Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ADESTRAMENTO DE CADELINHA

Tudo começou quando ganhei meu notebook, fiquei muito feliz e nos primeiros meses me comportei direitinho, mas depois de um tempo comecei a entrar nuns sites de bate-papo mais quentes... eroticos. Sempre entrava com apelidos chamativos e muitos homens vinham logo falar comigo, eu sempre podia escolher com quem falava. {cadelinha_puta} entrou na sala de bate-papo.rnrnrnFiquei entrando nesses bate-papos todas as madrugadas. Até que conheci um Senhor com o apelido de {Dominadordecadelas56} que veio muito respeitosamente falar comigo, me fazendo muitas perguntas. Porque eu tava ali, quantos anos eu tinha, de onde era, se morava sozinha, o que fazia da vida, se fazia muito sexo, se gostava se ser dominada por um homem, se gostava de homens mais velhos, entre muitas outras perguntas...rnrnrnEu sempre muito curiosa e safada, cheia de tesão, respondi tudo do jeito que ele queria ler, e ele logo gostou muito de mim. Passei meu msn pra ele e nos falamos por umas duas semanas praticamente todos os dias, madrugadas, e sempre que dava tempo, por e-mail.rnrn rnrnEle começou a me tratar sempre por cadela, cachorrinha e falava que ia me fazer andar de 4 quando a gente se conhecesse... que eu seria a cachorrinha safada dele... e eu adorava tudo isso, até cheguava a ligar a webcam pra ele e a obedecer umas ordens dele. Como sempre usar uma coleira quando na webcam com ele, ele me fazia colocar grampos nos seios e me masturbar com vegetais pra ele ver. tudo ele mandando e olhando.rnrnrnEle morava em outro estado não muito longe e logo me convenceu a encontrar ele que ele vinha pra minha cidade a trabalho e ficaria o final de semana pra me conhecer.rnrn rnrnEu toda cheia de tesão aceitei encontrar com ele num hotel no centro da cidade, onde ele ficaria hospedado.rnrnEle me mandou um e-mail antes com algunmas orientações pro encontro ser do gosto dele.rnrn rnrnJa a primeira ordem era mentir pros meus pais que iria dormir o final de semana na casa de uma amiga minha. Ir de saia sem calcinha e uma blusa bem apertada, que ficasse parecendo uma puta, e ir ao encontro dele.rnrn rnrnMe vesti com uma saia tipo colegial, uma blusa preta bem apertada e decotada (tenho peitos grandes), e sem calcinha, com um sapato de salto bem alto e fino. Tomei a liberdade de vestir uma meia arrastão, pra pelo menos naum ficar totalmente sem nada por baixo da saia.rnrn rnrnChegando la no hotel dele, ele tava me esperando na recepção, subimos pro quarto dele, e ja no elevador ele me colocou a mão por dentro da minha saia pra checar se tava sem calcinha, então parou o elevador e me mandou ir pelas escadas até o setimo andar. Detalhe que as escadas saõ abertas e varias pessoas podiam me ver sem calcinha, oque aconteceu, mas subi tao rapido que nem vi a cara delas.rnrn rnrnChegando ao andar certo, ele tava me esperando la em cima com uma coleira na mão, e me disse pra vestir, me xingando de cadela. Vesti a coleira vermelha e fui atras dele, como uma verdadeira cadelinha.rnrn rnrnEra sexta e o hotel tava levemente cheio, pessoas passaram pela gente no corredor e me olharam de canto de olho, tendo certeza que eu era uma prostituta. Chegamos ao quarto 709 e ele abriu a porta, me empurrando ''cadela tem que andar de 4''rnrn''ja te falei isso antes sua cadela" rnrn rnrnEle chegou perto de mim e me deu um tapa na cara: "disse pra vir sem calcinha, e veio com essa meia por cima ne vadia!" Ele me debruçou sobre a mesa que estava perto da entrada do quarto e rasgou a meia arrastão na parte da bunda. "cadelinha minha adora dar o cuzinho", escutei o ziper abrindo e o seu pau duro me cutucando a bundinha. Foi então que senti uma pressão muito forte na entrada do meu cuzinho e dei um grito de dor.. Ele simplesmente enfiou toda a cabeça dentro do meu cuzinho no seco! Quase desmaiei de dor, nunca tinha dado meu cuzinho ainda... ele tira e coloca de novo, e lambe a mão, depois enfia tudo de uma vez e espera com o pau todo lá dentro de abrindo no meio. Parecia que eu ia desmaiar de dor.rnrn"se a cachorra berrar eu vou enfiar tao forte na sua boca que todo mundo vai saber que chupou um pau!"rnrn rnrnEle ficou ali comendo a minha bunda uns 3 minutos mais, o que me pareceu uma eternidade, nunca tinha sentido tanta dor na minha vida. Eu chorava em cima da mesa de madeira e me apoiava ali, ja