Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU MELHOR AMIGO COMENDO MINHA ESPOSA

Oi pessoal hoje passo a narrar como iniciei minha esposa no menage.

A muito que eu tinha o desejo de vê-la tranzando com outro homem, eu fui o primeiro e unico homem dela até

4 anos de casados, sempre fantasiavamos em nossas tranzas,

até que um dia abri o jogo com ana minha esposa, sobre meu desejo de ser corno

a principio ela ficou meio relutante como todas ficam, mas depois de muito conversar ela decidiu topar desde que fosse com uma pessoa de nossa confiança.

Tenho um amigo que chamarei pelo apelido de Zeca, ele é moreno, 1.75 de altura corpo de jogador de futebol que ele é,

meu melhor amigo pra falar a verdade na época, estavamos sempre juntos

minha esposa e sua esposa eram amigas intimas, eu sabia que zeca gostava de algo diferente, pois ele sempre pegava uma revista de sexo emprestada minha,

afinal sempre tive varias em casa, e zeca sempre pedia as de contos,

falei com minha esposa o que ela achava dele, e ela pra minha surpresa disse que sempre o achou bonitão e sarado, que ele tinha coxas lindas e se fosse com ele até topava,

pra mim foi o suficiente naquele dia metemos muito com ela me chamando de zeca,

no outro dia meu amigo apareceu em casa com sua esposa, e não deu pra conversar com ele a respeito,

mas antes deles irem embora disse a ele que viesse em casa no dia seguinte a noite sázinho que tinha um assunto muito importante pra tratar com ele,

mas que não dissesse a sua esposa que viria em casa, zeca ficou meio sem entender mas concordou, no dia seguinte por volta das oito da noite ele chegou sázinho,

e pra quebrar o clima começamos a tomar umas cevas, minha esposa estava que era sá nervosismo diante da situação, estava inquieta.

Combinei com ela que nos deixasse sá uns instantes e depois de várias cervejas criei coragem e chamei zeca pro assunto.

Disse a ele que eu e ana tinhamos um sonho pra realisar e por confiar nele resolvi chama-lo pra nos ajudar, vi que zeca não estava entendo nada, mas continuei rodeando, afinal não é fácil dizer ao melhor amigo que eu queria ve-lo comendo minha esposa, rs.

Disse a ele então que nás liamos muito essas revistas de contos e que tinha alguns que nos chamava mais a atenção, ou seja aqueles de tranzas a três,

e que nás queriamos experimentar uma experiência dessas e que por ele ser um grande amigo e de minha inteira confiança,

nás o haviamos escolhido, deixei claro que poderiamos escolher qualquer um, mas optamos por ele, pelo fato dele tbém ser casado e amar sua esposa,

perguntei a ele se estava me entendendo e ele disse que sim, pois ja tinha visto muitos contos como esses nas revistas.

então perguntei a ele o que achava da idéia e se seria capaz de saber separar a fantasia da realidade, sem envolvimentos sentimentais e que talvez pudesse acontecer de novo e talvez não aconteceria nunca mais,

zeca na hora disse que era homem e como tal não poderia fugir de tal responsabilidade, e que entendia nossa situação.

Então combinei com ele que minha esposa iria ao banheiro tomar um banho e que assim que ela saisse ele poderia ir,

e eu iria por último assim deixaria os dois a sás e que ele poderia começar o ataque sem minha presença pois ana já sabia da situação e havia concordado.

Assim fizemos fui o último a ir tomar banho deixando os dois sázinhos no quarto, minha ansiedade era tão grande que mal consegui me banhar,

ficava tentando ouvir algum barulho, algum ruido que denunciasse que zeca já estaria pegando minha esposa,

derepende ouvi um barulho de corpos se mexendo muito no sofa do quarto e meu coração disparou,

desliguei o chuveiro e não sei como consegui mas me enxuguei devagar pra dar mais um tempo pra eles,

quando sai do banheiro a visão que tive me deixou doido de tesão,

zeca e ana estavam abraçados se beijando no sofá e zeca acariciava as coxas de ana minha esposa, ana por sua vez corria sua mão pelo peito de zeca até escorrega-la no colo dele, pegando no seu pau por cima da roupa,

eles perceberam minha presença mas foi como se eu não estivesse ali,

atravessei o quarto aacendi um cigarro e como um bom corno que eu a muito queria ser, fiquei assistindo aquele espetáculo maravilhoso de ver minha esposa que até então fora sá minha se entregar ao meu melhor amigo.

