Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, MINHA PRIMA, E SUA AMIGA

Esse relato aconteceu a uns 6 anos e sá hoje resovi contar a todos que queiram ler, na época eu(Felipe) tinha 19 anos, cabelos morenos, corpo meio atlético e 1,69 de altura, minha prima(Camila) 16, cabelos morenos, 1,60 de altura seios médios e bunda grande com um rosto bem bonito e a amiga dela(Letícia) tinha 19 anos, loira, 1,67 de altura seios grandes e uma bunda de dar inveja a qualquer mulher.Certo dia eu fui para a casa de praia de minha tia porque meus pais tinha viajado e não queriam que eu ficasse sozinho em casa, la estavam Camila, Letícia e minha tia(viúva), nos primeiros dias tudo ocorreu bem mas eu percebi que minha prima e sua amiga me olhavam de um jeito diferente, deichei isso passar, de noite eu acordei e vi Camila saindo junta à Lê(apelido) com umas roupas bastante ousadas, elas nao me viram e sairam, fui dormir e de madrugada acordo e vou para a cozinho beber um copo de água, passei pelo quarto de Camila e vi que elas já haviam voltado e estavam dormindo nessa hora fiquei com muito tesão pois lembrei dos contos de incesto que havia lido então entrei no quarto de Camila e tirei o lençol que a cobria quando viaquilo fiquei paralisado, ela estava sá de calcinha, não usava nada para cobrir os seios eu os lambi como um louco, qunado ela se virou e não pude mais lambe-los e então fui ver Lê ela estava com uma camisola meio transparente, dava para ver os bicos de seus seios levantei sua camisola bem devagar para ela nao acordar abaichei sua calcinha e vi sua buceta apenas com um pouco de pêlo comecei a lambe-la e depois roçei meu pinto naquela linda buceta quase sem pêlos, apás um tempo roçando sua buceta eu estava com muito tesão e estava a ponto de meter naquela buceta para gozar dentro mas lembrei que não podia se não ela poderia acordar e eu estava sem camizinha, continuei roçando a sua buceta quandoela começa a se mecher e eu saio correndo do quarto e deito na minha cama apás alguns segundos vejo ela levantando para ir ao banheiro, foi por poucoque ela nao me pega roçando sua buceta, bati uma punheta pensando nela e fui dormir.No dia seguinte acordei eram 9 horas da manhã e minha tia havia ido visitar uma amiga de infãncia, Camila e Letícia estavam passando bronzeador e estavam indo à praia, meu pau ficou duro na hora em que vi elas semi nuas passando bronzeador elas perceberam e ficaram olhando fixo pro meu pau(não sei se foi por que estava duro ou por que gostaram de vê-lo duro) apás um tenpo eu também fui a praia e encontrei as duas tomando sol me esforcei para nao deichar meu pau ficar duro mas tudo foi em vão fui correndo para a água para desfarçar logo em seguida elas vieram dizendo q eu naão ocnseguia dar um "caldo" nelas então eu me aproveitei da situação para dar um "amassos" nelas, já era hora do almoço e minha tia não havia chegado, estavamos voltando para o apartemento e o porteiro avisou que minha tia havia ligado e disse que ficaria uma semana fora com sua amiga e que iria fazer compras em Brusque-SC(minha tia confia muito em Camila por isso não se importa em decha-la sozinha em casa).Almoçamos fora com o dinhero que minha tia havia deichado durante a tarde ficamos conversando e eu como o mais novo ficava meio deslocado dos assuntos dela.Chegou a noite epegamos um filme(O Grito) assistimos e eu como Camila e Letícia ficamos com medo(na época eu era muito medroso).Lê estava indo embora pois ja dormira conosco 2 noites e disse que pediria para sua mãe se poderia dormir conosco até minha tia voltar.Como estavamos com medo Camila sugeriu que dormissemos juntos e eu (é claro) aceitei sem pensar duas vezes então durante a noite acordei por causa de um pesadelo e minha prima acordou com o pulo que devo ter dado na hora que acordei ela me abraçou deu um sorriso sínico e feichou os olhos eu disse que estava muito calor então fiquei sá com minha cueca e meu pinto estava como uma tora martelando sua barriga ela abriu os olhos e perguntou o que era issoe eu sem graça e sem resposta não falei nada, ela disse que também estava com calor e tirou o pijama e ficou apenas com sutiã e calcinha sá que dessa vez deitou de costas para mim meu pinto ocntinuava martelando mas agora suas costas entao me afastei um pouco eainda com medo não consegui dormir depois de uma meia hora minha prima estava dormindo e eu pensei besteiras e lembrei da noite anterior e tirei minha cueca coloquei sua calcinha para o lado e fui meter meu pau nela quando lembrei da camisinha, fiquei muito bravo comigo mesmo de ter esquecido de ir a farmacia comprar camisinha e então como estava com muito tesão comecei a roçar sua bunda tirei sua calcinha bem devagar e forcei a entrada do meu pau em usa bunda maravilhosa, quando ocnsegui colocar a cabeça de meu pau dentro do cú dela, ela acorda tira meu pau de dentro do seu cú retira o lençol que estava sobre nás e pergunta o que estava acontecendo então eu não tive escolha e falei tudo à ela, ela ainda assustada me da um tapa e da um sorriso sínico, coloca a calcinha e deita de novo coloca a mão em meu pau me masturbando de leveentão eu perguntei se ela não itnha ficado brava comigo, ela respondeu que não pois já havia pensado em fazer sexo comigo mas não tinha coragem de tomar iniciativa eu dei um beijo nela e comecei a masturba-la também começamos a conversar sobre sexo perguntei se ela era virgem ela respondeu que não pois havia perdido com o ex-namorado dela, ela pediu se eu era virgem, respondi que não(mas na verdade eu era)então ela comentou que Letícia havia lhe dito que eu tentei come-la na noite passada e que ela até gostou fiquei pasmo com isso e depois de um tempo ocntinuamos conversando até que ela da um gemido e gozou na minha mão logo apos eu anunciei que iria gozar então ela abaichou pôs a boca em meu pau e começou a chupargozeiem usa boca e ela engoliu um pouco do meu gozo o resto havia caido na cama de casal da minha tia então ela disse que era melhor dormimos na outra cama sá que ficaria apertado pois a cama era de solteiro eu topei e fomos dormir eu estava exausto e dormi rapidamente no dia seguinte acordei e Camila nao estava tinha ido à praia eu comi alguma coisa e também fui lá encontrei ela com Letícia quando me viram deram uma risada e correram para a água eu fui atraz delas apos um tempoque estavamos conversando Camila disse que Letícia iria dormir junto conosco até o dia em que minha tia chegasse nessa hora meu pau ficou duro e elas estavamsindo da agua quandpo Lê passei por mim apertou de leve meu pau que já estava duro fiquei na água e apos algum tempo meu pau havia amolecido e elas voltaram para a água e disseram que conseguiam me dar um caldo eu sorri e disse para elas tentarem então Lê pulou em mim e me beijou laçou suas pernas na minha cintura enquanto Camila desabotoava meu shorts de banho e tirava meu pau pra fora meu pau estavaroçando a bunda da Lê entao ela saiu

