Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA ENTEADA E SEU SEGREDO...

MINHA ENTEADA E SEU SEGREDO...

Estou aqui para relatar uma coisa que ocorreu esta semana, sou um cara de boa índole mas nunca havia passado por tal situação,sou amigado com uma pessoa bonita e muito jovem por sinal. Eu tenho 50 anos e minha amasia apenas 35, mas ela tem uma filha de 19 anos, filha essa que morava com a avá, mas devidos a sérios problemas de saúde e a avá ter sido internada ela então veio morar conosco. Ela é uma garota incrível e muito inteligente segundo sua mãe. Não tinha muito contato com a menina pois ela não aceitava nossa relação e então eu nunca me aproximei dela mas com os passar dos dias ela estava carente devido sua avá e eu sendo mais velho ela se aproximou e então tudo que ocorria ela me dizia (coisas que fazia quando sua avá se encontrava boa de saúde)e em tal dia desses ela perguntou se poderia confiar em mim e eu prontamente disse que sim e que não falava para ninguém nem mesmo para sua mãe. No inicio achei normal aqueles relatos de garotinha, mas a cada dia ela me dizia uma coisa e então comecei a fazer jogo com a garota, coisas do tipo ela me perguntava algo e eu respondia com outra pergunta. Sendo que ela me perguntou se sentia atraído pela sua beleza e que beleza 19 anos (seios em formação com uma cinturinha fininha e um belo par de coxas e sem falar naquele bumbum todo redondinho) mas eu então perguntei e quanto a mim você gosta e ela respondeu que no inicio me achava chato e arrogante,mas que no dia a dia foi se sentindo melhor com relação a minha pessoa. E fomos se soltando na conversa e quando demos por conta já se passavam das 23:00 Hs e então ela me disse que iria tomar um banho e em seguida iria dormir. Fiquei ali pensando no papo e não sei porque fui me excitando de maneira que meu pinto já estava até doendo de tesão,coisa que não é muito frequente,pois com a mãe dela preciso as vezes tomar um remedinho para surtir o desejo e me dar bem na cama. FIQUEI ALI NA SALA mas em certo momento escutei uns hurros vindo do banheiro e então quando percebi ali estava a espiar minha enteada no banho,pois ela havia deixado a porta encostada e devido ao vento ela se abriu um pouco,não sei se foi de propásito mas eu a espiava, e ela toda molhada se ensaboando e eu ali a pensar coisas loucas sobre sexo... E m certo momento percebi que já estava com meu pinto fora da calça do pijama e estava a me masturbar tocando uma vendo minha enteada... toda nua. Em dado momento ela fecha o chuveiro e começa a se enxugar seu lindo corpo e eu já não aguentava e acabei a gozar em minhas roupas, ela acho que percebeu devido ao susto que levei e foi em direção a porta e eu num gesto rápido sai da frente da porta e corri para sala...apás alguns minutos ela retornou e pediu para se deitar comigo no sofá, já estava vestida com uma camiseta e de calcinha apenas, eu fiquei calado e ela se sentiu como havia deixado. Ela deitou em meu colo e disse que fazia o mesmo com a avá e que ficava ali até dormir e que teria que coloca – La na cama. Mas logo de cara ela sentiu algo estranho ou seja meu colo estava molhado devido a cena vista por mim durante seu banho, e então ela meio sem jeito acho eu, me perguntou o que era aquilo e eu respondi que foi água que havia caído em minha roupa, ela deu um sorriso E disse que já sabia o que era aquilo,fiquei parado sem resposta e aquilo foi me excitando de modo a meu pinto ficar todo duro eu percebia que ela virava a cabeça para ver meu rosto e na realidade era para se esfregar em meu pinto,aquilo deixava – me mais louco de tesão mas não podia fazer nada afinal era minha enteada e sua mãe estava no quarto dormindo. Com um jeitinho consegui me levantar e fui tomar meu banho pois havia me sujado e não poderia dormir assim e já pensou se sua mãe percebe... Estava tomando meu banho mas com a sensação de ser espiado,coisas de minha cabeça. Retornei para sala apenas de toalha enrolada e quando vi ali estava minha enteada dormindo, que visão e logo lembrei – me de que teria que coloca – lá para dormir em seu quarto como fazia sua avá... peguei a no colo e pude sentir aquele lindo corpo todo desprotegido em minhas mãos, fui em direção ao quarto a coloquei na cama e então pude ver todo o volume em sua calcinha... era pequeno acho que devido aos poucos pelos que nasciam mas não me contive e levantei sua camiseta e assim ver seus seios todinhos para mim,estava com medo mas não resisti e toquei neles e eram pequenos e durinhos e comecei a bater uma punheta bem gostosa ali alisando aqueles seios, tremia todo mas ali estava eu e minha presa. De repente ela se vira na cama e eu pensei que havia acordado ela, mas não ela apenas se ajeitava na cama . Fiquei ali horas a contemplar a beleza... em seguida fui dormir. Na manhã seguinte ela me procurou e disse que iria contar um sonho que teve,ela me contou tudo o que fiz naquele quarto,achei estranho e ela disse – me que achou legal,e se poderíamos repetir igual ou parecido como no sonho. Fiquei sem palavras mas topei pois afinal não me aguentava. Por volta das 09:00 Hs sua mãe sai para trabalhar e ali ficamos os dois sozinhos,ela subiu para o quarto e disse para que eu esperasse uns minutos e subisse em seguida, assim o fiz... e então lá chegando ela estava toda nua em cima da cama e logo pediu ara que retirasse minhas roupas e logo me pegou de jeito e foi abocanhando meu pinto em sua boca pequena mas quente e ela sabia o que fazia,pois não falei nada e ela agia como profissional,achei estranho mas continuei calado e fui totalmente dominado pela enteada...depois me pediu para xupar sua bucetinha a qual era toda rosadinha, e assim o fiz chupei a bucetinha com meus dedos todos enfiados no seu cuzinho e ela se contorcia de prazer e em seguida fizemos um 69 muito gostozo,coisa que não fazia nem com a mãe dela...apás ela pediu para pega - la por trás pois achava muito gostoso, achei estranho mas fiz sua vontade e quando percebi que meu pinto entrou com facilidade me assustei pois minha enteada não era mais virgem,e eu achando que seria o primeiro amor.... mas aquilo não tirou meu tesão e então enquanto ela se contorcia no meu pinto eu alisava seus seios ... ficamos ali no quarto por horas e horas...fizemos de todas as formas, mas foi quando me perguntou como conseguia e eu perguntei você e se lembra de nossa conversa no sofá, pois é tomei meu remédinho, você gostou...ela logo falou que adorou nossa transa e se poderia repetir um dia....

