Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A AFILHADA ME DEU A BUNDINHA

Conforme contos anteriores, o máximo que tinha conseguido com a afilhada da minha namorada foi ela me chupar. Nunca deixava eu tocar nela, o que me deixava alucinado. Sempre fico na casa da namorada nos finais de semana, e no domingo ela sempre vai à missa com a mãe. Aproveitei que o pai ficaria o fim-de-semana inteiro na casa de praia pra armar algo pro domingo, pois a afilhada mora no mesmo quintal. Na sexta passada combinei com a afilhada para deixar o celular pra vibrar no domingo, pois iria ligar quando já estivesse sozinho e seria melhor se ninguém percebesse o celular tocar. No domingo liguei como combinado e ela nem atendeu, simplesmente foi pra casa da madrinha. Ao chegar sugeri que fossemos pro quarto no andar de cima. Ela subiu as escadas na minha frente e percebi que não usava nada por baixo do shortinho de lycra, então imaginei que desta vez eu poderia tocar nela. Ao chegar no quarto ele me pediu pra tirar toda a roupa e sentar na cama. Ela ficou de pé, tirou o shortinho ficando apenas com a blusa e se aproximou de mim dizendo pra apenas olhar. Virou de costas e abriu bem a bunda com as mãos. Comecei a me masturbar vendo aquela bundinha bem lisinha e carnuda. Ela sentou na cama de frente pra mim e começou a se masturbar tb. Ficamos uns minutos nos masturbando pro outro ver, ela tem a buceta bem rosinha, bem carnuda e com quase nenhum pelinho, linda! Pedi pra ela colocar os seios pra fora e ela o fez, e notei os biquinhos bem durinhos. Pediu pra eu deitar e, sentada na minha frente, passou a masturbar nás dois. Pedi pra ela me chupar, ela deitou entre minhas pernas e ficou alternando entre me chupar e me masturbar. Como a missa dura apenas 1 hora, decidi ir logo ao ponto, perguntei se podia tocar nela e me disse que poderia apenas na bundinha. Ela ficou de 4 na cama, sentei de frente pra bunda dela e usava uma mão pra me masturbar e a outra pra bunda dela. De repente ela pegou meu dedo e colocou na entrada da bundinha, olhou pra trás e disse que ali eu podia enfiar o dedo, mas na buceta não. Fiquei maluco, molhei o dedo com saliva e fui tentar enfiar. Pra minha surpresa meu dedo não teve muita resistência, então perguntei se ela já fazia isso. Ela disse que ficava enfiando o dedo na bunda enquanto se masturbava durante o banho, e às vezes enfiava o cabo de uma escova de dentes ou outra coisa da mesma espessura. Perguntei se eu poderia fazer isso nela, e ela disse que sim. Fui até o banheiro e peguei uma escova, ela continuou de 4 e eu fui enfiando a escova bem devagar. Ela começou a se masturbar com mais força e disse que estava muito bom, que era muito melhor alguém fazendo. Disse que não aguentava mais sá ficar na brincadeira e, como ela já enfiava isso na bundinha, perguntei se não podia tentar enfiar meu pau. Ela disse que não daria pois o máximo que já fez foi com a espessura da escova. Eu disse que passaria creme de cabelo pra ficar mais lisinho e que sá iria até onde ela deixasse. Meio receosa ela aceitou. Fui até o banheiro, peguei o creme, fiquei de pé ao lado da cama, ela ficou de 4 na cama, passei o creme na ponta do meu pau e fiquei primeiro passando pela portinha. Ela começou a rebolar, olhava pra trás pra ver, estava adorando. Tentei enfiar mas ela reclamava. Sentei na cama e disse pra ela sentar em mim, assim ela mesma iria até onde conseguisse. Nesta posição ela conseguiu enfiar a cabeça. Meu tesão era tanto que, quando ela começou a mexer a bundinha com a cabeça do meu pau dentro dela, senti logo vontade de gozar. Disse que iria gozar na sua bunda, ela odorou a idéia e forçou pra entrar mais um pouco. Pedi pra ela ficar subindo e descendo, e gozei dentro da sua bundinha. Ela disse que era muito bom, que era quente, mas que ficou ardendo um pouco. Pedi pra chupar sua buceta, pra que ela gozasse também mas ela não deixou. Disse que faria isso sozinha, mas pediu pra eu me limpar pois queria me chupar. Me limpei e voltei a sentar na cama, ela deitou de barriga pra cima com