Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI AS DUAS CUNHADAS

Bem o que vou relatar agora é, de certa forma, uma continuação do conto "Esporrando a cunhadinha" no qual relato como começaram as minhas trepadas em miha deliciosa cunhadinha caçula.

Um belo dia fomos para a casa de praia eu, minha cunhadinha caçula e minha cunhada do meio, a qual chamarei aqui pelo nome fictício de Suzana, uma magrinha com o corpinho perfeito e com uma carinha linda e bastante sacana... Era um dia de terça feira, e minha noiva sá poderia ir no fim de semana, junto com seus pais... Assim me coube a deliciosa tarefa de "proteger" as duas naqueles dias...

Logo que chegamos, minha cunhada do meio, sugeriu que fôssemos à praia... Eu e a minha cunhadinha-amante gostosinha, recusamos alegando cansaço, sá para ficarmos sozinhos em casa...

Poucos minutos depois eu já estava todo enfiado (como sempre) na xoxotinha raspada da cunhadinha caçula, arrancando-lhe gostosos gemidos a cada empurrão da minha grande e grossa vara em sua grutinha careca e molhada. Ela, já bem sacaninha, pedia que eu metesse mais... e com força, o que eu fazia, xingando-a de putinha gostosa, vagabunda e dando-lhe gostosos tapas na cara, o que a deixa louquinha, e disposta a qualquer coisa...

De repente ouvi um barulho de algo caindo, e não tive dúvidas... Suzana estava nos observando...

Em vez de parar, aquilo foi me dando mais tesão... e quando já estava quase explodindo, mandei a cunhadinha abrir a boca e despejei uma enorme quantidade de esperma, que inundou sua boquinha, sua cara e seus deliciosos seios... A esta altura eu já tinha localizado Suzana... Ela estava no terraço da casa dos fundos, de onde dava para ver nitidamente o que acontecia no quarto, pois estava aberta a janela ...

Suzana estava com a mão dentro do seu shortinho branco tocando uma gostosa siririca... Mandei a minha cunhadinha amante limpar o meu pau com a boca... e, em seguida, passei a chupar o seu grelinho e seu cú... Sob os olhos atentos de Suzana...

Fiquei fodendo aquele cuzinho com os dedos e a língua... até que minha cunhadinha não aguentou e, ficando de quatro pediu que eu metesse nela bem gostoso... Posicionei-a com o cú bem virado para a janela, e ficando de pé na cama, fui enfiando-lhe, bem devagarinho, o pau na bunda... de cima para baixo, para a penetração ficar bem visível. Ela gemia alto, pensando que a maninha estava longe... e saber o contrário sá ia aumentando o meu tesão...

Eu perguntava em voz alta, se ela estava gostando do meu pau em seu bumbum e ela dizia que era bom... eu mandava ela pedir para e meter... ela pedia, e eu mandava pedir mais alto... Aquilo foi ficando mais e mais gostoso... e logo estávamos no mais louco orgasmo... Ela gozava como uma gata e eu detonei meus jatos de porra fervente em seu apertado rabinho, fazendo-a explodir o seu maravilhoso gozo plenamente, e aos gritos de tesão..

Deitei-a de lado e, ainda com o pau em seu buraquinho, fiquei beijando-a na boca e fazendo carinhos gostosos no corpo e nos lindos cabelos... em pouco tempo eu já a masturbava.. Com o pau já duro novamente ainda enfiado naquela linda bundinha, em pouco tempo ela gozou novamente. Preferi não buscar o meu orgasmo desta vez... Já que estava convencido que iria atacar Suzana assim que ficasse a sás com ela... Deixei minha cunhadinha-amante dormir um gostoso e pesado sono e desci para a sala de estar... Pouco tempo depois escuto a chave girar na porta ? Adivinha quem era... Suzana... toda molhadinha com a água do chuveiro do quintal, pois tinha se banhado, para simular que tinha, de fato, ido à praia e se banhado para tirar o sal...