Zeca continuava beijando minha esposa e parecia um casal de namorados apaixonados, ele subiu sua mão até os seios de minha esposa e começou acaricia-los por sobre a bluz, os dois então foram escorregando para a cama que estava ao lado,

e alise deitaram zeca retirou a camisa e voltou a apalpar minha doce ana, agora sua mão percorria tudo desde os seios até as coxas grossas e gostosas de minha amada, tbém sua bundinha gostosa sem ainda tirar a roupa dela,

ana puxou o short de zeca para baixo e ele fez o mesmo com o dela, depois minha esposa começou beijando o peito dele, passou pelos mamilos e foi descendo pela barriga cheia de pelos até chegar onde queria,

opau do meu amigo, minha esposa puxou o cacete de zeca pra fora da cueca e caiu de boca nele, dando uma surra de lingua, zeca ficou estirado na cama acariciando os cabelos de ana e curtindo aquela boca gostosa,

depois foi a vez de zeca xupar a xana de minha esposa que já estava meladinha de goso, nessa hora minha mulher me olhou e me chamou pra farra, eu que já estava estourando de tesão tirei o cacete pra fora

e fui enfiando na boca dela, pronto estava feito o menage, enquanto um xupava a xana o outro era xupado,

não demorou e zeca quiz meter em minha esposa, eu até parei pra ver está cena linda, zeca não tem o pau muito grande mas é roliço e bonito, devagar ele foi enfiando nela até desaparecer tudo dentro de minha esposa na posição papai e mamãe,

depois de apreciar essa cena eu voltei a colocar meu pau na boca de minha esposa, ai começamos a revezar cada um metia um pouco na boceta dela enquanto o outro era xupado e bem xupado, pois minha esposa engolia o pau quase inteiro do zeca,

engraçado é que meu amigo tinha uma maneira diferente de dar o pau pra minha esposa xupar,

enquanto eu estava metendo ele ficava de quatro em cima do rosto dela atravessado na minha frente, e mesmo que eu não quizesse a bunda do zeca ficava bem de frente pro meu rosto,

então num momento de vacilo enquanto ana xupava o pau de zeca eu comecei a percorrer minha lingua nas costas e nadegas dele, pude perceber que pra ele aquilo era normal,

e então cada vez que revesava-mos eu fazia a mesma coisa.

depois de muito trocar e muito meter Zeca se deitou na cama e ana minha mulher começou lambendo e acariando o pau dele enquanto eu metia nela,

nesse momento novamente perdi a cabeça e comecei a acariciar o cacete do meu amigo junto com minha esposa, que sabia é claro minha tendência ao bi, no entanto nunca tinhamos colocado nada em prática,

acariciei um pouco e logo zeca mudou de posição colocando ana deitada e foi xupar sua xana, nesse momento fui por tráz do meu amigo e comecei beijando sua costa e fui descendo por suas nádegas até tocar seu cu com minha lingua,

zeca agia naturalmente sem dar nenhum gemido a mais por isso, mas tbém sem me rechaçar,

até que ele subiu e deu o pau pra minha esposa mamar, depois parou um pouco e foi beija-la deixando seu pau balançando bem na minha cara já que eu estava metendo em minha esposa,

enquanto eles se beijavam não resisti e soquei o pau de zeca na boca engulindo até as bolas, nessa hora meu amigo parou de beijar minha esposa e ficou admirando minha atitude,

aos poucos começou a acariciar minha cabeça e percebi que estava gostando, depois disso sai e dei lugar pra ele meter nela de novo,

zeca socou seu pau na boceta da minha mulher e metia gostoso chamando ela de tesuda, gostosa,

então dei a volta por traz dele e entrei por baixo pra lamber suas bolas enquanto ele metia,

talvez por ser a primeira vez numa situação destas zeca gosou em silencio apertando minha esposa, ouvi ele cochichar algo no ouvido dela mas não entendi o que,

zeca então ficou ajoelhado perto de minha esposa que acariciava o pau dele, eu me ajoelhei entre as pernas dela e comecei a novamente xupar sua xana,

nessa hora zeca foi a cozinha beber agua e minha esposa me avisou que estava com a xana xeia de porra,

mas isso sá fez aumentar meu tesão, então meti a lingua com vontade e limpei toda porra do meu amigo da boceta dela, fazendo com que minha esposa gosasse de novo,

depois enfiei meu pau e meti gostoso até gosar, zeca nessa hora já havia voltado e ana segurava seu pau mucho na mão.