e sugeriu que focemos para o apartamento eu e Camila de imediato aceitamos abotoei meu shorts e sai da água entramos no apartamento e Lê começou a se despir e Camila me beijava como uma cadela no cio e começou a me despir e depois começou a se despir estavamos todos nus quando Lê deitou no sofá e disse para minha chupar ela como eu itnha feito naquela noite eu fui chupei ela loucamente ela gemia gritava de tanto prazer Camila veio e começou a me chupar e ficamos nisso quase meia hora trocavamos varias vezes de posições então eu disse que queria fuder a Camila, ela disse que não pois aquilo já estava indo longe de mais.Lê estava desfalecida no sofá pois havia gozado muitonem dei muita bola pro "não" que eu havia tomado e fui pra cima da Lêcomecei a chupar aqueles peitos redondinhos e durinhos com a maruqinha do biquiniela se vira e diz para mim meter nela, entãoeu lembrei da merda da camisinha que eu não tinha comprado fiquei nervoso e disse que eu não queria comer a buceta dela mas sim o cú, ea disse que não pois as amigas dela diziam de doia muito eu tentei força-la mas Camila me puchou e disse que não podia tentar forçar se não elas diriam para a mae da Lê que eu teria tendado estrupa-las, Elas colocaram suas roupas e foram caminhar pela praia.Fiquei um tmepo pensado na cagada que eu tinha feito, resolvi ir comprar camisinhas peguei um pouco de dinhero que minha mãe havia me dado e fui na farmacia comprei 19 pacotes de camisinha gastei uns 25 reais em camisinha(hehehe)chega de noite e elas voltam conversando bem felizes Camila passa por mim e encostasua bunda no meu pau e disse que hvia pensado no que eu queria e disse que faria sexo comigo, porém Lê ainda estava meio brava comigo então eu fuiaté ela e fiz carinho em sua buceta sua respiração ficou ofegante e tirou as roupas me empurrou para o sofá e deitou sobre mim, falou no meu ouvido que daria seu cú para mim mais que era para eu ser muito carinhoso com ela.Comecei a tirar minha roupa, ela comecou a me chupare logoveio Camila e começou a chupar meu saco.Ficamos nisso por mais de uma hora até que eu gozei e fiquei sentado no sofá Camila se levantou foi até a mesa pegar uma camizinha que eu itnha comprado e colocou em meu pau que já estava duro de novo ela sentou sobre meu pau e foi descendo devagarzinho, eu via meu pau desaparecer dentro daquela buceta maravilhosa logo ela começou um vai-e-vem ecada vez ia aumentando a velocidade até que eu gozeie logo apás ela também gozouela foi tomar um banho enquanto Lê ficou de quatro no chão e disse para eu foder o cú dela mais carinhosamente, eu tirei minha camisinhae fui comer ela forçei a entrada do cú dela até que a cabeça de meu pau entrou e ela deu um grito eu parei um pouco e comecei a masturba-la apás ela se relaxar 1 pouco comecei a colocar meu pau cada vez mais fundo no cú dela o que eram gritos de dor viraram gritos de prazer em pouco tempoe comecei num movimento frenético de vai-e-vem até que gozamos quase juntos já era tarde a Camila já estava dormindo eu e a Lê fomos tomar um banho e depois fomos dormir.



