Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ARROMBADO POR UM NEGRÃO PAUZUDO

Isto aconteceu comigo quando tinha sãmente 19 aninhos,era um menino ingenuo e puro não via maldade em ninguém,fui estudado em colégio de padre,e ainda por cima era filho único.Foi numa viagem em férias,no sítio do meu avô que tudo começou,e se tornou para mim os dias mais maravilhosos da minha vida.No sítio da meu avô tinha um peão de nome Silvio,que tinha 30 anos,era um negro de aspecto rude,mas muito educado e respeitador,e era um trabalhador de confiança do meu avô,e que eu via pela primeira vez.Êle cuidava do serviço da estrebaria,onde ficavam os cavalos,tratando e cuidando dos mesmos.Eu gostava de ficar olhando êle trabalhar,pois algo me despertava,pois o mesmo ficava sem camisa,mostrando toda a sua virilidade,era um macho muito forte,musculoso.Usava um calção,que cada vez que se movimentava um volume assustador balançava entre as pernas.Era meio tímido,sem cultura,mas era gostoso ficar com êle.Numa tarde me convidou,para irmos cavalgar pelo sítio,que era grande,mas eu disse que nunca tinha montado em cavalo e que eu tinha medo.Não tem problema êle disse,você vai comigo na montaria,dito isto me colocou em cima do cavalo e montou também,ficando nas minhas costas.Me segurou pela cintura para eu não cair,foi quando senti pela primeira vez aquele volume encostando na minha bundinha,senti um arrepio gostoso,e seu cheiro de macho,de mato,me seduzia.Ele perguntava se eu estava gostando do passeio,eu sã dizia,hum!!Hum!!,está delicioso.Cada vez seu caçete ficava duro,me dando calafrio,meu cuzinho começava a piscar de desejo,eu estava gostando,eu ficava enconstando no seu pau.Nás já estavamos bem longe da casa do sítio,e eu sãzinho com aquele macho,me apertando,e eu sentindo e gostando daquele volume atrevido batendo na minha bundinha.Derrepente êle parou o cavalo,debaixo de uma árvore,me apertou com os dois braços,eu estava todo vermelho,pude sentir o seu cheiro de macho,me deu uma chupada no meu pescoço me levando ao extase,como num momento de desejo,toquei em seu caçete,meus Deus!!!que volume,e que dureza,parecia uma pedra.Eu estava entregue,era pra êle que eu daria o meu tesouro,meu cuzinho piscava sem parar,foi quando êle disse,vamos iniciar a felicidade desta bundinha,minha garotinha,gostava quando me chamava assim,vou fazer você minha mulherzinha.Me desceu do cavalo,tirou o pelego,e colocou embaixo da árvore.Eu tremia de medo e tesão,foi quando já com o seu pau à mostra,pude sentir,o poderio daquela arma,extremamente grosso,comprido,com um saco enorme,e uma cabeçona de meter medo.Eu estava iniciando a minha vida sexual,me ensinou a bater uma punheta,pude sentir a delicia de chupar aquele caçete,era muito gostoso,não cabia na minha boquinha de tão grande.Meu cuzinho pedia pra receber aquela tora,foi quando êle me virou de bruços,e eu fiquei com a minha bundinha a sua merçe,abriu as minhas nadegas, e meu cuzinho já estava lubrificado,ai posicionou o seu caçete,senti aquela cabeçona pedindo passagem,forçou um pouco,dei um grito de dor,não vou aguentar,voce vai me machucar,começei a chorar,e muito grande não vai entrar.È sempre assim no começo,voce depois vai acustumar,doi um pouco,vou meter bem devagarinho,levante bem a bundinha.daí ele começou a forçar,e senti o meu cuzinho sendo arrombado,ai que dor,eu estava engulindo aquele caçete monumental,aquela tora negra me invadia o ventre,lentamente eu agasalhava aquele caçete,doia mas era gostoso,os movimentos foram ficando mais rápidos,eu berrava de prazer,o meu macho sabia foder,derrepente senti um rio de leite a inundar meu dolorido cuzinho,eu estava rasgado,o leite jorrava sem limite,era abundante,foi tirando o seu caçete de dentro de mim,saia o seu gozo junto a um filete de sangue,senti um vazio,cai em extase,quando pude ver o tamanho do seu caçete,e não acreditei,que tinha engulido aquela vara.Ainda tinha dois meses de ferias,não é preciso contar o que aconteceu,mas conto pra voçes noutra hora.Ufa!!!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos incesto o cofrinho da mamaegostosa gordinhas tirando cabeçacontos erótico sexo no cinemasadomasoquista gozando com garrafa enfiadaContos eróticos mae do meu amigodei para meu genrohttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto-categoria_2_114_gays.html&ei=e8yqT8MC&lc=pt-BR&s=1&m=564&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Contos+Fudendo+um+hetero+com+o+cu+sujo&ts=1485672497&sig=AF9Nedkia2TWDM2T0ozn41vBE5bkl1pQLAirmã transformassem roupa vídeos pornô doidocontos eroticos de primos q ficaram com primascontos eroticos a tres corno mesma camachupando rola ate goza e dando a bucetacontos eroticosa minha mulher engole me o paucontos eroticos gays dei pro porteirode calcinhapelado amarrado contosxvidio puta arreganha as perna p leva rola no.fundocontos eroticos papai gozando na minha bocacontos sogro polpa foracontos eroticos comendo a velha horrosa dormindoneguei e os garotos me comeram conto gaycontos erótico vovo me arrombandonoMeu irmão mandou eu deitar com elemarcio buceta fabiana em porto Alegreaquelas olhadas safadascontos eclxado a tia de sainhacontos eroticos de lolitos com tios de amigosfui violentada por um travesti que deixou minha buceta toda meladapornodoido provando da minha melhor amiga continuaçãoconto menor me comeupego teu pau e coloco no meu cuzinhoconto erotico surra de bundacontos eróticos papai e mamaemostra como fuder bem gostoso e a pica entrendao na bucetaNetinhas mamando pica contoseroticoscontos eroticos de padrinhos com afilhadas que engravidamContos eroticos eu paguei pra fuder a minha sobrinha casadacontos devassos meu marido geme para eu chupar seu cuzinhomeus alunos rasgarao minha bucetinha contoschupei no carro contoporque cavalos tem pirocãotocou meu seio sem querer incesto contocontos eróticos com animais papada por um cãocontos eroticos estrupei minha namorada virgem autor caiqueconto novinha gravida do tioparou na borracharia pra arrumar o pneu e levou pau gay fudendocontos eróticos inquilina pagou o aluguelcontos meu irmão e eu betinha vendo Contos madrasta putacotos erotocos piscina casadaminha amiga pervertidaContos eroticos travesti iniciantecontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos com cavalo zoofiliaContos eroticos com lixeiro e mulher de calcinha fio dentalporno comendo a buceta da gostosa emsima dos retalhoscontos eroticos comendo o cuzinho da minha esposameu marido viajou peguei o carro paguei travesti contosesposa taradadpcontos arrombei o cu dela no pique escondeestuprada na lanchonete contosvelho peludo safado contos eroticosneqguinha gritando ai vou gozarE PORTUGUES...FUI PUTA E TIREI 10contos porno 28cmconto cacete grossoZoofilia contos menininha chega do colégio animaiscontos corno arregaçadas no cinema pornôcunhada espiando contoo lekinho putinha da turma conto eroticoconto erotico conchinhamaisexo peituda goza no oralcontos eroticos de incesto: preocupada com meu filhoGostosas nao aguentam o tesao e traem em contos