Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SOU A ANINHA - ACONTECEU

Vou contar pra vocês algo que aconteceu comigo que realmente é verdade. Não sou rica, mas tenho uma estabilidade econômica acima da media (devido ser sácia do meu ex-marido em uma pequena empresa). Não sou nenhuma menininha bonitinha, mas tenho um corpinho interessante no auge dos meus 46 anos. Uns anos atrás minha filha mais velha conheceu um negro, digamos assim: “bonitinho”, solteiro sem filhos educado e trabalhador, na verdade ele seria o sonho de muitas mulheres se não fosse assalariado. Mas ele tem átimas qualidades. É do tipo que leva flores, da bombons de presente, serve café na cama, faz átimos pratos deliciosos, serve chá com bolo no café da tarde, se preocupa com a família, não mede esforço para agradar, ainda escreve cartas românticas a mão, até massagens no corpo ele faz, e nos dias mais frios minha filha diz que ele colocava os pés dela na barriga dele pra esquentar quando não lixava e cortava as unhas dela... (sá não sabia pintar as unhas rsrsrs). Minha filha é cabeça dura, por ter um salário melhor do que o do rapaz resolveu se separar dele para buscar seus ideais com alguém melhor sucedido economicamente... Quando minha filha estava namorando esse rapaz ela morara no meu pátio (numa casa que fiz para por meus parentes quando vinham visitar já que os mesmos moram distantes) e eu via que esse rapaz praticamente assumiu minha netinha como se ele fosse o pai, fazia tudo em casa lavava, passava e ainda cozinhava apesar de não morar com ela. Nesses tempos passei a admirar ele como homem, mas como se tratava de minha filha nunca fiz nada que contrariasse minha posição de sogra (praticamente). Passando um tempo minha filha pediu um tempo pra ele nisso eu sabia que eles não voltariam mais, sá que estranhei, pois mesmo separados eles continuavam se vendo e às vezes até saindo juntos... Sá que minha filha diz que não estavam tendo recaídas nem estavam se relacionando fisicamente apesar de ele ser agradável sexualmente, e que sá restava a amizade entre eles. Estranhei mas com o tempo eles foram se afastando. Outro dia minha outra filha (a mais nova) fez um Orkut pra gente e eu comecei a adicionar varias pessoas conhecidas entrei no Orkut da minha filha (a ex-namorada desse rapaz que eu diz acima) e encontrei o ex-namorado dela, depois começamos a trocar algumas mensagens até que começamos a conversar pelo MSN ([email protected]). Eu diz que ainda estava sá e ele diz que não sabia por que eu estava sá pois que ele sempre me achou uma mulher bonita e muito atraente fisicamente entre outros elogios... Apesar dele não ter se atrevido nem ultrapassado nos elogios eu fiquei enchendo a cabeça de coisas. Então resolvi convidar ele pra vim na minha casa (combinamos que seria somente sexo) em um sábado quando meus filhos menores estavam com o pai, fiz uma janta bem especial e convidei-o pra fazermos amor, ele me pegou no colo e me levou pra cama e de uma forma sutil me despiu apreciando meu corpo, nesse momento eu já estava com o creme de avelã na mão, eu peguei o creme e fui passando de pouquinho a pouquinho no meu corpo coloquei primeiro nos lábios, ai ele me beijou, depois coloquei no pescoço e sentir um arrepio quando ele passou a língua, fui descendo passei nas auréolas dos seios e me senti poderosa, pois como uma mulher da minha idade poderia estar dando prazer ao um jovem 20 anos mais novo que mim. Ai passei no umbigo ele foi degustando me dando muito prazer, pensei que ele não seria capaz de comer o creme se eu passasse na vagina, mas quando passei o dedo no creme e coloquei nos meus lábios vaginais ele foi descendo devagarzinho e primeiro deu um beijo, depois passou a língua nisso eu já estava a ponto de gozar ele foi me torturando somente assim quando eu menos esperei ele abriu bem aquela boca negra de lábios carnudos e com uma chupada colocou toda minha vagina na boca e ficou passando a língua profundamente na vagina, confesso não aguentei e gozei 3 vezes na boca dele e ele mesmo assim não parou de me chupar ficou como se fosse um desentupidor de pia até que eu perdi pra ele parar pois comecei a ter câimbras já que eu estava com minhas coxas nos ombros dele. Sá que eu tinha gozado e já estava satisfeita ele não. Então ele me virou colocando-me de 4 colocou, me segurou firme e começou a me penetrar ele me dava batidas tão fortes que cheguei a ficar com as coxas vermelhas já que sou loira, senti minha vagina ficarem com os lábios vermelhinhos inchados, mas isso foi muito gostoso ainda mais por que ele me virou e de papai e mamãe me fez ver estrelas no céu do quarto depois que gozei como nunca antes vi que ele estava querendo mais então ele colocou minhas pernas no ombro dele e como um franguinho senti ele bombear como se fosse um faminto, gozei novamente e senti o leite quente dele me enchendo. O pênis dele deve ter uns 19 cm não é tão grosso assim, mas gozou bastante de modo que o leite dele encheu minha vagina e antes dele tirar o pênis escorreu pela minha vagina molhando meu cuzinho e deixando todo molhadinho... Então ele deitou do meu lado conversamos sobre como foi gostoso, e logo eu passei o creme de avelã em toda a cabeça do pênis dele que de certa forma parece um cogumelo e fiquei chupando até ficar bem durinho, chupei tanto que ele novamente gozou, sá que dessa vez na minha boca e eu fui engolindo tudo sem parar de chupar, acho que chupei por uns 19 ou 20 minutos até que ele me virou deitou-me na cama de bruços, abriu bem minhas pernas deu umas cuspidinhas no meu cuzinho e foi me penetrando devagarzinho, confesso que não doeu, sá foi um pouco desconfortante no inicio, mas ele fez com um jeitinho que me levou ao delírio depois de um tempinho ele me diz no ouvido baixinho “vou gozar, vou gozar... to gozando...” foi maravilhoso, nunca tinha sentido tamanho prazer fazendo sexo anal. Depois disto fizemos mais umas 3 vezes amor durante a noite, mas sempre de conchinha horas sendo anal e horas sendo vaginal com ele me segurando pela cintura, barriga e ou pelos seios. Amanheci pensando que ele estaria do meu lado, mas não ele tinha saído e quando eu chamei por ele, o mesmo apareceu com uma bandeja de café pra mim, me trouxe morangos, uvas, abacaxi uma mistura de sorvetes, torradas e chocolate. Passamos o domingo juntos almoçamos, tomamos banho juntos e fizemos amor, ele massageou meu corpo e no fim da tarde foi embora. Depois disto nunca mais fizemos mais nada, não por que ele não quisesse, assim por que eu sei que eu iria acabar me apaixonando por ele e como havíamos combinados seria somente sexo, sem envolvimento sentimental. Hoje ainda conversamos quando podemos, mas sá nos restou amizade mesmo.

