Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DOCES DESEJOS

Meu nome é turquinho tenho 28 anos, 1,65 de altura, 58 kg tipo normal moreno cabelos pretos lisos.rnTudo começou quando conheci a negra pela net, 1,70 de altura, 60 kg seios normais durinhos toda gostosinha. No começo sá conversavas- mos sobre trabalho escola e alguns problemas pessoais até uma noite a conversa tomou um rumo diferente ela me perguntou o que eu achava do seu corpo disse que pelas fotos era linda então ela ligou a web cam e perguntou e assim, a negra estava com uma camisolinha preta curtinha de seda que deixava a amostra uma calcinha linda pequenininha foi ao delírio com a visão da negrinha se exibindo. Desse dia em diante nossas conversas bem mais picantes.rnDecidimos nos encontrar mas eu coloquei uma condição, disse quando nos encontrar ? mos não diríamos nada um para o outro apenas nos beijaria ela riu me chamou de safado e topou nessa altura já avia uma cumplicidade entre a gente. Marcamos para nos encontrar ? mos de dia pois trabalho a noite. Nos entramos no metro penha eu estava a sua espera na catraca do metro ela apareceu com uma saia preta coladinha ate o joelho uma camisa branca social colada e com alguns botões aberto que deixava a amostra seus belos seios sá de ver fiquei excitado como combinado não dissemos uma palavra apenas nos beijamos como doidos estávamos cheio de desejos. Perguntei a ela aonde gostaria que a levasse. Ela disse aonde possamos realizar todos nossos desejos.rn Entramos no ônibus e sentamos no banco do fundo onde ficávamos mais soltos e menos visados pá o mesmo estava quase vazio, abracei beijei como estava vazio deu para tirar um sarrinho legal, pedi para tirar a calcinha ela fez um charminho mas tirou e deu para mim guardar e falou ao meu ouvido. Olha como você me deixou então abracei e coloquei a mão dentro do seu vestido fui ao delírio quando senti sua bucetinha lisinha e toda encharcada não resisti enfiei dois dedos ela gemia baixinho a proveitava o balanço do ônibus para meter mais a safada agarrou meu braço e gozou como uma loca gemia gostoso me chamava de loco. rnQuando chegamos ao motel já estávamos locos de tesão nos beijávamos nem sei como tiramos a roupa a negra tinha um corpo lindo e uma boca maravilhosa foi logo agarrando meu pau como uma desesperada colocou na boca nunca alguém tinha me chupado daquela maneira era loucura ela chupava gemendo o que aumentava meu tesão deitei para sentir o gostinho de sua buceta fizemos um 69 delicioso chupava a bucetinha e o cuzinho como um louco a gata gemia gritava uma delicia. Saímos da posição dei um beijo sentei na ponta da cama ela veio por cima e foi sentando devagarzinho no meu pau que delicia sentir cada pedacinho de sua buceta no meu pau parecia que conforme entrava ela ia mordiscano um tesão a negra começou a meter pular encima de mim como uma puta eu aproveite para me dedicar ao seus seios chupava apertava lambia e a negra ia ao delírio levantei a no colo sentira o pau de dentro e a deitei ficamos na posição papai e mamãe meti gostoso a negra gemia como uma loca, coloquei a negrinha de quatro com a bundinha empinada e continuei a me dedicar a sua buceitinha tirei o pau e comecei a chupar sua buceta e o cuzinho passei a enfiar a língua no cuzinho a negrinha não se aguentava de tanto tesão passei a enfiar do dedos chamar ela de puta safada não aguentei mais passei a mão na buceta dela que assa altura estava toda melada lubrifiquei o pau e a cuzinho dela coloquei o pau na entrada do seu cuzinho e fui forçando o meu pau foi sumindo aos poucos senti cada pedacinho do seu cuzinho até não sobrar nada de fora. Fiquei parado com o pau todo dentro do seu cu para ela se acostumar a safada rebolava e gemia agarrava na cama peguei em sua cintura empinei mais sua bunda e comecei a meter de verdade a negra urrava de tesão