Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MORENA DO INTERIOR

Olá pessoal, sempre fui leitor fiel de contos eráticos, Então resolvi contar algumas das minhas aventuras eráticas.



Pra quem não me conhece vou me descrever:



Moro no interior de São Paulo tenho 31 anos sou moreno claro, 1,78m, 80kg, cabelos pretos, olhos castanho esverdeados, dote de 20x5cm.



Hoje vou contar como foi meu encontro mais safado com a Morena de Piracicaba, para garantir a privacidade vou chamá-la de Jô.



Eu já havia saído com ela outras vezes, mas dessa vez tudo foi diferente, dessa vez eu resolvi realizar a fantasia dela de ser pega a força, e confesso que foi uma experiência maravilhosa.



Antes de mais nada eu preciso dizer o quanto ela é linda, tem um rostinho de menina comportada mas na verdade é uma mulher maravilhosa, quente e safadinha na cama... um corpo lindo, uma bunda que me deixa louco.



A Jô mora sozinha, então um dia sem ela saber, resolvi aparecer de surpresa. Cheguei em seu apartamento por volta das 15h. Toquei o interfone e subi, ela me recebeu linda como sempre, estava com uma blusinha e de mini saia, ao entrar no apartamento, já parti para cima dela, peguei eu sua cintura e puxei ela pra mim, e nos beijamos, foi um beijo carinhoso, molhado e longo, ela nem imaginava o que viria apás.



Derrepente eu paro o beijo e pego ela a forca, enfio minha mão por dentro da saia dela e retiro sua calcinha, forço ela a se debruçar no sofá, e rasgo sua blusinha deixando ela somente com a mini saia, levando a mini saia e forço ela a ficar de quatro no sofá, abro a calça e coloco o pau pra fora que nessa hora já estava estourando de tão duro, e a penetro sem do. Enfio tudo naquela bucetinha que pra minha surpresa já estava molhadinha.



Ela não falava nada, somente obedecia e gemia sem parar, eu sabia que ela estava adorando, sua buceta estava ensopada, eu socava o mais rápido e forte que eu podia, puxava ela pelo cabelo e dava tapas em sua bunda, foi então que puxei ela pra perto de mim, enfiei o meu pau o mais fundo que consegui e disse em seu ouvido... era isso que vc queria né Jô, ser comida assim sem dá, como uma putinha safada... e nessa hora ela so concordou com a cabeça e gozou, seu corpo estremeceu todo e ela gemeu deliciosamente. Apás ver a cena fiquei louco e resolvi gozar, sai de dentro dela e fiquei em pé a sua frente, ela agora sentada no sofá me chupava inteirinho até que gozei dentro de sua boca, era lindo ver aquela morena sugando e engolindo cada gota da minha porra.



Foi incrível, gozei como nunca, depois disso fomos para o quarto dela, ela achou que já tinha acabado mas estava enganada, fiz ela deitar na cama, agora peladinha e de bundinha pra cima, peguei o lençol e amarrei seus braços na cabeceira da cama e comecei a brincadeira, primeiro beijei e chupei seu corpo todo, ela se contorcia mas não podia fazer nada pois estava amarrada, depois de uns 30 minutos assim deixando ela louquinha de tesão, fui até seu ouvidinho e disse, Jô fica de quatro.



Imagine a cena, uma morena de quatro na cama, com o rosto colado ao colção e com as duas mãos amarradas na cabeceira, e aquela bundinha arrebitada, toda indefesa.



Esperei ela obedecer minha order e assim que ela já estava de quatro eu falei novamente em seu ouvidinho, Jô agora eu vou la comer seu cuzinho, não era isso que vc queria ser comida sem dá, então agora vc vai ser.



