Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMIDA POR MINHA CUNHADA E A MELHOR AMIGA DELA

Essa e uma historia verdadeira que aconteceu comigo, eu ja contei no meu diario ("Diario de Klaudia Kolmogorov"), e estou repetindo aqui. Valerie é minha cunhada, Antonella é a melhor amiga dela, isso aconteceu assim que a gente saiu de uma boate para mulheres, numa noite de Sábado (ou uma madrugada de Domingo).



Voltamos bem tarde da noite, ou seria bem cedo de manhã?



Valerie sentou-se no banco do motorista, eu fiquei no banco de trás, mas Antonella, depois de dar um beijo na boca de Valerie, disse que ia ficar comigo, e pediu:



- Dirige bem devagar para casa, tá bom?



Valerie ligou o carro e saiu correndo como uma louca. Antonella não perdeu tempo, foi logo me beijando a levantando a minha saia, passando seus dedos sobre meus lábios vaginais.



Em seguida, ela me fez sentar de lado, com as pernas abertas, e começou a lamber minha buceta. "Que gostoso", pensei, "porque eu nunca fiz isso antes?"



Foi então que Valerie perguntou:



- A bucetinha está gostosa?



- Muito! Quer provar?



- Quero!



Antonella enfiou um dedo em minha buceta, bem devagar, e o tirou, e deu para Valerie lamber.



- Hmmm... Delícia! Gosto de virgem!



Antonella voltou a chupar minha buceta, e eu consegui balbuciar:



- Eu... eu não... que gosto... que gosto tem virgem?



Antonella enfiou de novo o dedo na minha buceta, e me deu para provar, e depois voltou a me chupar.



Eu nem percebi que o carro tinha parado, apenas notei que Antonella parou de me chupar e veio me beijar a boca. Nisso notei que outra pessoa estava me chupando.



- Quem... se você...



Antonella respondeu:



- Chegamos em casa. Valerie vai fazer você gozar, e eu vou ajudar.



Valerie continuou chupando minha buceta, e enfiando seu dedo. Eu já estava quase gozando, quando Antonella também enfiou seu dedo. As duas ficaram se alternando, enfiando os dedos em mim. Gozei com alguma delas, e até hoje não sei quem foi que me comeu primeiro. Acho que elas tinham planejado assim.



Eu estava muito bamba, e elas praticamente me carregaram para a casa. Valerie disse:



- Vou ver se Karl está dormindo, pode ser que eu não volte.



Ela me beijou na boca, e tinha o gosto da minha buceta. Em seguida beijou Antonella, e subiu as escadas. Eu e Antonella fomos para o quarto dos háspedes, nos deitamos na cama, e começamos a nos acariciar, beijar e tirar a roupa que ainda estávamos usando: meu minivestido e o jeans de Antonella.



Valerie chegou logo em seguida, mas não estava nua, e disse

:

- Karl está acordado. Vou ficar com ele!



Antonella me deixou um pouco, deu um longo beijo em Valerie e disse:



- Fica para a práxima, amor. Hoje eu tenho uma nova aluna!



Eu mal conseguia me levantar, e apenas joguei um beijo para Valerie, mas ela veio até mim, deitou-se sobre mim, e me beijou. Em seguida, saiu do quarto.



Antonella me disse:



- Você já aprendeu a ser chupada, agora eu vou ensinar você a chupar!



Antonella ajoelhou-se sobre meu rosto, colocando sua buceta raspada bem em cima de mim, virada de frente para mim, de modo que eu via também seus seios.



- Com sua língua, faça movimentos suaves nos meus lábios.



Eu lambi e chupei com vontade, com Antonella me dando algumas instruções. Antonella saiu de cima de mim, pegou minha mão, e disse:



- Agora, você vai usar seus dedos para me fazer gozar.



Eu fiquei deitada do lado dela, e enfiei um, e depois dois, dedos em sua buceta, penetrando e retirando. Enquanto isso, Antonella ficou gemendo, e alisando os práprios seios. Finalmente, ela gozou, pegou minha mão e a lambeu, e me beijou na boca.



- Parabéns, você foi muito gostosa!



Em seguida, nás nos sentamos, com as pernas cruzadas, esfregando nossas bucetas. Ficamos nesta posição, nos beijando e acariciando os seios, até gozarmos juntas.