quanto mais ela gritava eu metia com mais vigor ficamos assim um bom tempo quando disse que ia gozar ela pediu para gozar na sua boca com um pedido desses não da para recusar gozei como um loco em sua boca nunca tinha gozado tanto ela engoliu tudo e chupou meu pau que se recusava a amolecer. Fomos tomar banha quando já estávamos trocados e eu vi a negra com o vestidinho de novo não resisti peguei ela por trás coloquei a calcinha para o lado e meti de novo na sua bucetinha essa foi uma rapidinha fiz ela gozar e gozei de novo uma delicia de negra.rnSai com ela outras vezes mas essa fica para uma práxima.. rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos comi minha comadre de calcinha fio dentalo cu da morena saio sague de tanto fura porno doidocontos casada titio me comeu. na marrameu pai e o amigo dele comeram minha namorada contos eróticosvideos de zoofilia cachorrinhos recem nascidos mamando na xoxota da mulherComtos professoras novas casadas fodidas na sala de aula pelos alunoscontos genro me comeucontos eróticos esposa disfarçadorelato conto: meu me incentiva a usar roupas provocantesver contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****Portão tem puta fodedeiraconto de cabeleiro comendo o cu do novinho sem penafilme pornô da mulher do Suvaco Cabeludo Vem homem do pau mais grande e g************* delaContos eróticos e rosecomi a melhor amiga da minha mae vai mete seu puto cotos eroticovideo porno lindinha de guatorze anocontos eroticos jingridContos Deize pega rolacontos realizei o sonho do corno engravidei de outroconto troquei de papel com a minha mulhereu ja comia Minha filhinha decidir compatilhar ela contos eroticoscontos eroticos familia rentcontos gays teen dando o raboconto erótico menina zuando pau pequenocontos duas putinhas chorando na varaComtos casadas fodidas pelo patraoconto ajudou cornocontos eroticos dando a xota para o meu primo e o amigo dele na casa deleo pastor comeu meu cu contos gayincesto realidade fantasias contosou uma mulher crente mas quero picacontos eroticossobrinha brincando com bonecacontos eroticos de fui comido pelo meu tioConto erotico comendo minha madrinhacontos eróticos devemos dividir o mesmo quarto com um casal de amigocontos enterra tudo devagarinho no meu cuzinhocontos eroticos a novinha jogando sinuca no bar de sainha com os paisporno oooooo vai vai aiii caralhocontos eroticos casada e o farmaceitico negaoo pai da minha amoginha me comeu contosFudeer minha avoconto erotico minha pequena tesudacontos eroticos vestido colado e curtocontos eroticos tia tucameu noivo me preparo uma despedida de solteira conto eróticoscontos eróticos com esposa obedientechorou na pica/contocunhada ariando a calçinha p mimcontos eroticos meus amigos me comeram no acampamentos gayscontos eroticos em familiaporno desmarcada do funkContos eroticos peitudaconto erotivo com bi masculinoContos eróticos tia deixa sobrinho gozar na bucetacomeu cu da coroade 30anosscontos eróticos meu enteado deixou meu c* todo ardidoContosesfregandoporno contos eroticos fui enrabada pelo meu irmaocontos eróticos e fetiches paguei boquete no meu irmãocontos eróticos sexo com menininhas traduzidosXvideos gostosas musculos nas coxas na cabine eroticacontos meu comedor de culiga contos de loirinhaporrnodoido interacialcontos eroticos na floresta amigacontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosas.gostosas.cimasturbando.duas.vesesContos eroticos(colei velcro com a vizinha e gostei)minha esposametendo com travestis contoswww.contos eroticos corona novinho.brwww.flogdesexo.compauloelizabethmeu patrao cacetudo contosnamorada virgem.contonois comendo mulher do amigo bebado"minha filha" "ela gozou" "meus seios" "ela gozou" -papai incestoporno conto erotico depois de malhar fui fodida na academiaum careca inesquecivel contosDesvirginando a subrinha de 18 anos