Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TARADO DA NET -PERDENDO A VIRGINDADE PARTE 2

Passado alguns dias ele voltou a me procurar, marcamos de nos encontrar novamente de frente a escola como na outra vez, eu fui e entrei no carro asim que vi ele e assim fomos pra uma rua um tanto escura e sem nenhum movimento e ele começou a me acariciar e mne beijar, ele apertava meu peito e xupava e mordia o ouro quando eu já estava sem blusa e eele mordia meu labio e tava uma loucura eu já estava molhadissima

ele sem serimonia nenhuma botou o pau pra fora e eu começei a bater punheta pra ele ainda sem jeito e totalmente inesperiente, ele foi alisando minha coxa e depois afastou minha calsinha de lado e começou a me masturbar estava tudo uma delicia e então ele me chamou pra ir pra o motel e eu claro disse que não porque sabia que no motel eu não teria a menor chance de continuar virgem

ele se achatiou eu acho e por isso parou com as caricias ligou o carro e voltou pra frente da escola e quanod já etsava me dando tchau eu fiquei super tristinha eu era bobinha e não queria que ele fosse embora, então pulei em cima dele e beijei ele com vontade e fui esfregando meu corpo no dele, não sabia bem o que tava fazendo mais eu sei que funcionou, ele voltou pra um rua deserta e voltou a me encher de caricias e a me masturba, chegou uma hora que ele colocou 1 dedo na minha bucetinha e dueu um pouco mais dava pra aguentar, depois ele colocou 2 dedos e disse que ia tirar meu cabacinho, eu aguentei uma dorsinha horrivel que me deu e ele continuou a me beijar, passado um tempo ele coloco o pau pra fora de novo e pedioi pra eu sentar em cima dele

e eu fiz exatamente o que ele pedio, ele afastou bem muito minha calsinha e levantou um pouco minha saia pra apertar minha bundinha e foi encaixando o pau na entradinha da minha buceta, nossa como isso duia e eu começei a reclamar, então ele disse pra eu mesma ir botando e ir rebolando que ia ser menos dolorido, então eu começei a rebolar e sentia o pau dele rasgar minha bucetinha mais aguentei tudo sem choramingar nem chorar, mordia o labio quando duia e parava um pouco e deposi continuava até o pau dele estar todinho dentro de mim então ele começou a me conduzir a cavolgar no pau dele e eu rebolava um pouco porque notava que ele gostava e ele urrava e gemia muito dizendo que minha bucetinha era muito apertadinha e que eu era gostosa e depois de um tempo anunciou que ia gozar e nessa hora ele tirou o pau dele da minha bucetinha e gozou



depois disso ele foi me deixar na frente da esocla como sempre eu dei tchau e fui pra casa e sentia minha bucetinha arder um pouco e quando eu cheguei em casa que vi minha calsinha estava com um pouco de sangue, e ainda passei uns 2 dias sentidno dor na minha buceta quando eu centava mais depois disso eu nunk mais voltei a ver o cara

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico amigo babaca e cornozoofilia cavalo violentos o dedãoComtos namorada fodida para pagar dividas do namoradocontos gay jogador de basquete novinhocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos convenci meu priminho vestir a calcinha de sua maeContos eróticas de esposas coroas de amigoscontos eroticos espiritocontos eroticos comendo o cachorro da ruacontoincestocoloconto porno meus filhos mi secava levei eles na praiasexo com a namorada do meu filho anal e ela gritacontos eroticos velho na praia de nudismomeu cachorro taradouma dupla penetração com vibrador contossua colega você vai pegar no pau da jegaContos porno seduzi meu netovi meu afilhado peladoponogafico morena25 gotojaConto minha mae ceicha eu chupar sua becetainseseto commforcapai que fica rosado.o pau na buseta da filha bebadaporno contos eróticos eu ea minha esposaminha tia e a minha puta casa do contorealizando minhas taras com a gravida contos eroticosporno contos lesbicas tia e sobrinha comendo melanciaminha mulher pegou eu dando para o piscineiroSO CONTOSEROTICOS BIA DEU ATE O CU NO SOFA DO PADRINHOmarido todo produzido eróticosmulher poe seu cachorro dormir com ela e acaba deixando ele lember sua bucetacontos eróticos sobre irmã bucetudaprofessor de artes marciais me fudeu contos gayporno conto relava aquele peito em mimcontos Praia de nudismo.dei minha bucetao mestruada e ingravidei contosmamando a rola quente do meu padrastoMinha mulher gosta de mostra a buceta pros meus amigos ai eles comem Ela contos eroticosdoce nanda trepando e dando gostosinho contos eroticosai filho ta doendo cu de mamae contos eroticosrelato de donas de casa cavalaboquete mulher de 48 anos contoContos eróticos, o amigo do meu marido encheu minha boca de galacontos erotico gay punheta no cuzinho do netinho pequenoconto sexo gostoso rebola gato gayarromba minha buceta vai mete nessa tua vaca me come meu gostoso, flagra. conto eróticotirei o cabaco do garotinho mimado de onze anoscontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposaconto gay zoofilia com galinhacontos eróticos namorada perder a virgindade com outrocontos eroticos com enteadacobto eróticos. chupei cu do meu maridocontos eróticos - madrugada no clube de águas quentes conto eróticos gay hulkescova contos eróticoscontos de zoofilia coloquei meu cachorro pra comer meu marido e ele gostouContos eroticos anciãs casadas e maridos cornosconto comi uma buceta muito apertada que doeu meu paueu mae e filha contos de sexoContos eróticas de esposas coroas de amigoscontos eroticos padreConto erotico veridico circotirando as pregas do cu da joycetraveco roludo patendo puenta derepente chega a mulher bem gostozateen recem casada contoshomens com pau instigantedando pro genro. contos eróticosconto dpconto elotico pai xfilhaContos eroticos tarado por seiosxvidio tinho berbado asubrinha fica taradacontos sou bem fudidameu sobrinho gordinho e gay tetudomwu irmao comeu meu cuzinho contoscontos eroticos de trans rabudas e gostosas sendo arrombadas