Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SOU CASADA . . . MAS TAMBÉM TENHO DONO

Ola meu nome é Carol tenho 24 anos e vou relatar o que vem acontecendo comigo, eu sou casada a 4 anos Meu marido Jonas tem 35 anos e no começo do ano de 2012 teve um infarte e ficou invalido para trabalhar pois não pode carregar nada pesado, ele esta tentando se aposentar mas até agora nada, como eu nunca trabalhei era dona de casa esta dificil conseguir algum emprego e nás moramos de aluguel.rnrnNo dia 05 de junho de 2012 completou 3 meses de alugel, nás moramos em um apartamento e o dono do imovel Carlos mora dois andares acima do meu, apás os 3 meses de atraso o Carlos veio até meu apartamento saber por que não pagamos os ultimos 3 meses, ele chamou por meu Marido, eu disse que ele tinha saido para ir no advogado e deveria demorar, eu expliquei toda a situação para ele e me supreendi com que ele disse, o Carlos disse eu não tenho nada a ver com seus problemas eu quero o meu dinheiro e ainda disse te dou 3 dias para cnseguir ou vou te despejar na rua, quando ele estava saindo derrepente ele parou se virou para mim me olhou da cabeça aos pés e disse, tem um jeito de vc e seu marido invalido ficarem aki.rnrnO Carlos me perguntou, Carol vc sabe o que é sadomasoquismo, bdsm ? eu respondi ja ouvi falar alguma coisa porque? então ele disse pesquise sobre Dominação sobre ser uma submissa tbm amanhã eu volto para te explicar tudo melhor e foi embora.rnrnLogo que ele saiu entrei na internet e começei a pesquisar, vi fotos, videos, Li alguns contos de mulheres submssas e quando terminei percebi que estava muito mais muito molhada com tudo que vi nunca tinha ficado daquele jeito nem com meu marido Jonas, na hora fui ao banheiro tomei uma banho e me masturbei foi uma delicia o orgasmo que tive nem mesmo meu Marido tinha me proprcionado um prazer igual a esse, a noite quando ja estava ao lado do meu marido não conseguia dormir e não sei por que fiquei pensando no jonas a noite inteira minha buceta voltou a ficar muito molhada e não teve jeito tive que me masturbar de novo na cama ao lado do meu marido, tive que morder o travesseiro para não berrar na hora que gozei.rnrnNo dia seguinte o Carlos veio até meu apartamento de novo, eu disse que meu marido estava presente que não dava para conversar então ele mandou que eu fala-se para o janos que iria na Padaria e já volta-va foi o que eu fiz e o carlos me levou até o seu apartamento.rnQuando chegamos no apartamento o Carlos me perguntou, e aí carol pesquisou sobre o que eu te falei, eu respondi que sim e que queria saber como aquilo poderia fazer com que eu fica-se no apartamento alugado, ele me respondeu é simples, eu serei seu Dono vc Carol vai fazer tudo que eu mandar sem questionar se não obedecer será castigada, ou vc aceita Carol ou vai para rua, como eu naõ tinha alternativa eu aceitei.rnrnLogo em seguida o Carlos me disse, a partir de agora vai me chamar de senhor Carlos entendeu, eu respondi sim senhora, vou fazer uns teste com vc para saber se será uma boa escrava, o Senhor calor mandou que eu fica-se nua, então morrendo de vergonha e com medo de ser castigada eu tirei do minha roupa, em seguida mandou que eu chega-se perto dele, o senhor Carlos colocou sua mão na minha buceta que estava molhadissima seus dedos entraram com facilidade e eu gemi na hora bem baixinho, ele disse ajoelha e protamente eu o atendi, ele desceu sua calça jeans abaixou sua cueca e vi seu pinto já praticamente duro bem maior do que meu marido Jonas e mandou que eu chupa-se seu pau foi o que eu fiz mal cabia na minha boca passa minha lingua na sua base nas suas bolas e volta-va a chupar até que senti seu pau enchar percebi que ele iria gozar meu senhor segurou minha