Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FODENDO A SANDALINHA DA NINFETA

DIÁRIO DE UM TARADO POR PÉS

03 de Dezembro de 2011 – Ontem uma amiguinha de minha filha veio visitá-la. Amanda tem 19 anos e é uma garotinha linda, morena-clara, baixinha, peitinhos salientes e bundinha arrebitada. Mas são seus pés que mais chamam atenção para um tarado pedálatra como eu: perfeitos, lindos, sexies... Quando encontro Amanda procuro fingir naturalidade, mas não consigo parar de olhar seus pés que ela sempre mostra, calçando sandalinhas tipo havaianas.

Não foi diferente ontem. Mandinha estava quase nua num shortinho que sumia enterrado na bunda e uma miniblusa que deixava sua barriguinha lisa de fora. Ela havia deixado a sandalinha na porta e estava descalça. Tentei não dar bandeira de meu tesão, mas quando olhei seus pés descalços, meio bronzeados pelo sol forte e com a marquinha clara das tiras da sandália, quase fiquei sem ar e tive que fazer um esforço para desviar o olhar. Cumprimentei-a formalmente e corri até meu quarto para esconder a ereção por causa daquele pezinho delicado.

Saquei o pau pra fora e comecei a me masturbar, mas aquilo não me satisfazia. Lembrei da havaiana branca de tirinhas vermelhas que ela havia deixado na porta e tive uma idéia. Apurei os ouvidos e escutei as meninas conversando no quarto de minha filha. Saí em silêncio pelos fundos da casa e dei a volta até a frente.

Minha casa tem muro alto e ninguém podia me ver da rua. A sandália de borracha estava na porta, lembrando a forma do pé que calçava. Pequei o pé esquerdo e levei ao nariz, aspirando aquele perfume mágico, mistura de borracha e um leve chulezinho de garota. Meu pênis ficou duro novamente. Peguei o outro pé e meti o pau entre as tirinhas, fodendo a sandália como se fosse a bocetinha apertada de Amanda. Eu lambia e cheirava uma enquanto “comia” a outra com uma tara que é difícil de imaginar. Acelerei os movimentos enquanto imaginava que metia em Amanda ao mesmo tempo que lambia seu pezinho. Gozei forte entre as tirinhas, melando a sandália com minha porra grossa.

Ainda meio zonzo do orgasmo, me dei conta do que estava fazendo e do risco que corria quando ouvi um ruído atrás da porta. Alguém me observava? Depressa limpei e pus as sandalinhas no lugar e corri para os fundos da casa, onde dei um tempo me recompondo.

Amanda foi embora logo depois. Tive que disfarçar outra ereção quando a vi calçando a sandalinha que há pouco eu havia esporrado. Estranhamente, a ninfeta hesitou um pouco antes de calçar o pé direito, mas terminou enfiando as tirinhas entre os dedos. Era um tesão ver aquele pezinho lindo pisando o meu esperma.

Quando ela estava no portão, se virou e me lançou um olhar malicioso. Será que viu alguma coisa? Ainda fico de pau duro toda vez que me lembro dessa tarde maluca. Será que Mandinha vai demorar a voltar?

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos tentei dar mas a buceta nao aguentoudou para o meu irmao contoscontos de envagelicas encoxadas e fudidas na frente do maridocontos eróticos pai e amigosminha esposa meteno com outro q delicia minina pela de mostrngo a busetavoyeur de esposa conto eroticowww.contos eroticos com fotos de comendo a madrastalanbinda na bucetaconto eroticos lesbicas machinhoscomi minha vó e mae contosconto errotico fui estupada pela vizinha do apartamentocontos eroticos dupla penetraçãocontos erótico fudi uma cabritinhapelado com uma travesti contos eróticosconto erotico mae negra coroa dando cugozadas na boca do menino contos"contos eroticos" duas cunhadascontos eroticos grinaldameu genro comedor de cucontos recentes incestos encoxados segredos flagradosContos eróticos fiquei desemprego e o nosso velho vizinho rico comprou minha mulher 3mulher pois o marido a xupae o travesteconto gaucha carinhosa safada com seios grandestravestis tomou tempo pau não subircomi esposa do meu amigo de trabalho contos eróticosconto erótico as duasme tarandocontos eróticos o cuzinho da GiseleConto erotico comendo gordinha durante colheita do caféContos eu transo com meu sogro pauzudocomendo a irmãzinha e a amiguinha dela contos eróticoshistorias excitantes esposa adora chupar buceta da outra pro marido veregua deixa homer comer sua buceta virgIrmas safadas relatos eroticos recentescontos eroticos de como meu amigo me comendocontos d cachorros mamandovirando femea do macho roludo contocontos caseiros reais eu seduzir meu irmão no baile funkConto erotico veridico circoconto erótico viagem e colocando sonífero para tiaconto eroticos fui obrigado a fuder minha irma num estuproela gritou dizendo q seu cu tava doendo contoscontos hericos de a buceta para filhocontos eróticos comi minha filhaeu minha esposa e sua mae contos pprnocontos meu filho adora minha bundacontos intimo de uma enteadacontos erótico de coroas casados trancando com novinho BA baladasmulher trai marido pela primeira vez e perdi o cabaço do cu com super dotados contos eróticosconto de casada fudendo com outrocontos aempregada nordestinabeijador e pegador na buta gotosaempregada gostosa transando de bruço com patrãocontos eróticos insertos tiaConto erotico entaloucheirei a calcinha fedorenta contos eroticosaregasando a b da nContos implando porra na bocanovia gotoda detilado abucetahttp://googleweblight.com/?lite_url=http://biz-kon24.ru/m/conto_14892_comendo-o-ladrao.html&ei=v3xeuqyg&lc=pt-BR&s=1&m=605&host=www.google.com.br&ts=1515452239&sig=AOyes_TalWNa7Wv9Eal84BSQvAyYJWkw6Acabelos lisos ate na bunda de dar invejacontos eróticos de negrinhas que gosta de fuder com homem brancos mais velhoscontos eroticos sequestro cuContos eroticos violento seioscontos de coroa com novinhovou começar com Vanessa bucetauso saia pra ser encoxada no onibusContos olhando a mãe daas.gostosas.cimasturbando.duas.vesescontos não aguentei o pau do meu pai inteiro dentro de mimcontos a mulher do meu primo e seu cu guloso xcontos eroticos.com casada gostosona deficientecontos a novinha comadre carentecontos eroticos esposas arrependidascontos eroticos comendo uma carcereira