Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI O CUZINHO VIERGEM DO MEU PRIMO

Meu nome é Pedro (fictício) tenho 1,70m magro. Hoje tenho 26 anos isto aconteceu quando tinha 19 anos. Meu primo Mario veio passar as férias em casa ele tinha 19 anos, moreno claro, 1,72m magro também. Na minha casa éramos em três irmãos, o mais velho tinha um quarto sá para ele, eu dividia com meu irmão mais novo. Mario na primeira noite foi dormir na minha cama, cada um de um lada. Tudo isto normal já tinha feito isto um monte de vez. No segundo dia eu não estava conseguindo dormir já era 1:30 da madrugada, virava de um lado para o outro derepente senti o pé de Mario pressionando meu pau ele começou a ficar duro, Mario sentido que meu pau ficou duro perguntou se eu estava dormindo, respondi que não então ele pediu para dormir no mesmo lado que eu.

- Pode Mario

Então ele se deitou do meu lado virado com a bunda para o meu lado. Esta noite estava quente eu e ele estava de bermuda. Mario Então começou a chegar mais perto sua bunda do meu pau até encostar totalmente meu pau ficou duro na hora, ele começou a se esfregar bem lentamente sua bunda no meu pau, eu já estava ficando louco de tesão, logo comecei a pressionar meu corpo sobre o seu estava ficando gostoso. Então resolvi ser mais ousado comecei a passar mão sobre suas coxas grossas depois comecei a passa na sua barriga lisinha derepente ele pega a minha mão e coloca sobre seu pau que estava duro como uma pedra. Enfiei minha mão por baixo da sua bermuda e tirei seu pau para fora e comecei a sentir o seu tamanho ele não era muito grande mais era grosso. Minha respiração estava profunda e lenda e cada vez mais apertava o corpo de Mario sobre o meu ele não falava nada sá sentia sua respiração que esta rápida, resolvi perguntar para ele:

- Mario você já deu o cuzinho?

- Ainda não, você quer ser o primeiro?

- Quero, eu estou doido de tesão.

Então tiramos as bermudas, meu pau pode sentir sua bundinha peluda e macia. Não perdi tempo já fui logo colocando meu pau no seu cuzinho quando a cabecinha do meu pau começou a entra Mario pediu para parar:

- Para Pedro esta doendo.

- Pá Mario deixa sá mais um pouquinho?

- Mais esta doendo.

Como eu não estava sá no quarto não quis forçar nada ele gritaria. Pedi então para ele chupar meu pau.

- Então chupa meu pau?

- Isto também não.

- então bate uma punha para mim?

Isto ele topou começou a Bater punha para mim bem gostoso. No outro dia fui até a farmácia comprar camisinha para tentar comer o Mario outra vez. Neste dia todos foram para o centro da cidade eu dize que não iria, Mario logo disse que também não iria. Depois que todo mundo sei de casa, convidei Mario para ver um filme pornô ele logo topo.

- Mario senta do meu lado.

- Por que?

- Quero ver o filme agarrado com você. Não quer sentir meu pau outra vez

- Quero, mas para sentir seu pau eu tenho que sentar no seu colo.

- Então senta.

Coloquei o filme e fechei a porta, e Mario veio e sentou no meu colo, meu pau na primeira sena ficou duro pressionava a bundinha de Mario eu já esta louco comei a chupar o pescoço de Mario alisar seu Pau. Mario rebolava no meu colo deixando eu doido.

- Mario olha aquela sena, o pau do cara é bem maior que o meu ela aguenta!

- Ela já deu o cú um monte de vezes eu ainda não.

- Dá o cuzinho para mim eu vou com calma eu comprei camisinha é lubrificada não vai forçar tanto.

Depois de Muita insistência Mario Tirou a Bermuda ele tinha a bundinha muito gostosa ver ela no claro deixou eu doido de tesão tirei meu pau para fora e coloquei a camisinha, pedi para ele ficar de quarto para meter.

- Pedro fique de quadro fica melhor para meter

- Esta bem mais vai devagar

Comecei então a colocar a camisinha do meu pau no cuzinho de Mario.

- Esta entra Mario, que gosto seu cuzinho é apertadinho.

Mario começou a gritar de dor e pedir para parar já estava com a cabecinha já dentro não podia mais para estava doido de tesão, então apertei minhas mãos na cintura de Mario para que ele não soltasse e comecei a forçar a entrada do resto do meu pau, Mario começou a chorar e a gritar.