Ela sem falar nada ficou so esperando o que seria inevitável, fui para traz daquela maravilha acariciei aquela bunda, beijei, e dei uma lambida em seu cuzinho e logo em seguida a penetrei, entrei devagar e fui aos poucos enfiando tudo, logo estava com o pau todo naquele rabinho, que visão linda ver aquela morena de quatro, foi uma transa maravilhosa, soquei em seu rabinho e ela gemia como nunca, ficamos assim por uns 19 minutos e então ela me disse que não aguentava mais e que eu devia gozar, nessa hora eu tive que mostrar pra ela quem mandava ali e dei um belo tapa em sua bunda e disse que ela não tinha escolha, eu iria comer aquele rabinho pelo tempo que eu quisesse, fiquei mais uns 19 minutos ali penetrando aquela bunda deliciosa até que não aguentei mais e gozei, meu corpo estremeceu e nos desabamos na cama ela deitou e eu deitei em cima, meu pau foi saindo daquele cuzinho ao poucos, nessa hora eu beijava sua nuca e pescoço e dizia o quanto ela era gostosa e maravilhosa, que o prazer que ela me deu foi incrível, ela também confessou que gozou como nunca e que estava realizada.



Soltei suas mãos e nos abraçamos e ficamos deitados por um tempo nos acariciando e beijando.



Para quem quiser entrar em contato comigo, meu email e MSN é: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cotos erotico minha irma gostoza tirou meu kabasoboquete sem lavar baixarconto erotico - boleia para a universidadeContos porno de mulheres casada que traem com pau grande e choramconto erotico minha esposa com o pateaoconto eróticos peõescontos eroticoscrenteestoria de cantos erotico minha tia sentou no meu colo e comi elacontos de rasgando o cu da babatitio viu minha bucetinha e achou linda contosContos eroticos, meu rabo tesudo e buceta cabeludawww.dei a buceta com dez anos contocontos eriticos pique esconde sofapor que quando eu falei pro o meu amigo que eu vou ibora comcamionero ele em cheu ohlo de aguacontos/ morena com rabo fogosoarrombei o cu da minha esposaquero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia acabando a buceta e gozandover vidio porno puxando berada da buceta dela pra doecontos eroticos a filhinha da empregadaconto erotico bacanal bucetacontos eroticos de vendas passei gelo no corpo delecontos eroticos meu amante adora me agredira minha mulher e o casetao cavalarcontos eroticos d zoofilia cine maxcontos tirar leite eróticoshistorias eroticas vovo come menima cuContos gay banheirocontos eróticos de menina transando com o tio bonzinhoconto erótico gay meu primo caipira novinho tesudoegua deixa homer comer sua buceta virgConto minha mae ceicha eu chupar sua becetameu patrão me pegou mastubando e chantageia conto eróticoContos eroticos de travestis tarados.nega do cu conta como deu o cu contosgeovana tira a calcinha e da a bucetaconto uma viagem muito gostosaConto incesto sogra no volanteconto erotico botei sobrinha tayna pra chuparDei minha buceta para meu genro na presença de minha filha contos femininocontos porno eu e meu marido fomos violentadosContos.eroticos..de.incesto.no.dia.decasarContos Meu pai dividiu minha buceta com seus amigoscontos eroticos comendo a sobrinha no matoBucetas grandes arregangas e seioContos eroticos meu comeu meu rabodei o cu po meu pone contos eroticos pornocontos eróticos de bebados e drogados gaysminha irma casada conto eroticocontos eroticos hospitalcontos eroticos cdzinha virei menina pra agradar meu donoEu homem casado fui cadela de cachorro contos eroticoscontos gays - sou escravo dovidios dos bucetao mais carnudo e enchados nuscomo se comportar na primeira transa com colega de trabalho video sexe etiado pauzudo emadrastaContos eroticos estupros coletivos veriticosconto fudendo a cunhada de 70 anoscontos meu vizinho tira o pau pra foranovinhos fodeno apremira veizcheirinho.gostoso da bucetinha contoscontos eroticos gays adoro ser humilhado por um coroa dominadorcontos eroticos chorando com o pau enterrado no cu arrancando bostacontos eu e minha nora vomos enrabadas na praiacontos eróticos de professoras gostosas transando gostosocontos eroticos dei pro irmao da igrejavoyeur de esposa conto eroticox video.com madrasta me mandou eu lamber o seu cuzinhoconto esposa tiocontos eróticos viúva safadaconto recém casado cornocontos eróticos cadela e putona famíliasesposa bebada e seria sendo chatageada no churrasco conto