Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMINHA DOS OLHOS AZUIS

Eu tenho uma família relativamente grande, vários primos e primas na região. Na verdade, tenho muito mais primas que primos. A maioria delas são mais ou menos da minha idade, e durante a nossa adolescência cheguei a trocar uns amassos e beijinhos com duas delas, mas nada mais do que isto até este momento...

Sempre tive muito carinho por todas elas, mas tem uma em especial, a Camila, com quem sempre fui muito práximo. Nunca tinha rolado nada entre a gente até mesmo por ela ser 19 anos mais nova que eu, acho que a nossa proximidade era mais por eu tratar ela como uma irmãzinha. Eu estava sempre na casa dela, assistíamos TV juntos, muitas vezes ela sentada no meu colo.

Quando eu fiz 23 anos, arrumei um emprego em um outro estado e acabei me mudando. O tempo passou, e apesar de manter contato com todo mundo por telefone e e-mail, fiquei sem ver a Camila por 5 anos.

Um dia deu certo para eu tirar férias no fim do ano, e decidi voltar e rever a família. Meu tio (o pai da Camila) insistiu que eu ficasse na casa dele. Gente boa ele, adora uma cerveja, e está sempre contando piada. Arrumei minhas coisas e na semana do natal estava chegando de ônibus para ver todo mundo.

Meu tio combinou de ir me pegar na rodoviária. Mal desci do ônibus e meu tio e tia vieram me receber, me ajudar a pegar as malas. Eles ficaram perguntando as coisas básicas de "como foi a viagem?", "conseguiu dormir?", estas coisas, quando de repente ouvi uma voz conhecida chamando o meu nome. Virei para ver se era comigo mesmo quando notei uma princesinha muito linda vindo na minha direção. Meu tio disse: "Ah, é a Camila, ela fez questão de vir te receber".

Confesso que fiquei paralisado, bobo de ver aquele mulherão. Eu tinha plena consciência de que o tempo tinha passado e que ela agora tinha 19 anos, mas mesmo assim eu não esperava vê-la tão... gostosa assim...

Ela tem os cabelos pretos compridos e lisos, e os olhos azuis mais lindos que já vi... Andando na minha direção, parecia uma modelo com os seus 1,75m de altura... Magrinha, coxas grossas, e um par de seios absolutamente maravilhosos, de médios para grandes. Quando dei por mim ela já estava me abraçando, eu pegando ela pela cintura, sentindo aqueles seios macios contra o meu peito... Não preciso nem dizer que fiquei excitado na hora.

Ela me beijou no rosto, me comprimentando, e me pegou pela mão para irmos até o carro. Não lembro direito sobre o que conversamos na ida para a sua casa, eu ainda estava em choque...

à tarde a família toda veio e fizemos um churrasco daqueles, com direito a muita carne e muita cerveja. As horas se passaram rápido, conversando, bebendo e comendo, mas não tinha tido uma oportunidade de conversar com a Camila de novo.

Anoiteceu, o pessoal foi embora, e a minha tia me mostrou o quarto aonde eu iria ficar. Fui tomar um banho e depois fui dormir pois já era bem tarde.

Fiquei deitado naquela cama pensando naquela delícia de prima, que mulherão... Iria ser difícil me controlar com ela por perto, pensei, mas eu não poderia fazer nada já que eu estava na casa dos meus tios né? Além do mais, nem sei se ela tem namorado, ou se quer alguma coisa comigo.

Por algum motivo, acordei bem cedo no dia seguinte, deveriam ser umas 6 ou 7 da manhã. Não sei, acho que era a cama, sei lá, não consegui ficar dormindo muito tempo. Fui para a sala tentando não fazer barulho para não acordar ninguém já que era domingo, e liguei a televisão.

Não se passaram 19 minutos e senti um par de mãos quentes se apoiando nos meus ombros, vindo por trás do sofá, meio que fazendo carinho... Virei para ver e adivinha, era a Camila... Sorrindo, eu vendo os dentes perfeitinhos e os lábios carnudos dela, acompanhando esses olhos azuis lindos.

