Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EXIBI MINHA ESCRAVA DORA

Logico que gosto de estar presente e ver a reação do publico e mais ainda a da minha ESCRAVA, quando estigada vou contar a vocês.rnComecei a fotografar e exibir uma escrava a DORA que esta comigo a 6 anos, ela é casada tem 3 filhos, tem 32 anos, loira, 1,68cm, 60 kg, bunda grande, coxas grossas, xota bem inchada, seios grandes com os bicos bem grandes, lábios carnudos bom no inicio ela não se cuidava muito entrou em contato pelo e-mail: e apás o nosso primeiro encontro ela se transformou em uma Mulher alem de lindíssima ? totalmente submissa a todas as minha vontades, na vida pessoal, profissional e sentimental.rnUm certo dia apás a transformação dei a ela o ordem de deixar a xota lisinha (raspadinha) e ela passou a depilar.rnMas no inicio ela ainda deixava um pouco de cabelo e vendo que estava difícil de entender e aprender ?eu mesmo peguei ela e depilei do meu jeito, ao mesmo tempo em que depilava massageia o grelinho, enfia os dedos e depois de depilada cair de língua e chupei gostoso.rnDisse a ela que iria fazer o antes e o depois, portanto antes de tudo eu tirei fotos dela por completo, e logicamente tinha que monstrar o resultado da transformação, comecei a fotografar ela em poses sensuais, bem safada, exibindo a xota e a bunda.rnComprei uma camisola e entreguei a ela e mandei ficar sem calcinha ela colocou e eu alisando sua xota que estava lisinha, enfiando os dedos, massageando o grelinho, quando resolvi pegar a câmera fotográfica ela aceitou e eu passei a lhe fotografar.rnTirei fotos dela no sofá, exibindo a sua xota que estava bem inchadinha e lisinha, em seguida fomos para o quarto e depois passei a chupar a sua xota, percorrendo toda a extensão, massageando o grelinho, enfiando a língua, ela gemia de tesão e pedia para eu meter logo que não estava mais aguentando, eu subi com minha língua, chupei os seus seios de bicos grandes, em seguida lhe beijei gostos e a penetrei com força, sentindo o meu cacete ser engolido pela sua xota gulosa. E assim com movimentos de entra e sai de meu cacete em sua buceta gozamos gostoso, deixando a xota dela toda cheia de porra.rnApás esta foda me deu fome e eu lágico com tesão e pensando na maldade, so que agora iria usar ela em publico, fomos no Shopping Eldorado que esta sempre lotadissimo, como disse ela que era para se cuidar mais ? eu fui para o banho e mandei ela colocar uma blusinha branca sem sultien e uma saia com um corte longo, ela inicialmente disse que era perigoso porque o marido trabalha práximo a este shopping...disse a ela o problema é dele aquele CORNO, eu mando na MULHER dele e ela é minha escrava se ele ainda não sabe.rnNo caminho ela disse estou me sentindo uma garota de programa barato, com uma calcinha que mal cobre a minha xota e sem sutien, nem meu marido já me vez tal humilhação comigo, chegando no shopping FOMOS PARA A PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO, eu a perguntei:rn- Dora, qual é a cor da sua calcinha? Acho que é branca, não tenho certeza, mas porque essa pergunta? Porque quero você se exibindo para mim ? DORA, você não viu como ficaram aqueles rapazes ao ver sua calcinha quando você SE SENTOU ?rnE eles viram? Como você sabe?rnO coroa ao ver você sentar juntou o pau com as bolas e fez uma cara de tarado, como se quisesse dizer que você é gostosa.rnPorque meu SENHOR vai me dividir com os outros agora? Por favor isto não faço tudo que me pede e manda, ate outras coisas, mas me dividir eu não quero...Disse a ela fica tranquila se eu não divido você com seu marido porque faria isto com você. Apenas vou EXIBIR A MINHA ESCRAVA...tirei a bolsa uma coleira e mandei ela colocar com as minhas iniciais...no meio da Praça de Alimentação, ela abaixo a cabeça e colocou com medo e timida, logo notei os olhares de varias pessoas, parecia que todos nos olhavam...rnNesse momento dei a ordem para