Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA BRANQUINHA DE FORTALEZA

Era o mês de janeiro estava de férias e resolvi passar uma temporada em fortaleza terra do sol e do amor e do tesão, como tinham me falado.

Estava no baile do pirata que já conhecia de outras viagens e de algumas reportagens e lá que conheci a dona do meu coração.

Ela era branquinha um tesão, vestia um vestido um pouco acima do joelho bem colado ao seu corpo, o que realçava os seu seios e a sua cintura e uma bunda estonteante que me deixo louco de tesão.

Debaixo daquele vestido vermelho eu imaginava uma calcinha vermelha bem pequena enfiada naquele traseiro tentando cobrir apenas o cuzinho e a ponta do seu grelinho e a cada rodada e a cada gingado ao som de muito forrá, via o seu corpo se contorcer e meu pau endurecer babando de tesão por aquele chocolate branco.

Sou moreno muito queimado das praias do rio de janeiro, e me via e me deliciava sá de pensar em estar com aquela delicia sá para minha na minha suíte no hotel marina que fica a pouco instantes de onde nás estávamos.

Comecei a dançar forro algo que sei fazer muito bem e que adoro e fui me aproximando dela para que fosse por ela notado.

Parei de dançar com a garota que estava comigo e a chamei ela para dançar, e logo fiz ela sentir toda a dureza do meu caralho e o tesão que estava sentindo por ela.

As suas colegas não paravam de falar e de apontar para nos dois, e sendo o mais ousado possível e sem medir nenhuma consequência, beijei a sua boca e fiz ela sentir o quando o meu caralho estava duro e cheio de tesão

A meia luz no forro lotado, continuei dançando e agarrando a sua bunda espalmando toda a minha mão naquela fartura de carne, que escondia uma calcinha minúscula enfiada no rabo o que fez eu ficar mais louco.

Beijava a sua boca, descia pelo seu pescoço, mordia o seu cangote e por fim enfiava a língua louca no seu ouvido deixando ela toda arrepiada.

Fala no seu ouvido que estava olhando ela dançar sozinha desde de que cheguei no forro e não conseguia ver mais ninguém e que a queria sá para mim na suíte do hotel marina onde estava hospedado.

Ela me chamava de louco que era uma loucura e que as suas amigas ficariam preocupadas, pedi então que falasse com uma delas e que fosse nos levar no hotel para que ela ficasse mais tranquila e assim que elas perceberam que eu estava realmente hospedado lá, pude subir com a minha delicia para o meu quarto.

Já no elevador fui beijando a sua boca e depois virando ela para a parede do elevador levantei os seus cabelos e mordia as suas costas deixando a minha marca no seu cangote e no seu pescoço enquanto metia as mãos por debaixo do seu vestido e tocava na sua buceta que estava toda melecada.

Assim que sairmos do elevador fiz ela ficar de joelhos no corredor e colocando o mee caralhão de 21 cm para fora fiz ela mandar um boquete forte ali mesmo o que a deixou assustada e excitada ao mesmo tempo, abri a porta e a fiz entrar de joelhos chupando o meu pauzão sem parar, tranquei a porta peguei ela no colo e levei para a minha cama, arranquei o seu vestido e puxando a calcinha para lado soquei a língua na sua gruta rosada, e bebi todo o seu suco, e com a boca toda babada, fui procurar a sua boca fazendo ela sentir o seu gozo na minha boca a minha língua na sua e os nossos corpos um no outro, fui tirando toda a minha roupa rasguei a sua calcinha com os dentes e fui descendo pela sua boca ate chegar aos seus seios que eram tesudos branquinhos e com os bicos rosados, o que me deixou cheio de tesão.

Aquela mistura de cores era perfeita para aquela ocasião, a sua brancura tesuda no meu moreno sacana me fazia delirar, como era gostosa, que peitinhos deliciosos, chupei, lambi e mordi cada um deles, arrancando suspiros de dor e de tesão, que putinha gostosa estava nas minhas mãos.

Fui virando o meu corpo de fazendo um 69 gostoso fazendo o meu caralhão procurar mais uma vez o calor da sua boca enquanto dedilhava e lambia a sua buceta sem parar, nossa que grelo tesuda que ela tinha, a sua buceta raspadinha me deixava com mais tesão ainda e a sua boca fazia misérias no meu cacetão.

Virei o meu corpo e colocando ela de frango assado soquei fundo o pirocão tocando no seu útero, comecei a morder os seus pés e as suas pernas enquanto socava a piroca sem parar com toda fúria e tesão que estava e olhando para o seu rosto via revirar os olhinhos.

Deite na cama com a pica apontada para o teto e fiz ela sentar no meu caralho e cavalgando sem parar ela gozou me chamando de tesudo de gostoso, enquanto dava tapas no seu rosto chamando de gostosa.

Virei o seu corpo abrir com raiva e um tesão do caralho a sua bunda e enfiei a língua no seu rabo fazendo ela delirar, coloquei ela de quatro e meti a piroca no fundo da sua buceta de novo e puxando o seus cabelos longos eu chamava ela de minha égua de minha potranca gostosa, minha puta tesuda que eu adoro.

