Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FERNANDA RAPTADA E VIOLENTADA

Este fato ocorreu quando a Fernanda (eu) tinha 19 aninhos, um ano apás aquela festa que minha mãe havia dado para oficializar o nascimento da Fernanda. Era um fim de semana de outubro, mais precisamente sexta-feira, minha mãe estava indo viajar para um passeio na cidade de Gramado com uma amiga e ficaria fora até Domingo a noite, ela iria ainda na manhã de sexta. Ela me avisou que duas pessoas iriam vir para realizar alguns consertos em casa, e que deveriam durar dois dias, sexta e sábado. A minha mãe já havia saído quando os dois homens chegaram, um senhor de uns 48 anos e seu filho de 20 anos, dois homens muito bonitos, abri a porta para eles e já começaram a realizar os trabalhos. Fui para meu quarto para me produzir, pois estava apenas de pijaminha. Como minha mãe já estava me hormonizando a um ano, já tinha peitos e um corpo muito feminino, lindinha mesmo, fazendo o estilo gostosa, coxas grossas, lábios carnudos, boquinha pequena, cabelos loiros e compridos, lentes de contato azuis, unhas compridas, cintura bem fininha e quadris largos com o bumbum bem arrebitado, toda lisinha. Comecei a produção, tomei um banho e fui para meu quarto. Coloquei um sutiã meia-taça preto, calcinha asa delta preta bem enterradinha na minha bundinha, meias pretas 78, cinta liga preta, um corselet preto em lycra e renda bem apertado afinando mais ainda a minha cinturinha e realçando mais ainda meus peitos e meu bumbum, sapatos pretos envernizados com salto agulha de 19 cm, deixando a minha bundinha mais empinadinha, coloquei um vestidinho preto super colado e bem curtinho, deixando aparecer a renda das meias 78. Coloquei perfume, brincos, me maquiei, coloquei um batom vermelho bem forte e brilhante, sombra, cílios postiços, fiz um penteado com um pouco de volume e coloquei meus cabelos para os lados, quando me olhei no espelho, minha nossa, adorei o que vi, parecia aquelas atrizes (pin-ups) dos anos 50, com uma silueta fantástica, extremamente sexi e provocante. Nisso o telefone tocou, era o marcelo, um gato que já havia me comido algumas vezes e com quem eu estava tentando encorajar a realizar uma fantasia minha, ser raptada e violentada, o que não percebi, era que havia deixado a porta do meu quarto aberta e o senhor que estava trabalhando em casa escutou minha conversa, eu não percebi. Depois do telefonema, fui até a cozinha para tomar um café e vi que os dois, pai e filho me olhavam diferente, aquele tipo de olhar de tarados, fiquei muito excitada e comecei a andar pela casa e a passar por eles toda hora, rebolando e bem sensual, sá para provoca-los. Já eram umas 11:00 horas da manhã, quando fui na cozinha novamente, ao sair, fui agarrada por trás de surpresa, o filho estava me segurando e colocou a sua mão em minha boca para que eu não pudesse gritar, nisso, o seu pai apareceu e começou a me amarrar, amarraram meus braços atrás, nos pulsos e acima dos cotovelos, depois ele enfiou uma bola de pano em minha boca e uma faixa de pano amarrando atrás da minha cabeça, me colocaram no chão a força e amarraram minhas pernas juntas, nos tornozelos, abaixo e acima dos meus joelhos, depois amarraram uma corda entre meus pulsos e entre meus tornozelos, me obrigando a ficar com meus braços esticados e minhas pernas dobradas para trás. Estava completamente indefesa, imobilizada, tentava me libertar e gritar por socorro, mas era impossível, além de assustada, estava excitada como jamais havia ficado. Quando eram 05:00 horas da tarde, o senhor chegou perto de mim, puxou meus cabelos e disse que iria tirar a mordaça e que eu não gritasse, senão ele seria obrigado a machucar essa bonequinha linda e gostosa, então retirou minha mordaça, pegou um telefone e mandou que eu ligasse para minha mãe dizendo que iria na casa de uma amiga e que iria dormir lá, fiz isto e ele voltou a me amordaçar. Alguns minutos depois, eles chegaram, me agarraram e me colocaram no porta malas do carro deles e me levaram para a casa deles. Chegando lá, eles me levaram para um quarto, me soltaram e mandaram que eu tirasse minha roupa, ficando somente de lingerie e salto alto, fiz isto, assustada e excitada ao mesmo tempo. Durante a noite de sexta-feira, todo o sábado e até domingo as 17:00 horas, fui sodomizada, obrigada a fazer boquetes nos dois, fui violada pelos dois, enquanto um comia minha bundinha era a obrigada a fazer boquete no outro e vice-versa, fui obrigada a dançar para eles como se fosse dançarina de boate, chuparam meus peitos, deram palmadas muito gostosas na minha bundinha, fui violentada várias vezes estando amarrada e amordaçada e ainda me alugaram para vários amigos deles, fui usada como prostituta por eles, cada trepada era cobrado o valor que correspondia hoje a 50 reais. Nem lembro direito, mas acho que fui comida por uns 19 ou 19 homens. Minha bundinha quase ficou esfolada, de tantas estocadas que levei. No domingo a tardinha, eles me levaram para casa e disseram que se eu contasse para minha mãe, eles voltariam e me dariam uma surra que eu nunca esqueceria. Claro que nunca contei, mas sonho até hoje com este final de semana.