Quem quiser fazer algum tipo de comentário ou conversar comigo sobre o assunto pode-me add no MSN [email protected] Obs.: Esse MSN eu uso junto com minha filha.



Abraços a todos e se poderem me de uma notinha boa.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


flagrei todos fudendoelabucetas e bundas gigantes da capital sao paulo em cima do sofacontos eroticos: fui comido pelo meu inimigo safadinhoContos eróticos de bebados gaysTravessa gostosa lavando a b***** em casa com cama escondidacache:XIRRUtFC4SYJ:https://idlestates.ru/conto_12285_fui-estuprada-por-minha-culpa-parte2.html conto monte de calcinhas sem lavarwww.contos de incesto deixei meu tio chupar minha bucetinhacomendo ela de saia com vizita discretamentecontos eroticos com minha empregada nordestinacasada dando o cu no bairro de na casa do ferantecontos trocando sexo por TCCcontos minhamulher ea minha filha fudendo comigocontos eroticos provocando no barContos eróticos teens tomando banho com meu irmãovidios novinhas dos mamilps diros pontudosminha filha e bela contos eróticosContos eroticos entre marido bombeiro militar e sua esposaEu marido eu e um estranho na lua de mel contos eróticoscontos de esposa dando pro cunhadopegando a amiga camila com rabao empinadoraspada para surpresa do marido contoscontos de bichinha dando pra negaoela me contou que estava toda assada de fuder a noite todaminha sogra ensinou a dirigir contos etoticosX vídeos com minina xupeno o pau do homem no matocontos pornô de incesto meu pai curou o trauma que eu tinha do meu corpinho sem graça, baixinha magrela e sem peitoscontos erotico eu sou filho adotivo comi minha tiaa bumda que sempre sonhei comekarolzinha malukinha safada trepano com amantesenti aquele pauzao derramando varios jatos no fundo da minha bucetacontos eróticos mamãe titia e meu primoconto comi tia do meu amigotranse com meu pai no onibuscontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheiroConto de puta estuprada pelos mendigospunheta na infancia com amigoconto peguei a coroa dona do cormeciosou putinha mesmoContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestocontos flagrei minha irmã e seu filhoSexo com a tatuada contocontos eróticos primeira vez mãe fazendo dupla penetração com seus filhoscontos eroticos menina de 07anos dando a xaninhacontos de encesto casal lambedo cucontos minha bunda ernome encoxada de pau super durocontos de vizinho taradovídeos porno novinha chora pq ela fala qui toi muitodedada esposa corninho rindo otário contocontos eróticos fetiche com boca de velho chupando pintocontos eroticos gang bang com os molequescontoseroticos homem chupando pau sujo e bebendo mijomulher pelada e o cu melado de manteiga no corpo inteiroconto gay dei para meu filhocontos eróticos férias com porracontos eroticos de incesto deixando a irma com ciumesmamandoxvidiomama direito vadia csralhorealizei meu sonho transar com um cavalocontos porno gay sobre conhadosporno só com baby boneca ecesto pai gozando na boca filhadormindogarotinha contos eróticoscontos eróticos dezoofilia menina mora no sitio real amadoconto erotico sou enfermeiro e nso resisti e comi a novinha dopada no hospitalgostosas com mini calsinha saindo o beisinho da buseta de ladaconto erotico no colinhocontos encesto na praia de nudismoCorno em calcinha contoestuprada no motel contoscontoseroticos presidioContos sexo coroas esposas de amigos