Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO MÃE SAFADA DO MEU AMIGO NA FRENTE DELE

Tenho 19 anos e moro em goiania.

Se alguem quiser ter aventuras eráticas comigo,

manda um e-mail para [email protected] .

De preferencia adolescentes, mas mulheres mais

experientes tb são bem vindas.



[email protected]



Sempre fui muito amigo de Lucas, mas isso nao me impediu de comer a mãe dele. Vou direto ao assunto, eu estava na casa dele mexendo no computador, e ele saiu pra fazer alguma coisa (nem lembro mais) e pediu que eu esperasse.

Na hora que ele saiu, eu fui ao quarto da mãe dele e ela estava la, sá de calcinha e um blusinha rosa, lendo um livro, os cabelos amarrados que nem o da pocahontas. Quando ela me viu, começou a puxar assunto, e eu sá pensando um monte de sacanagem, fiquei excitado e ela percebeu.

Ela começou a rir, pego no meu pau e disse "vamos brincar um pouco", ai eu disse, "soh se for agora". Ela começou a fazer um boquete pra mim enquanto eu apertava aqueles peitos durinhos dela. Tirei sua roupa e deixei-a completamente nua. Tirei a minha roupa tambem e comecei a socar naquele rabo gostoso "AI, SOCA, VAI, QUE DELICIA". Ela gemia que nem uma putinha. Fiquei ali fazendo um anal nela, até que meu amigo chegou. Meu coração parou. E agora? Antes de fazer qualquer coisa ele apareceu e me viu enrabando sua mãe. sem pensar eu disse "sai, vc tah atrapalhando". Entao ele ficou parado me encarando e saiu. Mal pude acreditar.

Fiz ela levantar e ir para a sala nua. Quando cheguei la. Ele olhou. "vem aqui" disse eu aos dois; Levei-os para o quarto do meu amigo e disse " vou comer sua mãe na sua cama e vc vai ver tudo". Os dois se assustaram, ela tentou argumentar mas eu puxei-a pelos cabelos e enterrei o meu pau em sua boca.

Fiz ela pagar um bokete gostosão; ela começou a se soltar. Entao disse que ia gozar. Ela pediu pra ser na boca, mas eu dei um tapa nela e disse que eu fazia as regras. Gozer na cama do meu amigo e mandei ela lamber tudo de quatro. Enquanto ela lambia eu enrabava aquela putinha. Olhei para meu amigo, ele estava paralisado. "Tah vendo como sua mãe é uma vagabunda", eu apertava os peitos dela com muita força, chegava a machucar. Mandei ela deitar na cama e abrir bem as pernas. Comi aquela bucetinha rosada durante muito tempo, ela gemia alto, e pedia mais "VEM, ME FODE, FODE SUA PUTINHA, FODE COM GOSTO, ARREGAÇA A SUA CACHORRA, VAI" ela nem se importava com o filho presente.

Peguei ela e coloquei frente a frente com o filho e comecei a come-la por tras, em pé. Ela fazia uma cara de puta e encarava o filho imável. Eu comecei a rir. Era muito bom;

Entao fomos pra sala. Joguei ela no sofá de quatro e comecei a enraba-la mais uma vez. Mandei ele abrir a porta, de moda que qualquer um que passasse visse a mãe dele sendo fudida pelo amigo do filho. Ele obedeceu. Mas uma vez eu ri. Pena que ninguem passou naquela hora.

Ela gozava muitas vezes, loucamente, o sofá ficou todo molhado. Fiquei com vontade de gozar mais um vez, então corri para o guarda roupa do meu amigo e gozei nas suas cuecas. "Você tá proibido de lavar" Falei rindo enquanto ele concordava, muito excitado. Comi ela em todas as partes da casa. Gozei na boca dela uma vez, dps na cara, e mandei meu amigo limpa-la com a lingua, enquanto eu enrabava aquela vadia mais uma vez. Ela gritava no ouvido do filho que era um puta.

Quando sai, disse pra ela que ela não ia tomar banho aquele dia. Que quando o marido dela chegasse, ela ia dar um beijo na boca dele longo e demorado, pra ele sentir um pouco da minha porra. E antes de ir embora eu falei pro meu amigo: "Eu vou voltar pra enrabar sua mãe de novo, mas da proxima vez vai ser mais divertido." Ele concordou com a cabeça meio sem graça; "sua mãe eh um vagabunda lucas, que rabo que ela tem", "ela tem uma cara de puta", "seu pai é o maior corno". E antes de sair, eu fiz um cuecão no cara. Sai rindo da cara dele enquanto ele tirava a cueca do rabo. La fora, eu olhei pela janela, e a mãe dele acenou nua pra mim e gritou esperançosa " Ve se volta viu".



