Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU A MINHA NAMORADA SANDRA

Estava namorando com a sandra já fazia uns 3 meses, rolava alguns amassos mas nada mais intimo por ela sempre esta na grudada na casa da sua avá onde namorávamos e muitas das vezes a sua mãe que algumas vezes estava de visita na casa da mãe dela.

Éramos obrigados a namorar na sala com a sua avá tomando conta da gente eu estava subindo pelas parede a sandra era braquinha tinha uns seios grande apontados para o céu com os bicos rosados, umas coxas grossas e uma bunda que parecia de uma mulata o que me deixava com o pau duro de tesão.

Uma certa noite nos estávamos namorando e chovia la fora e estava passando a novela das oito, e ela estava com um vestido branco e preto e estava com a cabeça deitada no meu colo e no outro sofá a sua avá dormia enquanto eu passava a mão no seu rabo passando o dedo bem no meio do seu rego deixando ela cheia de tensão. O meu cacete duro levantava o seu rosto deixando ela curiosa em querer pegar no meu pauzão.

Cheia de medo mais com um tesão fudido fiz ela colocar para fora do meu short o meu pauzão e virando o seu rosto ela começou a chupa-lo com muito tesão e ficou impressionado pelo tamanho da minha pica e descendo a minha mão fiz ela desaparecer no meio das suas coxas e por cima da sua calcinha fiquei tocando no seu grelinho sentindo a sua buceta cabeludinha e com a ponta do seu grelo bem saliente, logo ela foi arreganhando as pernas enquanto nos escutávamos a sua avá roncar. Mandei que ela tirasse a sua calcinha e ela apavorada falava que o seu primo poderia chegar da faculdade e nos pegar e a sua avá poderia acordar, mas eu mandei que ela tirasse logo e cheia de tesão pela ordem recebida ela tirou a calcinha e para deixa-la mais tesuda lambi a calcinha molhada pelo seu gozo e depois beijei a sua boca longamente enquanto enfiava o dedo na sua buceta fazendo ela delirar.

Coloquei ela para mamar de novo e voltei a procurar o seu grelinho e com outro dedo cutuquei o seu buraquinho anal deixando ela louca, ela mandou que eu tirasse o dedo dali, e logo assim que ela acabou de falar soquei o dedo no seu rabo fazendo ela revirar os olhos enquanto apertava o seu grelo deixando ela louca. Minha garota pegou com gosto o meu caralhão e colocou todo na boca. Fiquei ali tocando uma siririca gostosa na sua buceta ate que ela gozou apertando o meu corpo e se encolhendo toda no sofá, e sem aguentar aquela cena gozei na sua boca enchendo ela de leite e sem saber se encolhia ou não ela se levantou correndo e foi para o banheiro o que fez a sua avá acordar e me ver sozinho no sofá com uma almofada sobre o colo sem desconfiar de nada.

Na noite seguinte ela já me esperava com outro vestido mais sem calcinha e sua avá estava na rua em frente a janela onde a sandra me esperava conversando e fofocando com outras fofoqueiras da rua, nos beijamos e mandei que ela voltasse para a janela e ela assim o fez ficando a minha disposição. Coloquei a minha mão por debaixo do seu vestido o comecei a tocar no seu grelo que estava durinho deixando ela louca de tesão e tentando se concentrar nas fofoqueiras que estavam conversando, enquanto ela tremia as pernas toda com o meu toque. Abri as suas pernas mais ainda o que a deixou muito preocupada sentei no chão e cai de boca na sua buceta ela quase desmaia sobre a minha boca, ela se debruçou na sacada da janela e empinou o rabo para trás e eu cai de boca naquele grelo rosadinho e com o dedão soquei dentro do rabo marronzinho dela. Ela se virava para mim e suplicava para parar pelo amor de deus porque ela não iria aguentar e todos poderiam vê-la, mas sem querer saber de nada acelerei a siririca na sua buceta e fiquei metendo e tirando o dedo no seu cuzinho e logo ela baixou a cabeça e gozou na minha boca sem parar. Ela veio e sentou no sofá ao meu lado me beijando de todas as formas e para o seu espanto eu falei que agora era a sua vez e fui para a janela já com o short arriado e mandei que ela chupasse o meu pirocão e ela me chamando de doido sentou no chão e socou o meu caralho no seu bocão me punhetando e me chupando com maestria me fazendo delirar e logo me fez encher a sua boca de leite e para o seu espanto eu fechei o seu nariz e a fiz engolir toda a minha porra. Ela me xingou de tudo que era nome e voltamos a nos beijar fazendo juras de amor eterno.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Pornodoido passistascontos eróticos virei strip-teasecontos eroticos com sogro e sogracontos erotico grande foda com a minha namoradaBuceta de daniviaContos Eróticos Nega bebada de leguincontos sexo minha.filha.minha sobrinha queriam leitetarado.tira.vigidadi.da.entidas.novinhas.come.o.cu.elas.gritacontos eroticos estuprada pelo meu cunhadocontoseroticoscomcavalocontos chupei o cu do cachorroconto meu marido insistiu no ménage e levou rola a forçacontos o cheiro da rola do papaicontos arrombado no banheiroeu e minha sobrinha no cine pirno contocontos de sexo sogroconto erótico prostitutaconto chantageei minha irma evangelicaporno com homens vestindo as calsinhas abertas em baixo de rendas brancas ese mastubado com elasConto erotico papai alopradocontos erotico fui fudida por 2 rola imensaconto erótico loira casada traindo marido com cadeirantefotos cim zoom so de cacetes duros melado de porraConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zoocontos eróticos levando na piscinacontos enrabada no chuveirominha filha camila contos eroticosvideos porno minha mulher me satisfazendo na cama presente de aniversáriocontos exitantes de aline bebada com variosconto nudismo arombado mulhercamiseta e sem calcinha contoscomo enrrabar minha sobrinha de 20 anos ela bare no meu pau mas ela é casadacontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontoseroticos me fode tiocontos zoofilia passei doce de leiteminha primeira traição na academia contos eróticosContos primeira chupadafoto de travestis arreganhadas de frenteConto minha enteada safada se insinua pra mimcontoseroticosgordinhawww zoo porno filha brecado paio subrinho do meu marido falo q queria comer uma buceta peludinhacontos eroticos tia deu pra mim e primoContos eroticos pauzudo rasgou meu cuzinhocontos eroticos sodomizadoacabei comendo minha tia contosconto eróticos podemosa tia casadauso saia pra ser encoxada no onibuspia se acha ser pausudoCont erot a galinhacontos eroticos irmazinha se oferecendoconto real meu vizinho me estuproucoroas gostosas transando com meninos contos fatos reaisdona florinda so ela dona florinda vaginamarido fas esposa virar puta e comer bota contos eroticosvoyeur de esposa conto eroticobeijo no umbigo contosContos eróticos de rabudas casadascontos eroticos de novinhos madrinhasnovinhos fodeno apremira veizcontos eróticos com mulher baixinhaContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestonovinha pauzera trepandoconto eróticos a cumhada q eu tinha raivacontos eroticos de negros em hospitaismulher faz strip antes de comecar zofiliacoitado do meu cu contoscontos erotico comeram minha bunda na festahomem gosta de perna aberta ou mais fecjadinha na hora do prazercdzinha cuzinho julinho