Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUI COMIDA NA LOTAÇÃO

Meu nome é Isabella, tenho 23 anos. Sou ruiva, tenho cabelos compridos e cacheados, olhos verdes, 167m e 60 kg. Pele bem branquinha e seios fartos. Amo o meu corpo, cuido diariamente dele há quase 19 anos.



Sou recém formada, tenho um novo emprego e infelizmente (ou felizmente...) não tenho um carro. Todos os dias desço em uma Estação de Metrô em São Paulo e pego um ônibus para voltar para casa.



Neste dia, saí por volta das 21hs do trabalho, não tinha mais nenhum ônibus no ponto. Me informaram que o práximo sá sairia às 22hs. Como não estava disposta a esperar, entrei em uma das lotações para ir embora.



Quando entrei no carro (se eu não me engano, um negácio chamado Sprinter) sá tinha um garoto negro, um adolescente que aparentava uns 19 anos.



Alguns minutos depois, entraram outros três rapazes na Sprinter um moreno baixinho e musculoso, um negro alto e o motorista, um rapaz que aparenta por volta de 30 anos, loiro, que eu já tinha visto anteriormente.



O carro partiu desta maneira. Estranhei bastante, pois geralmente eles esperam encher antes de ir embora.



Apás 5 minutos, notei que o motorista virou em uma rua que não fazia parte do itinerário. Achei estranho, mas não dei bola, achei que ele ia cortar caminho...



Logo em seguida, o moreno baixinho virou-se para mim e perguntou : "Você já foi comida por quatro picas ao mesmo tempo?" . Eu gelei e não respondi. Ele disse : "Você tem cara de safadinha, aposto que vai adorar o que nás vamos fazer com você!".



O motorista virou numa rua deserta e parou o carro dentro de um terreno vazio. Aquela rua é muito escura.



O negro alto falou: "Te vejo todos os dias no ponto... Estou louco para te comer", abriu o ziper da calça e tirou um pau que era enorme mesmo ainda mole. Ele puxou a minha cabeça em direção ao cacetão e disse "Chupa tudo, ruivinha gostosa". Até aquele momento eu estava muito nervosa, mas depois que começei a chupar aquela pica, fiquei muito excitada... Minha xaninha latejava e eu sentia minha calcinha bem molhada. Chupei aquele pau da cabeça ao saco, sentido ele ficar completamente duro em minha boca e roçar a minha garganta... Ele começou a empurrar a minha cabeça para que eu fosse mais rápido.. Estava fodendo a minha boca, eu mal conseguia respirar, mas estava adorando.



Ao mesmo tempo em que chupava aquele mastro gigantesco, senti mãos tirando os meus sapatos, minhas meias, minhas calças... Quando tiraram a minha calcinha e perceberam a minha excitação, um deles falou : "Eu não te disse, Paulo? A garota é uma putinha..."



Todos pularam para o mesmo banco onde o negro pauzudo e eu estavamos. O negro adolescente, que já estava sentado ao meu lado, comecou a bater uma punheta. Neste instante a minha garganta se encheu de porra... Tive que engolir tudo, para não engasgar.



O pauzudo pediu para eu me levantar um pouco, obedeci e ele tirou a minha blusa, colocando os meus seios para fora. Naquele dia eu não usava sutien, e um dos rapazes comentou : "Até parece que você sabia o que ia acontecer..."



Sentei no colo do pauzudo, de costas para ele, o moreno baixinho veio na minha frente e começou a chupar os meus seios com violência, senti uma mão àspera alcançando a minha xaninha, era a do motorista... Ele colocou o meu grelinho entre os dedos e começou a pressioná-los.



Eles se viraram para o adolescente, que já estava completamente nu, e falaram " Aqui está o seu presente garoto".



Neste momento o moreno baixinho saiu da minha frente e o garoto posicionou o seu pau, longo porém fino, na entrada da minha xaninha... Não demorou muito e ele enterrou o seu mastro na minha bocetinha, gritando de prazer e começando um vai-vem alucionado. O garoto gozou rapidamente e os outros riram, comentando : " É a primeira vez dele, não liga... Você vai ter mais"



Senti o membro do pauzudo ficando duro novamente e ele falou no meu ouvido "Eu vou te enrabar, gatinha...". O motorista se curvou na minha frente, esfregando o pau no meu rosto que comecei a chupar alucinadamente, dei um banho de língua incrível no pau daquele homem, que delirava de prazer. O moreno baixinho meteu a lingua na minha bocetinha e aquilo me deixou alucinada... Neste momento o motorista tirou o pau da minha boca e gozou nos meus seios... O pauzudo pegou um pouco da porra do colega com a mão e passou no meu cúzinho rosado... Colocou a cabeça daquele cacetão na entrada dele e empurrou com toda a força, senti uma dor incrível porém queria mais, pois estava quase gozando com a lingua do moreno. Ele percebeu que eu estava perto, e tirou a boca da minha boceta, se curvou e enterrou o seu pau grosso na minha xaninha.



