viadinho favorito.



Ele não cumpriu sua promessa, pois 2 dias depois apareceu seu sácio na farmácia para me aplicar a injeção. Sr. Antonio. Entrou e foi logo falando que o Sr. Gustavo não poderia vir naquele dia, mas ele iria substituí-lo em tudo, pois já sabia do esquema. Fui também comido por ele. Os dois se revesaram em aplicação das injeções enquanto durou meu tratamento (cerca de 1 mês). Eu sá não era comido por eles nos fins de semana, pois minha mãe estava em casa.



Quando acabou meu tratamento minha mãe agradeceu ao Sr. Gustavo e ao Sr. Antonio pelo carinho com que me trataram. Passado algum tempo, não sei como, ela soube da estária toda.



Quando fiquei bom e voltei às aulas, fui procurado pelo filho do Sr. Gustavo que me disse saber de alguns fatos de minha recuperação. Mas isto é outra estária

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos dediaristApornoc/japonesasetravestiscontos chera calcinha de transJamanta comeu meu cuzinho a forçacontos eroticos meu alunocontos-no colo de papai na praia de nudismoContos gay de professor de musculação dando o cu para dois alunos dotadoscontos eroticos estou chifrando meu marido tomando porra do cunhadocontos de coroa com novinhoconto mamae da buceta grande e cabeludacontos eroticos chantagiei minha tia e comi elaConto ertico familia sexoincesto meikilaconto.eroticos patrao com funcionarios ou ascontos eroticos 30 cmmulher no carnaval gozando muito no camarote ela ea amigacontos eroticos comi a velha beataporno filadaputa faz devagar o teu pau é muito grande contos eroticos a tia que mijofui comida feito puta e chingada de vadiaContos eroticos esposa novinha com marido e amigo pintudocontos gays gemeostravesti.coza.com os.dedos no seu cucasado chupa travesti contodeu a buceta no presidio contosminha sogra ensinou a dirigir contos etoticoscontos eróticos do amigo do meu pai me agarrou na cozinhaContos eroticos: Fui forcada por meu pai ohohhmulheres religiosas corpo bonito seio grande quadril largo transandonegoes jegudos na punhetarodolfo era meu vizinho me chamo ana contos erótico contos eroticos sou tarado na sua bundonaconto erotico prima francininamorada de calnsinha centou na picacontos eroticos troquei marido pela vizinhacontos eroticos sograTravessa gostosa lavando a b***** em casa com cama escondidacontos eroticos cu virgemcontos eroticos priminha rabuda no colocontos padrasto e enteadamim mastrudo dia sou mulhe contoscontosponoEliana experimentando calcinha fio-dentalver homens bem-dotados sendo castradoscontos femininos reais encoxadas e zoofiliavideos de palmadas fortes na buceta e na bunda peladaNegras malhadinhas com muinta vantade de dar a bucetafotos de loira sapeca abrindo as pernas a abrindo a xana rosahomem comeno a espoza de pois asograconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dorcontos erotico vovo e a vovo lamberam minja bucetarelato erotico meu cachorro comia meu cuzinho quando meninaconti gay minha tia me fagrou de calcinhacontos de sexo com mulheres menstruadascontos eroticos minha cona e cu gosta de piça ggcontos/ morena com rabo fogosocontos eroticos zoofilia tava bebada e deichei meu cachorro me comerdespedida de solteira com noiva pegando no pau dos stripsdois gay fudendo violentamentw/entre sicondos erodicos con maesconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande delecontos eroticos de sobrinho roludosarinha contos eróticos numero de telefoneminha mãe e eu jogando strip poker contoscontos gay menino bundudocontos coroas casadas sexocontos eróticos com o genroConto erotico comendo gordinha durante colheita do cafécontos eroticos gozei no pau do meu irmaorelato erotico gozei na calcinha depois que vi o pausao do meu sogroContos erótico de cdznha verídicoliberei minha noiva loira pra dois contoscomigo a mulher do meu irmão transando sexo prima irmã titicontos eróticos esposa disfarçadoconto erótico de pai fazendo o filho gay patinhaDominando ela contos