Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU AMIGO NERDS

Na faculdade eu tinha uma amigo daqueles bem nerds. Ele era nerds mas era gente fina. Por isso de vez enquando até andava com a gente.

Mas uma coisa ele tinha que muitos não tinham lá na faculdade. Uma namorada bonita e gostosa que nem a dele. Todos falavam que ela namorava

ele porque ele era rico, mas sei lá vai entender essas coisas. Na verdade era um casal que realmente distoava mesmo. Ele era magrelo, meio estranho,

cabelinho daqueles de menino certinho, sá andava vestido meio que nem velho, usava áculos. A Tati era um tesão, loira cabelos lisos, 1,70m,

rosto lindo, uma bunda perfeita redondinha, peitões siliconados, dessas de parar mesmo. Ela se vestia bem, toda de salto, mini saia, blusas decotadas.

A loira era realmente um estrondo. E Rogério o nerds parecia um bobão do lado dela. Meio que não ligava muito pra ela, difícil ele dar sequer um beijo

nem que fosse selinho nela. Vivia falando de computador e com aqueles computadores de mão pra lá e pra cá. Todo mundo da facu via ele direto indo

embora da faculdade ao lado dela. Ele dava uma carona pra Tati todos os dias.

Eu conhecia os dois de trocar idéia sempre. Teve um dia que deu pau no meu computador e como sempre nem sabia do que se tratava. Sá sabia que aquela porcaria

tinha parado de funcionar. Logo lembrei de falar com o Rogério, com certeza ele saberia arrumar pra mim. Cheguei a noite na facu e assim que encontrei com ele

falei do problema que tinha meu computador. Daí ele todo empolgado em ser útil, começou a falar umas coisas que eu não entendi nada, ele adorava se exibir para

Tati mostrando que sabia de computador. Até parece que ela ligava. Combinei com ele de ir lá em casa. O nerds foi todo feliz depois da aula mesmo. Chegando lá

liguei a TV da sala e falei pra Tati se quiser ficar vendo que podia ficar lá que eu sá ia mostrar o computador para o Rogério, e ela ficou.

O Rogério nessa hora até esquecia que tinha namorada sá para mexer em computador. Mostrei para ele e expliquei o que tinha acontecido. Aí ele sentou todo

compenetrado falou que era sá deixar ele lá que ele resolveria o problema. Ficou lá no meu quarto, eu voltei pra sala para dar atenção a Tati.

Começamos a conversar e ela começou a falar pra mim que hoje ela tinha combinado com o Rogério de ir ao motel apás a facu e ele depois que ouviu falar

que ia mexer em computador nem lembrou mais. Eu me desculpei na hora, me sentindo culpado pela situação. Mas ela falou que a culpa era dele mesmo.

Tati me falou que ele direto fazia isso com ela, deixava de fazer sexo com ela para ir jogar computador. Aí ouvindo isso resolvi esquentar o papo.

Perguntei a ela se ela nunca tinha pensado em satisfazer as vontades dela com outro. Ela disse que realmente já havia pensado nisso sim. Porque não

aguentava mais chegar em casa excitada e se satisfazer com consolos. Olhei da sala para a porta do meu quarto e ele estava lá de costas todo compenetrado

no computador, olhei para Tati ela estava com cara de quem queria dar, de mini saia, sandália de salto, blusinha de alcinha sem sutiã.

Meu pau começou a ficar duro e nao deu pra disfarçar. Tati olhou bem pra ele e olhou pra minha cara. Passou a língua nos lábios e deu uma bela secada

no meu pau.

Eu perguntei pra ela se ela queria. ela acenou com um sim com a cabeça. Estávamos sentados um ao lodo do outro no sofá, cheguei um pouco mais perto dela.

Tati pegou no meu pau por cima da calça e começou a apertar. E comecei a passar a mão nos seus seios, grandes e duros. Ela desabotoou minha calça,

enfiou a mão dentro da minha cueca, acariciou meu membro que estava latejando de tão duro, tirou pra fora e começou a fazer um boquete delicioso.