perdendo as forças. Ele tirou o cacete da minha bunda me fazendo carinho e me elogiando "que cadelinha obediente, nem gritou tanto assim, e parece que seu cuzinho agora ficou bem aberto pra brincarmos mais neste final de semana sá nosso!"rnrn rnrnVeio na minha frente com o pau ainda duro na mão e disse "vamos ver se engole tudo como disse que faria" Eu ali quase desmaiada com sangue escorrendo pela meia arrastao e pego naquele pau enorme e começo a chupar como se fosse um pirulito... ele fazia carinho no meu cabelo e me elogiava muito, me dizendo como era bonita e obediente. rnrn rnrnAssim que ele gozou na minha boca, tampou meu nariz para que eu engolisse tudo mesmo, e foi oque eu fiz, mesmo quase vomitando.. ele me fez abrir a boca pra ver se tinha ido tudo e sim, ficou feliz e me levou pra cama. "Descansa cadela, vou beber uma cerveja e assistir o jogo de futebol, mas quando acabar, quero te usar de novo, então dorme cadelinha"rnrn rnrnObvio dizer que eu naum dormi e fiquei tremendo de medo, sangrando, naquela cama de hotel, vendo um homem coçcando o saco e assistindo tv na minha frente... mas sabe que tudo isso no fundo me deixava muito excitadarnrnrnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comtos de vagabundas que gostão de fudercontos depois de 20 anos fui morar com minha mae e no banho ela vou meu rolaoVer vidios porno de exetos e contos eroticos somente de pai chupando a bucetinha propria filha, pequenininha da filinha caçula que e pequena de tudo que nem tem penugem na bucetinha ele chupa na mara:) Casada narra conto dando o cuconto erotico viado foi no pagode na favela e deu o cu pro travestitetudaCaidagayzinho passou rebolando na minha frente contoTravessa gostosa lavando a b***** em casa com cama escondidaconto erotico a certeza do destinoembebedei minha irma e a comi conto eroticoconto gay meu genro mulhezinhacontos eroticas eu e minha amiga fomos fodidas por um preto caralhudoeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocomo brexar a cunhada no banheiro video de presediario comeido buseita na cadeia no dfcontos de corno flagrei minha namoradacontoseroticosdecalcinhapapai - contos eroticoscontos.de mulheres.casadas.e fogosaconto erotico teen sendo enrabadapegei minha sobrinha mastubano e acabei comeno elavi meu afilhado peladocontos eroticos um negro me arrombandoconto erotico de menino com caralho jumentobrincadeiras no escurinho conto eroticoconto erotico - boleia para a universidadecontoerotico.com/descabacei a ladracontos eroticos, alisei o piupiu do meu filhinhosadomasoquista gozando com garrafa enfiadacontos eróticos esfregaçãoconto ela estava no quarto nua e o sobrinho na salaContos sadomasoquismo violentoContos eroticos nerd virgemmarido de marleni vendo ela transarContos amigos fodem maes de amigos por traicaoa arte de apanhar contos eroticocontos de casadas rabudas que adoram uma piroca preta enterrada no rabocontos saia sem calcinha escada engoli porraMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contosconto estrangeiro picudogorda sobe a saia e transa na ruatravestiszoofiliafotoscontos eroticos com a vovóVem amor segure a rola dele para eu sentar em cima, vem meu corninhoconto erotico nane loirameu marido viu os amigos dele me comerem contosmamei no peito até ficar vermelhoe produzir leite contosesposa no motel com amigos contofui arrombado contos gaysmarido chama primo pra tranzar com sua espozaconto gay dei para meu filhoContos eroticos pais liberais.comconto erotico bucetas folozadaduas irmas gozando juntas conto eroticocontos eroticos minha amante nao queria no cuzinholiberei e minha mulher meteu com o dentista dela experimentando a bundinha da garotinha conto gratisconto erotico transei com meu filhotirei o cabaco do garotinho mimado de onze anosContos fingindo dormirHistória narrada de sexo- Trepando com a nifeta safada gostosa huummmcontos eronticos tia deu banho no meninofudedo a tia bombadacontos interracial de crentes sendo arombadasso punhetinha contosmulher gemeno danca de calcinha gemendoconto erotico espiando mama no zoocontos eróticos trair namorado atrãoQueria ter um pau pra comer mulhercontos deixando por no cúcontos eroticos chorando com o pau enterrado no cu arrancando bostao negão comeu o meu marido contos eróticosconto erotico cunhadinha safadinhacontos eroticos apanheiFiquei com minha sobrinha no colo a viagem toda contos