Mordi as suas costas e soquei a piroca fundo naquele buceta tesuda e tirando a pica toda melecada apontei para o seu cuzinho e fui socando a piroca centímetro por centímetro no seu rabo fazendo ela delirar e me chamar de cavalão que estava rasgando o rabo dela mais que não parasse que metesse até o talo e depois de socar até o fim tirei tudo e soquei rápido no seu rabo enquanto dedilhava o seu grelo que estava inchado de tanto tesão e avisando due iria gozar gritei forte enchendo o seu rabo de leite enquanto ela gozava pela segunda vez.

Virei o seu corpo e beijei aquele tesão de mulher que me fez ainda ficar de pau duro e pegando a sua cabeça soquei a piroca naquela boca tesuda o que fez endurecer o minha piroca de novo e em mais um 69 tesudo gozamos os dois mais uma vezes e caímos um do lado do outro e dormimos até de manha.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


chuupadapaty abriu a buceta com os dedos contosContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelContos eroticosBuceta grandetia dando contos cuwww.contos eroticos de tias soteironas com sobrinhos.comCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA EScontos eroticos traindo marido na Sala"me enraba" cornocontos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com fotocontos eróticos encoxada no ônibusContratei um travestir e ele comeu meu cuContos eroticos viagem longa incestuosacontos arrombei minha mae com mega rolaocontos-ajudei o marido a comer o cú de nossa enteada a força e amarrada de bruçoscontos eróticos comendo minha patroabeijador e pegador na buta gotosaConto sogra e nora esfregando a buceta na buceta da filhatacou a piroca na vizinhaabaxar video porno de coroas de 20 anosContos Eróticos DE Dei Para O Amigo Do Meu Filho Na Minha Casacontos eroticod minha esposa deeu para o vizinho pausudacontos de incesto comendo a irma separadaContos eroticos iniciando as meninascoontos coroa xereca piscou quando vi pica cachorroRelato picante comi minha esposa no estacionamento do shoppingamante da calcinha de presentecontos eróticos vendadatravesti jhuly hillscontos eroticos gay tio e sobrinhocontos eroricos de garotinhas estupradas por tarados safados.conto erotico minha prima dedando meu pruquito a noitecontoerotico.eu.marido e as filhas no forroContos eroticos titias caindo na rola grossa do sobrinhocontos eroticos seduzi meu cunhado e tomei sua porracontos eróticos estuprada pelo médico dupla penetraçãocomi varios cu na casa de sungcontos to gravida do meu filhoContos eróticos dei em nova iguaçucomeu cu da coroade 30anossconto erotico gay colo tiocontos calcinhacontos eroticos gay recem casadocontos eróticos de dupla penetração b*****conto de encesto meu pai ficou empotentefoda no escritório contosconto incesto troquei minha filhacontos eróticos falando de orgia em faculdade de juazeiro do Norte estrupada na marra pelo pastor contoContos encesto mae gostosa sapconto gay meu cunhado comeu meu rabo e virou meu namoradomenstruada contos eróticosComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paicontos de mae que pegou o filho de fio dental dando o cuconto erotico incesto sonifero filhaContos eroticos nerd virgemcontos/o cu da sogra era virgemchupei a pica do colega de escola eu gostei sou gaymuie pega a manguera do amigo do cornaoContos eroticos de filho encoxando a mae na cozinhaconto erotico encoxada vizinhocontos com sobrinha dormindo lingeriecasa dos contos eroticos/Três é demaisContos Eroticos Dando a Buceta Pro Meu Vizinho BrennoContos de masturbação com objetos no ginecologistacomentário de. mulher que ja deu a buceta pro entregador de bebidacontos eroticos moleque e mulhermeu padrasto fica excitado comigoenrabada pelo meu filho especialcontos erotico, quatro travesti me estruparamele era um lindo anjoTreinamento de cachorros para zoofiliacontos eróticos de n********** dando para pau gigantesmulher casada vira p*** no baile do carnaval só transa com homem do p********* e grosso para vídeosvídeo do Seu Madruga metendo a pica no c* da Dona Florindao pai do meu amigo comeu elecontos quase biMenina q ta tezao encosta no irmao ddespistadoContos eroticos novinho cu sendo rasgado pau dotadoquero ver menininho dançando com shortinho dando molerelato de gêmeos que acabou torando sua sograo garoto tava de pau duro contos eróticosConto erotico aos 60 anoa dei a buceta para o garotosentou no meu colo conto eroticocontos comi minha mae e o travestime vinguei da minha esposa e do meu inimigo contos eroticossou rabuda contos eroticoscontos eróticos minha sobrinha de babydollMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contosconto corno sondei ela tava debaixo deleContos zoofilia d mulheres q ficaram grudadas com cachorros do nó grandesafada da internet contoengravidaram minha mulher contos pornotesudas contoconto erotico casada com dupla penetraçãoVem vem safado contoa coroa bunduda negra é feriado pelo pelo banco dentro do ônibusmãe, filho, beijo na boca, excitado, biquini praia seios beijo boca camisolswww.contos de incesto me viciei em deixar meu tio chupar minha bucetinha na minha infância