- Para Mario de gritar já esta quase dentro.

- Ai Pedro esta doendo muito vou falar tudo para sua mãe. – ai, ai... Que dor!

Em mais uma forçada senti minhas bolas batendo na sua bunda o calor do seu cuzinho era delicioso esta sentido a pressão em volta do meu pau. Deixei meu pau por alguns segundos sem se mexer neste momento Mario tenda escapar deitando no sofá, mas fui junto e deitei encima dele e comecei a bombar bem lentamente depois mais rápido. Quanto mais Mario gritava mais ficava com tesão e metia mais.

- ai, ai... Pedro!

- Que cuzinho gostoso, isto aperta mais esta bundinha gostosa minha putinha. Fala no ouvido de Mario

Mario começou a gostar seu cuzinho já não doía tanto.

- ai, ai, ai, pega no meu pau Pedro, enfia esta ficando bom.

Fiquei metendo até gozar. Depois que gozei dentro do cuzinho de Mario ainda fiquei mais alguns minutos com meu pau dentro para ele ir se acostumado com meu pau.

Naquele dia não comi mais o Mario. Mas não deixamos de nos esfregar na gama. Sempre que Mario vem para casa fazemos um sexo gosto. Quem querer experimentar mande um e-mail.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos com mae e filho e pai assistindocontoseróticos sexo comestranhocontos eróticos gordinhas na ginecologistasexo emprestei minha mulher pra um amigo que estava preso conto eróticoscontos erótico acabei indo pela primeira vez num sítio de naturistaconto de comi o cuzinho do garoto dando aula particular em minha casa fazendo chorar na pica grandeConto erotico bebendo porra do pedreiro e seus ajudantescontos eróticos de professor GayAguentei a rola enorme do papai contos eróticoseu mesmo arrumbo meu cu contos eroticosContos eróticos de sogro e noracontos gay novinho namorando o padrastocontos eroticos meu sobrinhocontos sexo meu filho meu homem contos genrocontos de insesto fatos.comreaisWww.xoxotinhanovinha.comconto erotico barzinho depois servicocontos eroticos de escrava de madamecontos fui passear com minha esposa na casa de um amigo e virei cornocontos eroticos infanciaarrombado; contos gayconto de desmaiei com a pica grande no meu cuzinho apertandomamae beija filhinha contoscontos sou puta e insaciável por rolaContos gay studio fotograficoconto minha enteada dormiu com a bunha pra cimameu professor meu namorado contos gaycontos eróticos muleque pega no flagra muleques tocando punheta no matogey dando pro cavalo enchendo o cu do gey de porracontos de homem com penis grosso que comeu sem camisinha a sogra www.contos de incesto me viciei em deixar meu tio chupar minha bucetinha na minha infânciaxvidio chupando abucetinha da nifetinh virgecunhadinha danadinha contoscontos eróticos-meu pai me fez gozarconto erotico empregoMarilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhacontos reais meu marido fez uma deliciosa DP com seu amigoporno encejo com sogro e sogra pra serularbuceta Detinhacontos eróticos levando na piscinasentei na rola do padrinho contos eróticosfilha de diplomatas contoconto erótico gay meu primo caipira novinho tesudoConto erótico de tio e sobrinhafoda entre maninhos conto heterocontos de meninos putinhosduas puta no busao contosmarido menage experiencias swxuais veridicasf****** a b******** da minha enteada Camila e ela Gozou muito no meu pauvídeos pornô de avô sentando a netinha de sainha curtinha no colocontos trazei com a amiguinha da minha filha dormindoContos to gravida de um travesti meu marido arrumoucontos gays meu cuzinho me chamava de festaconto erotico de viadinho iniciante gayContos gozei com nerd grandesou cadela pratico zoofiliaconto erótico casada arrependida na noite de carnavalconto erotico chantageado namorada do meu amigocontos eróticos Paula vizinha casada gostosaananzinha contos erotcocontos eróticos esposa amanheci toda meladacontos coroas minha chefecontos filha pequenacontos erticos cm travecoConto ertico. Minha adrasta. Bebiacontos de rabos sendo dilaceradosO pau que eu sempre quis contos eróticoszoofilia co caxorros das rolas mas grosas muducontos bucetinha novamae e filha de fio dental na praia e do padrasto conto