ela abrir o rasgo as saia para ficar a mostra a sua calcinha, então ela me disse que estava meio sem jeito, mas que estava gostando sá por ver minha cara de satisfação, e sua calcinha branquinha e linda, sem contar que eles ainda levavam como premio a visão do pacote de xana que Dora tem, confesso me levantei para fazer o teste da visão que os privilegiados tiveram pois era ate cômico ver os frequentadores ir e voltar sem parar com um único objetivo ver a xota da MINHA ESCRAVA DORA.rnVoce viu como é a transformação agora voce é o centro das atenções, coma e vamos embora...no caminho fiz ela bater uma siririca e quem passava no ônibus via toda a sua performance e ela gritava a cada gozada...e implorava para ser possuída como uma cadela já que estava de coleira...cheguei no estacionamento do prédio e sai rapidamente e entrei no elevador ? no hall do apto já emburrei ela para dentro, e tirei uma rola grande e grossa, mandei ela vir e mamar ela pegou na base da rola grande e quente. Começou a punhetar mandei ela punhetar com mais velocidade. Coloca a boca cadela ela salivava como cadela faminta, rebolando o traseiro, a língua dela saía da boca involuntariamente, querendo lamber aquele cacetão cheio de veias, de cabeçorra vermelha, uns 21x6 cm e grosso.rnA língua dela parecia que tinha aumentado; mandei lamber da cabeça ao saco, abri bem a boca e conseguiu apenas abocanhar a cabeçorra da rola, não dava mais para ir além da cabeça, de grossa que era. Assim mesmo chupava com força, esfolando, punhetando o cacetão, que pulsava e aumentava dentro da boca dela.rnJá gigante mandei ela ficar de quatro na cama, peguei ela com força, comecei a colocar a cabeçorra na xota molhada, ela pingava de tão molhada que estava. Ela sentiu a pressão forte, quando começei o vai-e-vem, puxando os cabelos, socava aquele cacetão dela dando palmadas no meu bundão, que rebolava, rebolava com uma tora grossa enfiada.rnEla dizia meu SENHOR sou sua ESCRAVA e o que esta me proporcionando é o que sempre desejei ter é a minha felicidade plena, eu socava forte xota (virilidade e dominação extrema) os lábios da xota dela iam e vinham (dava pra sentir isso), de forma que ela se sentia alargada, uma cavala sendo fodida por um jumento MEU SENHOR...fode essa serva eu suava tanto, que pingava nela o meu perfume e cheiro de sexo tomou conta do ambiente, tirei o cacete e disse vem aqui cavalguei no cacete sem dá... ao sentar no cacete grosso, ela se arrepiou total ela subia e descia com facilidade (já estava arrombada), sentindo-se preenchida e eu mamava meus peitos. Ela começou a gozar, gozava tanto que parecia não terminar, quando eu percebi disse: toma o leite de rola, toma meu leite, safada, ela punhetando o cacete, abriu a boca e jorrei jato forte na boca e no rosto, que pinçava nos seios, ela disse nossa MEU SENHOR esta será inesquecível para mim...quero que saiba que eu estou aos seus pes por completo e que NUNCA irei deixar de satisfaze-lo, estou completamente dominada, apaixonada, feliz !!!rnPode deixar meu mestre ? eu mesma não vou me limpar e vou totalmente suja para casa (apenas vou colocar a minha roupa, e mais a noite quando meu marido chegar posso fuder com ele quero disse que estou largar assim porque o meu SENHOR fez isto comigo, e se ele quiser se separar pode ficar a vontade porque vou tocar a minha vida!!!rnDisse a ela que poderia fuder e era para contar tudo que tinha vivido naquele dia e que tinha tomado porra e ainda o cheiro do seu corpo era o meu...rnACREDITE ELE (marido) NO OUTRO DIA, FOI EM UMA CONCESSIONARIA COMPROU UM CARRO ZERO PARA ELA E ESCREVEU UM BILHETE PARA MIM, CARO SR. AGRADEÇO O QUE FEZ COM MINHA ESPOSA, ESTOU COMPLETAMENTE APAIXONADO POR ELA APÓS ELA TER ME CONTADO COMO A TRATOU ? RETOMAMOS A NOSSA VIDA E SEMPRE QUE PRECISAR DOS SERVIÇOS DELA ME LIGUE QUE EU MANDO ELA PARA ATENDE-LO.rnrnQuem quiser se corresponder comigo entre em contato: [email protected] rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


