Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TESÃO PELO PAPI

O meu pai sempre foi mt bonito, alto, moreno, olhos claros, inteligente e muito charmois, e sempre mt carinhoso comigo, me chamava de linda, fofa, essas coisa de pai coruja, porém sempre fui mt precose e era doida pelo meu papi. ficava olhando para ele e morria de ciúmes da minha mãe. à medida que fui crescendo ele brincava comigo d fazr cácegas, de esconder, me jogava para cima, eu ficava sempre por alí, por perto e não perdia a chance de abraça-lo, me esfregar nele, adorava seu cheiro, quando fui crescendo mais comecei a perceber que ele tb não me largava, e brincava de coçar a cabeça dele, ele deitava no meu colo, sentia a sua respiração, ele virava a cabeça para baixo e respirava nas minhas coxas, aquilo era mt gostoso. às vezes ele me arrumava no sofá, para se acomodar no meu colo, pegava nas minhas pernas e me levantava, passava as mãos nas minhas roupas para poder se acomodar no meu colo, aquele calor da sua cabeça fazia a minha respiração se alterar, e eu ficava a manhã toda esperando a hora de ele deitar no meu colo. Um dia fiquei toda molhadinha e senti palpitações, de repente soltei um gemido involuntário, ele se assustou e perguntou o que tinha acontecido, eu disse que tinha uma formiga me picando, na calcinha, ele imediatamente abriu minhas pernas e arriou o elástico da calçinha procurando a formiga, quando percebi que não era formiga, era uma senssação que não conseguia identificar, aí ele procurou a formiga, passou o dedo na minha xaninha, ela estava molhadinha, ele ficou vidrado, e levou o dedo ao nariz e disse que eu tinha a xaninha cheirosa, e que era muito bonitinha, que deveria cuidar dela direitinha, daí ele falou que ia olhar mais na xana para ver se a formiga estava nela, e ele passava o dedo devagarinho nos meus lábios, e lambia os dedos gostoso, disse que é porque eu ja tava molhadinha por isso que a formiguinha tava fazendo cássegas em min, e que ia cuidar para coçar todas as vezes que eu quisesse, fiquei toda mole e querendo que ele continuasse assim procurando a formiga, ficamos um bom tempo assim, e dpois tivemos que parar, mais tarde, quando era hora de dormir ele foi me contar uma histáia, até grande gostava de ouvir estária, sentou se no chão práximo à minha cama, começõu a contar a estária em voz alta, minha mãe estava na sala e a porta do quarto estava aberta, ele disse no meu ouvido para fechar os olhos, e enfiou a mão por baixo dos lencáis afastou as minhas pernas e falou baixinho que ia econtrar a formiguinha. e ficou passando o dedo na minha xana, que estava toda molhadinha, ai que delícia, eu sonhei muito e gostoso, adorava aquele carinho, ficava toda inchadinha e smpre queria mais, quando ele se foi fiquei decepcionada, tarde da noite senti as suas mãos no meu corpo, ele sussurrou no meu ouvido que estava procurando a fomiguinha, se estava com coçeirinha na xana, eu disse que sim, ele ficou d quatro ao lado da cama, abriu minhas pernas, abaixou minha calçinha, e rossou a língua no meu clitáris, nossa como foi bom! fiquei alucinada de tesão, ele me lambia gostoso, como um machõ lambi sua fêmea no cio, eu empurrei o quadril para frente, para ele poder lamber mais à vontade, daí ele colocou a pontinha do dedo no buraquinho, e eu gozei pela primeira vez, a minha vontade era de empurrar todo o dedo dele denro d min. Ele me pediu pra avisar quando a formiga stivesse picando novamente, e apartir desse dia essa era nossa brincadeirinha, ele saia mais cedo do trabalho e me apanhava na escola, quando estrava no caarro ja dizia que estava com cosseirinhaa lá, ele dava um sorriso, e dizia que em caasa ia m lavar e depois procurar a fomiguinha, me