cabeça e gozou dentro da minha boca me fazendo engolir todo seu esperma, eu nunca tinha engolido esperma antes achava nojento e até que gostei, na verdade eu casei virgem com meu marido então o pau do senhor Carlos foi somente o segundo que tive contato.rnrnDepois disso o senhor Carlos disse Otimo vc esta batizada, ele foi até o seu quarto e trouxe um papel, era um contrato de submissão, eu até tinha lido sobre isso quando pesquisei, o meu senhor pegou uma caneta e disse assina aqui, eu peguei a caneta olhei para ele, me lembrei do que disse de sempre fazer o que ele mandar tomei coragem e assinei, o meu senhor Carlos assinou do lado e anda tinha espaço para uma terceira pessoa onde estava escrito testemunha, ele me olhou nos olhos e disse agora Carol vc não tem mais vontade propria eu mando em vc na sua vida, até na sua vida intima com seu marido sá vai transar com ele quando eu mandar entendeu, eu meio assustada com aquilo com medo respondi sim senhor Carlos entendi.rnrnMeu senhor Carlos disse volte para sua casa e lembre-se de passar na padaria e comprar paes pois foi essa desculpa que deu para seu marido, ele me deu um frasco cheio de comprimidos e disse esse remedio é o boa noite cinderela, quando eu precisar de vc e não tiver desculpa para seu marido desse esse remedio no meio de uma bebida que ele apaga rapidinho, e disse amanhã quero vc aki na minha casa as 10:00 hs coloque um vestido se perfume e quero sua buceta completamente depilada, agora va embora, eu disse sim meu senhor estarei aki no horario combinado.rnrnNo dia seguinte tive que dar um boa noite cinderela ao meu Marido jonas coloquei no suco dele e reamente ele apagou rapidinho, fui ao apartamento do senhor Carlos logo que chegei ele colocou uma venda em meus olhos, colocou sua mão por baixo da minha saia e tirou minha calcinha, ele me conduziu até um dos quartos do ap me deitou em uma cama e disse, fica quetinha que agora o João vai fazer uma tatuagem bem pequininha perto ta sua buceta e depois vai te comer como pagamento, eu fiquei queta sem dizer nada morrendo de medo, ele tatuo o seguinte {SC} que é o simbolo da caleira e a quem eu pertenço, depois de tatuar o João me colocou de 4 na cama e fodeu minha buceta aquele era somente o segunto pau que me penetrava em toda minha vida era grosso, eu estava tão molhada, não saber como aquele cara era por estar venda-da me deixava tão exitada que gozei muito rapido, era a melhor foda que tava tendo em toda minha vida não demorou mundo e gozei de novo minha pernas ficaram bambas quase desmaiei, depois senti os jatos quentes de porra do joão dentro da minha buceta, eu fiquei deitada afegante o joão me virou beijou minha boca durante um bom tem que beijo delicioso e disse no meu ouvido, amanhã estou de volta para completar meu pagamento vou comer seu cuzinho amor e se levantou e saiu, fiquei deitada um tempo até sentir a mão do senhor Carlos que tirou minha venda e disse, é assim que gosto vejo que realmente achei uma putinha que faz tudo que mando, o senhor Carlos mandou eu ficar de quatro de novo cuspiu no meu cu e foi me penetrando, eu nunca tinha dado meu cu, tive uma dor que quase desmaiei eu senti minha pregas se rompendo, quando entrou tudo meu senhor ficou uma pouco parado acho que para eu acostumar com o cacete dele dentro de mim e começou a bombar, nossa era uma mistura de dor e prazer que eu não sabia que poderia existir, minha buceta continuava molhadissima pingando, meu senhor me xingava de puta, cadela, vadia, ele dizia vc aki dando para mim e teu marido aquele corno dormindo vc é uma vaca mesmo e vai ser minha para sempre, aquelas palavras me deixavam muito exitada e eu tinha orgasmos multilos algo surreal, nunca gozei tanto na minha vida como naquela hora com meu senhor comendo meu cu, e quando senti o jato do seu esperma dentro do meu cu quentinho, não aguentei e meio que desfaleci.rnQuando acordei estava toda arregaçada, porem me sintia muito bem e sabia que daquele dia em diante minha vida nunca seria mais a mesma.rnrnrnContinua . . . rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