Começou passando a língua na parte debaixo do pau e subindo até a cabeça. Depois passou a ponta da língua em volta da cabeça. Aí depois começava a

lamber meu pau que nem um picolé. Depois de um tempo fazendo isso ela começou a abocanhar, fazendo vai e vem apertando bem os lábios carnudos no meu pau

e fazendo sucção. Aquilo era demais. às vezes ela dava uma parada com o pau dentro da boca e começava a engolir até a cabeça encostar a sua garganta.

E o nerds do namorado dela lá no meu quato extasiado com o computador, enquanto sua linda namorada me proporcionava um delicioso boquete.

Tati me chupava e ficava me olhando com cara de safada. De vez enquando ela olhava pra mim abria bem a boca com a língua pra fora e batia a cabeça do meu

pau na língua e falava... "que pau gostoso" e voltava a me chupar. Para me chupar ainda melhor Tati se posicionou de joelhos nochão na minha frente,

ficando praticamente de quatro com as pernas afastadas que fazia subir sua minisaia mostrando a sua bunda deliciosa enquanto ela me chupava gostoso.

Depois de um tempo sendo chupado pela Tati eu não estava aguentando mais e ela viu que eu ia gozar. Então ela começou a bater uma pra mim com a cabeça do pau

na sua língua e pedindo para eu gozar na boca dela. Eu vendo aquilo depois de mais

uns dois minutos naquela punheta gostosa comecei a gozar dentro da sua boquinha. Ela engolia tudo minha porra que saia em jatos pra dentro da sua boca e

na língua. depois que ela viu que não ia mais sair porra do meu pau, deu uma tremenda chupada na cabeça pra limpar que eu fiquei anestesiado.

Depois disso pedi para ela sentar no sofá novamente, abri suas pernas e vi aquelas coxas deliciosas e no meio delas uma calcinha rosa pequena toda molhada.

Me ajoelhei no chão, afastei a sua calcinha e vi uma bucetinha fechadinha, depilada, cheirosa e molhada na minha frente. Eu nem estava acreditando

no que estava vendo. Comecei a chupar, ela gemia baixinho para o Rogério não escutar, mas via que a vontade dela era gritar de tanto tesão.

Fiquei chupando um tempão, sem pressa. Fiz ela gozar umas 3 vezes, a primeira foi rápida com o tesão que ela estava...

E meu pau já estava duro novamente, ela vendo isso pediu para eu sentar no sofá, segurou meu pau se posicionou em cima de mim e começou a enfiar

na sua buceta bem devagar. Ela tremia, e ia enfiando aos poucos, que buceta apertada a dela. O nerds quase nem comia ela mesmo para ser apertada daquele jeito.

Sua buceta babava em cima do meu pau. Logo ele já estava inteiro dentro dela de tão lubrificada que estava. Tati começou a cavalgar em cima de mim.

Enquanto ela cavalgava eu tirava seus seios pra fora da blusa e chupava aqueles peitões e apertava bem gostoso. Ela rebolava no meu pau esfregando sua bceta em mim

e enfiando meu pau o mais profundo que podia. Sentia que ela gozava mais uma vez.

Coloquei ela de quatro no sofá e comecei a estocar sua buceta com movimentos fortes, ela mordia a almofada para não gritar de tesão. Depois fomos para o chão e eu

comi ela de lado, arreganhando suas pernas e fazendo ela beijar a minha boca virando a cabeça para trás. Nessa uptaria toda a gente já estava pelado no meio da sala,

se o nerds do Rogério fosse para sala naquele momento não tinha jeito de esconder nada. Ia pegar sua linda namorada dando a buceta gostoso pra mim. Mas isso sabíamos

que não ia acontecer. E continuamos nossa foda. Tirei meu pau da sua buceta, pedi para ela virar de frente pra mim com as pernas bem abertas e comecei a comer ela

no papai e mamãe segurando bem forte nos seus tornozelos. Meu pau já estava latejando novamente de tanto tesão, não ia aguentar segurar por muito tempo. Mais uns

vai e vem naquela bucetinha apertada não aguentando mais segurar o gozo, tirei meu pau da buceta dela rapidamente comecei a bater uma punheta e gozei feito loco

no meio daquelas coxas. Esporrei ela todinha, escorria porra pelas suas coxas e na sua barriga. Deia uns beijões na sua boca e logo Tati foi para o banheiro

se limpar e vestir a roupa. Eu rapidamente coloquei minha roupa tbém e fui até a cozinha lavar as mãos e o rosto que cheirava sexo.