Sem desgrudar as bucetas, nos viramos de lado, demos mais um beijo, fechamos os olhos e dormimos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Relatos de gay quie derao ao pedreiro saradocomi minha mae na varanda contoscontos primeira vwr duplapenetraçãoa matutinha do em terior vidio ponormulher goza gostoso loucamente deliranteprovocando meu tio com um short com as popa da bunda de foracontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos eroticos - alta grandona bundudaamigocome casal conto eroticoconto erotico minha esposa voltou cheia porra para casaConto erotico levantaram minha microsaia e me comeram gostosomamae beija filhinha contosconto ajudou cornocontos eroticos de mulher casada que gosta de trair o mardo com negoes e levar tapas na cara na frete do corninhocontos eróticos proposta indecente pra tiaquando a menina sentou no meu colo contos eróticoshttp://googleweblight.com/?lite_url=http://idlestates.ru/conto_1729_pacto-de-porra-em-familia.html&ei=Tuthr3L0&lc=pt-BR&s=1&m=159&host=www.google.com.br&ts=1504527796&sig=ANTY_L0RczQERuUpbN0Q5efSyWyiLRB2ywrelatos comi a crente na marraconto eroticocorno me ligou na horacontos eroticos filhotravesti de microsaia fica de pau duro na ruacontos porno maior q meu antebraçocontos eroticos sograXvidio madrinhasem querer fraguei minha cunhada no banheirocontos erotico gay punheta no cuzinho do netinho pequenoContos eroticos incesto casos reais pag 170meu pai me arregasou todacontos eróticos traficantealuna é encoxada pelo prodessor ed fisicacontos eróticos dois garotos em dupla com novinha contos eroticos de namorada fazendo sexo pelo celular com o namoradoconto cavala loca por sexoEperiencia zoofilia beijo babadowww.contos eroticos de traicao e dividassenhora trsansandoRelatos sexuais me encoxando na cozinha e o corno na salaContos eroticoseus.filhosesposafio dentalcontoscomprei a Cristina da mãe bêbada contos eróticoscoroa pede gisa pra mim safadobaxinha no hotel com namoradoFui bolinada por debaixo da mesa na presença do meu marido. conto eróticominha esposa escolheu vibradorSem a minha permissao contos eroticoscontos ela queria e eu queria comercontos como presenciei um cachorro fudendo uma cadela até engatarpadrinho cuida da afilhada contos eróticosdava banho em mim contoscomendo i gozano deto da negá no salão de carnaval 2017Estouraram meu cuzinho na viagem contoscontos eroticos fudendo a mae travesti"amor vou dar" amigo colegasexo com sadan Cao contoscontos eróticos caminhoneiro seduziuContos eroticos submissa do amigo do paicontos eroticos enteada e amiga de biA casada gorda e o sonifero contomulher escanxa no cachorro e goza gostosotraveati fudendo na cpzinha do apartamento no fruta pornoconto erotico rosadinho troca trocaContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos eróticos da casa dos contos com histórias traição as fazendeira casada safadacontos porno professora e a tiavovo cruel conto eroticoq p* gostoso ham hamContos engoli porra grossa grudentacontos de maes flagando fihos punheteirosempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhosucos ontem pego comendo o cu a buceta bem gostosomenino gay inocência perdida pornocontos eroticos comendo cu da amiga e da mae delacontos eroticos dando ao sobrinho piveteconto erotico de casada com bunda grande com o vôvôconto erótico vesti cinta liga pro meu filhoContos eroticos urologista bom de bocacontos erotico vestido tubinhoconto gay bebado fui fodidocontos eroticos de faxineiras coroas safadastrans bunduda deixou marido rebolando contocontos eroticos cunhadaminha prima mim pegou dando uns amassos na minha namorada conto eroticoContos erotico filhinha 1f****** a b******** da minha enteada Camila e ela Gozou muito no meu pauContos fudendo a coroa gravida casadaminha filha chantagista contosContos erotico orgia no meu cuConto esposa de tampa sexoconto eróticos dei o cu novinhaContos heréticos quadrinhos Barneycontos eroticos: menininhas virgens chantageadascontos eroticos enquanto trocava a lampada ela me chupavacontos erotico o assalto meu marido participouContos de esposa abriu o cu ao máximoconto chantagem enteadacontos eróticos de bebados e drogados gays