Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CAMAREIRO BOM DE CAMA

A historia que narrarei agora aconteceu a pouco, no inicio de maio de 2007. Sou hetero convicto. Não tenho a menor atração por homens. Contudo, sempre brinquei com meu cuzinho. Muitas vezes no banho, metia um, dois e até três dedos.

Sou muito bem casado, tenho duas filhas. É uma família maravilhosa.

Tenho 36 anos bem distribuídos. Sou um coroa enxuto. 1,83m e 81kg. Cabelos preto-grisalhos. Bonitão mesmo!

Tudo começou, quando fui para uma feira em São Paulo. O hotel que fiquei era práximo a Rua Augusta, naquele trecho que tem muita prostituição.

Quando descobri isso, resolvi dar uma volta. Vi muito traveco. Aquilo me atiçou muito. Avistei ma pequena Boite GLS e resolvi entrar. Também não gostei das pessoas e do ambiente. Resolvi voltar para o hotel. Tomei algumas doses Foi quando avistei um luminoso de uma sex shop. Resolvi então comprar na manha seguinte um consolo. Ai consegui dormir.

Logo depois do café fui pessoalmente. Escolhi um especial de silicone importado. Parecia de verdade, tinha 19 x 5 era vibrador e tinha uma ventosa para fixação. Comprei também um DVD que tinha uma loira que fodia com dois negrões, um deles com um pau de 33cm. Passei na farmácia comprei um tubo de KY e outro de vaselina.

Cheguei no hotel, tomei um banho, fiz uma lavagem intestinal com a ducha do chuveiro. Depois liguei o DVD e fui para cama. Assistia o filme e lubrificava bem o meu anel com vaselina. Metia os dedos e senti que o cu estava bem relaxado. Eu estava curtindo muito aquilo. Quando eu estava quase gozando, peguei o vibro e lambuzei com bastante KY. Forcei a entrada. Foi entrando gostoso ate a base. Eu me tremia todo. Depois de algum tempo, peguei o vibro e o fixei na mesinha de cabeceira. E sentei nele. Fiquei subindo e descendo. As vezes parava e deixava ele vibrando. Era uma sensação espetacular. Estava tão concentrado que não percebi que alguém havia entrado no quarto. Era o camareiro que tinha vindo arrumar o quarto. Foi um susto. Eu nu, com aquele consolo todo enfiado no cu. Que vergonha. Imediatamente ordenei que ele saísse.

Fui para o banho arrasado. Todo aquele fogo tinha apagado. E eu nem tinha gozado ainda.

Fiquei um tempão de baixo do chuveiro. Foi quando percebi que o camareiro havia voltado. Antes que eu falasse alguma coisa ele foi logo dizendo que queria comer meu cuzinho. Foi entrando no box do banheiro já de pau em riste. Era imenso. Tinha mais de 20cm com certeza. E grosso também. Muito grosso!

Aquilo me hipnotizou. E ele foi logo ordenando: vai chupa logo seu viado, que eu vou matar teu tesão!

Ainda tentei botar moral, mas ele foi mais firme: agora vai da uma de macho é? E me pegou com muita força pelos braços e me puxou para baixo e meu rosto ficou tocando naquele pauzão. Não sei o que aconteceu comigo. Fiquei calado meio bobo. Então ele pegou meu rosto, apertou minhas bochechas e mandou abrir a boca. Tive que obedecer. Comecei então uma chupeta ainda sem jeito. Meu coração parecia que ia sair. Aquilo tudo foi me dando um tesão enorme. Fui então me deixando dominar. Já sugava aquela jeba com vontade. Tentava coloca-la toda na boca, mas mal entrava a cabeça. Punhetava com as duas mãos, lambia o saco e voltava a suga-la. O camareiro urrava feto bicho. Dizia que tava adorando e me chamava de mauricinha gostosa. Ele então me puxou para o quarto. Ele segurava nos meus cabelos e não deixava o pau sair da boca dele. Eu estava completamente dominado. Ele então me mandou sentar no vibrador. Sentei. O vibrador entrou até o talo! Continuei a chupeta. Incrível. Eu com um vibrador no cu e chupando aquele cara. Foi quando notei que ele ia gozar. Aumentei o ritmo e ele esporrou em jatos. Era muita porra, encheu minha boca, engoli o que pude. Tinha porra no narriz nos olhos no nariz, nos cabelos e ainda tinha espirrado ate na parede. Toda aquela porra do meu rossto ele ia empurrando com o pau para miha boca, eu engolia tudo. O incrível é que o pau do cara não amolecia. Ele então me tirou de cima do vibrador e me jogou na cama. Eu estava passivo totalmente. Ele foi logo deitando em cima de mim e posicionando aquele pau na minha bunda. Eu me arrepiei todo e soltei um suspiro. Ele enfiou de uma vez. O meu cuzinho já estava alargado, mas mesmo assim senti muita dor. Soltei o grito bem forte. Ele apenas disse que eu ia aguentar e gostar muito. Ele começou a bombar forte. As vezes tirava e botava de uma vez. Eu já não sentia dor. Apenas muito prazer. Eu estava quase tendo uma convulsão. Me tremia todo. Ate que gozei. Gozei sem tocar no meu pau. Foi o maior gozo da minha vida. Quase desmaiei. Fiquei sem forcas. Apenas de bunda levantada. Ele enfiava com muita forca e muito rápido. Ele me segurava pelo quadriz e metia muito. Bombava muito. Ate que ele gozou. Senti seus jatos enchendo meu reto. Eu acho que meu gozo sá terminou quando ele tirou o pau. Senti escorrer pelos ovos e perna. Fiquei imável na cama. Nem vi quando ele saiu.