levava para dentro e irava minhas roupaas os meus peitinhos já stavam aparecendo, ele me levava pro chuveiro, e quando eu trminava ele entrava, sempre estava vestido ou enrrolado na toalha, tinha curiosidade para vê-lo pelado, ele ficava om aquilo duro na frente sempre que m deixava ia pro banheiro, eu ficaava com vontade de ver o que ele fazia no banheiro, nesse dia fiquei olhando plaa porta que estava um pouco aberta vi quando ele se enxugava, quando vi aquele pau grande, grosso, duro, empinado para frente, fiquei toda molhadinha a minha vontade era de pular nele e de beijar aquele nervo, ele me perguntou se estava ponta, disse que podia vir, ele chegou de calção de pijama, me beijou na boca me colocou no sofá do quarto e afstou minhas coxas, e oloou a língua na minha xana que logo agradecia soltando líquido na sua boca, logo minha mãe chegaria, então inha de aproveitar bastante, mís taarde saimos para ir à padaria, minha mãe foi tomar banho, na garagem ele me senou no capô do carros chupou o meu greli, que estava todo inchadinho, eu gemia e soluçava, moria de tesão, ele não fazia o suiciente para eu gozar, me deixavaa gozar sá d vez em quando, então eu ficva enlouquecida, á noite ficava esperando ele ir m lambr, e fiva de saia em casa e sm calçinha sonhando om a hora que ele ia nfiar um dedo na minha xana ou então me lambr, ficamos assim quase um ano, quando um dia vi quano ele saiu do meu quarto voltou para a cama e omu minha mãe, l metia nla e ele pedia mais, chamava ele de gostoso e mandava enfiar mais, nosso, então era assim, no final eles gozaram e ela s acalmou e domiu, eu estava com mt tesão, e entrei no quaro e peguei na mão dele, e o puxei, ele pecebeu que eu estava olhando, levanou e me acompanhou, ele estava pelado, me pegou no colo me levou para o meu quarto, me abraçou muito, beijou meu peosso, chupou meus sios, perguntou com a voz rouca se eu queria que ele enfiasse em mim como ele fazia na minha mãe, eu abri as pnas e pedi para ele me comr, ele sorriu, me lambeu toda, eu etava pulsando, toda inchadinha e molhada, ele posiionou a pica no meu buraquino foçou um pouco e foi empurrando divagarinho, me pedindo para abrir a pererca, para ele poder enfiar tudo, fui ficando molinha e deixando ele meter em min, arqueava o corpo paraa frente ajudando na penetração, quando ele meteu tudo, ele forçou um pouco mais e me apertou, aquele pau duro todo dentro de mim, gozei na hora, minha xana tremia toda, ele não conseguia nem mexer, de tão apertada, ele esperou eu gozar, e começou um vaivem gostoso, e logo estava sentindo aquele pau batendo fundo e com foça na entrada do meu útero gozei 4 vezes naquela noite, acodei com a xana ardendo e realizada, depois daquela noite, todas as noites ele vai contar estoria para mim, me chupa e me deixa em ponto de bala daí ele vai ao quarto dele e come minha mãe, quando ela dormi ele vem pro meu quarto e me come toda, Morro de ciúmes e ás vezs proíbo ele de comer a minha mãe, Quando elaresolveu estudar à noite dmos o maior apoio, ite, então ficamos brincando de formiguinha e de fomigão, tiro todas as suas energias, e ele dormi cedo não aguenta a minha mãe, eles estão transando sá nos finais de semana ele diz qu gosta a minha xana porqu ´parcida com a da minha mãe, mas a inha é mais gostosa, e mais fogosinha porqu ele me ensina a ser fogosa, e quaando ivr idade de namorr o meu namorado vai gostar muito dela.