A partir dai cumi a mae dele um monte de vezes, e ele sempre viu tudo. Depois conto outras histárias



Tenho 19 anos e moro em goiania.

Se alguem quiser ter aventuras eráticas comigo,

manda um e-mail para [email protected] .

De preferencia adolescentes, mas mulheres mais

experientes tb são bem vindas.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de coroas safadas no cacetaorelatos erotico marido queria ser cornocontos meu marido com dor de barriga e eu trepamdo com negaoboquete gozada boca amiga contosconto erótico "Meu sobrinho veio passar 3 dias comigo. Ele tem problema uns probleminhas e "contos vazando porraconto minha tia pelada no quintaldepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalcontos eróticos gay me vesti de colegialcontos eróticos comi minha sobrinha de saia sem calcinhaConto de sexoEnfiando a cabeça da pica na buceta virgem filharola na professora contocontos eróticos ela me odiavaconto xotA cu filhinhovideo sexi coiada esticada de manhã cedominha iniciação gay contoscontos de corno meu tio engravidou minha esposaconto erótico assim nasce uma travestirelatos veriducos de mulheres casadas que deram o cu pra outros homens na frente de seus maridoscontos eróticos meu aluno preferidoassistir filme pornô mãe então você tá grande meladacontos eroticos mamei no pintinho do nmeu filhinho pequinininhocontos porno 28cmcontos padrasto e enteadadespedida de solteira as amigas seguram pra ela toma rola na bucetinhapassagem erótica eu vou a loira gostosona na f*** boaContos eróticos bdsm Ele costurou minha bucetacontos eroticos trave x hcontos eroticos chantagem na escolaprimeiraveznabundinhaConto erótico na casa do tio tarantoContos eroticos Tia veridicoquero ser arronbada por outro cassete contocontos eroticos fudendo minha bisavocontos eróticos me fode caralho vaicontos eroticos amiga seduz sua amigacontos duas putinhas chorando na varaconto de desmaiei com a pica grande no cuconto minha visinha mando eu descabaça sua filhaengolindo ate o talo contosContos eroticos com cunhadasfoda louca na empregada até o orgasmoEscravizando a casada contoscontos erotico de estuprosou putinha mesmomeu professor come caralho a xana contos eroticosconto erotico fraldario do mercadocontos eróticos proposta indecente do cunhadocontoseróticos chupei os peito da mamãeencaixando na buceta meladafilme pornô minha prima gravata preta para mimchupou pau de flanelinha dentro do carroconto pega na siriricameu ex tem ficou duro eroticos contoscontos eróticos de gay Fui Comido pelo meu colega de trabalhoWww contos d putas casada d juazeiro ba.combatendo uma punhenta para o marido sem calcinhaMulher trepano so com caralhudosnão sei como ela aguenta toda no cu e na boca está pica gigantepau duro micaelaGostosas nao aguentam o tesao e traem em contosfunk orgia contosoque falar quando um menino fala pra voce "quero lhe fuder"??contos chupou meus peitinhos levantou meu vestido e puxou a minha calcinha e me rasgou e eu gritava de dormeu primo mobral contocoros bem casada no primeiro anal da vida contos mais lidoscontos to gravida do meu filhoViajado com meu filho trasei com ele no motel contocontos de coroa com novinhorelatos hetero casado que deu o cucontos de foder empregadacontos eroticos comi a irmazinhacasada pelada em lugares movimentados contoscontos eroticos carnaval sai de cuzao e shortinhoconto erótico na praia com a família da esposacarla doida por roludos contosnovinho delirando na primeira gozadaContos fingindo dormirvelha gorda com fome de velho a /.porrnodoido.comtravesti Juliana de primo metendocontos eroticos de incesto de pai pasto e filhamãe não deixa filho fude.com ela.na.vuzinhahomem gosta de perna aberta ou mais fecjadinha na hora do prazerficou vixiada bo inxestohome pega amulher de com o melho amigo transano e fi loucocontos erotic quarto empregada