Se gostaram desse conto votem nele que eu conto o resto dele porqur ainda tem muito mais depois que minha tia chegou aconteceu umas coisas realmente legais votem e saibam o resto do conto



meu msn eh [email protected]

sei alguem quiser trocar algumas ideias sobre o que viveram é soh me adiciona(somente me adicionem se o conto for real, axo mto semgraça escrever mentiras no lugar de contos veridicos)

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto incesto sogra no volanteContos eroticos minha esposa foi molhada e revelou seu peitos no churrasco de casasavana na africa contos eroticosconto d patricinha c o borrscheirocontos eroticos travesti me rouboucontos eroticoso cu da cadelinhaesposa chupeteira contosContos eroticos iniciando as meninascontos eroticos e minha mulher e uma amiga convencida a chupar bucetacontos eróticosde lésbicascontos de cornoconto erotico teen sendo enrabadamorena amiga da esposa contoparticipei surubacontos eroticos minha namorada virgemcontos de sobrinhas sem calcinha na igreja sentada no colo do tioporno home gozando forddefui arrombadaContos gays o colega pauzudoencoxando coroa casada em Jundiai conto realpura foi dar pra cavalo e acaba com a buceta estoradacontos sexo estorando cucomendo.o cu e a buceta da novinha pela perna do short dentro do onibus lotado sem ela pode ae defenderconto erotico marido pega no flagraconto: crente safada da ccb em swingencoxei e dedei minha sobrinhavideoo porno da bundona de chorte de burmiconto esposa pelada na frente do meu paiConto minha mulher na obra sem calcinha    Porno contos incesto pais e maes e suas meninas iniciando o melho sexo familharela pegou no pinto dele na marra mais ele gozousexo mulher dizendo mete com forca nessa bucete pau gostoso mete nesaa bucetavirei puto do bar conto gaycontos eróticos disneylandiawww.flogdesexo.compauloelizabethme apaixonei pelo um bandido conto heroticoele era cheirosinho conto gayconto escrito ese ano cavalono nuaContos eroticos guspe na bocafui consola a cunhada contosGoiânia conto local cu borracharia gayamigo comeu minha mãe contoscontos por favor poe na minha bundinhaContos gay Massagemdando banho cacula conto eroticos gaymulheres com a bunda grabnde e a buceta grandea irma dela dorme conosco de calcinhacontos eróticos evangelicasContos me exibindocontos eroticos perigover tdos as calcinhas fio dental qom bomum empinadContos erotico sofrimento de inocentestu manmou desse meladinho entt sobe caseteconto de sexo um garoto ficava esperado uma coroa passa na rua eu fico de pica duracontos porno baixinhaxoxotao capusaoconto porno come o cu da minha cunhada e a amante e sua amigacoroa deito e pediu pa enfia devagarsinho nu.seu.cucontos veridicos de mulher casadacontos eroticos o bicho do tioFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viucontos picantes comadre safadatravestis tomou tempo pau não subircontos eróticos não sei que fizcontos pasei o rodo na cunhada bebadameu namorado pediu um tempo fiu pra balada e aprontei conto eróticoscontos eroticos cuspe punhetacontos eroticos gozei quando as duas picas entraram no meu cucomi o a cunhadinha na minha casa sozinhos contocontopaugrandeeu confesso caso de incestohistorias eroticas com saúnas masculinasenrabada pelo meu filho especialcontos-teu pau me fodendo todinhaFui passear fui estupradocontoseroticos encoxand me ninas picinasandava só de cueca no carro. conto gay teencontos eroticos corno bebe leitexvideos enrabador de gravidamarido libera esposa para pagar o aluguel contocontos porno de casada se insinuando para pedreirosfilmadora dentro da vagina enquanto gozaMenina q ta tezao encosta no irmao ddespistadoContos quero goza muito na minha filha quando ela nasceContos entiadas apanhando para submeter ao sexonovinhas escoteiras abusadasconto eróticos com velhinhacontos eroticos sogra mijonacontos sexo meu marido rebolou na pistolacontos eróticos seios devem ser mamadosContos eroticos de amigos q fuderam as amigascontos eu dancando funk para o titiocomi o cu da enteada - contoscontos/ morena com rabo fogosoconto menininha sentou no meu paucontos cachorro lambendo penis de homemchupei no carro conto