"Bom dia", ela me disse, me deu um beijo no rosto, e comecou a dar a volta no sofá para vir sentar do meu lado, pensei. Ela não tirava o olho de mim, dando um sorrisinho maroto... Olhei para o corpinho dela, e percebi que ela estava de camisola ainda... Meu pau ficou durinho quando percebi que ela estava sem sutiã, aqueles seios lindos firmes soltinhos dentro da camisola, os biquinhos aparecendo.

Sem dizer nada, ela veio e sentou no meu colo. Não tive nem oportunidade de acalmar o meu amigo lá embaixo, qualquer oportunidade de disfarçar o meu tesão já tinha ido por água abaixo, porque ela estava sentadinha justo ali... Percebi que o bumbum dela não era tão grande, mas era muito gostoso e macio... Meio que automaticamente, coloquei minhas mão sobre as coxas dela, subindo carinhosamente, sentindo aqueles pelinhos loirinhos dela entre as minhas mãos. Comecei a beijar o pescoço dela, os ombros, apertando aquelas coxas gostosas com as mãos...

Ela se virou e cochichou no meu ouvido: "Você se lembra que a gente acostumava a assistir TV assim?". Respondi: "Claro que sim, mas não trocando carinhos desse jeito..."

Ela respondeu: "Sempre sonhei em fazer carinho assim contigo, agora que você voltou você é meu...". Nisso, ela comecou a rebolar gostoso em cima do meu pau... Disse para ela: "Camila, a gente vai acordar os seus pais...", e ela: "Que nada, com o tanto de cerveja que eles tomaram ontem, não acordam tão cedo...".

Sem perder tempo, ela se virou, e tirou meu shorts com cueca e tudo... Eu já estava sem camiseta, então fiquei peladinho, sentado no sofá olhando para essa princesinha safadinha...

Ela me olhou nos olhos, subiu um pouco a camisola e foi tirando a calcinha... Quase morri te tesão de ver isso... Ainda me encarando ela veio para cima de mim, se ajeitando no sofá, se sentando de frente para mim... Sem falar nada começamos a nos beijar... Os lábios carnudos dela se perdendo nos meus, nossas línguas se encontrando...

Não aguentei e comecei a passar as mãos por baixo da camisola dela... Pelas coxas... Apertando aquele bumbum gostoso. Senti que ela estava molhadinha, rebolando, me provocando... Meu pau duro, ela chegando com aquela bucetinha quente esfregando nele..... Quase gozei ali mesmo...

Apertei aquele bumbum com as duas mãos, ainda beijando ela, encaixando meu pau nela... Ela soltou um gritinho, a cabecinha do meu pau entrando naquela xaninha apertadinha... Que delícia... Puxei ela mais contra o meu corpo, metendo tudo la dentro...

Ela ficou louquinha, rebolando, cavalgando em mim... Eu beijava a boca dela, o pescoço... Mordendo carinhosamente, apertando aquele bumbum gostoso... Sentir aquela bucetinha novinha, tão apertadinha, tão quente, me deixou louco...

Puxei a camisola dela para cima para deixar ela peladinha, e quase gozei sá de ver aqueles seios maravilhosos, e a bucetinha toda raspadinha... Ela cavalgando ainda, eu maravilhado pelos peitinhos grandes, duros, de bicos rosados... Não tive dúvidas e abocanhei um deles, apertando, mordendo, chupando... Ela puxava minha cabeça e esfregada nos peitos dela, louquinha de tesão.

Virei ela deitada para mim no sofá, ainda dentro dela... Cheguei bem pertinho dela, nossos corpos colados, e fiquei metendo bem carinhosamente nela... Beijando ela na boca, no pescoço... Sussurrando no ouvidinho dela: "Camila, como você é deliciosa... Adoro te comer assim bem gostoso, sentir essa sua xaninha me apertando". Ela respondeu: "Eu estava contando os dias para fazer isto contigo... Sou todinha sua, quero que você me coma todos os dias enquanto estiver aqui...".