a cabeça na minha virilha, virou a cabeça de lado e colocou meu pau na boca. Era maravilhoso ficar assistindo ela se masturbar e ainda me chupando e me masturbando com a outra mão. Ela aos poucos foi aumentando a masturbação até que gozou. O visual dela gozando foi sensacional, ela se contorcia e apertava me pau com a mão. Então ela foi pra casa pois já estávamos ali cerca de 30 ou 40 minutos. A missa levava pouco mais de 1 hora e era melhor não arriscar. Combinamos de nos falar por telefone pra marcarmos outro encontro e ela me prometeu que deixaria que eu a chupasse. Ela disse que às vezes se masturbava ao deitar, pensando nos nossos encontros, e que em um final de semana quase me sugeriu que nos encontrássemos no quintal de madrugada, mas achou arriscado e não sugeriu. Mas disse que sá a sensação do perigo deixou ela bem louca e que naquele dia se masturbando imaginando a gente no quintal. Eu disse que iria pensar em algo em relação a este fato dela adorar enfiar algo na bunda pro práximo encontro. Ela disse pra eu pensar também em algo mais perigoso, pois ela adorava. Vamos ver no que dá!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


amigas gostam de passar margarina no corpo nucontos eróticos esposa com sonocontoseroticosdesvirginandodepois do anus e da vagina tem outraentrada pro penis entrar?conto erotico tudo aconteceu na cachoeira com meu maridocontos comi minha cunhadacontos eroticos mae filhaconto pernas fechadasporn corno contos eroticos amarrada e usadacontos eróticos adoida dona de casaa piriquita da theulma moreninhafui fudido no fliperama contos pornô casado chupa travesti contocontos eroticosgosto de mulher mais velhaContos eróticos boca maciaFui obrigada a da a bucetaComo fazer um cabacinho liberar(conto gay teen)videos porno gays me pegou no flagra no poraomcontos eroticos perigoConto Erótico ninfeta Fio Dentalcontos eróticos Fortalezavidios de zoofilias mostra homem acariciando uma jumenta com a mão na buceta delacontos amante da irmãcontos eroticos incesto pai e filha fistingAcordei com o pau dentro da minha bucetacontos eróticos-leite condensadoconto erotico gay papai e titioMulher casada bunduda minha corriosidade contosMinha namorada festa na chacara cornofoda gostoza mulher caszada tro cano omaridocontos eróticos di mulher tou com fome.di picacontos : meu filho falou que minha buceta e bonitaquero o pauzão dele no meu cu amor agora fica olhando contoscontos de incestos quebrei a pernaContos estupros esposa e maridocontos comi o cuzinho dela dormindodou meu cu para meu amigo colorido contos eróticosconto erotico Filha curiosacontos padrasto e enteadaincesto Minha mãe e o meu pauficou de short e foi chantageada contos eroticojoice cavalo deu o cugordao tarado conto eroticoconto erótico de mulher traindo marido com amigo taradoContos eróticos picantes-padrasto e sobrinhaconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande delehetero activo contocontos eroticos chantagiei minha tia e comi elacasada dando o cu no bairro de na casa do ferantecontos eróticos gay surubacomi a minha mãe na chantagemcontos etoticos casais disputam bunda maior das espisasconto acordei com meu sobrinho me chupando a xotacontos eroticos irmaocontos de cherado decalsinhaContos eróticos de incesto filinha mimada do papaicontos chavecando o cuzinho da coroaloira casada malho e adoro negao contosconto elotico pai xfilhaComtos eroticos com cumada novinhaporno chupando buceta de cocararContos filhinhas calcinhacontos fode mesmocontos homem chupa rola ricardaolevando menino levando tapao na bunda redonda durinha porno gaycontos erotico eu minha mae e meu amigo e dona martaconto erotico com sogromeu marido quis q eu derse pra ele e seu irmão conto erótico incestoConto erotico bunda a enteada mas velha.contos minha filha enrroscada na minha picavisão dos sonhos dos cornostia bate no casa sobrinho contocontos eroticos de homens que vestem as calcinhas das esposas e saem com travesticonto erotico me mentiu e me comeucontos incesto o cofrinho da mamaecontoseroticosbucetavirgem