Quando ela entrou, meu pau chegou a estalar dentro do short. Ela me vendo, e observando o volume(eu propositalmente estava sem cuecas), ficou completamente sem graça... Perguntei se ela tinha curtido a praia, e ela falou que sim... que a água estava morninha, e outras mentiras. Eu me levante do sofá e fui conferir aquela gatinha molhada de perto... O volume do pau no short estava indisfarçável e ela não sabia se olhava ou se fazia de bôba... Estava completamente atônita e frágil para o ataque que viria... Que saber como foi ? Vote neste relato que eu publico a sua segunda parte... Com todos os detalhes que aquela maravilhosa foda em família merece...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


nem peitinho teen grita na pau do vocontos de estupro na praiaconto erotico minha prima dedando meu pruquito a noitecontopaugrandeconto ele comeu minha noivacontos eróticos bem depravado de bem picantecontos eroticos e tome gozada na caraConto erótico namorada mestiçaconto fudendo a cunhada de 70 anosNovinas putinhqs boqueteras contos eróticocontos relatados por mulheres que foram abusada e acabaram gozandominha esposa faz questao que eu veja ela com outro em nossa cama e depois chupe ela toda esporrada videosconto porno eu comi minha cunhada coroa de 69 anoscontos cachorro lambendo penis de homemtirei o cabacinho do viadinhovi ele comer ela/contotravesti linda barriga de tanquinho gostosa metendo vídeo liberado metendo gostoso peitudaconstos eroticos tias bucetudas e sobrinho caseetudosmeu filho ajudou a lavar a minha buceta eu lavei o pênis conto eróticoo sobrinho do meu marido comeu meu.cucontos erotico fis a filinha pequenininha adolecete do amigo meu chupo meu cacetecontos eroticos levei rola com meu marido en casaisso viadinho engole essa rola vou estrupar sua gargantacontos eroticos,peguei minha filha e sua amiga transandomenina sapeca danada enganou todos contos eroticosvirei puto dos segurancas sadomasoquismo conto gayContos a velha nao agentou o analquebrei o cabaço da minha irmã ela chorou muito porno cariocacontos eroticos calcinha desaparecendoTia de xana peluda e sobrinho metendo conto eroticocontos sou o macho da minha sobrinhabisexual contosconfesso transando com trêsconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camame apaixonei pelo um bandido conto heroticoeu conto Meu marido saiu meu cunhado me comeucontos eroticos traindo marido na Sala ao ladocamiseta e sem calcinha contosdepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paifalei pro meu amigo que queria ver ele fodendo a minha esposaXvideo nao sabia que aguentaria aquele monstro no meu cuzinho vou contar como foicontos eroticos gays atiçei meu tioContos eróticos:meu querido professorcabelos lisos ate na bunda de dar invejacontos erotucos escritos lesbicos transei com uma nerdminha tia olhando meu paucontos eróticos funcionáriacontos bundão arrebitadocontos minha tia anus dilatadocontos de menina nova perdendo o cabacomeu padrasto meu donocontos eróticos só no cu das coroasconto chupando a coroacontos meus amigos estupraram a minha maecunhada chamada de Ana f****** gostosomarido pega mulher f****** com sogrão contos eróticosnossa que putona gostosa deliciacontos eroticos outro pou de presente para minha mulherComtos casadas fodidas na rua por camionistasprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente PelotasConto, soubaixinha e mulher de um.cornocontos pornô casal fudendo com a empregadinhacontos de casada rabuda fiel e fogosa cantadacontos eróticos minha tia virou p*** do seu sobrinhocontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheirogotosa pede procara goza dentodelaconto erotico comendo a entiada na chantagemcontos meus dois amantesarregangou as pernasesposo liberando a esposa para viajar contocontos eroticos na paredecurtos relatos eróticos de estupro fortiConto Meu Amor é um Traficante parte 3- Contos Do PrazerCaiu de boca na xana contoprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente Pelotascache:ZlVInsUtxOIJ:https://idlestates.ru/conto_16496_o-flagra-de-papai.html contos papai encoxou sem querer na minha bundacoroa safado fofndo uma novinha déliciosa pornoconto erotico minha patroa me viu de pau durocontos erotico pirocaoComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paiconto erotico gozei e depois limpei com a lingualiberei minha noiva loira pra dois contoscontos eróticos comi minha de raivao pai da minha amoginha me comeu contoseu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoconto adoro cu de casadacontos eroticos dei o cu dentro do onibusconto erotico gay cuzinho cagando piscando matoTravesti que dá de graça em bh