gostosinhacontoeroticocontos de incesto tios kerem fuder suas sobrinhasmanteiga cu froxo cunhada bunda g contoscache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html enfiaram uma bucha no cu do estupradorconto travesti com menina virgemCu maislargo do mundo em fotoscontos minha esposa eu e mais 2 travestisvirei puto do bar conto gayesposa soltinha e seria com amigos em casa contoReparei maquina de lavar para minha tia conto erodicocontos eróticos com secretáriaestoria porno a fantasia do meu marido e c cornoContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorminha amiga me comeuMas que dor horrível conto pornoNetinhas mamando pica contoseroticosconto mae e sua bundaconto piao gostoso. no cavaloencaixei o cacete do amigo de meu marido q tava ao lado e nem percebeu contoscontos de sexo sogropuxa agarra japinha cabelos pornopadrinho safado contos eroticos de incesto de desenhocontos de fudendo coroas dos seio bicudo de maisme amarro nos peitos delaconto sendo estrupsda pelo travestitraindo no hotel contoscontos de mulher transando com negão p******Simone chupando pau de joelhos e levando gozada na bocacuzinho da zildaminha iniciacao na zoofiliaNovinhas sendo arrombadas por patrão e peões na fazenda contos eroticoscontos eróticos ônibuscontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornocontos tio enrraba sobrinhotravesti vizinha surpresa contos eróticosConto erotico teen gay free escolacontos lesbica fui sedusida banheiro boatycontos a pica do comedor pingandoConto esposa de tampa sexomeu primo mobral contodeixando um corno manso contosarmei pra minha mae conto eroticoloira casada malho e adoro negao contoscontos eroticos meu marido sempre soubemeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contocontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimcomo o magrinho me arrombou a buceta contosvelhos peludos gay contoscontos vendo o meu cunhado a fode minha irma betinhacontos eroticos tia deu pra mim e primode frango assada recebendo lingua do gay safadocontos eróticos de un gordo virgemcontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimcontos comi minha cunhadacontos/meu primeiro broche e fodacomendo agostoza da irpregada iu marido ligandoconto gay ajudei amigoscontos eroticos tia cagonaacontos eroticos comi o cuzinho da minha colega de trabalho no estoque realporn contos eroticos casada putinha e escravafotos de loira sapeca abrindo as pernas a abrindo a xana rosaporrnodoido com anaflagas de encesto com zoofolia contosEu e minha sobrinha de 19 anos de idade no motel conto eroticodepilano a buceta dela io cara comi elaconto praia de nudismo com a esposa continuavideos bichobruto cavalo comendo égua escravo da esposa e da sogra - conto eroticoxvidio amaciando a esposaconto guarda roupa da lingeriecontos eroticos fui fodida feito vadia puta e chingada de vadia pel meu primo e tioConto erotico um travesti me algemoucontos heroticos gay meu tio de vinte anos me comeu dormindo quando eu tinha novesegurando o pingelo delasonhar com a mulher tranzndo com outroaprendi dar o cu com meu genro contosminha novinha tarada contocontos eroticos esposa evangelicabianca casada dando a bunda ea buceta contos eroticoscontos eroticos bv e virgindadecontos eróticos ajudei quem enganoucontos eróticos peguei ela se masturbandoeu minha namorada e uma amiga carioca conto eróticometendo A lingua na xaninha da novinha contos conto casada vira cadelameu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavadopei minha mae contoContos rasga o cu filhinhacontos eroticos de mulheres que fuderao com negrosA loirinha punheteira contos eróticospoeno cenas namoado apwrtando mordendo e chupando teta da namorada pra formar bicofui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticolevemente ara tomando banho nuacomendo a noiva do otario contos eroticosconto erotico incesto sonifero filha