Aquilo me deixou mais doido ainda... Comecei a bombar cada vez mais forte nela, metendo, beijando, apertando ela contra o meu corpo, até gozar gostoso dentro dela... Gozei forte, apertando ela contra mim...

Fiquei uns minutos ali, em cima dela, beijando aqueles lábios maravilhosos, sem acreditar no que tinha acontecido... Sentamos e ficamos olhando um para o outro por alguns momentos, com caras de safados, sem dizer nada um para o outro... Ela colocou a camisola, chegou pertinho do meu ouvido e disse: "Eu vou tomar um banho bem gostoso agora... Não se atreva a ir lá ou serei obrigada a chupar o seu pau..."

Me escreva: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos erotico zooo japoneza40cm no cu da minha vo contosmacho coñoca calcinha e da o cuconto erotico com coroa empregadapotranca de mini saia fodendocontos não aguentei o pau do meu pai inteiro dentro de mimContos marido mandando os caras arrebentarem a esposacontos eroticos dei pa paga dividaContos falei parainha comadre que queria transar com ela s nossos maridoscheirei a calcinha da minha cunhada safada contosDeixando a novinha laceadacontos betinha vendo a irma sendo fodidaFui cuidar do meu sobrinho doente e transei com ele contosdando o cuzinho pro pintinho contosContos eroticos gay primeira vez traumaticacontoseroticosrolacontos erótico paizão enrabar filho gaycomedo prima emquado os tios n taConto erotico sou morena clara evangelicavídeo de mulher conto dar o cu ele micha de dorcontos eróticos de dupla penetração b*****contos minha sogra me vendeu seu cuzinhonora bunda gostosa provaca sogro conto eroticogostosas arreganhado os labios da buceta e mastubando porno doidoContos erotico s de travesti bedotado ativoconto erotico machucando o esfíncterContos amigos fodem maes de amigos por traicaocontos eróticos disneylandiacontos eroticos incestos meu homem ciumentofui passear vestido de putinha e os noiados me fuderam o cu conto gayconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camapretinha choradomuito pornolconto erótico mulheres hermafroditascontos gay com estupro por guarda vidascontos sadico eroyico meninas inocentecontos dei minha buceta para o novinho pauzudo na pescariaconto erótico chantagem na matacontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticos de cunhadasdoce nanda contos eroticosestuprada na frente do marido por 6 homes conto eroticofudeno a amanda e nanda duas gostosinha mobileContos eroticos estrupei minha filha renata por ver filmes porno de pai e filha no meu computadorconto pequeno titio queria agarrar os seio da mocaver contis eroticos de incesto passando oleo na maecontos eroticos cornos que nao desconfiacasa dos contos putinha desde novinhaFlagra plugcontos eroticos esposa coloca coleira no maridocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eróticos meu comeu esposa dele e a minhaCuidando do meu pai acidentado contos de incesto femininocontos inserto fatos reais gaycontos eróticos gay encarado na escolaMinha namorada deu a bucetaContos eroticos primo do pau grande engravidei minha prima peitudaContos eróticos gay homem enfiou cu pivetinhookinawa-ufa.rucontos xoxota estufada da sobrinhaDesenho porno pai bota filhar pra domir i fode ela todinharcontos eroticos sasuke e sakura minha doce virgemconto lesbica humilhadacontos dei para meu neto pauzudocontos negao na praia de nudismocontos dona vava uma senhora negra com a buceta grande e depiladamorena elisangela dando o cuzinho gostoso de cabo friodei para um negão desconhecidoconto erotico gay minha mulher e eucontos veridicos de japa com negao de pau giganteNegras malhadinhas com muinta vantade de dar a bucetaPapei o meu sobrinho Jorginho contos eróticos gaysminha namorada perguntou se eu era gay contoconto erotico cunhadinha safadinhacontos : meu filho falou que minha buceta e bonitaminha tia casada matutinha contosDei meu cu pro meu tio pra ele se alegrartia bate no casa sobrinho contocontos eróticos massagemou porn contos mãe traindo com um negrocontos de menina crenteesposa e meu pai contoconto porno pentelhos a mostra