Depois de poucos minutos eu e a Tati estavamos na sala novamente assistindo TV como se nada tivesse acontecido. Depois que o nerds terminou de arrumar meu micro

fiquei muitíssimo agradecido a ele. Mal sabia ele o que realmente eu estava agradecendo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos baba dano banhona meninacontos eróticos de lésbicas submissa a vizinha mandona contos gay estrada calcinhaConto de gang bang no posto de gasolinacontos eroticos dei meu cu pra todosContos eróticos incesto teens tomando banho com meu paimendigo gay contoscontoseroticos cagando na boca do viadocontos eroticos o ventomenina sapeca danada enganou todos contos eroticosFuderan meu cu e minha esposa ajudou os carasesposa e sogra metendo na praia contoscondos erodicos perdendo virgindadepunhetando filho contos eróticosvoyeur de esposa conto eroticomeu marido me arombou a xoxotaPeguei minha tia veridicoconto gaguei mas gostei de dar o cugozei na minha sobrinha conto eroticomelequei a bucetaA rainha que dava a bunda para os strapon odiava o marido da minha prima parte2 contos gayConto erotico fazendo meu irmao vira um tranvesticasa do conto rabao da mae e irma nao aguentei com baby dolcontos eroticos de viadinhos de calsinhacontos eroticos (homens que pagam as dividas com a mulher)a amiga resolve acordar a amiga com a mão na buceta delacontos incertos porno traverticontos eroticos cunhadoconto boy roludo da periferiapegando casada na.cadeia comtos eroticosdando para o pintor contos eroticosporno sujo porra na boca guspe mijos e muita porcariaContos eroticos... Cunhada usando um vestidinho curtocontos eroticos desvirginadaContos eróticos comendo uma lorinha dos seios grandes LuizaMãe mamando pau do filho contoseroticosvideos porno mulher da a buceta com as pernas bem abertas io macho ainda chupa seus peitoeshttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/m/conto_15870_passando-as-ferias.html&ei=bgqnDUSn&lc=pt-BR&s=1&m=438&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Cherei+cocaina+e+dei+o+cu&ts=1487814662&sig=AJsQQ1Bemzq3_O_w9-hLtHRrssFP6FcBcQcontos eroticos gordinha ferantecomendo aenteada de cbelos cachiadoscontos erotico defrorado pelo irmão mas velhoContos pornos novinhas em gang bang c negros dotados de penis grande e grossomilitares gays pauzudos de são josé dos camposcontos eroticos minha vizinha dos sonhosContos eroticos gay olixeirocontos de lesbicas coroasmulher poe seu cachorro dormir com ela e acaba deixando ele lember sua bucetaconto erotico crente assanhadacontos eroticos comi minha prima no rodeiocontos eróticos minha buceta aregacada entregou que traiaí mano chega pra praia e faz sexo com irmãoSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandopapai me ensinado mamar contoswww.gravida com abuceta enchada areganhada cheia de pora deliciaGoiás borracheiro endereço conto gay de calcinhaconto real espiando no buraco casal sexo chacaraminha filha e uma cadela conto eroticoMostra para mim gosto seca bem gostosa as pernas bem malhadas peitinho bem durinhocomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contospono conta erótica de relato velha dando o cu e cagando no paucontos eroticos de novinhas sem calcinhacontos manaContos eroticos de netas novinhas teenComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêsfragrância zoofilia caseiro Casada narra conto dando o cusexo contos eroticos o amigo do meu marido me viu com um shortinho atolado no rego e nso resistiucontos erotico meu paixvidio puta arreganha as perna p leva rola no.fundoEu olhava a bucetinha de melina e ficava loucoconto erotico viadinho dei meo fu virgelouca por pica.contosFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viuconto banho com tia timidaconto viado tarado por paltraicao consentida trai meu marido com uma mulhercontos eróticos lésbicas casada vira escrava da vizinhaestrupei minha tia-contoseroticoshistoria de novinha traindo marido coroa e trazendo boceta melada pra ele chuparcontos erotico irmao cafetao da irmaContos erotico comendo meu cachorrocontos eroticos porra