Quando retomei minhas forças, procurei o cartão de identificação do camareiro, para saber pelo menos o nome do cara. A minha surpresa é que quem arrumava meu quarto era uma mulher, Sra. Deusa. Descobri depois, que naquela dia ela estava sendo substituída pelo Anchieta, um free lance que sempre prestava serviços ao hotel.

Nunca mais o vi. Nunca mais esquecerei.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


destruidor de cu contoscontos eroticos de sogro no dia chuvosocontos eróticos eu com meu 30cm comen minha prima no sofá de casacontos comi a internadacomendo minha irma de seis anos contos eroticoscontos eroticos dando ao sobrinho pivetecomeu uma gordinha no onibus em viagem contos eroticosContos eróticos e rosecontos eroticos casadas canalhassou hetero mas ja paguei um boquete e gostei muito"amor vou dar" amigo colegacontos eroticos carnaval sai de cuzao e shortinhoputão na vara contosContos eroticos travesti iniciantecontosminha enteada gosta de dar a bundsgostaria dever filha cupano apica do pi dorminofilme pornô minha prima gravata preta para mimcontos eroticos experiência inesquecívelcontos erroticos deixei o cu da minha prima todo abertoputaria todos diss contoContos gays amante do tio velho desde de pequeno adoro vpu casar com eletia me humilhou contomulher de saia curta das pernas groça pornoContos erótico de Muller casadavarios me comero s calsinha contos gaycontos e vidios de patroas tranxessual fudendo empregadasconto comi uma velha crenteconto erotico emcochando um travesti e fudendo a força em onnibusduas irmas com peitinhos crescendo e o irmao chupandoJá botei ela para transar eu não vai botar o vídeo dela transando gemendo tácontos eroticos curiosacontos sexo dividindo o casamento e a camaContos eroticos com chingamentovoyeur de esposa conto eroticocontos eróticos arrombadaconto minha mostrouxanimhaminha namorada apertando meu pau com a sua bucetanamorada de calnsinha centou na picaminha mae me prostituia conto eroticoMeu penis mede 17 cm e grandecontis eroticos i inimigo numero um do meu paiContos lesbicas sou casada e minha comadrd me seduziugostaria dever filha cupano apica do pi dorminoesposinhas beijando e pegando na pucaconto a velha bundudabotou tudo nela bebadajogo de puta buçetadacontos de sogro subjugando a nora e filhoele me encoxando e eu rebolandocontos eróticos gay o cu do.garotinhofiz meu marido de meu corno e meu cumplicecontos eroticos comi a bunda da minha tiacontos eroticos de incesto: preocupada com meu filhocontos eroticos foi comer cu de esposa e viu que tava arrombadatinha perder sua coroa no seu pau do negrãover contos de lesbicassambado se caucinha pra da pra pau grande e se deu maucontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludatravestesmamandocontos eroticos comi minha prima no rodeiocontos gays tomando banho com o primovideo de mulher transando no atelier delaconto erotico tio juliopapai no cuzinho de mamãe contosconto erotico rabuda cintura fina peituda casada visitaexperimentando a bundinha da garotinha conto gratisContos eroticos familia sem preconceitocontos veridico nunca tinha experimentado outro pau que nao fosse do meu marido, mas chorei no pau bem dotado da travesticontos eroticos comendoa crente no trabalhoaiiao taradoporno sujo porra na boca guspe mijos e muita porcaria