Eu estava sendo comida pela frente e por trás, o motorista voltou para o banco e começou a dirigir... O balanço do carro estava ajudando na dupla penetração e gozei alucinadamente, como nunca tinha gozado em toda a minha vida... O adolescente colocou o pau na minha boca e tive que chupá-lo porém sem muitas forças pois ainda estava sendo arrombada.



Senti o jato de porra do pauzudo e logo em seguida do adolescente... Minha xaninha continuava sendo fodida com muita força pelo moreno, que gozou alguns minutos depois de seus colegas.



O motorista parou a Sprinter bem pertinho da minha casa, ordenaram que eu me vestisse e um deles falou que sempre que eu quisesse, era sá procurá-los... Apenas sorri e fui embora para casa.Eu estava cheia de porra, vazando por quase todos os buracos do meu corpo. Um pouco de sangue também escorria do meu cuzinho. Mas fiquei feliz...



Esta foi a minha iniciação no sexo grupal, há pouco mais de 06 meses. O que era para ser um estupro foi para mim um grande prazer. Desde então já pratiquei este tipo de sexo em outras ocasiões, em outros lugares, apenas com mulheres... Mas isto pode ficar para as práximas histárias.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Minha noiva exibida e gostosa na academia - Contos Eróticoshiatorias eroticas incestos ninfetinha inocentesexo com as amigas e as filhas contoscontos eroticos colomeu padrasto meu donohistorias eroticas com saúnas masculinasminha esposa fazendo caridade no amigopelado na Rua, Contosnovinhas so gost de negraopornocomendo a empregada contocuzinho da zildaConto erótico gay caçamba de carro de madrugadatrai meu marido na hora do futebol dos contossarrou a bucetinha no meu ombro no onibuscontossado de submissao realcontos de comi o cuzinho da irmã na banheiraRelatos de gay quie derao ao pedreiro saradocontos eroticos fui comida pelo meu inimigocomo comecei a ser enrabada pelo meu cachorrocontoscontos eroticos de mulher traindo o esposo com o montador de moveiscontos tava batando uma derrepente minha prima me pegacontos eroticos fudendo a mae travestiContos eroticos meu sogroconto minha cunhada e sua amigacalcinha usada contos eroticoscontos eróticos meu filhocontos a minha prima Caçulacontos eróticos muleque pega no flagra muleques tocando punheta no matoConto minha filha so anda de fio dental em casacontos minha sogra me vendeu seu cuzinhocomida pelo sobrinho contos novinha rabuda deu p paia coroa bunduda negra é feriado pelo pelo banco dentro do ônibuscontos eroticos experiência inesquecívelConto meti 29cm.de pau no cu da mamaecontos eroticos, casada nova surpreende marido em cine pornocontos aluguei minha mulherconto de dei o cu para uma pica grande do meu patrão que me rasgoucontos eróticos fudendo uma buceta gostosacontos eroticos gozei gostoso no estupromarido come a loira em silencio na cosinha e mulher espia boa foda sexoconto erotico sogrocontos eróticos eu meu melhor amigocontos eróticos cunhado retardadoconto abusei da minha sobrinhacontos eroticos depois da briga é mais gostosocontos eroticos baba violentadaschantagiei a mulher do colega que traia ele conto eroticoContos eróticos de lésbicas transando na casa da amiga de muitos anostitio pedia q eu sentasse no seu colo e fazia cariciasconto mae e sua bundapeguei um menino pra comer minha buceta velha contosporteiro fode esposa corno contoContos Eróticos abusada todos os dias por estranhoscontos duas putinhas chorando na varaconto erotico tomando banho com minha amigacontos eroticos dei pa paga dividacontos comi minhas gemias zinhasboqueteira gaucha contoDei meu cuzinho- conto ii relatosContos eróticos heterossexualcontos eroticos,eu e minha maniia de mini saiaminha cunhadinha virgemxvidio pag biixinha gostosa cem caucinhacontos eroticos proibidos meu tio encheu minha boca de porracontos cu dormindocontos eróticos eu e minha mãe nos amamos feito loucoscontos eroticos a.xasada dot trabalhoMaduras babando na rola dos novinhos contoseroticoscontos de coroa com novinhocomo o cheiro da maça contoscontos de coroa com novinho