Beijos.

Me escrevam – [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico perdi minha namorada virgemConto erótico gay caçamba de carro de madrugadaconto erotico chantageado namorada do meu amigocontos eroticos cunhada fofinhacontoeritico dei p cazzerocontos eróticos de bebados e drogados gaysPorno sauna com loira e a namorada ciumentafizemos sexo bi com um estranho contoContos erotico Minhas mamas doem muitotravesti de microsaia fica de pau duro na ruaconto grelo duro xxx piercingcontos eróticos sobre siriricade:todos tipos com lugares loucos etcsuruba dios cachorro macho dando o cu Melhores E Gostei Contos De Celebridades QUE Praticam Zoofiliaconto erotico a primeira vez com.pirocudo. gay.contos eroticos peguei meu sobrinho de Pau duroconto erotico minha mae chupava minha bucetianha deus de pequenaestoria porno a fantasia do meu marido e c cornoele pega ela nos ombros pra chupar sua bucetagay de rio preto de calcinhacontos eroticos enganoEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticoconto eroticos a buceta da minha esposa so cheirava porraminina pela de mostrngo a busetacontos dando o cu antes dos dez anosbanho com a tia velha contolongos contos eroticos estupros dpcontoseroticos tia amamentando o sobrinhoadorei ser encoxada pelo meu filhocontos dormiu e tomou no cu fodidaeu sou casada e amo zoofiliaContos erotico gay carroconto gay macho arrogantecontos coroa tetuda baixinha na feiracontos eróticos de negras no metrôcontoseróticos loirinhado hotelmetendo a rola nas pernas feichadas da novinhatia machucando o penis do sobrinhocontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi eláas..negar..mais..gotosa..com..abuseta..pigano..na..ciriricacontos minha namorada me fez corno com vizinho marrentocontos eróticos ele disse xingamentos porradaa foda dos sonhos contos eroticosfrutaporno sou loca pa trai meu maridocontos bem novinhaConto papai mg fudeu de jeitoContos eroticos home xupno xanacontos eróticos chupei a b***** da éguaContos eróticos Bundona enorme da esposadei a buceta no trabalho. contos.Comtos casadas fodidas pelo patraofamily sex 2 - contos eroticosContos eroticos usando botas cano longocontos eroticos gays excitantesleke comendo a casada contoViajado com meu filho trasei com ele no motel contonovinha na rola do nelori roludo gosanoconto erótico loira casada traindo marido com cadeiranteinterracial mulher meia cousa fudendocontos aliviando as tetas de minha irmagozando pela primeira vez conto gaycontos/como mamei meu primeiro caralhocontos enquanto dormiacu esfolada negao contosconto erotico gay: transando com um amigo japonescontos erótico com enfermeiradormi bebado perdi as pregasnovinha transando pela primeira vez e goza muito de queixosogro saradocontos eroticos sexo com minha empregada de vestido curtinholevei minha sobrinha rabuda para pular carnaval contoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html eu e a amiga da esposa contocontos vizinha feiavi meu genro mijando e dei pra eleconto erotico meu cunhado fez meu cu sair sanguecontos eroticos ela foi banha e laou meu pintinhocantos eroticos muitapica no meu cucontos eroticos metendo na titiacontos eróticos solitáriotocou meu seio sem querer incesto contoSe mastubar com uma banana conto eroticoeu liberei minha esposacontos eroticos eu e minhas amigas muito novinhas pai arrombando o cuzinhoVídeo lendo contos com vibrador na bucetacontos eroticos hospital a tia