coroa deito e pediu pa enfia devagarsinho nu.seu.cucoroa t***** da bundona state durinho rebolando gostosoxv nao aguetei e dei a buseta a meu enteadofilhos vendo a mae transar com outos homenscontos eroticoscontos erotico levwi minha esposa numa suruna de suprwsacontos depois de 20 anos fui morar com minha mae e no banho ela vou meu rolaoConto gozou muita porra no meu cuX vídeos com minina xupeno o pau do homem no matohistorias excitantes esposa adora chupar buceta da outra pro marido vercontos eroticos em audio de envangelicas que gostam de dar o cugozadas na boca do menino contosxvidio mulher xota de cabritaponogafico morena25 gotojaprofessor cacetudo comendo o cuzinho do menino afeminado no banheiroBucetaamostra no onibus contos eroticosNamorada boqueteira contos cabonecontos de incetos e orgias entre irmas nudismopai do meu amiguinho, conto gayconto gay zoofilia com galinhaContos eróticos dei em nova iguaçuzoofilia mulher carente arruma um componheiro pra lir da prazercache:BEpQkv0OPJUJ:idlestates.ru/conto_4507_eu-o-namorado-corno-e-sua-namorada.html velhos peludos gay contosbucetar garnde paresendo. umar. jegar. de negonarMinha filhinha conto eroticocontos eróticos traveco emrabado a negona coroa casadacontos eróticos cheirando a bunda de minha sogracontos eróticos de professor Gaycontos eroticos viagem ônibuscontos eroticos gay eu sendo arrombado por dois amigos negros do caralhão grossoNovinhas de cintura de pilao com seios fartos em praia de nudismoContos eroticos podolatria no hospitalsocar pasta de dente na vagina aperta.contos eroticos nylher do meu patrao carentecontos esposa do clientecontos eróticos fetiche com boca de velho chupando pintomulher com uma bu dando nda inmencaNo cu da minha namorada amigo contos relatosContos eroticos caralhoooconto erótico mulher é domada e faz marido assistir ela traindocontos exitantes de aline bebada com varioscontos gays sendo o viadinhos dos adultos que me humilhavameu adoro meu macho zoofiliacontos eroticos da minha tia amadorasvideo coroinha varendo punheta em padreContos erotico comi minha irmã cadeiranteporno com.negp mulher sobe eu sima delemadrinhas branca da bunda empinadaconto espose e viajandocontos eróticos vítimaconto erotico tudo aconteceu na cachoeira com meu maridoconto da sogra da buceta grande e putacontos porno com vigilantes mulherReatos eroticos quando eu era uma moça meu tio me penetrou com forçasegurou a filha para tirar cabaçocontos eróticos cdzinhacontos eroticos violentadas ao extremovideos de mulheres mamandoleitee no peito da outracontos coroas amazonensesMuller casada quer jumento para me ter nelacontos eroticos dentro do cine lidoconto erótico chupada do nada escondida mel sugar babarpelada e o cu melado de manteiga no corpo inteirocontos sexo minha esposa nossa vizinha travesti novinhaconto erotico gay cuzinho rosinha tapas socaengravidei minha sobrinha novinhafui errabada pelo meu avoContos eróticos Bebêchorou na pica/contotirei a virgindade do meu sobrinho roludo e minha bunda grandecontoseroticoscomcavalocrossdressing miudinhaContos gay MassagemContos mae anda nua na frente de amigos do marido e filhosputa incotrado afuder cm amante vidiocontos eroticos gay meu pai me comeuna frente a mamãe motel sábado padrastoconto no cuzinho da Madameirmã transformassem roupa vídeos pornô doidocontos eroticos ela nao aceita ser cornodp swing buracoempregadinha conto