Demos um tempo e fomos eu e ana tomar banho no chuveiro meti nela de novo e gosei mais uma vez,

ao voltarmos zeca estava sá de cueca deitado no sofa do quarto assistindo tv,

nos deitamos na cama ao lado, e depois de uns 19 minutos percebi que minha esposa estava acariciando o peito de zeca,

foi a conta ele a puxou pra ele e empurrou sua cabeça de encontro ao seu cacete que estava duro como rocha dizendo: é isso que você quer então xupa meu pau sua gostosa que eu vou te foder de novo,

minha mulher caiu de boca no pau de zeca e mamou gostoso, zeca se levantou e socou seu cacete na boceta dela de novo, emais uma vez começamos a revezar entre boca e boceta da minha amada, foram 4 gosadas sensacionais nessa noite duas minhas e duas do zeca,

ana ficou com a boceta inchada de tanto meter mas estava satisfeita e alegre de realizar nossa fantasia,

depois de gosarmos de novo zeca foi tomar mais um banho pra ir embora e eu como bom chifrido que sou e amante de porra fui limpar minha esposa com a lingua, fazendo ela delirar de tesão novamente, mas naquela noite ficou por isso.

Depois disso tivemos ainda mais tres tranzas sensacionais com meu amigo e sua esposa nunca desconfiou de nada,

em todas elas eu sempre limpava minha esposa com a boca depois dele gosar bastante nela, e sempre beijei a bundinha gostosa dele, nunca mais xupei seu pau, quer dizer sá uma vez acariciei seu saco enquanto ele metia nela,

o que foi suficiente pra ele me servir com uma boceta enxarcada de porra pra eu limpar com a lingua.

Bom o tempo passou e como sempre acontece ele se udou pra um bairro distante e perdemos o contato,

hoje em dia nos vemos sempre mas continuamos sendo sá bons amigos,

o resto ficou sá pra recordação, mas eu e minha esposa tomamos gosto pela coisa e não paramos mais.

Se você gostou vote, depois conto mais.

amigo_cam

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico de mulher traindo marido com amigo taradocontos eroticos de esposas com negaocontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhaeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestomilitares gays pauzudos de são josé dos camposmeu pai fudeu meu cu na marra conto eroticoContos er no carro do papaiconfia minha madrasta no pornô chorando gostosacontos chineladas da empregadaporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneiroconto erotico sogro na piscinacontos encoxei minha cunhada casadacontos minha mulher com um dotado mi fez chupa elezoofilias inicando baby.comNovinha enlouqueçeu os pedreirosdei meu cu pra um bebado desconhecido contos gaydepois do anus e da vagina tem outraentrada pro penis entrar?jogo de carta em aposta conto incestoporno contos chantagem a casadasConto eroticos das coroas 42 lindas e gostosas de 41 anos com teu afilhadovideo porno colocando minha sobrinha pra chupar em salvadorcontoseróticos metendo com o bebê no colopunheta para sogra contosconto erótico vesti uma cinta liga pro papaicontos dando cu desde novinhorelatos comi a casada na marraconto erotico de fui comida pelo amigo do meu esposo insperadamenteconto erotico gay viram minha marquinhacontos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãocontos eróticos mãe e filho de araraquracoki a amiga da esposa contosescrabas q fodemxvidio minha mina sai para tranpa e eu como Minha sogra xvidiofio dental contosConto erotico negao casada loiracontos eroticos fetiches. suzane deu pro paichupou pau de flanelinha dentro do carroareganhando o cu e epois a boceta com a mao relaxandoencoxadas no aperto contosbrincadeiras no escurinho conto eroticocomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestoscontos eroticos medicoconto erótico com foto titio me rasgounão sei como ela aguenta toda no cu e na boca está pica gigantecontos eróticos fio dental debaixo do ternodona Florinda abrindo pernas mostrando calcinha pornpeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha exgabriel o hetero proibido conto eroticos gayporno contos voyer no carro com esposacontos o encanador negão me comeuContos eroticos - me come vai, mete maninho.contos eroticos exibindo minha esposa no banhocontos bem novinhapassa manteiga no corpo e na busetaContos-esporrei na comida da cegabuceta com muito tesao goza na primeira estocadaconto homem bem dotado assediou minha esposa ate ela ceder e foder com elecontos eroticossobrinha brincando com bonecameu pai fogoso contoContos eroticos duas rolas lindas mas perversas lascaram cuex cunhada putaminhas calsinha todas meladas contos erroticossexo dpS da depilaçao intima pornodoidoContos um garota me ensinou oque era uma punhetaconto irma casadaDesvirginando a sobrinha de 18 anosconstos eroticos tias bucetudas e sobrinho caseetudosContos dei para meu filho roludocontos eroticos a primeira vez da minha mulherhantai filinha patendo punheta pro pai safadacontos no cu da esposaconto cine porno gay Recifecomt erot pasando quiabo coma busetacontos de sexo meu pai viuvo anoite primeiro meu encouxandocontos sodomizada por dinheirocontos eróticos primos amantes