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos chupando rola em terreno baldiotomou um vinho com a gostosa e depois meteu a piroca nelafui arrombadacontos de encesto marianacontos eróticos mulher vai ate afazenda trepar com capatazconto esposa cabeluda de óculos liberada contos eroticos gays bem recentes ocorridos no rio de janeiroNovinas putinhqs boqueteras contos eróticomulher traí marido pela primeira vez com super dotados contos errContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposacontos eroticos estourando a bucetinha minusculacontos erótico proibido na net chatagiei a sobrinhacontos eróticos realizando a fantasia da minha mulher no nosso aniversário de casamentocontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindocontos apanhando do tutorcontos eróticos de genropapai voce me acha bonita contos eroticosno cu nunca mais contoscontos tava de vestido i fui comidaenteado comeu minha esposaconto eróticocontos cadelas no ciocontos minha namorada pelada meu amigoContos de esposa abriu o cu ao máximoconto herotico fiz ela grita de dor na buceta mas estorei o cabacinho delafome de pica.contos de incestocontos eroticos porno gay mijo amarelocontos-teu pau entrando com força no meu cuzinhocontos eroticos de incesto deixando a irma com ciumesela me contou que estava com a buceta toda assada de tanto fuder com eleminha esposa me contou suas aventuras sexuaisminha enteada um tesaozinhoconto gay metemos.o dia todocontos eroticos - comeu a sogracontos eroticos de calcinhaContos eròticos teens incesto pai e filho novinhos curiosoconto cu ensopado de porra gaycontos sobrinha casadaconto erotico de entidas e gravidaconto peidei no pau do negaoComi um cu fedodo contoscontos eroticos Gays De Dei Minha Bundinha Pro Irmão do meu Amigoconto de uma pica grande arrombou meu cu virgem chorei de dorme cumera porque tava sem calcinha negros cotossenta aqui sua safada contos eróticoscontos soldados estruparam minha esposacontos meu genro fez virar p*** delecontos viado arrombadoconto erotico novinho gay calcinha dormindoconto fudendo minha comadriContos eroticos gang bangconto gay velhocontos eroticos de escrava de madametransando a sobrinha em pleno sono profundoContos eróticos cumendo minha mãecontos cavalonas apaixonadasContos eróticos Bundona enorme da esposapai minha vi de calcinha e contosmeu filho meu marido contos eroticosestoria de cantos erotico novinha sentou no colo do Homem dentro do ônibus na viagemcomi a minha filha contos eroticosfui fudida ainda de calcinhaquero ver menininho dançando com shortinho dando moletia s***** com short bem coladinho com os peitinho bem a filha dançando o funk para o sobrinhocontos erótico de incesto eu novinha ano ... meu tio com 26*6cm de rola me arrombou relato conto: meu me incentiva a usar roupas provocantesduas buntuda mastrubobarrigudos barbudos velhos contoserivan dando a bundanegao lingerie conto eroticocontos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com fotocontos eróticos o amigo pintudo do meu marido mi arronboContos filha fica de calcinha perto do paicontos eróticos brincadeira de meninasContos eróticos de gay comi a bunda do meu tiocdzinha dedos no cu esposa contoconto irmã peladinha dentro de casaconto transando com mulher deficienteContos erotico comendo meu cachorrocontos Rabuda com cheiro de bundaconto erotico minha mae chupava minha bucetianha deus de pequenacontos/o dia em que esfolei a cona da minha filhaconto esposa de baby doll e amigosconto enfiado tudo no rabinhoirmã transformassem roupa vídeos pornô doidoContos eróticos enteada larissa viajarcontos de incestos e surubas com minha irma e minha mulher nudismo na piscinadoce nanda parte dois contos eroticoscontos de novinhas perdendo com camioneiro velhoContos eroticos noviça virgemconto - so cabia um dedinho na bucetinha delacontos eroticos calcinha desaparecendocontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhafoda gostoza mulher caszada tro cano omaridocontoseróticos encoxadas na casada