Foi ai que falei então: não conta para sua mãe nada o que ocorreu aqui...e ela disse me que poderíamos trocar segredos e foi me dizendo que não poderia contar que não era mais virgem a sua mãe...logo de cara topei e tivemos muitas noites juntos....

Em novos relatos conto as coisas que minha enteada sabe fazer....



Espero que tenha gostado do conto....

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos esposa fumantecomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contosCONTOS ESPOSA CORNO ANDREAchupando o vizinho conto erotico gaycontos eroticos eu e minha esposa cinepornocuzinho guloso contocasadasna zoofiiliacontos eroticos a.xasada dot trabalhocontos eróticos viúva safadaghupa ghupi porncontos eroticos amigas se mastubam juntas pela primeira vezcontos velho nojento pauzudovou gozar na frente não contosexo velho gozando dentro da menina de quise ano e gosanodentroconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogrocontos eroticos cdzinha quando era menino me vesti de menina e marquei pra dar eu queria ser meninadei o cu bem gostosoCADELINha DOS homens e dos cachorro cpntp pornocontos eroticos gay ainda menino virei putinha do velho me fazia de menininhamilitares gays pauzudos de são josé dos camposxoxota toda ardida com a madeira dentrocontos eróticos minha buceta aregacada entregou que traiPolicial famenina dando a buceta pra seu cachorro em contosContos eroticos dei a buceta para inimigonao resisti a buceta da minha maecontos gay luta livreContos eroticos fudendo gravidameu cuzinho desvirginadodando banho na sobrinha e pondo nas coxinhas dela gratismae pede pro filho ajudar escolher a lingerie incestocontos eróticos vovóconto gay fudeu e filmoumamae fudeu muito com amigo.relatos eroticossadico estrupo prima contos reaiscontos eroticos com sobrinhasfoto de xoxota de mulher pequeninihaconto muro eroticovoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos adoro ver uma travesti jemendo na miha picaempregadas provocantescontos provocantes videosmendigo gay contosmulher madrugada contos eróticosconto gay carona rebolei calcinhaconto erotico fui cagar e o cachorro me comeu nao resisti e dei pro cavalo tambem zoofiliacontos eróticos gay foi no sítio é achou uma calcinhaconto minha mulher cheia de porraconto erótico vizinha no baile funkdei pro tarado contoscontos eróticos encontrar minha antiga namorada depois de 30 anoscontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me enrabou dormindo quando eu tinha dez anosvideo de cunhadoxcunhadacontos exoticos no.cinemacontos transando com a minha cunhada fernandacontos erótico me rasgaram mo acampamento contos eróticos minha esposa e nossa filha com cu sangrandopapai enfia no meu cuzinhocontos eroticos con pau de 24 cmcontos eroticos bia fabricioxvidio ta olha tia fudenoeu adoro meu macho zoofiliaContos a amiguinha fielcomi a prima do meu pai com mais de 50 anos contos eroticos publicadosArromba essa puta soca essa rola na minha buceta me fode contoscontos er matagalcontos eroticos sonho americano 2contos eroticos, o bispo me comeu gostosocontos eroticos velho pauzudosogras e madrasta fazendo boquetes rapidosmasturbacao ajuda acabar o resecamento vaginalcontos de coroa com novinhomeu marido sempre tras tres amigos em casa conto erpticocontoseroticossandraconto de estupro de colegiaismete mais. contossequestro e muitas lambidas no grelocontos teem dei o cuconvenci minha esposa transa com nosso caoconto eróticos mendigo batendo punheta na rua da minha casapono vitgen nãoa aguentiu epediu p paramcontos etoticos meu marido faz eu dar para trasseconto erotico novinho gay calcinha dormindocontos erótico estuprada po bardidomeu marido comeu nossa filhawww contos eroticos carinha de anjodomindo sentir o dedo do meu tio na minha bucetacontos eróticos de brigascontos eróticos dois garotos em dupla com novinha contos sexo incesto amo meu filhocontos eroticos sexy romantico e gostosocontos eroticos meu marido fes churras na chacara dei para seus amigosComto erotico picanti de Padre lanbendo xanaNovinha enlouqueçeu os pedreirosconto sentei no colo do lekeloiro trepando com a favelada